CoberturasiPad

Nova geração do iPad Air traz scanner de digitais no botão de repouso

A Apple anunciou no seu evento especial de setembro a quarta geração do iPad Air, que traz o mesmo layout externo do iPad Pro, mas com algumas novidades inéditas em sua estrutura.

Entre elas, o novíssimo processador A14 e um scanner de digitais no botão superior.



Novo processador A14 Bionic

Este ano de 2020 realmente está sendo diferente de todos os outros. Ao contrário dos últimos anos, a nova geração de processadores da Apple, o A14, não apareceu primeiro no iPhone e sim no iPad.

As duas únicas vezes que isso tinha acontecido foi no primeiro iPad, em 2010, em que o A4 foi revelado ao mundo, antes do lançamento do iPhone 4, e no iPad 2, que trouxe o A5 antes do iPhone 4S.

É de se notar que, com isso, o novo iPad Air possui na teoria um processador mais performático e moderno que o A12Z dos atuais iPads Pro, o que não significa que essa diferença realmente aconteça na prática. Serão precisos testes futuros para sabermos a real situação.

Além disso, o iPad Air agora é bem mais próximo do iPad Pro, com bordas finas e sem o botão frontal. Porém, diferente da versão mais cara, o novo modelo não possui Face ID.


Touch ID reformulado

O Touch ID continua sendo o recurso de autenticação biométrica, mas agora ele está localizado no botão superior do aparelho (ligar/repouso). Já tinha vazado antes um material gráfico que anunciava essa novidade.

A pergunta que não quer calar é óbvia: será que teremos o mesmo sensor de digitais nos novos iPhones? Até agora, nenhum rumor sugeriu isso, então a expectativa é bem baixa. Até porque se a Apple está pensando em implementar um scanner sob a tela, não faria sentido implementar um outro tipo de sensor agora.


Cores

Prateado, Cinza-Espacial, Ouro Rosa, Verde e Azul-Céu.


Compatibilidade com acessórios do Pro

Não é apenas o layout externo que o novo iPad Air herda de seu irmão mais potente. Ele também aceita o Apple Pencil de segunda geração, que carrega magneticamente nas laterais. Também passa a ser compatível com o Magic Keyboard, o teclado que possui trackpad e apoia o aparelho como se fosse uma tela suspensa.


Entrada USB-C e Smart Connector

Adeus conector Lightning para o iPad Air. Assim como o Pro, ele agora só possui entrada USB-C, além do Smart Connector na traseira.


Leia mais sobre:

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar