Notícias

Jailbreak mostrando sua vulnerabilidade: holandês invade alguns iPhones e prega peça

Uma das grandes razões da Apple ser contra o jailbreak é o argumento de que o aparelho fica desprotegido, sem nenhuma segurança. Até certo ponto isso é verdade, principalmente para quem instala um script para a comunicação via SSH, que possibilita que se acesse, via computador, os diretórios internos do aparelho.

Se aproveitando disto, um holandês resolveu pregar uma peça em vários clientes da T-Mobile, invadindo seus iPhones desprotegidos via rede sem fio. Ele trocou o fundo de tela do aparelho, com uma mensagem assustadora:

Mensagem na tela bloqueada

Felizmente ele fez apenas isso, trocou a imagem de fundo, parecendo que fosse um real aviso do iPhone. Sites como Ars Techinca (que é bem sério) pisaram na bola ao exagerar e dizer que tinha sido uma invasao de um hacker, que “sequestrou” varios aparelhos, quando na verdade não é preciso muitos conhecimentos técnicos para fazer uma coisa do tipo. Acho que a Erica Sadun concordaria comigo. 🙂

O grande problema é que a enorme maioria dos usuários que instalam o protocolo SSH (não é todo o jailbreak que possui) não altera a senha padrão do sistema, que é alpine. Isso faz com que qualquer pessoa possa se conectar como usuário root no aparelho, podendo recuperar dados, senhas e até mesmo danificar o aparelho.

Se você fez o jailbreak (pelo blackra1n, por exemplo)  e não tem a minima ideia do que seja SSH, provavelmente não o tem em seu aparelho e portanto nao precisa se preocupar. Mas se você costuma usar bastante o recurso, trate de desligar o SSH sempre que não estiver usando, ou então procure trocar a senha dele. Se você preferir, o proprio holandês ensina como fazer.

Tags
Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.