Curiosidades

Tim Cook foi cogitado a ser candidato a vice-presidente dos Estados Unidos

Quando Steve Jobs era vivo, muitos chegaram a brincar com a possibilidade dele ser presidente do país, inclusive com uma camisa que virou peça de colecionador. Hoje, essa ideia não parece tão absurda, pelo menos para o partido Democrata, que cogitou alguns nomes de figuras conhecidas no mundo tecnológico para o cargo de vice-presidente da candidata Hilary Clinton. Entre eles, o atual CEO da Apple, Tim Cook.

A informação foi dada pelo site de vazamentos Wikileaks, que revelou o conteúdo de alguns e-mails enviados pela equipe de Hilary em março. Neles, nomes como Tim Cook, Bill Gates e Ursula Burns, CEO da Xerox, foram listados como possíveis candidatos para o cargo de vice-presidente nas eleições que ocorrem este ano no país.

Como sabemos, nenhum deles se concretizou como candidato e não sabemos se um convite formal chegou a ser feito a algum deles. Mas é curioso imaginar como seria Tim Cook como futuro presidente dos EUA e no que isso influenciaria na Apple.

Tags
Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados

  • Leonardo Negrisoli

    Podia ser presidente do Brasil né? Pq aqui o negócio ta osso [cenário político geral apartidário antes que comecem os mimimis]

  • O cara já comanda uma das maiores empresas do mundo, atentando-se o detalhe que ela tem mais capital que o próprio governo americano (pelo menos tinha até a última vez que li sobre), sem mencionar o fato que eles tentariam, usar a Apple e todo seu sistema em favor deles. Por isso o tal convite.

  • Rafael Esteves

    Sou mt Fã do BDI, mas fico puto ao ver que até agora ele não falou absolutamente nada sobre o caso dos iPhones 7 mais lentos, sou consumidor Apple desde 2007, mas este novo “gate” é assombroso.
    iLex queremos imparcialidade

  • Luiz Victor

    Pra mim isso só iria manchar a imagem do Tim Cook…

  • Fernando

    Para mim CEO de empresa é uma coisa, e politico é outra completamente diferente cuja especialidades e aptidões são absurdamente diferentes.
    Infelizmente muita gente acha que se o cara comanda um mega empresa cuja os numeros estão ótimos, ele poderá fazer a mesma coisa com a politica, dependendo da pessoa ela pode até se adaptar e acabar dando certo, mas seria uma rara excessão
    O politico não é só saber administrar, não adianta nada voce ser otimo administrador e péssimo
    “politico”, voce nao conseguiria que nada fosse aprovado, e portanto nao mudaria nada. Politica é uma ciencia muito mais complexa e exige muito mais comunicação, jogo de cintura, engolimento de sapos, relacionamentos etc… A administração por si só acaba ficando para especialistas no assunto dentro do governo.

    Todo mundo precisa de um POLITICO que seja ótimo administrador, que foque no bem da sociedade, e não no enriquecimento próprio, e parar com a ideia de que trabalhar no governo é sinonimo de mordomia, tranquilidade, estabilidade e poder. Quem não conhece alguem que estava prestando concurso publico por causa da estabilidade. (para mim estabilidade permanente deixa a pessoa acomodada inflando o estado)

    • Thiago Andrade

      Pra mim, políticos no Brasil é uma coisa, Políticos fora do Brasil é outra coisa.
      PS.: Concordo com sua opinião acima

  • Alcides Rogério de Brito

    O fim do mundo foi adiado!

  • Renan Souza

    O CEO da marca símbolo do capitalismo, que mais luta contra impostos e o governo americano, que produz fora do EUA para reduzir custos e impostos, que tem mais capital que o próprio governo americano, que é homossexuail, se candidatar a vice presidente do EUA pelo PARTIDO DEMOCRATA? Haha
    Se não for uma piada de muito mal gosto, é, pelo menos, mais um exemplo de como os liberais (americanos ou não) pregam X e fazem Y..
    no mínimo uma puta incoerência haha