Apple Card

Apple Card avisará ao cliente sempre que uma compra no cartão não for aceita

No final de março, a Apple anunciou que lançaria um cartão de crédito próprio, cuja diferença principal será o maior gerenciamento de informações que o cliente terá em mãos, quando comparado com os cartões que existem no mercado.

Um exemplo disso é que o cliente sempre será informado até mesmo quando uma tentativa de uso do cartão não for aprovada, para que ele saiba exatamente quando estiverem usando indevidamente o seu número.






Parece uma coisa boba e simples, mas o fato é que, hoje em dia, se alguém clona seu cartão ou obtém os dados dele e tenta usá-lo, em grande parte dos cartões você não fica sabendo. Só saberá quando for tarde demais: a compra for aprovada e aparecer o débito na sua fatura. Nesse caso, é aquela preocupação e dor de cabeça para entrar em contato com a administradora do cartão, informar que não foi você e torcer para que não tenha que pagar essa conta.

Já com o Apple Card, a identificação de fraudes será bem mais inteligente. Cada vez que uma compra com o seu cartão não for autorizada, você receberá um e-mail avisando-o disso, para que você tenha certeza que era você mesmo que estava usando.

Imagem: MacRumors

Além do e-mail, o mesmo registro aparece também no aplicativo Wallet, no histórico de pagamentos.

Caso apareça a falha da compra sem ter sido você, é uma evidência clara de que alguém conseguiu seus dados e está tentando realizar uma compra fraudulenta. Nesta situação, você tem tempo de tomar providências, como bloquear o cartão ou comunicar a transação indevida.

Fraude até no Brasil

O Apple Card será lançado em breve apenas nos Estados Unidos, em parceria com o banco de investimentos Goldman Sachs. Porém, as fraudes ao novo cartão não se limitam apenas àquele país.

Antes do lançamento oficial, o novo cartão está sendo testado por funcionários da Apple. E um deles compartilhou com o BDI uma curiosidade bastante pitoresca: uma compra indevida que apareceu no cartão dele, em Reais.

A tentativa foi feita em território brasileiro, apesar do funcionário morar nos Estados Unidos e não ter a mínima ideia de como alguém a milhares de quilômetros de distância conseguiu obter seus dados.

Felizmente nada foi debitado do seu cartão e a compra nunca chegou a ser aprovada. Mas é curioso de ver que os criminosos brasileiros estão fraudando até mesmo cartões que nem foram lançados ainda.


Até o momento em que este artigo foi escrito, ainda não havia uma data específica para o lançamento público do Apple Card. Mas com a liberação do iOS 12.4, isso pode acontecer já nos próximos dias.

Infelizmente não há nenhuma previsão de quando este cartão chegará aos usuários brasileiros.

Via
MacRumors

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo