Segurança

Já se sabe quem usava a falha do iOS revelada pelo Google: o governo chinês

Na última sexta, comentamos aqui sobre o fato da equipe de pesquisa de segurança do Google ter revelado uma falha no iOS que permitia ter acesso a todos os dados do aparelho, quando o usuário abria determinado site.

Comentamos também que o Google não tinha sido muito específico em quais sites seriam estes, mas que poderiam ser comunidades regionais, como a China.

“Em nenhum momento o Google cita estas comunidades, que podem ser, por exemplo, grupos de usuários chineses.”

Pois dito e feito: segundo o site TechCrunch, quem descobriu e usava esta falha era o governo chinês, para espionar um grupo étnico em seu país.






A China é um dos países mais avançados tecnologicamente do mundo, mas também um dos que mantém um forte e rigoroso controle estatal sobre a população. E mesmo tendo o maior território geográfico da Terra, possui diversas regiões que são autônomas.

É o caso da região Xinjiang, habitada predominantemente pelos uigures. E são eles que estavam sendo vigiados através de seus iPhones (e provavelmente também pelos dispositivos com Android, mesmo o Google não citando isso).

O ataque era feito com o usuário visitando determinados sites web. Uma vez instalado o malware espião, ele era capaz de enviar aos servidores estatais todo o tipo de informação, como ligações, localização, mensagens enviadas e recebidas, e inclusive senhas. O software intruso agia até o usuário reiniciar o aparelho, pois o hack não era permanente.

Ou seja, aparentemente a falha (que ressaltamos mais uma vez, era bem grave), ficou limitada a algumas comunidades específicas na Ásia, como estas dos uigures.

A Apple consertou a falha em fevereiro, no iOS 12.1.4.

Claro que o episódio serve de alerta para todos, pois governos como o da China investem pesado em hacking de sistemas, para descobrir falhas que possam ser exploradas para controlar a vida das pessoas. E com isso, mais falhas podem aparecer no futuro.

Não é a toa que, nos últimos anos, as soluções de jailbreak têm vindo de lá. Aliás, foi justamente empresas chinesas que pagaram fortunas para os antigos grupos de jailbreak e “mataram” toda uma ideologia libertadora que tinha por traz dos desbloqueios do sistema. Hoje, tudo é voltado para conseguir muito dinheiro e, claro, espionar aparelhos.

Fonte
TechCrunch
Tags
Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados

  • Governo Chinês espionando.
    Onde está a novidade?

  • Esses dias estava vendo alguns vídeos de brasileiros que residem na China e me surpreendi com o que vi. Aliás, todo aquele conceito pré-concebido que eu tinha em relação ao país asiático, agora é outro. Algumas cidades chinesas é de dar inveja, sem contar toda a infraestrutura que o governo de lá anda investindo. Contudo, mesmo com toda esse desenvolvimento, a forma de governo é algo que me desagrada. Aproveitando o ensejo, gostaria de agradecer e recomendar (pra quem ainda não comprou) a BDI Store. Comprei aquela capinha da seleção brasileira para meu iPhone 7 e ficou perfeito. Portanto, meus parabéns pela qualidade do produto!

    • Fabio Santos

      Tenho um primo que mora lá e eu já fui algumas vezes, o problema se chama povo Chinês que na sua maioria vive em baixa renda pra sustentar uma elite caviar como temos no Brasil, porém a diferença que a elite caviar da China é quase toda a população brasileira em números, o controle sobre a população se dá aos que são contra o governo comunista e por sinal meu primo residente com visto de trabalho pode acessar o VPN já um morar chinês não ou seja escondem e fazem este ficar afastado do mundo real.

      • Já li sobre isto. De fato nem tudo é perfeito e sou totalmente contra a forma de governo na China, mas é inegável a velocidade que o país vem se desenvolvendo. Já li especialistas e estudiosos alegando que o sistema político chinês tende a mudar aos poucos para um sistema cada vez mais democrático, claro, isso será a pequenos passos e somente em um futuro (próximo ou não) que o resultado será mais evidente.

        • Fabio Santos

          No meu ver o desenvolvimento da China não é bom, controle da vida alheia pra todo lado, tudo que você compra o governo pode saber, este score social, são ideias que no meu ver jamais deveriam vir pra outros países eu mesmo sou contra a entrada chinesa no Brasil.
          Veja muitos vão no hospital que costumo fazer plantão querem e pagam a vista por estarem irregular e são melhores atendidos que nosso povo, e mais vem aqui com suas muambas feitas na China de certo modo não pagam impostos devido, vendem o pior pro nosso povo brasileiro isto quando nosso povo não é empregado deles e tomam xingo dia a dia, mais o melhor eles se você for de SP e dar uma passada no Center Norte por exemplo vivem comprando tudo do bom e do melhor e novamente xingando os empregados brasileiros que os atendem.
          Depois vão pra China cheio da grana pra entrar na elite caviar loca e viver bem.

          • Na verdade o que me agrada no âmbito geral é a tecnologia. Por exemplo, acho muito prático você pegar um ônibus, onde ninguém tem de andar com dinheiro, bastando apenas um smartphone para ler o QR Code. Inclusive o país vem incentivando cada vez mais o transporte público elétrico. Outro exemplo é o trem bala chinês, todo e qualquer pedido é feito através de um app no smartphone. E pelo que tenho visto, dinheiro ou cartões de crédito na China é quase que inexistente, já que tudo é pago por celular. Esse sistema de “Score Social” acho ridículo também, bem como o controle estatal de tudo. Por isso eu disse que nem tudo é perfeito.

            • Fabio Santos

              Respeito sua opinião aos quanto mais tecnologia entra mais controle se tem do cafezinho que você toma até aonde você vai o dinheiro físico também tem a vantagem de se negociar melhor preços não me lembro o presidente americano de momento que mudou o conceito de negociar pro dólar aonde antes era ouro, mais em breve teremos duas opções no meu entender ou você entra na criptomoeda ou investe e negociará em ouro novamente e digo mais quem investe em moeda papel faça apenas com libra esterlina pois o dólar em breve vai passar por uma terrível crise eu digo pois trabalho num convênio americano e já vejo o sistema financeiro dele trocando dólares principalmente nos negócios pela Europa e até Brasil pra está moeda estável.

  • Vinicius Cabrera

    Alguém já parou para relacionar a “falta de inovação” com a morte da ideologia libertadora do jailbrake? Minha memória não é tão boa assim mas lembro de muitas coisas tidas como inovação tendo vindo direta ou derivando indiretamente de solução via jailbrake.

    • Victor Hugo Monteiro

      Comentei isso outro dia no tecmundo, a Apple deveria ser mais grata a comunidade jailbreak visto que bastante coisa encontrada hj no ios teve a luz do dia através de tweaks. Modo noturno, 3d touch simulado, troca de rede no painel de controle, swipe no teclado, mouse no ipad e mto mais.

      • CarlinhosDOWN

        Eu até ia ficar quieto, mas essa conversa está tomando um caminho que me obriga a me manifestar.

        Eu sempre fui simpático ao jailbreak e curtia muito a “época de ouro” da inocência e do idealismo. Foi ele quem libertou o iPhone de muitas amarras em um começo que o controle da Apple era absoluto, porque Jobs não podia errar. A aposta era alta demais.

        Concordo que ALGUMAS coisas foram incentivadas pelo jailbreak… Mas aí dizer que “a inovação da Apple era graças ao jailbreak” é forçação de barra, né galera?

        Modo noturno: não foi inventado pelo jailbreak
        Toque longo: não foi inventado pelo jailbreak
        Troca de rede pela central de controle: não foi inventado pelo jailbreak
        Swipe: não foi inventado pelo jailbreak (existia uma empresa com esse nome, inclusive)
        Mouse no iPad: WTF???

        Então menos, beeeeem menos.
        Pode liberar o quanto quiser o jailbreak, que a inovação não vai voltar por causa disso.
        Os produtos atuais da Apple tem muito mais a ver com a morte do Jobs do que a do jailbreak.

        • Alexandre

          Boa!
          Galera tem a mania de pensar que se algo não foi lançado é porque a empresa nunca pensou na parada/não está desenvolvendo.
          É muito fácil, rápido e barato lançar conceitos inacabados. Projeto é acabamento, a valorização é aqui. Se a galera que usa Apple não percebeu que ela funciona assim, talvez seja mais barato ir pro concorrente. Ideia todo mundo tem.

  • Fabrício

    Pela gravidade da falha, ela poderia soltar uma correção mesmo para modelos mais antigos, como iPhone 5 que ainda são utilizados por algumas pessoas.
    Lembro de ela ter feito algo do tipo no 3GS ou 4S.

    • Junior Gaúna

      a falha esta no ios 12, o iphone 5 parou no ios10 se não me engano

  • iLex, corrige aí: o maior território geográfico da Terra é a Rússia, não a China. Na verdade a China é o terceiro país em extensão territorial, pois fica ainda atrás do Canadá, que é o segundo colocado na lista.

Back to top button
Close