Notícias

Desenvolvedor pisa na bola e emulador do C64 é retirado da App Store

Fim do emulador C64 na App Store

Quem comprou, comprou. Quem não comprou, não compra mais.
A Apple as vezes reprova aplicativos por razões aparentemente absurdas, mas quando é o desenvolvedor que desrespeita propositalmente as regras impostas por ela, aí não há nada a dizer.

O aplicativo C64, festejado como o primeiro emulador a conseguir entrar na App Store (tecnicamente o jogo Sonic também roda sob um emulador, mas ele não é apresentado como tal), acaba de ser expulso da loja virtual por incluir um Easter Egg (função escondida no sistema) que habilitava, de forma muito fácil, o insterpretador BASIC no programa. Isso caracteriza uma clara violação aos termos de licença do SDK (kit de desenvolvimento oficial), que proíbe emuladores que permitam rodar código arbitrário no iPhone OS.

O BASIC vinha declaradamente desativado no aplicativo, mas para ativá-lo bastava configurar nas preferências a função “Always show full keyboard” (mostrar sempre o teclado inteiro), começar um jogo, selecionar a aba EXTRA e clicar no botão RESET. A partir daí você tinha acesso ao interpretador completo do BASIC, podendo escrever você mesmo seus códigos. Nada de hacking, nada de jailbreak; tudo isso era disponível no aplicativo oficial.

Interpretados BASIC no C64

Claro que a Apple não gosta muito que tirem ela para boba, e hoje mesmo o aplicativo foi retirado da loja virtual, sem nenhuma previsão para voltar.

Manomio, o desenvolvedor do aplicativo, declarou:

Nós concordamos com a Apple em remover o BASIC do aplicativo, mas acreditávamos que seria possível convencê-la mais tarde a mudar de idéia. Por isso, incluímos a função no emulador para ser ativada remotamente mais tarde, assim que tivéssemos a aprovação da Apple.

A Apple tem os motivos dela para não permitir que se rode códigos independentes no iPhone (ligados certamente à segurança do aparelho). Uma coisa é ser contra essas limitações, outra bem diferente é tentar enganar a equipe de aprovação com uma função escondida. Ao fazer isso, o desenvolvedor perdeu toda a razão e agora terá que amargar todo o processo de negociação novamente, depois de meses de trabalho para desenvolver o aplicativo.

Neste caso específico, foi o desenvolvedor que pisou na bola e colocou tudo a perder.

via

Tags
Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados

  • José Bernardo Medeiros

    Malandro é Malandro e Mané é Mané!!!

  • leonardo

    curioso…. como que os locos deixaram passar por eles antes de ver isso? =P

  • “A Apple tem os motivos dela para não permitir que se rode códigos independentes no iPhone (ligados certamente à segurança do aparelho).”

    Eu acho que a Apple não deveria se preocupar com isso… porque eles estão cuidando da segurança do aparelho do usuário, e não deles. E com meu aparelho eu faço o que eu quiser.
    Se eles querem usar o Iphone com um Windows dentro, que usem… a Apple vai ter lucrado com isso do mesmo jeito. Então eu acho bobeira isso.

    • Schenardie

      Vc ta errado Renan..

      Voce pode rodar o que quiser no seu aparelho sim.. mas se acontece alguma coisa em função disso (invasão de aparelho, erro de SO, estou dando exemplos não que isso possa acontecer com essa função especifica citada do BASIC)

      é responsabilidade deles, pois eles aprovaram pra venda um aplicativo que permite isso..

      ja pensou a repercurssão negativa que isso ia gerar (se ja deu todo aquele dedéu por causa dos iphones que *explodem* e ninguem comprovou nada)

      ia ter gente falando que a apple vende aplicativos com brecha de segurança e coisa e tal…

      • Bom, se algum problema de S.O. é só usar o restaurar lá, não é?
        E se não me engano nos termos da Apple tem uma cláusula dizendo que se houver qualquer modificação do sistema operacional oficial do Iphone, eles não serão mais responsáveis pelos danos do/no aparelho.

      • Renan, se vê que você não conhece a Apple e sua preocupação com a qualidade de seus produtos.

        E você já está mudando de assunto. O problema do C64 é que ele NÃO ALTERA nada no sistema operacional, o que derruba seu argumento.

      • Eu ainda não tenho Iphone, por isso ainda não sei como ele funciona direito. Mas o sistema operacional dele eu tenho um conhecimento sim.

        O que eu disse ali é no caso do cara querer modificar o S.O. usando o aplicativo. Porque só ter o interpretador BASIC lá não ia dar em nada…

  • Duty

    Instalei aqui para testes.

  • Kadz

    Não era mais fácil incluir essa função após aprovação da Apple e deixar somente o emulador, que é o que tinha sido aprovado?

  • lucas

    Que horas é o evento da Apple?

    #offtopic

    • iPc

      O evento da Apple é amanhã!

  • lucas

    Putz, tava jurando que era hj. Louco pra ver o novo Touch.

    Valeu.

  • RMF

    Bem se existe acesso ao basic pode simplesmente usar para ter acesso á alguma região da memória física do aparelho, até injetar códigos sim, no dia que lançaram o C64 eu já consegui ter acesso ao BASIC, se é bom, ruim, certo ou errado não vou opinar, mas que se pode rodar códigos arbitrários fazendo o uso deste há grandes chances que sim.

  • GRM177

    Achei espetacular do ponto de vista da coragem do cara, é muito boa a sensação de fazer a Apple de boba (ela nos faz de bobo há tempos, ou alguém engoliu as desculpas esfarrapadas das vedações a determinados apps pq a culpa é da AT&T e coisas assim).

    Por outro lado o cara vai deixar de ganhar um dinheirão…

    Finalmente, acho uma grande bobagem todo esse drama em cima do interpretador basic, ora, ele não foi desenvolvido de modo a aceitar mídias externas, o que o usuário iria fazer,… digitar um hacking em hexadecimal (de modo a utilizar linguagem assembly e ter acesso ao processador diretamente)?

    Me parece que se o cara quer fazer isso teriam formas mais fáceis por meio do JB.

    • RMF

      Não, mas sim um malware que alguém crie que possa ser recebido por algum meio tipo email e que faça a chamada do interpretador e faça uma bagunça no sistema do iphone de alguém que nem sonha em fazer JB já pra não passar por esses problemas.

  • Juda Benhur

    O mundo eh dos espertos e as pisada de bola para os idiotas.
    Tomara que a Apple decida banir de vez quem se mete a ser esperto com intensoes claramente em desacordo com as regras.
    Que isso sirva de exemplo.

  • Juda Benhur

    A partir do momento em que se aceita as regras de um jogo, fazer ou tentar fazer de tolo quem estabeleceu essa regras, eh no mínimo idiotice demais e precisa ser punido para que sirva de exemplo.

  • JanjaBoy

    Na verdade tem muita ¨boiolagem¨ na Apple.
    É MUITO mais fácil ligar o iPhone no cabo USB e rodar um aplicativo para fazer que se tem vontade.
    Tudo bem que o cara ¨pisou na bola¨ fazendo um Easter Egg. Mas eu achei bacana. Agora, pior é fazer JB e nessa hora ninguém concorda com a Apple, nem eu!

  • JuniorCeara

    é… ERA um bom app ;D eu tenho o ipa dele no meu pc \o/ aiuehauihea

  • Vejjata

    Kkkk essa foi boa. Aposto q nem foi a equipe da apple que acho, deve ter recebido uma denuncia de alguem. Bando de burros e se acham ainda, dexando passa pra depois tira.

    Odeio esse tipo de publicidade negra igual a historia das explosoes. Imaginam qto de publicidade eles nao ganharam.