Apple WatchResenhas

[review] Testamos o novo Apple Watch Series 3

Este ano a Apple lançou a terceira geração de seu relógio inteligente, com a mesma aparência externa dos modelos anteriores. Mas o que realmente mudou? Quem já usa uma geração anterior, vale a pena a troca?

É isso que iremos discutir neste artigo, em que testamos o Apple Watch Series 3.


Nova geração

Estes modelos Series 3 trazem diversas características similares ao Series 2, como GPS integrado, tela OLED de 2ª geração (com 2x mais brilho que a primeira geração) e resistência à água. Apesar disso, o novo processador S3 é 75% mais performático que o S2 do ano passado e 150% mais que o Watch original de 2014. Isso, por si só, deve ser o fator de decisão de troca para quem tem versões anteriores do relógio.

A nova geração também traz altímetro barométrico (para identificar subidas e decidas em caminhadas), além do chip W2 para melhorar conexões sem fio (Wi-Fi e Bluetooth).

A novidade mais destacada pela Apple infelizmente não ficará disponível no Brasil. A conexão LTE (celular) dos novos modelos não será compatível com nenhuma operadora brasileira e, por isso, a empresa nem mesmo oferecerá este modelo em nosso país. Apenas a versão sem celular (chamada de GPS) será vendida por aqui, e foi justamente esta que testamos.

Externamente o Apple Watch não mudou nada desde a sua primeira geração. Tanto que as pulseiras e capas protetoras continuam servindo normalmente entre gerações, o que é ótimo para quem já possui acessórios para o Watch.

Apple Watch Sport de primeira geração ao lado de um Series 3

Neste artigo, enfatizaremos mais as comparações do Series 3 com o de primeira geração. Confira abaixo uma tabela comparativa dos 3 modelos:

Se você estiver lendo este artigo no iPhone, coloque a tela na horizontal

1ª geração (2015)

Series 2 (2016)

Series 3 (2017)

Design externo

Igual

Igual

Igual

Processador

Apple S1

Apple S2

Apple S3

Chip wireless

W2

RAM

512MB

512MB

768MB

Bateria

205 mAh / 246 mAh

273 mAh / 334 mAh

279 mAh / ??? mAh

Tela

OLED Retina (450 nits)

OLED Retina 2ª geração (1000 nits)

OLED Retina 2ª geração (1000 nits)

Capacidade interna

8GB
(2GB para músicas)

8GB
(2GB para músicas)

8GB
(2GB para músicas)

Bluetooth

4.0

4.0

4.2

Geolocalizador

Não

GPS

GPS e GLONASS

Altímetro barométrico

Não

Não

Sim

Água

Resistente a respingos

Resistente a água (50m)

Resistente a água (50m)


O que vem na caixa

Além da pulseira escolhida e do cabo de carregamento, o Series 3 traz também um carregador 5W de parede, coisa que não vem no Series 1 ainda vendido pela Apple.


Compatibilidade

O novo sistema watchOS 4 é suportado apenas pelo iOS 11. Como os novos relógios comprados já vêm com o novo sistema, não funcionam em nenhum dispositivo que não tenha sido atualizado para o iOS 11. Isto serve para os Series 1 comprados a partir de agora.

Como consequência, quem ainda tem o iPhone 5 não poderá usar os novos relógios.


Uso no dia a dia

Em relação ao modelo de primeira geração, a velocidade para abrir os aplicativos é notável. De fato, desde o Series 1 o Watch passou a usar processadores mais rápidos que são percebidos principalmente de abertura dos apps. Como o relógio costuma trabalhar com funções que não requerem grande processamento gráfico, o processador mais potente ajuda mais no momento de passar de um app para outro e não propriamente no desempenhos dos aplicativos em si.

A bateria também está durando mais. Não foi raro chegar ao final do dia com a porcentagem em torno dos 45-50%, em jornadas de exercício moderado. Em dias de repouso (sem exercícios), é possível dormir com ele e ainda usar por boa parte do dia seguinte.

É de se questionar como a adição do GPS já na geração passada não fez com que o dispositivo gastasse muito mais bateria do que as primeiras versões. O fato é que o GPS do relógio só é realmente ativo quando ele está fora do alcance do iPhone; quando o celular está por perto, é o GPS dele que é usado, economizando assim a bateria do Watch.

Outro aspecto interessante é que o Series 3 permite que a Siri dê respostas vocais, como no iPhone. Mas apesar disso, ela continua limitada e em muitas coisas continua pedindo para você usar o iPhone.

Ele também tem um bom desempenho em exercícios na água. O watchOS 4 traz dois novos exercícios aquáticos pré-definidos: Nado em Piscina e Nado em Águas abertas. Nesses casos, a tela não é desbloqueada com o tato (porque o contato com a água faria ela se acender sempre) e sim com a Digital Crown (que nós gostamos de chamar de Coroa Digital). Caso você faça outro tipo de exercício na água (como hidroginástica, por exemplo), pode optar pelo exercício Outro, lembrando de ativar o modo aquático na Central de Controle, para a tela não ficar acendendo.

O GPS pode determinar a distância quando o nado é em estilo livre, porém a água pode fazer com que os sensores cardíacos não consigam fazer uma leitura exata quando o braço está submerso, e neste caso o cálculo de calorias é determinado pelo acelerômetro do aparelho.

O watchOS 4 por si só trouxe melhoramentos para os modelos das diversas gerações, não apenas o Series 3. O sistema analisa o seu histórico de atividades e cria incentivos personalizados através de alertas durante o dia.

O acompanhamento cardíaco está bem maduro. Com o novo sistema, os registros são feitos também quando se está em repouso durante o dia, com o aplicativo Saúde fazendo um resumo de toda a atividade cardíaca.

E a nova notificação em caso de detecção de batimentos elevados é ótima para identificar possíveis problemas cardíacos, como foi o caso recente de um usuário nos Estados Unidos.

Mesmo que a versão brasileira do relógio não venha com chip LTE (4G) interno, ainda assim é possível realizar ligações telefônicas pelo Watch quando o iPhone está próximo. Em nossos testes, a comunicação foi satisfatória sem precisar aproximar muito o relógio da boca. Um som claro e limpo, ideal para momentos em que se está com as mãos ocupadas.

Em nossos testes tivemos uma decepção: na apresentação de lançamento, a Apple nos fez acreditar que o novo Series 3 poderia finalmente ser recarregado com qualquer base sem fio compatível com Qi, o que não é verdade. Nas bases que testamos, inclusive aquelas vendidas na própria Apple Store, o relógio não recarrega. Será uma funcionalidade apenas do novo AirPower (base de carregamento da maçã) que chegará ao mercado em 2018, além de alguns modelos específicos, que a empresa não destaca quais são. Ou seja, o usuário ainda é obrigado a carregar consigo o próprio fio do Watch toda vez que viaja.


Devo trocar o meu Watch atual?

A pergunta que todos que já possuem um Apple Watch se fazem quando um novo é lançado: devo trocar pelo novo ou não?

A resposta é sempre a mesma: depende.

A diferença técnica entre os modelos Series 2 e 3 são pequenas. Ambos possuem GPS, são à prova d’água e apresentam a mesma tela. A diferença fica mesmo no processador mais rápido e no leve aumento de memória RAM, ambos não apresentando diferenças remarcáveis de desempenho. Se no Brasil tivéssemos operadoras compatíveis com a versão LTE, provavelmente seria um diferencial importante, pois significa a real independência do iPhone (no uso diário, visto que ele ainda e necessário para a configuração inicial do relógio). Mas visto que teremos em nosso país apenas a versão GPS, então é seguro afirmar que as diferenças são muito poucas para fazer um proprietário de um Series 2 mudar para o Series 3.

Já quem tem o Series 1 ou o de primeira geração (vulgarmente chamado de Series 0), aí sim pode ter vantagens com a troca, principalmente se realiza atividades dentro da água e não quer deixar de registrar seus dados físicos. O Series 3 é mais rápido, pode ser mergulhado em piscina ou no mar (até 50m) e possui GPS interno para traçar a rota de suas corridas ou caminhadas quando você não quiser levar junto o iPhone.

Apesar disso, os primeiros modelos ainda dão no couro. Mesmo quem possui um relógio de primeira geração ainda consegue realizar grande parte das tarefas que os novos realizam. Para quem não treina na água e está sempre com o seu iPhone perto, os modelos antigos são ainda completamente funcionais, graças ao suporte dado pela Apple à atualização do sistema, que está na sua 4ª versão. Nestes casos, os usuários podem continuar felizes com seus relógios, sabendo que não estão perdendo muita coisa.


Quando chega no Brasil?

No momento em que este artigo está sendo escrito ainda não há nenhum anúncio oficial de quando o novo modelo começará a ser vendido em nosso país. Nem datas e muito menos preço.

A Apple não está mais vendendo o Series 2, mas continua disponibilizando o Series 1 (que é o de primeira geração, com upgrade de processador) a partir de R$1.799,10 à vista (ou R$1.999 a prazo). É provável que o Series 3 venha no mínimo uns R$500 mais caro, variando com o modelo e tamanho. Mas esta é apenas uma estimativa e devemos esperar a confirmação oficial para conhecermos os preços finais.


Pontos positivos:

    • Melhora na bateria
    • Maior velocidade em abrir apps
    • Compatibilidade com pulseiras e acessórios antigos
  • Pontos negativos:

    • Ainda precisa do iPhone para configurar
    • Não carrega com bases sem fio padrões

  • E você? Possui um Apple Watch? Acha que vale a pena trocar ou pensa em permanecer mais um pouco com o que tem? Compartilhe conosco a sua história aqui nos comentários. 😉

    Fonte
    Conteúdo original © Blog do iPhone
    Tags
    Mostrar mais

    iLex

    Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

    Artigos Relacionados

    • Bom review! Uma pequena observação: as novas animações de conquistas nas atividades não são exclusivas do Series 3: o Series 2 também exibe exatamente as mesmas animações. 😉

      • Allan Scofield

        O series 1 tbm 🙂

    • Adelson Junior

      Quebrei a tela do meu watch series 2, já sei que a garantia não cobre, na época estavam cobrando R$ 1639 para trocarem por um novo. será que se esperar mais um pouco, irão trocar por um serie 3? 😜

      • Difícil, porque eles continuam vendendo o Series 1. Mas já é uma boa troca.

      • Cadu Nunes

        Quebrei a tela do meu Apple Watch Series 2 no último final de semana e entrei em contato com o suporte da Apple hoje justamente para questionar sobre isso, já que o Series 2 não é mais vendido.

        A pessoa que me atendeu afirmou que se não tiver como arrumar a Apple NUNCA faz downgrade no caso de ter que trocar o device por um novo. Inclusive ela me orientou a aguardar o lançamento do Series 3 antes de solicitar o reparo.

        • Adelson Junior

          Opa!! uma luz no fim do túnel, vou aguardar também!! valeu Cadu.

      • Cadu Nunes

        Mas é claro que não significa que eles vão dar um Apple Watch 3, mas se não tiver nenhum Apple Watch 2 da mesma versão que o seu, existe uma probabilidade de receber o novo modelo, caso contrario eles vão usar o estoque de Apple Watch 2 que a Apple provavelmente mantém para efeitos de garantia.

    • Alisson Rocha

      iLex, eu tenho um “series 0” e ele veio com o carregador de parede de 5W. Ele foi comprado nos EUA.

      • Endogin

        Tive um Series 0 também é confirmo q veio o carregador também.

    • Guilherme Avila

      Então, tenho um series 2 e ele diz ser a aprova de água, fui fazer um exercício com ele numa piscina e o mesmo morreu, tive que levar em uma assistência, trocaram o aparelho. Desde então nao coloquei mais em nenhum lugar. Agora ficou a dúvida se ele é mesmo à prova de água ou o meu veio com algum defeito.

      • Diogo Lana

        Eu tenho um serie 3 e estou nadando com ele há uns 10 dias. Sem problema algum… só ativar o modo de bloqueio de água….

        • F Veiga 43

          Modo de bloqueio de água não é para liberar a água depois que vc nadou? Como funciona? É aquele símbolo que é uma gota d´água?

          • Diogo Lana

            Esse mesmo! É automático! Quando você escolhe natação, ele já ativa… dps vc gira a coroa pra tirar e é tudo!

          • Endogin

            Esse modo de bloqueio para a água serve para desligar o touch da tela, pois na água o touch capacitivo não funciona. Para acender a tela, além do movimento do braço, ela acende se vc aperta a coroa. Em relógios normais mexer na coroa ou botão dentro da água faz água entrar dentro dele. Ao desligar o modo aquático girando a coroa, o q faria entrar água em qualquer outro relógio, o Apple Watch volta a funcionar o touch da tela e emite o som do falante para retirar a água. No meu Series 2 eu faço o procedimento de tirar água umas 3 vezes, mesmo assim o som fica rachando por volta de 1 ou 2 horas. Confesso q evito molhar também.

        • Guilherme Avila

          Então, mais o relógio ele bloqueia automaticamente, quando você escolhe o exercício em piscina, ou mar por exemplo, repara que pra vce desbloquiar, você precisa girar a digital crown. deve ter sido um azar mesmo, vou perder o medo

        • Eduardo Edu

          Olá Diogo, tenho um Garmin Fênix 3 e ele é espetacular para natação. Gostaria de mudar para o Watch mas tenho receio. Ele marca certinho o estilo e as chegadas? Obrigado.

          • Diogo Lana

            Sim! Eu usava um garmim Swim Fitness e achei ele melhor.
            O app nativo de exercício é bem fidedigno, mas eu ainda uso o app Swim.com. Ele é mto legal. Pra mim, compensa….

      • Alisson Rocha

        Guilherme, deve ter sido azar mesmo.

        • Guilherme Avila

          provavelmente, vou perder o medo kkkkkkkkkk

          • Marco Lindoso

            Foi azar sim. Eu nado com o meu e sempre lavo depois de malhar, pra tirar o suor.

      • Felipe Cruzato

        Eu tenho medo também, mas deve ter sido azar. Eu ainda não utilizei o meu Serie 2 na água. Tenho uma dúvida. Esse modo de bloqueio para água é apenas em atividades para bloquear o touch ou também tenho que usar quando vou tomar banho, por exemplo?

    • Anderson Ribeiro

      Olá pessoal. Alguém saberia me dizer se eu comprar o Apple Whatch só a versão GPS nos EUA ele vai funcionar com o GPS aqui no Brasil? Obrigado

      • Alisson Rocha

        Anderson, vai funcionar perfeitamente.

        • Anderson Ribeiro

          Opa! Muito obrigado Alisson. Valeu mesmo. Abs 🙂

          • Pedro Martins

            Eu ja tenho e funciona

        • Anderson Ribeiro

          Oi Alisson. Estou aqui em Nova York. Comprei relógio. Estou adorando rs. Até pq nunca tive nenhum modelo anterior. Valeu pela dica 🙂

          • Alisson Rocha

            Opa, boa notícia. Tenho certeza que você curtir e aproveitar muito, principalmente depois dos primeiros dias, e depois que você conseguir configurar as notificações, etc. Aqui no BlogdoiPhone tem muito conteúdo que vai te ajudar. Aproveite bem seu novo companheiro. Parabéns pela compra.

            • Anderson Ribeiro

              Valeu Alisson. Obrigado pelas dicas aí rs. Abs

    • Jean Carlos

      Alguém sabe dizer se é possível com o Series 3 usar o spotify sem o Iphone? Ou seja, baixar pelo wifi as músicas pelo series 3 e ir fazer o exercicio apenas com o watch e um fone bluetooth?

      • Diogo Lana

        Até onde eu sei, não tem ainda o app oficial do Spotify. Até tem o watchfi, mas na verdade é só um “controle remoto”

        • Jean Carlos

          Pois é, o watchfi eu já conhecia, mas fica pouco prático, ninguém quer correr com um celular no bolso ou pendurado no braço. Tava em dúvida entre o gear S3 e o Watch series 3, e em canto nenhum fala se vai funcionar sem que precise do iphone.

          • Diogo Lana

            Pois é… eu não sei se virá ou não… esperemos

      • Lucas

        No series 3 será possível na versão celular (LTE), Utilizar o Apple music ou os 2GB que ele possui para musicas assim como no series 1 e 2, mas somente nos Estados Unidos e alguns outros países que o LTE ira funcionar, o Spotify ainda não tem um app especifico no Watch, no Brasil a tecnologia não será compatível com as operadoras (não sei se pode haver alguma mudança) mas usar o modo celular aqui nao sera possivel.

      • Rob Simões 

        Spotify não mas com o Apple Music dá.

        • Jean Carlos

          Então só não há ainda suporte para o Spotify? As funcionalidades existem mas apenas pro Apple Music? Cê já testou? Funciona legal no Apple Music?”

          • Rob Simões 

            Se eu já testei? Tem mais de dois anos que eu uso isso todo dia pra fazer exercícios. Sempre foi possível fazer desde o Series 0 com watchOS 1. Eu só vou pra academia com o Watch com várias playlists sincronizadas e o iPhone fica em casa. Não preciso de mais nada. Quanto ao Spotify, até hoje ele não se deu ao trabalho de criar um app para o Watch. Ainda bem que eu cancelei essa bomba quando surgiu o Apple Music.

    • Endogin

      Meu Series 2 dura a bateria por cerca de 36 horas em uso habitual. O Series 0 durava nem 24 horas. Agora posso sair pela manhã e chegar na noite seguinte sem ter q levar o carregador. Vi não sei onde do pessoal q coloca pra carregar enquanto toma banho, coisa de meia hora, e a carga dura o dia todo, e ainda dorme com o Apple Watch para analisar o sono.

    • Digoloureiro

      Eu ainda continuo sem entender pra serve este relógio, até me interessaria se pudesse sair apenas com ele no pulso e com um fone sem fio escutar musicas do Apple music na nuvem via Internet por exemplo, mas pelo que vejo não será possível! Eu realmente ainda não vejo nada além de um relógio com um visor legalzinho!

      • Rodrigo

        Ouvir musicas da internet só vai ser possivel com o relogio com cellular, mas você pode sincronizar musicas do seu iphone com o apple watch e então usar seu fone bluetooth para ouvir musicas sem precisar do iphone por perto.

      • João Carlos

        Eu to na mesma. Quero um, mas até agora não vi nenhuma utilidade que justifique. E esteticamente prefiro o da Samsung.

      • Don Corleone

        Mas tu podes baixar músicas do iPhone ou iTunes para ele. Comporta até 2 GB ou 200 músicas.

    • O chip wireless do S2 não seria o W1?
      Ótima matéria.

      • O chip W1 veio nos AirPods, Beats Solo3, Powerbeats3 e BeatsX. São eles que fazem a “mágica” de parear facilmente com o iPhone.

        O Watch Series 2 não vem com este chip, apenas o Series 3 vem com a versão mais atual.

        • Legal.. boa explicação.
          Perguntei pq ele tbm tem um chip que se conecta nas redes Wi-Fi em alternativa ao Bluetooth. (Me enganei achando que era isso) Outro dia que restaurei meu iPhone e tbm o S2, estava numa Apple Store e todo iPhone que eu chegava perto, ele pedia pra configurar com o S2.

    • Fabio Carnevalli

      iLex, estou com o meu série 0 e pelo menos aqui está com a animação do círculo, tendo paciência pela velocidade estou feliz com o série 0 apesar de ter que carregar mais vezes pois realmente estou usando muito mais com o WatchOS 4 principalmente a siri interface!

    • Proper

      Ok, o Series 3 evoluiu ainda mais para aquilo que surgiu como algo “para que vou usar isso além de um mero relógio”, ao meu perfil continua a ser um gimmick inútil (mas certamente para que faz atividades físicas e gosta de ter o controle disso e da saúde parece ser um acessório fora de série).

      Agora, fala sério, Apple BR é uma fanfarrona com esses preços, cobrar quase 2 mil no Series 1 por aqui que custa 250 dólares nos EUA. Nem o iPhone SE 32 GB que custa 40% a mais por lá é mais caro que o Serie 1 por aqui, não faz sentido algum essa diferença.

    • Rodrigo

      Pessoal, veja se alguém também esta com o mesmo problema que eu. Tenho um series 0 e quando estava distante do meu iphone ele se comunicava com o iphone através do wifi de casa, mas de um tempo pra ca (acho q desde o comeco do ano) essa função não funciona mais. Ja tentei formatar o relogio e sincronizar tudo de novo com o iphone mas não funcionou. Estou com um iphone 7 plus no ios 11 e watchOS 4.

    • Outra diferença é que o Série 3 no modelo em aço inoxidável está disponível somente em LTE + GPS. Uma pena na minha opinião, por que o modelo em alumínio (que possui somente GPS) oxida com meu suor.

    • Alex iPilot

      Cada vez mais o Series 0 se torna um EXCELENTE negócio para que não pratica esportes aquáticos (acredito que grande maioria). Em todas as outras situações basta ter o GPS do iPhone ao lado, como em qualquer outra atividade física fora do mar ou piscina. E sobre a “resistência a respingos”, eu tenho usado o Series 0 no mar e na piscina sem problemas algum…

      Em termos de acabamento, por exemplo, o Series 3 vendido aqui é bem inferior ao meu Series 0 em inox preto e tela de safira.

    • CHC

      E o monitoramento do sono, o Watch faz ou não, alguém sabe sobre isso?

    • Mas o Watch 3 europeu tem a banda brasileira sim.

      Apple Watch Series 3
      Model A1889 (38mm)
      Model A1891 (42mm)

      LTE
      1 (2100 MHz)
      3 (1800 MHz)
      5 (850 MHz)
      7 (2600 MHz)
      etc..

      https://www.apple.com/watch/cellular/

      • Alexandre de Andrade

        E de que adianta ter a banda se nenhuma operadora nacional dá suporte ao eSim?

        • Verdade! Vi depois que dependeria de parceria com a Apple e as operadoras.

          Uma pena, com esse LTE achei que seria o primeiro watch que eu encontraria alguma utilidade real. Mas pelo visto não vai ser dessa vez.

      • Gustavo Assunção

        Será que vai funcionar? Agora eu compro a bagaça!!!

        • Vai não. 🙁

          • Leonardo Negrisoli

            queria entender o pq da Apple colocar isso então “Hong Kong, Macau, and Brazil will use Model A1889 (38mm) and Model Model A1891 (42mm). Guam will use Model A1860 (38mm) and Model A1861 (42mm).” 😡
            deixa pelo menos uma dúvida no ar, ou to viajando?

            • É deixa.. mas até as notícias vem falando que no brasil não teremos a versão Cellular. Se algo mudar, seria muito bom!

              • Luis Gustavo

                O problema é que a ANATEL não liberou o uso dessa tecnologia (e-sim) no Brasil.

              • Felipe

                Onde você leu isso?

    • Patrick Allen

      Considerando que o Series 3 LTE não será compatível com nossas operadoras, não vejo motivo para sair do meu Series 2, que me atende muito bem em todas as minhas atividades.

    • Juliana Beltrão Pessoa

      Não consigo instalar o WhatsApp no IWatch 3. Alguém sabe como?

      • Don Corleone

        Não há como instalar!

    • Anderson Ribeiro

      Comprei o meu ontem aqui em NY 😀 ⌚️Nunca tive um, esse é o primeiro. Portanto não consigo dizer as diferenças entre um e os anteriores. Mas estou curtindo pra caramba. Só q não consigo postar a foto aqui 🙁

    • Rob Simões 

      Faltou informar que:

      * O Watch Series 3 sem LTE possui traseira de material composto (plástico) enquanto que todos os Series 2 possuem traseira de cerâmica que não arranha e é bem mais resistente;

      * O Series 3 com LTE possui 16 GB de armazenamento;

      * Series 3 na versão com aço inoxidável, tela de Safira e traseira de cerâmica somente as versões com LTE. As versões sem LTE só estão disponíveis em alumínio e tela de vidro.

    • Rogério Faustino

      Uma amiga está no EUA e vai trazer pra mim o Series 3 sou fã da apple depois que comecei a usar o iphone não larguei mais, já tive ipod, macbook pro, tenho certeza que a experiencia será otima com o Watch… Já pensava em comprar aqui mas na loja o modelo basico sai por 2900, semi-novo não sai menos que 1500, aproveitei que iria ter alguem indo pra fora pra trazer o series 3 que na conversão direta custará pra mim 1000 reais +/-

      • Felipe

        Qual modelo você pediu?

        • Rogério Faustino

          Séries 3 gps space gray… o cellular (LTE) disseram não funcionar aqui