Notícias

É muita cara de pau: Zibri põe à venda seu domínio ziphone.org

O criador copiador desenvolvedor do antigo programa Ziphone, que ajudou muita gente a desbloquear seu iPhone Classic na saudosa época do firmware 1.1.4, colocou à venda seu domínio inteiro. O pior não é isso, mas sim a forma como ele escolheu para fazer isso.

O signore Zambrini resolveu fazer um sistema de leilão, onde a maior oferta leva. Justo não? Só que há um porém: para dar um lance, você precisa DOAR 50 dólares…
Isso mesmo, os lances só poderão ser feitos via os comentários da página de doação. Aqueles enviados por email serão desconsiderados. Pode uma coisa dessas?

Mas calma, que ele tem uma política de reembolso, ou você pensa que o Zibri não é confiável?
Ele deixa bem claro que, se no prazo estipulado (dia 20 de janeiro) a quantia máxima oferecida não estiver dentro do patamar que vale o seu digníssimo site, ele promete devolver todas as doações. Legal da parte dele, não?

Mas espere um pouco… E se alguém vencer o leilão, quem não ganhou vai ter seu dinheiro de volta? NÃO!!! O cara simplesmente mudou de assunto e nem tocou nessa possibilidade!

O Zibri é uma das pessoas mais controversas do mundo iPhone. Ao mesmo tempo que sua ferramenta tornou feliz muitos compradores de aparelhos bloqueados (incluindo este que vos escreve), ele também sempre foi acusado de roubar o código de desbloqueio do Dev Team e fazer dinheiro com o talento dos outros. Quando foi lançado o firmware 2.0 (no qual o Ziphone era incompatível), ele não foi capaz de criar outro método de desbloqueio, apesar de sempre publicar posts fazendo mistério, para tentar criar visitas em seu site. Em seus tempos áureos, ele chegou a ganhar US$10.000 em doações em apenas um mês.

A última vez que se ouviu falar nele foi há um mês atrás, onde ele fez um grande alarde na Forbes, dizendo que tinha descoberto uma falha de segurança no iPhone através de um arquivo de áudio. Ele até se ofereceu para trabalhar na Apple. Não levou, e ainda por cima descobriu-se que ele tinha roubado a idéia de um inglês.

Que triste fim para alguém que poderia ter feito muito pela comunidade, se não fosse tão canastrão e preocupado com o dinheiro…

Tags
Mostrar mais

Ale Salvatori

Applemaníaco desde 1995, quando precisou aprender a usar um Mac em uma semana para conseguir um emprego em uma agência de publicidade. Acha que a Apple não é mais a mesma depois da saída do Gil Amelio.