Apple WatchComparativos

Tabela comparativa entre Apple Watch Series 7, Series 8 e Ultra

O que a nova geração traz de diferente no relógio?

Mais um ano se passou e mais um modelo de Apple Watch foi lançado. E sempre fica no ar várias perguntas: O que mudou? O Apple Watch Series 8 vale a pena? Devo eu trocar de relógio?

É com o intuito de responder essas (e outras) perguntas que resumimos neste artigo as diferenças entre um modelo e outro, e incluímos também na comparação o novo Apple Watch Ultra, para você entender bem o que cada um traz de novo.

E o principal: entender se vale a pena trocar o modelo que já usa por esses novos.


Aqui não entraremos em detalhes do modelo Ultra, apenas o incluiremos na tabela comparativa a título de curiosidade. Neste texto focaremos mais no Series 8.

O que muda no Apple Watch Series 8

Quando a Apple anunciou a nova geração do seu smartwatch, muitos ficaram com a nítida sensação de que não tinha mudado nada em relação ao Series 7 do ano passado.

Uma das causas desta impressão foi a informação de que o processador S8 do modelo de 2022 é praticamente o mesmo daquele de 2020 e 2021. Só mudou o nome.

E como diria Shakespeare, “O que é que há, pois, num nome? Aquilo a que chamamos rosa, mesmo com outro nome, cheiraria igualmente bem“.

Outro ponto foi o design externo, que se manteve igual ao do modelo do ano anterior.

Porém, mesmo mantendo o visual e o processador, o Series 8 ainda assim traz algumas novidades notáveis, que impedem qualquer um de dizer que as duas gerações são exatamente iguais.

São elas:

  • Sensor de temperatura corpórea
  • Detecção de acidentes
  • iPhones incompatíveis
  • Cores
  • Preços

✪ Sensor de temperatura corpórea

Ao contrário do que se acreditava pelos rumores, o novo sensor de temperatura corpórea não irá substituir um termômetro para você saber se está com febre ou não.

Pelo menos inicialmente, ele será bastante restrito a algumas poucas medições específicas, como no ciclo menstrual ou identificar a variação de temperatura enquanto você dorme.

Quem sabe, no futuro, a Apple não amplie esta funcionalidade para mais medições, mas no momento é isso que temos.

✪ Detecção de acidentes

Uma das novidades dos novos iPhones também chega ao Apple Watch.

O relógio é capaz de identificar quando o usuário estiver em um veículo que acaba de sofrer uma forte colisão. O Series 8 então perguntará se está tudo bem, e caso demore para responder já liga automaticamente para o contato de emergência ou serviços de socorro.

✪ iPhones incompatíveis

É importante salientar que a lista de iPhones que não são compatíveis com os novos modelos aumentou.

Isso porque eles já vem de fábrica com o watchOS 9 instalado, o que significa que aqueles modelos que ficaram de fora do iOS 16 não poderão ser pareados com os novos relógios.

São eles:

  • iPhone 7 e 7 Plus
  • iPhone 6s e 6s Plus
  • iPhone SE (1ª geração)

Se você tiver um desses iPhones e não pretende trocá-los por agora, fique longe dos novos Series 8.

✪ Cores

O Series 8 vem em 6 cores diferentes. São elas:

  • Meia-noite
  • Estelar
  • Dourado
  • Prateado
  • Grafite
  • (PRODUCT)RED

✪ Preços no Brasil

Os preços também são novos.

O modelo Series 8 menos caro custa R$ 5.299 parcelado na Apple Store. O mais caro, R$ 6.999.

Confira os preços oficiais no Brasil, sem descontos de pagamento à vista:

Modelo 41 mm 45 mm
GPS R$ 5.299 R$ 5.699
GPS + Cellular R$ 5.699 R$ 6.999


Tabela comparativa

Para facilitar visualmente quais são as diferenças entre os modelos, fizemos nossa tradicional tabela comparativa. Confira:

Series 7

Series 8

Ultra

Tamanhos

41mm / 45mm

41mm / 45mm

49mm

Tela

Tela Retina Sempre Ativa OLED de LTPO

Tela Retina Sempre Ativa OLED de LTPO

Tela Retina Sempre Ativa OLED de LTPO

Brilho da tela

Até 1000 nits

Até 1000 nits

Até 2000 nits

Espessura

10,7mm

10,7mm

14,4mm

Peso

32,0g / 38,8g

32,0g / 38,8g

61,3g

Processador

S8 SiP (igual ao S6)

S8 SiP (igual ao S6)

S8 SiP (igual ao S6)

Material

Alumínio /
Aço inoxidável

Alumínio /
Aço inoxidável

Titânio

Resistência à água

50m

50m

1h 40m

Sensor de temperatura corpórea

Sensor de temperatura da água

Oxímetro

ECG

Detecção de Acidente

Acelerômetro

Normal

Força g de alta intensidade

Força g de alta intensidade

Recurso Sirene

86 decibéis

GPS

GPS L1

GPS L1

GPS de precisão e dupla frequência (L1 e L5)

Sensor cardíaco

óptico de terceira geração

óptico de terceira geração

óptico de terceira geração

Indicador de profundidade

Microfone

Único

Único

Conjunto de três microfones com filtragem espacial e redução do ruído do vento

Alto-falante

Único

Único

Dois alto-falantes

Bússola

Capacidade

32GB

32GB

32GB

Bateria

Até 18 horas

Até 18 horas

Até 36 horas

Bluetooth

5.0

5.3

5.3



Vale a pena comprar o Apple Watch Series 8?

Bem, obviamente se você já tem um Series 7, certamente dirá que não vale a pena trocar de modelo.

E neste caso, não vale mesmo. a detecção de acidentes e o limitado sensor de temperatura corpórea não são um grande incentivo para tirar dinheiro do bolso se você já tem todo o resto.

Diria até que para quem tem um Series 6 também as diferenças são bem pequenas, pois as diferenças entre gerações já foram mínimas no ano passado:

Mas para quem nunca teve um Apple Watch, ou está com um modelo mais antigo, aí começa a ficar interessante.

Quem usa um Series 3, não precisa nem pensar: as diferenças são gritantes, a começar pelo tamanho da tela. Neste caso, tudo melhora: velocidade do processador, capacidade, duração da bateria… tudo.

Já quem tem um Series 4 ou 5, terá que avaliar se os sensores extras fazem falta, como o oxímetro (no caso do S4), a tela sempre ativa, chip U1, sensor de temperatura corpórea e detecção de acidentes. Se algum desses faz sentido para você, aí pode valer a pena a troca.

E quem nunca usou um Apple Watch, aí sim aproveitará o máximo que a Apple pode oferecer. Mas claro, neste caso comprar um usado ou um modelo mais antigo pode ser uma alternativa para entrar nesse mundo de relógio inteligente gastando menos.

Então todas as informações estão aí para você decidir. Agora é com você.


Google News

Ale Salvatori

Applemaníaco desde 1995, quando precisou aprender a usar um Mac em uma semana para conseguir um emprego em uma agência de publicidade. Acha que a Apple não é mais a mesma depois da saída do Gil Amelio.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo