Apple Watch

iOS 12.2 não permitirá mais que se ative o ECG em países que não disponibilizem a função

Este artigo está desatualizado, refletindo uma notícia passada. A situação do ECG no Apple Watch já mudou desde então e hoje está disponível no Brasil, em Portugal e diversos outros países.

Uma das grandes novidades do Apple Watch 4 foi sua capacidade de realizar um eletrocardiograma (ECG) do usuário, apenas pelo relógio.

Porém, este recurso necessita de autorização das agências sanitárias de cada país (no Brasil quem trata disso é a ANVISA), que costumam ser burocráticas em aprovar este tipo de equipamento.

Por isso mesmo, por enquanto apenas os modelos vendidos nos Estados Unidos é que oferecem o recurso.

Até então, se você mora em um país não autorizado (como o Brasil), mas compra o modelo americano, pode usar sem limitações a funcionalidade, que até já está traduzida para o português.

Mas a Apple vai acabar com isso. No iOS 12.2, o sistema irá identificar a geolocalização do usuário e bloquear a ativação do ECG para quem não estiver fisicamente nos EUA.


Não, a Apple não está fazendo isso porque é má.

Oficialmente o uso deste tipo de equipamento é proibido por lei quando não aprovado pela agência sanitária do país.

O fato de funcionar fora dos Estados Unidos apenas comprando o relógio lá é uma anomalia que na teoria não deveria estar acontecendo.

E a Apple pode ser processada por isso caso algum país não goste deste comportamento.

Por isso, limitar o uso por geolocalização é uma maneira da Apple se proteger contra processos judiciais e até mesmo proibição das vendas do seu relógio em regiões específicas. Infelizmente é assim que o mundo geopolítico funciona, amigos.

Esta identificação é feita durante a primeira ativação do ECG no app Saúde. Isto significa que, se você já tiver o ECG ativo e apenas atualizar o sistema (sem restaurá-lo do zero), poderá continuar usando.

Mesmo assim, se você precisar restaurar o aparelho ou trocar de relógio, terá que passar por este processo e, se não estiver nos EUA, não poderá mais usar a função até ser liberada no seu país.

Portanto, fica aí o alerta para quem está usando atualmente o eletrocardiograma com o modelo americano. A solução temporária é não atualizar para o iOS 12.2, ou aguardar que a ANVISA libere a função em nosso país.


Google News

Via
9to5mac

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo