Notícias

GlaxoSmithKline é a primeira gigante da indústria farmacêutica a usar o ResearchKit da Apple

A GlaxoSmithKline (GSK) anunciou que iniciou um estudo de tratamento para artrite reumatoide usando o sistema ResearchKit, da Apple. Dessa maneira, a gigante farmacêutica se torna a primeira empresa a usar a plataforma para colaborar com o desenvolvimento de tratamentos de saúde.

Para quem não lembra, o ResearchKit é uma plataforma de código aberto elaborada pela Apple para que desenvolvedores criem aplicativos que colaborem com avanços clínicos. Como já comentamos aqui, os esforços em monitoramento em saúde da maçã foram incentivados após Steve Jobs detectar sua doença.

A corporação afirma que no momento não está trabalhando em medicamento. No entanto, diz que precisa assimilar resultados em pacientes reais e incluir suas metas de saúde na pesquisa para que uma solução medicinal seja produzida. Nesse panorama, o aplicativo GSK PARADE (disponível por enquanto apenas nos EUA) entra em cena.

Desenvolvido pela Medidata e POSSIBLE Mobile, a ferramenta cria um ambiente no qual o paciente tem acesso a um painel com seus dados pessoais e resultados da pesquisa. Ele utiliza os sensores do iPhone para coleta de dados. Dessa forma, pacientes poderão compartilhar informações com seus médicos para que um tratamento seja definido. Esse também é o tipo de dado que a GSK espera reunir sobre a doença a longo prazo.

Nosso objetivo é envolver-se com pacientes de maneira nova, que integra a pesquisa em suas rotinas em relação ao modelo tradicional, que requer que pacientes sigam até consultórios médicos“, afirma o vice-presidente de inovação clínica da GSK, Rob DiCicco.

Mesmo sendo pouco conhecida no Brasil, a GSK é uma gigante da industria farmacêutica no mundo. Por aqui, seus produtos mais conhecidos são destinados a tratamentos de problemas respiratórios, como o Aerolin Spray e a solução de mesmo nome usada para nebulização.

Fonte: GSK.com

Tags
Mostrar mais

Marvin Costa

Jornalista carioca apaixonado por cultura pop, fotografia, instrumentos musicais e produtos da Apple. Sempre que pode toca guitarra com amigos e utiliza seu iPhone como segundo instrumento.

Artigos Relacionados

  • Alan Patrik

    Nesse setor dinheiro não falta, espero que consigam desenvolver algo realmente útil.

  • Julio Barros

    Bela iniciativa! Parabéns