iPhone

iPhone 11 Pro Max tem a maior duração de bateria já vista em um celular da Apple

Historicamente, um dos pedidos mais feitos pelos usuários de iPhone é sobre a duração da bateria. É quase uma unanimidade querer que ela dure mais para não nos deixar na mão na metade do dia.

Nos últimos anos houve grandes evoluções, com o iPhone XR sendo campeão no ano passado em termos de tempo de uso. Isso até virou ponto forte em comerciais da Apple.

Agora, a empresa quer fazer do iPhone 11 Pro o seu celular com maior autonomia da história.






A melhoria de performance da bateria acontece em toda a gama do iPhone 11, desde o modelo mais barato até o mais caro. E o grande responsável por isso pode ser o novo processador A13 Bionic.

A Apple não tem o costume de divulgar informações técnicas dos aparelhos, como capacidade da bateria ou quantidade de memória RAM. Essas informações só ficamos sabendo quando empresas como a iFixIt desmonta os modelos logo após chegarem ao mercado.

Mas o fato é que o iPhone 11 (com tela LCD) sozinho já supera a ótima prestação oferecida pelo XR, apresentando uma hora a mais de autonomia. O que já era ótimo, ficou melhor ainda.

Mas é nos modelos Pro que a coisa fica ainda mais séria.

Por motivos de marketing, a Apple afirma que o iPhone 11 Pro ganhou 4 horas a mais que o modelo XS, mas na verdade o que temos que comparar é a respeito da performance do XR, que sempre foi melhor em autonomia. Neste parâmetro, o 11 Pro ganha 2h a mais. Já o 11 Pro Max, o ganho em relação ao XR é de 4h de autonomia.

Ou seja, segundo os dados fornecidos pela Apple, o iPhone 11 Pro Max pode aguentar 20h horas ininterruptas de vídeo, com áudio e fones bluetooth, com apenas uma única carga. Isso, no uso do dia a dia (ver e-mail, responder mensagens, visualizar páginas de internet, usar aplicativos) pode facilmente fazer o celular durar mais de um dia sem precisar ser carregado.

O chip A13 Bionic é muito mais eficiente que seus antecessores em termos de economia de energia. Com seus 6 núcleos (2 para alta performance e 4 para baixa) o sistema em geral gasta muito menos a bateria, o que faz sua carga durar mais. Não é apenas uma questão de software, mas também de hardware.

A Apple afirma que na GPU, por exemplo, o processador gasta 40% menos de energia. E essa diminuição de fome por bateria se aplica também em outras partes do aparelho.

Claro que uma coisa é treino, outra é jogo. Por enquanto temos informações fornecidas somente pelo marketing da Apple e só quando o aparelho chegar ao mercado é que testes da vida real poderão ser feitos. Mas já é gratificante saber que um dos maiores pedidos feitos pelos usuários está no radar de preocupações da maçã.

Tags
Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados

  • Quanto à isso, só acredito vendo. E sempre eles vem com essa conversinha de bateria melhor, que no fim, da no mesmo.

    • só senti a diferença real no XR, realmente é MUITO melhor

      • Dawe Marcelo

        Muito!!! 2dias tranquilamente para mim.

  • Rodrigo Fernando da Silva

    Ano que vem que eu quero ver de fato uma melhoria, provavelmente teremos processadores de 5 nm

  • Bernardo

    Quando lançar o iOS 14 vai diminuir drasticamente essa duração. Anotem aí.

  • Paulo

    Como assim sem aumentar o espaço interno da bateria? Agora os iPhone pro possuem 8,1mm de espessura. Tiraram o 3D touch, e mesmo assim o iphone 11 pro agora tem 188g, mais que os 177g do XS e 174g do X.

  • Gustavo

    Nossa o “Max”deve estar bem satisfeito com isso 😂

  • Matheus Ferreira

    iLex, aumentaram espaço pra bateria SIM. Desde o iPhone 6S que eles aumentam a espessura dos aparelhos, e cada vez estão mais espessos e pesados (XS Max que o diga, já era um tijolo na mão, esse 11 Pro Max se cair na cabeça de alguém, mata). Isso que nesses novos tiraram o 3D Touch, ou seja, se eles tivessem isso ainda seriam mais grossos.

    • Leonardo Negrisoli

      Eu abro mão da “finura” por mais autonomia faaaaacil…
      Até hoje eu não engoli a mudança do design no 5s (que tinha a melhor pegada na minha opinião) pra um tel mai fino e que não tinha mto avanço de bateria.
      Agora algo que eu ainda não saberei lidar é a falta do 3D Touch

  • somebody else

    Nenhum outro smarphone vai ganhar desse 11 pro max aí, note 10 ficou 15min ligado em relação ao 10s max, imagine.

  • Leonardo Negrisoli

    “Ou seja, segundo os dados fornecidos pela Apple, o iPhone 11 Pro Max pode aguentar 20h horas ininterruptas de vídeo, com áudio e fones bluetooth, com apenas uma única carga” Durante a 1a semana de uso rs..
    Se eu for comprar, vou logo pro Pro Max Ultra Plus, aí vou ter uma boa diferença do meu atual X..
    Eu plugo tanto o meu no Mac e no carro que nunca fico sem bateria, mas saber que ele aguenta bem é um bom indicador

  • Pedro Mol

    Lembrando que o ideal é usar apenas uma faixa da bateria, sempre girar, inicialmente, entre 40% e 60% da carga. Quanto menos usar os extremos, mais tempo a bateria dura. Vide os teslas!

    • hecnpo

      Haja falta do que fazer pra ficar monitorando isso.

Back to top button