Notícias

[Análise] Falta de categoria JOGOS na App Store Brasil seria culpa da Apple ou do Governo?

Desde que foi lançada a loja de aplicativos App Store em nosso território, em julho de 2008, sofremos com a falta da categoria Jogos, disponível em praticamente todos os países, menos no Brasil e na Coréia do Sul.

No início todos estranharam, mas investigamos e descobrimos que o problema parecia ser burocrático: o Ministério da Justiça, através do seu Departamento de Justiça, Classificação, Títulos e Qualificação – DJCTQ, obriga a classificação oficial de todo e qualquer jogo antes dele ser disponibilizado para a venda. Isto criaria uma barreira burocrática no sistema de vendas da App Store, que é baseada na distribuição mundial de aplicativos.

Para evitar problemas, a Apple simplesmente não disponibilizou no Brasil a categoria GAMES. Mas com seu maior concorrente, o Android Market, o mesmo não acontece, pois usuários conseguem comprar livremente jogos no país. Por que esta diferença?

Desde o início de outubro, usuários brasileiros do sistema Android já podem realizar compras de aplicativos na loja virtual, coisa que antes não era possível. Agora, além de ser possível pagar em real, todos os jogos estão disponíveis normalmente no país, sem nenhuma burocracia.

A pergunta que não quer calar: será que foi a Apple que não teve boa vontade em ir atrás de uma solução burocrática ou a Google que não estaria respeitando as leis brasileiras?

Os blogueiros Carlos Schmitt e Evandro Müller, do site Girafa Verde, fizeram um vídeo demonstrativo de como é a compra brasileira de jogos. Eles ainda mostram uma funcionalidade que poderia também existir na App Store, a de pedir o dinheiro de volta caso não tenha gostado do aplicativo. Confira:

Estamos ainda investigando o porquê da diferença de atitude das duas lojas digitais: se é o desrespeito das leis de uma ou falta de vontade de outra. O Blog do iPhone está contatando algumas empresas importantes de jogos para tentar conseguir uma explicação mais precisa do que acontece. Assim que tivermos mais informações, não deixaremos de postar.

Achamos que a falta da categoria Jogos em nosso país é prejudicial tanto para usuários quanto para desenvolvedores, e por isso acreditamos que é uma batalha que vale a pena ser travada. Afinal, todos só têm a se beneficiar com isso.

Tags
Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados

  • Renato Doná

    Steve Jobs, nos brasileiros temos dinheiro e queremos gasta-lo com seus produtos.

    • falou tudo!
      come on Jobs! Let’s go!!!

      abs,

      • Gastar mais né, diga-se de passagem já gastamos uma nota preta no iPhone rsrs

  • Pedro

    Por que será que a Apple tem tanto desprezo pelo consumidor brasileiro? Tudo aqui no Brasil parece ser complicado e demorado para a Apple.

    Frustrante isso!!!

    • Glauber

      porque os consumidores mesmo eles pisando, continuam adiquirindo seus produtos, porque no dia que eles perceberem que perdem mercado, atitudes serão tomadas e tudo será melhor para nós brasileiros.

      • Rafael

        Glauber disse tudo, em outros países a decisão de compra vai alem do produto em si, mas em varias outras questões, se a empresa respeita o meio ambiente, se respeita o direito de seus consumidores etc…

        Em países onde o consumidor é mais exigente a coisa é diferente…

        Aqui temos que ser a mesma coisa, é o recado mais claro que podemos dar para qualquer empresa, todas empresas entendem a linguagem do dinheiro …

        • Victor B.

          No caso da Apple não é tão simples.
          Se pararmos de comprar acredito que sejamos abandonados de vez.
          Não somos um mercado realmente importante para eles.
          Para pressionar seria melhor que parecemos de comprar no exterior produtos da maçã, onde sertamente é adquirido a maioria dos produtos.

          • Marcelo BsB

            Noça, Cenhora!!! Mataram o português!!

            • Junior Max

              caranba!!!

            • JanjaBoy

              🙁

          • mgoes

            Não somos mesmo um mercado importante pra eles, pois o brasil é o rei da pirataria, o que nao é crackeado é burlado de alguma forma, o que adianta pra eles colocar uma loja de games, se a maioria, nao vai comprar, vao da um jeito de instalar de maneira ilisita, usando programas ilegais.
            A culpa é principalmente dos brasileiros, com certesa eles ja pesquisaram sobre a maneira dos brasileiro de conseguir as coisas faceis!

            • A saga continua!

            • cabr

              Dói viu! Dói na vista ler tantos comentários com erros de português. Antes de discutirmos sobre outros problemas burocráticos, vamos aprender a escrever. iLex, isso é propaganda negativa para o Blog.

            • Carlos Jordan

              Pelamor, que secuêmcia de frazes em portugês claro.

              Alguma coisa nós temos que fazer, enquanto consumidores. Não falo somente na questão da Apple nos tratar da forma que querem e não como nós queremos. Falo sobretudo da forma como todas as empre$as nos tratam quando nos oferecem produtos, sejam eletrodomésticos, alimentos e principalmente CARROS. Essa conversa de NÃO DEVERÍAMOS ACEITAR ISSO, já está cansada de ser lida e ouvida, é como nossa política, um nojo e uma palhaçada sem fim. Deveríamos ter alguma idéia, uma mobilização, uma criação de algum site, sei lá, alguma coisa que fizesse as empre$as nos ouvirem e PRINCIPALMENTE nos respeitar. Infelizmente penso que isso seja próximo do impossível de se conseguir. O problema não é o Brasil e sim nossa cultura que carece de informação e principalmente de princípios corretos duradouros. Mas mesmo pensando assim, estarei sempre disposto a BOICOTAR qualquer empre$a e serviço que continue nos desrespeitando. E não adianta falar que eu preciso fazer minha parte, pois aquela história do Elefante e da formiga, a babaca da história toda hoje é a FORMIGA.

            • JanjaBoy

              Será que Microsoft pensa da mesma maneira?

            • Anderson

              Podes crer, esse pessoal tem que voltar para a escola!
              Quer vergonha com CERTESA!!!!
              kkkkkkkk….

  • André

    Concordo. Acredito que a categoria Jogos na App Store é essencial!

  • Igor hara

    Acredito que umas das razoes de a Apple não vender jogos no brasil é o imposto abusivo. O que faria com que a Apple criasse uma tabela exclusiva pro Brasil. Visto que 50% de imposto se reajuste de preço tornaria inviável pra Apple vender jogos aqui.

    • Jason

      Ora, se o problema fossem os impostos, como justificar a presença da categoria no Android Market?

      Esta estória de jogar a culpa de tudo no BR nos impostos já tá ficando velha….

    • André Henrique

      O imposto brasileiro não incide sobre distribuição digital de conteúdo! Senão teriamos preços diferentes em toda a App Store.

  • Erick Mateus

    Falta a categoria Games. Estou cansado de usar conta americana.

  • Scofield

    Quero a categoria Games na App Store já!!! 😛

  • Eric

    Acho q é falta de interesse pelo consumidor brasileiro. A sony é outra q a playstationstore brasileira nem existe. O google tem um carinho especial com o Brasil. Pode ver. Inclusive pq o Boom de variaa ferramentas do Google se deram primeiramente no Brasil. Q venha a concorrencia, pois graças a isso a frescura da Apple esta caindo por terra com Emuladores e softwares de video. Será medo? Abraços

    • Rafael

      Já dizia o velho ditado quem tem c* tem medo hahahahaha

      • Eric

        Kkkk e verdade. A mais pura verdade..

  • Vinicius Almeida

    ” Eles ainda mostram uma funcionalidade que poderia também existir na App Store, a de pedir o dinheiro de volta caso não tenha gostado do aplicativo.”

    Isso é possível sim, basta clicar em Redeem na iTunes Store, preencher uma solicitação explicando o motivo de não ter gostado do app (em inglês). Um funcionário da Apple entrará em contato com vc por e-mail (super solícito aliás) confirmando o pedido.

    Não é um procedimento tão simples, mas funciona, eu comprei o LogMeIn e não gostei e eles creditam o valor no cartão de crédito.

  • Rafael Nering

    Se por acaso a Apple liberar a AppStore Brasileira todos os aplicativos estaram disponiveis na loja?

    • Cleberson

      AppStore BR já existe, o que não tem lá são jogos.

  • Rodrigo (@bodas)

    Simplesmente absurdo isso!

  • Ivan Rei

    A parte de pedir o dinheiro de volta até funciona no App Store se você reclamar. Eu comprei o WMV Player que não funcionava de jeito nenhum. Entrei no iTunes, no Histórico de compras e lá têm um link ‘Report a Problem’ ao lado do App (Tb podem entrar via o email da App Store da compra).

    Enviei uma mensagem falando que não sabia como a Apple tinha aprovado uma aplicação assim e que devia de ser removido do App Store e que os clientes deviam ter o dinheiro devolvido. No dia seguinte menos de 24 horas, me mandaram um email da App Store pedindo para tentar contatar o autor para tentar resolver o problema, mas mesmo assim pediram desculpas e que já tinham feito o estorno de $1,99 e que devia demorar uns 5 dias para aparecer na conta do Cartão. O estorno foi feito ontem junto com o estorno do IOF. Então em menos de três dias resolveram o meu problema.

  • Será que abaixo assinado não funciona não??

  • Lucas Moreira

    Não trocaria minha conta americana mais. Não com o dinheiro que já gastei com ela. Ao menos se pudesse transferir as compras.

    • Jéferson

      Mas você pode simplesmente alterar a sua conta e trocar o país dela. Não é?

  • Vinícius

    como foi dito a cima a PSN não existe em nosso pais e mesmo assim ainda vedem o PSP go q sem desbloqueio vira um caro peso de papel.

    o Steam é outro exemplo que conseguimos comprar jogos em dolar sem o menor problema, eles qrm mais é vender… embora eles tem o anteparo judicial de que boa parte dos jogos vendidos por eles são vendidos “oficialmente” por algumas lojas aq e recebem esta indicação de idade pelo governo.

    alguem ai se lembra o motivo q foi criada esta burocracia sobre os jogos? talvez o nome de um jogo faça vocês a lembrar: “carmagedom”

  • Alex iPilot

    A loja de jogos do Android corrobora meu ponto de vista desde o início: é má vontade da Apple, somada a certa dose de prepotência do “dono” do Pomar…

    Eu repito, atirem as maçãs que quiserem: os produtos da Apple são MUITO bons mas a empresa é “pequenininha”! Aliás, cá entre nós, os produtos historicamente são bons mas bem que o iPhone 4 dá uma manchete de problema atrás da outra…

    Sou novo no Pomar, mas tenho a nítida impressão de que já foi MUITO melhor o controle de qualidade do produto, desde o projeto (e até o cuidado com o protótipo) até a distribuição (desabastecimento), o pós-venda (cadê os bumpers para o Brasil?) e a assistência técnica (onde, como, quanto, quem?).

    “Recall” parece termo inexistente no Pomar… O respeito pelo consumidor passa por aí…

    • André Henrique

      Concordo com o q vc disse, to notando uma leve quedinha de qualidade, por exemplo o iPod Touch da 1 geração, q eu tive, tinha um acabamento beeeemmmm mais caprichado do que esses iPod Touch de 3 e 4 geração, começando pela caixa.

  • Jean

    Isso aí, ILex,
    Vamos à batalha! Usuários unidos jamais serão vencidos!!! Precisamos lembrar ao tio Jobs que ele vive do lucro de sua empresa. Assim, acredito que essa barreira burocrática é um problema ínfimo em relação ao volume de jogos que serão vendidos.

  • Leandro

    No meu modo de ver as coisas, não seremos nós que mudaremos as regras do mercado brasileiro. O mercado brasileiro é caro demais e, para complicar mais ainda, a população tem baixo poder de compra. E a Apple sabe disso! Querendo ou não, somos privilegiados por termos acesso a um iPhone, artigo de luxo. Então, não adianta ficarmos chorando no muro das lamentações e acharmos que os consumidores brasileiros vão pressionar a Apple para praticar aqui no Brasil as mesmas políticas comerciais que tem em outros países de 1º mundo. Exemplo disso foi a tentativa de pressionar a Apple para fornecer gratuitamente aos brasileiros o bumper do iPhone, como fez com vários outros países. Eu participei, para dar força a todos nós brasileiros em busca de respeito como consumidores e cidadãos no mundo. E depois de tudo, qual foi o resultado? Não deu em nada! Qual foi o papel da Vivo, Claro, Tim e Oi nessa briga? Nenhum! Tenho certeza que se tivessem entrado nessa questão, poderíamos ter tido algum retorno positivo da Apple. Esse problema de descaso com o mercado brasileiro vai muito além da nossa vontade de resolver os problemas… o governo brasileiro tem que primeiro torná-lo atrativo tanto para nós como para o resto do mundo. Entretanto, tenho dúvidas se isso um dia será resolvido. Enfim… diante disso tudo, pelo menos em relação ao iPhone, minha frase é: “Viva o Jailbreak!”.

    Grande abraço!

    • brsouza1

      Viva!

  • Lucas Rodrigues

    Não tem nada a ver com o assunto mas para mim, imposto alto é obra do capeta.

  • mauso cuestas

    Nem um nem outro. O motivo foi falta de tempo mesmo: o pessoal da Apple e do DJCTQ tá tudo ocupado jogando Angry Birds.
    😛

  • John

    kkkkkkkk fala seriu, se nao gostar do jogo pedir o dinheiro de volta…dai ficaria facil assim, jogariamos o jogo, e depois que nao quisessemos mais pediriamos o dimdim devolta…a apple nao é boba!!!

    • Cleberson

      Lógico que você tem um período máximo para pedir ressarcimento né.

      Acho que são 48 horas.

      Após isso, só se você der um BOM motivo mesmo. Se você disser “enjoei do jogo” eles vão responder “problema é seu”.

    • Cleberson

      A Apple não liga pro Brasil simplesmente porque a “Apple Brasil” não é uma FILIAL da Apple Incorporated, é uma REVENDA.

      Igual algumas lojas de operadoras, que não são lojas oficiais, apenas empresas com logotipos.

      (se não me engano, é isso aí)

      • Cleberson

        Eita, não era pra esse comentário ser na resposta, mas tudo bem…

  • Nathan Cordeiro

    Parabéns pela matéria, realmente muito boa :D. É triste mesmo não ter jogos na App Store Brasileira, tenho três contas; uma americana que tenho a quase dois anos e foi só para Apps free, uma brasileira, que fiz no meio desse ano para apps pagos não sendo jogos óbvio. Eu apenas não fiz a argentina ao invés da brasileira, por medo, de cancelarem minha conta por usar um cartão brasileiro internacional como ocorre com alguns usuários, mas não aguentei com todas as opções de games na App Store e há alguns meses fiz uma conta argentina, espero que não cancelem-na.

  • Eric

    O comentario mais coerente q ja li até hj foi do Alex iPilot. Realmente, o controle de qualidade da apple caiu muito. Eu tenho um iPhone 3gs nota 10 pra ele. Não da nenhum defeito. Agora, meu pai trouxe um iPhone 4 dos EUA da AT&T e como veio com o iOS 4.1, ta travadão aqui to me divertindo com ele.
    E vou te falar. É esquentadinho o iPhone4. Segunda coisa, pontinho preto do lado direito da tela(alguns pixelzinhos apagados.) bem pequeno mas tem (se quiser mando fotos). Alguém mais teve esse problema? Bom, outro detalhe. Tudo oque e lançamento é bugado. Não tem jeito, desde carros até iPhone. Mas confesso, a tela do iPhone4 é bem loca. Porém esse pontinho me deixou [email protected]&$ da vida.
    Ta na hora da Apple voltar a ter a qualidade q tinha e parar de blablabla.

  • #IWantMyGames

  • Eu acredito que o unico motivo é que o Google tem filial no Brasil, portanto, qualquer problema com os jogos, eles responderiam processo.

    Agora, seria trabalhoso para o Brasil processar a Apple la nos EUA. Trabalhoso e custoso. Então é mais fácil cortar isso proibindo do que simplesmente liberar.

    Afinal, sabemos como as coisas são relacionadas com fraudes. Imagine se brasileiros começassem a ter problemas na compra de aplicativos, roubo de dados de cartoes, jogos indevidos para menores de X anos. Como Brasileiro ia ter condicoes de ir atrás?
    Agora, com a empresa no Brasil, bastaria o brasileiro ir no Pequenas Causas por exemplo.

  • Daniel Lima

    O Android Market está de parabéns!

    Com o reembolso se elimina a necessidade de se criar aplicativos lite ou trial, forma que o próprio Steve Jobs disse que não permitiria.

    Facilitanto para o desenvolverdor e, principalmente, incentivando a melhora de qualidade dos aplicativos pagos.

    Eu mesmo já comprei aplicativos pagos ruins. Existem apps que servem só para tapear as pessoas e, geralmente, os primeiros consumidores são as principais vítimas, pois não existem comentários a respeito do programa. No final quem fica chupando o dedo é o consumidor.

    A Apple precisa rever os seus conceitos a respeito da App Store. Não aditanta nada ter um milhão de aplicativos baratos, mas ao mesmo tempo ruins. Afinal, quantidade não é sinônimo de qualidade.

  • marcos jp

    Concordo com a maioria aqui quando diz que colocar a culpa nos impostos e burocracia ja é uma desculpa velha ,acho que a falta da games na apps store Brasileira esta muito mais por falta de vontade do que outra coisa . Se nao fosse assim nao teriamos grandes companhias que veem o Breasil com olhos de um consumidos futuro ou seja que la na freante pode hle render bons lucros. Mas nao a apple simplismente nao o faz acho que por pura falta de vontade em nao ter problemas ou nao querer entrar numa briga por que acham que o mercado brasileiro pequeno .

  • Que tal uma campanha – Games na App Store Brasileira – Já é um começo

  • Perilesjr

    A desculpa esfarrapada dos impostos ja nao cola mais. Todas as empresas nacionais ou estrangeiras estao conseguindo sobreviver ao caminhao de impostos q incidem em seus produtos e servicos,acredito q pelo real aumento do poder aquisitivo da populacao brasileira.Mas parece q algumas empresas estrangeiras ainda nao confiam no mercado daqui…acredito q esta seja o motivo da ma vontade em encarar tanta burocracia para expor seus produtos…

  • Juliano

    Recomendo um abaixo assinado nos moldes do “I want my bumper”

  • Allan

    Ótima matéria! Aos poucos o iOS vai perdendo espaço para o Android… Esse iPhone 4 foi o pior produto que a Apple lançou nos últimos tempos… Desde de seu lançamento até a falta do abastecimento do produto. É problema na antena, tela amarelada, adiamento do iPhone branco, falha no sensor de proximidade, traseira do aparelho rachando, borda de aço descascando, Brasil sem bumpers e até os bumpers descancando a borda dos aparelhos, isso sem contar a ganbiarra que os brasileiros tem de fazer pra conseguir seu bumper e pra comprar os bons jogos da App Store. Na boa, o iPhone 3GS será meu último iPhone, o iPhone 4 eu não quero nem de graça… Aliás, aproveitando a onda Android, vou acabar adquirindo o Samsung Galaxy S com Android OS 2.1, TV Digital, Vídeo-Chamada, Hotspot Wi-Fi, 5mpx, Youtube HD e tela de 4′ feita em Super AMOLED… #AppleFail

    • mckoe

      Olha, o meu não te dou de graça não, duvido q alguém dê… hehehe

      O sinal da antena cai sim, muito. Wi-fi hotspot seria show. No resto, perfeito.

    • brsouza1

      Sayonara bye bye…
      o/

    • PauloAndre

      Vendi o meu Iphone 3g e comprei um HTC Desire. Nao me arrependi. Mas confesso que to sentindo falta do iOS … TO afinzaço dum ipod touch 4 ou dum Ipad.

      • Guilherme

        eu acho interessante q de app store para app store os precos variam, alem de alguns terem jogos q outras nao tem. Exemplo disso? Dance Dance Revolution da Konami q eh free ou GTA Chinatown wars, q tive q comprar via rendeem de gift card da store us ate mesmo um otimo concorrente de guitar hero (q eu considero ateh melhor q eh o Six String da Universal Music)… e variacao de precos… um exemplo era Rally Master Pro da fishlabs q era (nao sei se ainda eh) + barato na store tupiniquim q na gringa e NFL Madden 2011 q custa 1,99 na store argentina mas custa 7,99 na US, claro q tem a questao cultural e talz.. mas ainda assim eh intrigante

    • André Henrique

      Hahaha mais um pra lista ai!!! To meio que decepcionado com a Apple, tenho meu iPhone 3GS aqui, e confesso que estou feliz com ele, satisfeito, mas diante de tudo q anda acontecendo com o iPhone 4, principalmente baixo estoque (“mundial”, diga-se de passagem, não é só no Brasil), eu ando meio desacreditado, primeiro que ja me convenci q deixarei o iPhone 4 pra lá, não quero mais….
      E agora com esse negócio de jogos na App Store, eu pensei que no Android market não ia ter jogos tb, mas agora que ele foi lançado Brasil e que TEM jogos, eu considero um mega PONTO para o Android, e fora que os emuladores do Android Market são liberado, não é preciso recorrer a técnica do “jailbreak” nele.
      Sei não, mas o Samsung Galaxy S, fica aparecendo de vez enquando na minha mente durante o dia 🙂

      • Rodolfo Piva

        Não precisei nem escrever André, vc falou exatamente o que eu estava pensando, tanto com relação ao iPhone 4, quanto a App Store. ;-P

  • Henrique

    OFF TOPIC…

    Comprei meu iPod Touch!
    heeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee

  • Marlon

    A real é que Apple lava as mãos quando se fala em Brasil. Além do mais, a Maçã não é tão perfeita como se pensa cá entre nós brasileiros. Já presenciei casos absurdos la nos EUA, como não querer devolver dinheiro de uma conta do iTunes roubada, imagina se isso acontece aqui então… Por isso não me estresso.

  • Italo

    Desde que comprei meu iPhone 4, esqueci completamente do meu bom e “velho” 3GS. Eu não compraria ou deixaria de comprar um produto, ainda mais da Apple sem antes prova-lo pra depois falar com a própria experiência se é fail ou não. Até pq boa parte das pessoas que tiveram contato com o meu aparelho decidiram comprar tb. Agora como eu tenho um, como vários outros amigos do blog, acho que posso falar com conhecimento de causa: o iPhone 4 não é um fail como dizem por aí, pelo menos pra mim. Repito: acho que é injusto falar se algo que não conhecemos pessoalmente é fail ou não, pq até hoje a minha tela não ficou amarelada e não perdi ligações.

    • Alex iPilot

      Entendo seu ponto de vista mas penso diferente. Penso que não é necessário “conhecer pessoalmente” para se comparar especificações técnicas, por exemplo. O que pode acontecer com o contato físico com o produto é o “despertar da paixão”, motivado pelo simbolismo e pela beleza, coisas que estão fortemente presentes nos produtos da Apple.

      Eu mesmo escrevia aqui, no lançamento do iPad, quando criticava suas especificaçoes técnicas, que apesar de todas as (fortes) críticas eu não gostaria de colocar as mãos em um iPodão porque certamente não resistiria ao encantamento emanado dele… E não resisiti. Minhas críticas continuam válidas, o iPad não mudou, o que fiz foi buscar meios de contornar o que eu considerava deficiências.

      Abusando dos jargões, “neste mundo globalizado em que a informação circula rapidamente”, temos a oportunidade de conhecer a fundo e julgar um produto MUITO antes de sequer chegarmos perto dele, mas é preciso o cuidado de qualificar as fontes de informações, tem MUITO lixo por aí…

      Eu acho o iPhone 4 tão FEIO quanto eu… Não compro. 😉

      • Filipe

        O iPhone 4 foi o melhor iPhone já lançado. Foi a primeira vez que ele não ficou abaixo da concorrência em matéria de processador, memória RAM, qualidade da câmera e, principalmente, resolução e qualidade da tela, sem falar que a falta de multitasking era algo que já bastava para que eu não quisesse um iphone antes.
        Fiz o caminho inverso ao de algumas pessoas aqui. Apesar de usuário de Mac, o iPhone nunca tinha despertado o meu interesse, até o 4. Dei o meu Google Nexus One pro meu irmão e comprei um iphone 4 pra mim e posso dizer que o iOS ainda está muito a frente do Android, principalmente em matéria de velocidade e estabilidade do sistema. Nunca tive problema com recepção da antena do iphone, nem sensor de proximidade ou com tela amarelada, .
        Nunca me preocupei com esses supostos problemas do iPhone porque o Nexus One também sofreu uma enxurrada de críticas depois do lançamento e eu também nunca tive nenhum dos problemas que algumas pessoas relatavam. Com toda a repercussão que o lançamento de um novo iphone gera é normal que as pessoas procurem qualquer defeito no aparelho e os maximizem ou mesmo que tratem de problemas que afetam algumas unidades como problemas generalizados.
        Aos que acham que a ligação vai cair ao segurar o iPhone 4 com a mão esquerda, os leitores do blog que já tem o aparelho podem confirmar que isso não vai acontecer.

  • Beto Ferris

    Esta história (polêmica) só esta começado!!!… certeza de vários milhares de publicação a respeito… só assim mesmo pro Brasil abrir o olho com a burocracia da época da ditadura que temos e os americanos deixar de achar que aqui só tem Pelé, bunda, futebol, café e banana.

  • igor

    jobs devia darmais atençao aos brasileiros , somos mais de 190 milhoes , isso daria muita grana pra ele
    ele devia contruir uma fabrica aqui!!
    temos que encher o saco dele pra isso!!!
    brasileiro tambem e gente!

  • Marcio Rodrigues

    Quem vende não precisa se importar tanto com impostos, pois quem paga o imposto é o consumidor final.
    Vejo que a grande maioria dos empresários brasileiros querem justificar a sonegação fiscal alegando que pagam muito imposto para o governo. Na verdade quem paga o imposto é o consumidor, o empresário (que sonega) apenas rouba a parte que deveria ser utilizada pelo governo para realizar bem feitorias para a população.
    O brasileiro deveria aprender a exigir cupom ou nota fiscal de tudo que compra, pois assim asseguraríamos que o imposto estaria sendo repassado (tem alguns esquemas nesse meio mais isso não vem ao caso).
    Enfim, não acredito que a Apple esteja com um pensamento tão minúsculo e mesquinho pensando só em burocracia e impostos. Deve haver outras questões a serem estudas para liberar os jogos sem correr o risco de responder processo ou tomar uma multa milionária.
    Ano que vem espero estar livre do iOS, vou mudar para Windows Phone 7 ou Android, fico com o iPhone só se ele rodar um dos dois SO.

  • Luiz Felipe

    Coloca tudo classificado pra maior de 18 e acabou o problema

  • doctor

    Depois reclamam do Jailbreak…..

  • Eric

    Eu testei to com ele aqui do meu lado. Tem pixel morto, o sinal não testei pq esta bloqueado. Só o pixel morto ja me desanimou, e procurei no google hj achei um monte de gente reclamando nos EUA. Então, eu testei, inclusive estw aqui do meu lado. A maior diferença dele pro meu 3gs é a tela q eh linda mesmo com pixel morto. Ainda lembro quando o Gizmodo pego aquele q era prototipo todo mundo meteu o pau. Falando q era feio pa caramba por isso q era fake. Ai o Steve Jobs mostro. Nossa. Fico lindo. Q design. Rsrsrs. So to com um aqui pq meu pai compro. Kkkkkkkk e é dele.

  • Eric

    A proposito. E quando sai o desbloqueio pro baseband novo hein? Alguma previsão?

  • Rafael Oliveira

    Essa história de classificação é bobagem. As operadoras todas revendem os jogos para outros sistemas (principalmente Java) sem problemas. Meu Blackbos*a tem jogos da EA, Gameloft, GLU, todos comprados na Claro. Já o meu iPhone tem jogos comprados na AppStore US, UK, FR, AR, só não tem BR.

  • Rodrigo guimaraes

    Cimos deveria se culpa mais o corretor ortográfico me quebro …. Kkkk

  • João Paulo

    Simples, pratico e rápido. A Apple não tem loja física no Brasil, só representantes. No dia que a Apple tiver uma loja física os problemas com garantia e afins irão acabar. No caso da seção games é só questão de lógica, a AppStore brasileira é como um grande reciclador. Se você analisar bem, existe muitos aplicativos existente em todas as AppStore do mundo que não existe na brasileira. É com total certeza que afirmo, o fato da AppStore brasileira vender em dollar é uma estratégia muito bem organizada, porque é obvio que do jeito que o Brasil é, iam colocar impostos em todos. Então no dia que o País reduzir essas taxas de impostos para uma taxa fixa, nós nunca vamos ter nada de bom aqui das grandes empresas. 1 trilhão de reais só em impostos esse ano e ainda dizem que falta dinheiro. Se vocês querem tanto os produtos bons, comecem a escolher melhor os seus representantes porque são eles que podem fazer algo por nós. Até lá, se contentem com produtos caros, e uma “filial” da Apple no Brasil. Porque a Apple nunca vai por uma loja num país assim, se o governo der isenção fiscal de alguns impostos. Garanto a vocês, a Apple vai investir ao máximo aqui. Mas enquanto isso… Fica a vontade.

    • Alex iPilot

      Isenção de impostos… Zona Franca de Manaus, desde mil novecentos e guaraná de rolha, hehehe… Deve ser por isso que as gigantes dos eletrônicos estão lá…

      Ahhhh… Mas a Apple quer isenção em plena Avenida Paulista, claro, hehehe…

    • Carlos Jordan

      Mas você não acha que estamos sem opção de escolha pra representantes? Entre Dilma e Serra eu prefiro meu cachorro, que me representa melhor em qualquer lugar e me proteje de muita coisa.
      Sério, a melhor forma de mostrar que somos cidadãos e exigimos respeito é não escolher ninguém desses que sempre aparecem de roupagem nova. O dia que perceberem que numa eleição o número de votos nulos, brancos e justificados ultrapassaram os votos válidos, aí sim esse nosso país estará caminhando para uma mudança de posição interna.

      • Alex iPilot

        Eu não chego a dizer que estamos sem opção, eu tenho a minha, ela não é fácil, mas ela é a minha opção… Mas é fato incontestável que poderia haver opções MUITO MELHORES dos dois lados da situação…

        Não acredito que alguma coisa mudaria para melhor com votos nulos e abstenções. Aquela estória de invalidar a eleição e fazer novo pleito é “lenda urbana”, não existe. Ganha quem tiver a maioria simples dos votos válidos. Uma eleição com poucos votos válidos é o sonho de todo político desonesto, pois ficaria muito mais barata a campanha. Quanto menor a boiada mais fácil…

        “Mudança interna” sem revolução armada e violência não acontece, não sai do papel e das palavras… Dito por um sabido desses aí…

  • Anderson

    Acho uma sacanagem isto de a AppStore BR não possuir a categoria Games, ja que de acordo com alguns que postaram antes de mim, a classificação etária nao impede de conseguir seus joguinhos Java nos portais das Operadoras de telefonia movel. É uma pena, tenho uma conta US que uso para adquirir alguns apps , e um BR para nao falar que não dou valor aos produtos nacionais, mas sinceramente, nesta questao de jogo, não tenho muito o que discutir, poderia reclamar caso não tivessem inventado o JailBreak, já que ele existe, jogo é oq não falta no meu, azar da Apple, que não sabe oq esta perdendo, ja que apesar das ALTAS TAXAS, INUMEROS IMPOSTOS E PIRATARIA COMENDO SOLTO, o setor de games esta em franca ascensao no pais, e estamos vendo surgir mais e mais consumidores dispostos a pagar por um software original(games,aplicativos,etc) ou por algum item premium em jogos online, não vou negar que tenho uma renca de coisa pirateada no meu pc, meu iphone, minha tv a cabo ^^, mas tem coisas que o pirata não oferece suporte(muito investidor não pensa, ou ñ quer pensar nisto), um exemplo seria os ultimos jogos para PC afiliados a Windows Games Live, o jogo pode ser bom, mas será melhor se for usado durante a experiencia online, e isso, só o original pode lhe oferecer. Da msm forma que eu mudei, pq percebi uma vantagem comprando algo oficial, muitos outros tb mudaram, e isso esta refletindo no preço ao consumidor final….Nao é a toa que depois de + de 15 anos desde seu primeiro console, a Sony decidiu trazer ao Brasil o PS3 (Sim, bem mais caro que o la de baixo, sem loja na PSN e q necessita de uma internet boazinha, para ter acesso ao servidor principal de jogos q eh US e poder jogar decentemente, mas ainda sim, é um avanço) e aos poucos seus preços começam a ser tornar não mais baratos pq ai ja é demais, mas pelo menos, mais atraente e viavel.
    De qualquer forma, tenho ainda meu Iphone 3G, bakna, me serve que é uma blza, e comprei estes dias meu SE Xperia x10 com Android 1.6, to gostando do que estou vendo, principalmente pelo fato de poder comprar praticamente tudo, inclusive jogos pelo Android Market e por ter suporte a Flash. Vamos ver aonde isto vai me levar, ainda nao aposento a maçazinha, mas ja nao posso dizer que pretendo continuar com iOS para sempre … xD

    Tio Jobs não liga pro brasil, é uma pena. o.O

  • Overlord

    Ótima matéria, iLex.

    Aliás, uma funcionalidade que ficaria show na App Store é a possilibidade de concretizar a compra e fazer o download depois… como acontece no STEAM, por exemplo.
    Eu compro um jogo, pago e posso baixá-lo quando bem quiser.

    Já na App Store, tem o porém: o download é sempre imediato à compra.
    É chato ter que achar uma rede Wi Fi para baixar aplicativos grandes da App Store e aí sim, a compra ser fechada.

    Pior ainda quando aquele joguinho ou aplicativo legal está “DI GRÁTIS” e perdemos a oportunidade de baixá-lo por não haver nenhum ponto Wi Fi por perto… e nem adianta ter 3G ilimitado. 🙁

    • Fabiano Cruz

      Quando eu quero comprar/baixar algo na App Store e não tenho wi-fi disponível, eu compro e dou um “tap” no ícone, quando iniciar o download. Isso fará com que o download entre em pausa.
      Depois, a qualquer momento, quando você quiser continuar, dê outro “tap”.
      E outra, caso algo dê errado, basta você tentar baixar o app novamente. A App Store reconhecerá que você já comprou ou tentou baixar o aplicativo. Caso tenha comprado, não será cobrado novamente.

      Inclusive, não sei se já existe esta dica em algum lugar por aqui, mas caso não exista, o iLex poderia incluí-la no “você sabia?” 🙂

      Aproveitando, acho “uma p. falta de sacanagem” (hahaha) não ter jogos na App Store brasileira. Sempre que quero comprar jogos preciso usar minha conta argentina… 🙁

      Abraço.

      • Overlord

        Mas isto funciona quando o aplicativo é maior que 20 Mb?

        Porque, que eu lembre, a App Store checa se tu estás por 3G e dá o aviso “Este aplicativo é maior que 20 Mb blá blá conecte-se ao iTunes ou uma rede Wifi…”

    • Dailton

      Por isso sou a favor do jailbreak!!

      Para poder usar o MyWi e o My3G!!

      Usar o FaceTime através da rede 3G e realizar compras acima de 20MB sem ter WiFi é bom demais!!

      Abraço

    • Dailton

      Ahhh…

      Fora os jogos multiplayers que necessitam de WiFi para jogar!!

      Jogar através da rede 3G é show d+!!

      Modern Combat 2 então… nuuhhh… baum d+!!

  • Sergio Benoni Sandri Junior

    Equipe Blog do Iphone.
    Tenho uma conta na App Store americana e já criei várias outras, para amigos e familiares.
    Recentemente,mais precisamente na segunda feira dia 25/10/2010,tentei por inumeras vezes sem sucesso criar uma nova conta para um amigo.
    Tendo como resposta negativa a opçāo de cartāo (none) ou seja para usar os guifft card.
    Tentei também sem sucesso uma conta na Argentina,sendo negada a opção de cartão (none).
    Talvez um problema na app store no dia pois não tentei novamente em outra ocasião ou erro meu no processo.
    Talvez o blog mereça uma atualização,pois segui o tutorial do Blog do Iphone.
    Sem mais para o momento.
    Sergio Benoni Sandri Junior

  • Dailton

    GAMES na app store brasileira seria fantástico!!

    Mas já perceberam que a app store americana sempre tem os menores preços?

    Eu já tive conta argentina e várias vezes encontrei jogos mais caros que na americana!!

    Parece que na loja americana sempre tem promoções… 🙂

    Será se a categoria GAMES na loja brasileira sofreria desse mesmo mal?

    Enquanto isso não acontece, vou usando a conta americana com cartão de crédito BRASILEIRO!!

    Abraços

    • O preço é o mesmo em todo o mundo, só muda a divisa.

      • Dailton

        Estranho, pois em várias vezes já encontrei jogos na loja americana por 0,99 dólares e na loja argentina tava 2,99…

        • Gerson

          e você sabe quanto custa um peso em dólar
          1 Dólar vale quase 4 pesos rapaz…

  • Sergio Benoni Sandri Junior

    Desconsiderem o meu post .

    Conta criada na app store americana com sucesso.

    O problema aparentemente era lá mesmo.

    Obrigado a todos .

    Abs.

  • Já pararam para pensar que existe uma migração grande dos brasileiros para a app store americana? Justamente por faltar “Jogos” na brasileira? Existe um interesse em recolher os impostos nos EUA. Claro.

    • Rodrigo

      Mas quem sabe, faz o cadastro em estado que não cobre imposto sobre esses softwares/games! Se não me engano são 4 estados apenas!

  • Marcos

    Dia 10 de Novembro estréia a Xbox Live brasileira. Vamos ver se a MS tem o mesmo problema que a Apple ou se vamos ver todos os jogos disponíveis normalmente para venda.

  • Felipe B.

    Na minha opinião é a Apple quem tem medo de correr atrás! E claro, está perdendo muito com isso, apesar do Brasil ter os maiores impostos do mundo, e mesmo assim os brasileiros estão entre os que mais gastam com produtos eletrônicos, tecnologia e informática no mundo, e disso o mundo inteiro ja sabe.
    Só digo que quem sai perdendo com isso é apenas a Apple.

  • Tiago

    Sem sentido algum, afinal muitos jogos estão disponibilizados na App Store brasileira, através da categoria “Entretenimento”.

    Hipocrisia.

  • Rodrigo

    Ainda não dá pra afirmar se é descaso da Apple ou infração da legislação brasileira por parte do Google, mas que o costumeiro descaso da Apple pelo mercado brasileiro é revoltante é!

    Eu comprei à dois meses um iphone 3gs! Um colega comprou um galaxy s com android. Para o meu perfil, o aparelho dele com o android me atenderia numa boa! Alem disso, tive que pagar por alguns softwares e games no iPhone, ele baixou de graça na Android Market! Estou falando do mesmo aplicativo/game, exemplo: Angry Birds!

    Ou seja, até a politica de negocios entre desenvolvedores e a Android Market é mais benefica ao usuario daquele sistema. Não estou comparando quantidade de apps disponiveis, mas a forma de negociação entre as partes.

    Fico tentado a comprar um aparelho com android só por conta disso! Mas por enquanto estou mais que satisfeito com meu iPhone! Vamos ver até onde minha felicidade com esse modelo de relacionamento com o cliente vai!

  • Fernando

    Há um tempo atrás eu mandei um e-mail pro site do Min. de Justiça, questionando essa demora na liberação da categoria de jogos na App Store brasileira.

    Alguns meses depois finalmente recebi uma resposta. Eles basicamente indicavam que a demora era “culpa” da Apple.

    Resolvi mandar um e-mail pra Apple (pelo feedback do iTunes… foi o único lugar que achei).

    Espero que eles me respondam.

  • Érico

    se tudo pode acontecer, e levando-se em conta o péssimo currículo da apple com os brasileiros, então a loja de games da concorrência é, possivelmente, legal.

  • LordIGR

    desencana… vai ser a mesma coisa dos bumpers nao vai dar em nada…

    eu fiz a minha conta na App store da argentina com meu cartao daki do brasil e funciona perfeitamente para todos os jogos. da na mesma…

  • Erich

    Pessoal,

    Sou só eu que tenho acesso à jogos na AppStore brasileira.

    Pra mim aparece uma categoria Entertainment onde tem um monte de jogos para comprar.
    Tá certo que não tem uma categoria Games. Mas tem muitos na Entertainment.
    Alguém sabe explicar isso?
    O pessoal que publicou jogos na categoria Entertainment está “burlando” a lei brasileira?

  • Everton

    Creio que seja importante mantermos a nossa própria classificação indicativa para filmes, jogos, etc. Se este tipo de lei foi criada foi com o intuito de proteger crianças e adolescentes brasileiros. Com este tipo de lei estamos nos avançando mais de um país de primeiro mundo com critérios próprios de classificação baseados na nossa cultura, educação e nas nossas próprias crenças.

    Tosco seria simplesmente abrir as pernas pro mercado norte americano e dizer, queremos seus produtos, a qq preço de qq forma, mesmo que para isso tenhamos que passar por cima das nossas próprias leis e convicções. é o retorno a época de colônia.