Opinião

Entenda por que a Apple está dando um Bumper de graça com o iPhone 4

É um erro achar que, ao dar um Bumper de graça na compra do iPhone 4, a Apple está tentando esconder um defeito de fabricação. Quem realmente entendeu a apresentação de ontem, concluiu que a mídia realmente criou um bicho-papão de um problema que sempre existiu em qualquer smartphone. Por que nunca se falou do problema antes? Por causa de uma lei básica do jornalismo: se o problema for simples e comum, não gera notícia.

Que fique bem claro: a Apple mostrou que existe um problema sim, geral, na tecnologia atual dos celulares. Porém, como muitos podem comprovar com seus smartphones de várias marcas, isso não impede que façamos e recebamos ligações normalmente. Com o iPhone 4 é a mesma coisa e isso não vai mudar.

Mas e o Bumper gratuito, é para quê?
O presente tem apenas um objetivo: deixar os consumidores felizes. Claro que ele diminui a interferência das mãos ao tocar a antena, mas o objetivo principal da ação de marketing não é esse, e sim apaziguar a bola de neve do “antennagate”.

Mas ela dará as capinhas só até o dia 30 de setembro. E depois? Ela arrumará o problema até lá?
Não tem como arrumar o problema, a não ser que se reinvente o celular. Steve Jobs disse que, para mudar a situação, ou se constrói aparelhos maiores ou se volta à velha anteninha externa, aquela compridinha. Isso, segundo ele, é comercialmente inviável e nenhuma marca irá fazer. Quem aí compraria um velho tijolão, só para ver as barrinhas não caírem?

O Brasil terá direito à capinhas gratuitas também?
Pouco provável. Dificilmente o aparelho será lançado antes do final de setembro, já no final da promoção americana.

Como a intenção das capinhas gratuitas não é a de resolver o problema das antenas e sim o problema da repercussão negativa na imprensa, até o final de setembro os usuários irão se dar conta que com ou sem a capinha, não mudará nada a experiência normal e diária com o telefone. É na prática que todos irão ver que tudo o que se falou até agora não tem aplicação na vida real, não alterando em nada o uso do aparelho como celular.

Aliás, quem é leitor fiel sabe que estamos batendo nesta tecla desde o lançamento mundial do iPhone 4, com nossos próprios testes: mesmo com a queda visual das barrinhas, segurando o aparelho de uma forma não-natural, nada altera no uso diário. E é só na prática que cada um vai constatar isso.

É claro que quem ainda não tem o aparelho em mãos, se assusta com a avalanche de matérias que aparece na mídia. Até mesmo sites que se dizem especializados em Apple acabam caindo na onda, por não testarem eles mesmos o aparelho. Mas podemos garantir que, quando o iPhone 4 chegar ao Brasil (ou para quem importá-lo de outro país), cada um que comprá-lo vai rapidamente perceber que é o melhor iPhone já feito pela Apple.

Palavra do Blog do iPhone. 😉

Tags
Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados