Notícias

Apple usa truque de CSS para ‘esconder’ desculpas em seu site britânico

Como você pode ver na imagem acima, a Apple finalmente acatou a decisão judicial que determinava que ela publicasse um aviso em seu site britânico avisando que a Samsung não é tão legal não infringe nenhuma patente da Maçã. O que? Não consegue ver na imagem acima? Tente então ver direto pelo site. Não conseguiu ainda? Então tente aumentar o tamanho da janela do navegador.

Nem assim conseguiu, não é? Esta é mais uma ‘malandragem’ da Apple.

Recapitulando a história: um juiz britânico primeiro determinou que “a Samsung não tem produtos tão legais quanto os da Apple e isto evidencia que não são cópias“. Por isso, obrigou a Maçã a se desculpar publicamente, publicando em seu site um aviso jurídico noticiando a decisão.

A Apple até fez, mas da forma dela: pegou as palavras do próprio juiz e publicou um texto que “pedia desculpas por ser tão legal” (leia “Decisão judicial obriga Apple a citar Samsung em seu site britânico“).

O juiz não gostou e ordenou que a Apple refizesse o aviso em sua página, de forma que só refletisse a decisão da sentença, nada mais (leia também “Justiça obriga Apple a refazer seu pedido de desculpas em site britânico“).

Ela agora cumpriu o que o juiz mandou, colocando na parte de baixo da página um curto aviso, determinado pela sentença.

Mas ela usou um truque de programação que esconde o aviso: ao abrir a página em qualquer navegador, ela se adapta ao tamanho da tela, de forma a esconder o aviso. E não importa que você altere o tamanho da janela, o layout irá se adaptar a ele. Só baixando a página de forma manual é que se consegue ver o aviso. Veja no vídeo:

No momento da publicação desta matéria, esta forma de layout adaptado só está presente no site britânico da Apple. Nenhum outro (nem o dos Estados Unidos) é assim.

A Apple não dá ponto sem nó, não é? 😉

Conteúdo original © Blog do iPhone

Tags
Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados