Notícias

WhatsApp se prepara para incluir função de pagamentos por mensagem no Brasil

O WhatsApp anunciou nesta segunda (15) que irá finalmente liberar nas próximas semanas um sistema de pagamentos por mensagens dentro do aplicativo.

O Brasil será o primeiro país a ter este recurso ativo.





A função chega ao Brasil já nas próximas semanas, de acordo com o WhatsApp.

Este recurso permite que usuários enviem e recebam dinheiro pelo WhatsApp, usando cartões de débito cadastrados. Negócios que possuam conta no WhatsApp Business também poderão receber pagamentos de clientes, pela modalidade crédito, mas neste caso será cobrada uma taxa de processamento (como já acontece em maquininhas e outros sistemas de pagamento). Usuários normais não pagarão taxas extras.

Os pagamentos serão realizados com a ajuda de uma plataforma chamada Facebook Pay, a qual já comentamos aqui no blog em novembro passado.

A ideia é que, com o tempo, a mesma plataforma de pagamentos englobe todos os serviços do Facebook, como por exemplo, o Instagram.

WhatsApp Pagamentos

A empresa promete que está preocupada em fazer um sistema seguro, para evitar transações não autorizadas. Será necessário informar um PIN de 6 dígitos ou usar a biometria do celular para autorizar cada transação.

Mas assim como o Apple Pay, nem todos os cartões serão compatíveis no início. A princípio, apenas cartões múltiplos das bandeiras Visa e Mastercard emitidos pelo Banco do Brasil, Nubank e Sicredi serão compatíveis. O cartão da versão digital do Sicred, o Woop, também vale.

Que surpresa boa ver o Nubank estar incluído em um recurso novo de pagamentos.

Eles enfatizam que o modelo do programa é aberto e que haverá a entrada de mais bancos participantes no futuro. Os pagamentos em contas comerciais serão processados pela Cielo.

As transações só podem ser feitas em real e dentro do Brasil. Há um limite de R$ 1 mil por transação e R$ 5 mil por mês. Será possível fazer até 20 transações por dia.

As contas comerciais, que usam o WhatsApp Business, pagam uma taxa fixa de 3,99% por transação. Será preciso ter uma conta Cielo para solicitar e receber pagamentos ilimitados, tanto de crédito quanto de débito, podendo também oferecer reembolsos e ter suporte técnico.

Veja como irá funcionar o recurso:

  • Haverá uma opção chamada “Pagamento” no mesmo menu do envio de imagens
  • Ao clicar nela, o aplicativo pedirá um valor, redirecionando para a criação de uma conta
  • Será preciso aceitar os termos de uso da plataforma e criar uma senha numérica de 6 dígitos
  • O usuário então informa seu nome, CPF e um cartão emitido por um dos bancos parceiros
  • Será preciso verificar o cartão junto ao banco, que vai enviar um código ao usuário por SMS, e-mail ou aplicativo do próprio banco. Esse código serve para impedir o cadastro de cartões roubados, por exemplo.
  • Para cada pagamento, será preciso validar no celular com a senha ou a biometria (Touch ID ou Face ID).

O WhatsApp não deixou claro para onde irá parar esse dinheiro recebido. Se o tal Facebook Pay será uma carteira digital que permitirá transferências para contas bancárias ou se só poderá ser usado para outros pagamentos. Em contas comerciais, a Cielo fará a transferência automática para a conta bancária da empresa.


Conforme alertamos no outro artigo, não tem como saber quais dados o Facebook irá obter de você com este sistema. O próprio Facebook avisa que dados podem ser usados para direcionar publicidade. Por exemplo, se você comprar uma bola de futebol, pode começar a aparecer para você anúncios de chuteiras quando navegar pela internet.

Não existe almoço grátis.

Fonte
WhatsApp Blog
Tags

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados

Back to top button
Close