Acessórios

Carregador MagSafe necessita de uma fonte USB-PD 3.0 para oferecer carga rápida no iPhone

Quando a Apple anunciou o carregador sem fio MagSafe, o detalhe que mais surpreendeu foi o fato dele conseguir recarregar o iPhone de forma 2x mais rápida do que os outros carregadores anteriores.

Como é possível um carregador que parece igual aos outros, carregar mais rápido? O que ele tem de diferente?

A responsável por isso é a tecnologia USB-PD 3.0 adotada nesse carregador, capaz de gerenciar melhor a distribuição de energia para os aparelhos.



O grande ponto de discussão é que o novo carregador sem fio MagSafe não vem com uma fonte carregadora na caixa, o que faz o usuário precisar comprar uma separada, ou conectar o cabo em alguma que já tenha.

Porém, caso a fonte usada não seja no padrão USB-PD 3.0, a carga não será rápida e o acessório funcionará como qualquer outro carregador por indução, oferecendo apenas 7,5W de potência.

Inclusive, na semana passada alguns sites pelo mundo chegaram a especular que a Apple teria feito um carregador que só funciona com fontes da marca, o que não é uma verdade. A questão toda é o padrão USB, que não é proprietário.


USB-PD (Power Delivery)

Já comentamos sobre esse padrão em nossa resenha que detalha o carregamento rápido do iPhone, introduzido em 2017.

Resumindo, a norma USB-PD (USB Power Delivery) é capaz de fornecer uma maior quantidade de energia para o dispositivo, resultando em um carregamento mais veloz.

Até então, vinha sendo usado o padrão 2.0, que carrega de forma rápida, por cabo, os iPhones 8, X, XS, 11 e até o 12.

Mas para permitir uma velocidade otimizada também no carregador por indução, a Apple precisou adotar o padrão 3.0 desta tecnologia.



Especificação USB-PD 3.0

A especificação USB PD 3.0 foi lançada em meados de 2019, mas a adoção de novas tecnologias leva tempo.

Por isso, as fontes de energia fabricadas antes de 2020 podem não ter as especificações e, portanto, não atender aos requisitos de carregamento do MagSafe.

A Apple escolheu essa especificação 3.0 por uma razão. É um padrão mais inteligente, que entende mais sobre o dispositivo que está carregando.

MagSafe do iPhone 12
Imagem: The Verge

Um dispositivo USB-PD 2.0 negocia a energia apenas com base nos requisitos energéticos. Já a especificação USB-PD 3.0 permite que o adaptador obtenha mais informações do dispositivo durante o carregamento, como temperatura e mau funcionamento do carregamento.

A especificação USB PD 3.0 também consegue controlar a amperagem e a voltagem durante o carregamento. Ao ajustar a tensão ou amperagem, ele pode variar entre 20mV ou 50mA, que são negociados constantemente a cada 10 segundos pela fonte.

Ao lançar seu novo carregador por indução, a Apple optou por projetar uma solução mais segura e eficiente contando com a especificação mais recente, a 3.0.

O USB-PD 3.0 é compatível com versões anteriores, mas você conseguirá obter apenas 7,5/10W de fontes mais antigas.



Carregador MagSafe

Na caixa do carregador MagSafe, a Apple não dá maiores detalhamentos técnicos sobre a fonte a ser usada com ele. Ela recomenda apenas “usar um adaptador de 20W”, dando uma má impressão inicial que apenas o seu novo carregador (vendido separadamente) é que funciona.

Porém, o fato é que os novos carregadores de 20W da Apple (que acompanham também o iPad 8 e o iPad Air 4) já possuem especificação PD 3.0, enquanto que a maioria dos que estão disponíveis no mercado ainda não.

Mas a Apple poderia ter sido mais específica nas instruções da caixa, para evitar atritos e más interpretações.

Por exemplo, quem possui a fonte do iPhone 11 Pro, que fornece 18W, se usar com o novo carregador MagSafe não conseguirá obter a velocidade máxima de carregamento no iPhone 12, porque ele é um USB-PD 2.0.

Ou seja, quem quiser o máximo de desempenho, será obrigado a comprar um carregador com o novo padrão.


É importante todos que estão pensando em adquirir o carregador MagSafe entenderem bem este ponto, para conseguirem obter o máximo de desempenho no acessório, que é bem mais caro que similares de outras marcas.

Via
AppleInsider
Leia mais sobre:

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar