Notícias

Apple e Gradiente tentam solução amigável sobre a marca “iPhone” no Brasil

Gradiente

Depois de ter entrado com pedido de anulação do direito de marca em meados de fevereiro, a Apple resolveu sentar e conversar com a brasileira Gradiente para tentar um acordo sobre o uso da marca “iPhone” no país. Segundo o jornal Folha de S. Paulo, os advogados das duas empresas protocolaram um documento na Justiça do Rio de Janeiro no final de fevereiro, pedindo a suspensão da ação por 30 dias, para tentarem chegar a um acordo amigável.

Pelo que parece, a intenção da Apple sempre foi negociar. Mas a entrada com um pedido de anulação da marca serviu para enfraquecer a Gradiente e conseguir assim melhor poder de barganha. A brasileira tinha até janeiro para usar a marca antes de perder os direitos sobre ela, e em um ato desesperado acabou colocando em dezembro o nome em um produto que já existia desde julho, o Neo One. A Apple tenta mostrar que isso foi um ato de má fé somente para não perder a marca, não um real uso de nome em um produto.

xinfrimphone Gradiente

Tudo se encaminha para um acordo financeiro entre as duas empresas. A Gradiente receberá uma grana da Apple (sem ter feito nenhum produto concreto), pagará algumas de suas dívidas e a Apple não terá mais problemas com a marca no Brasil.

Tags
Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados

  • Luís. M

    Quando mais ou menos a Apple pagará a gradiente?
    Alguém tem ideia de quando será?

    • Henrique

      Acho que uns R$ 50,00 está bem pago! Talvez R$ 60,00 para cobrir o custo de estacionamento dos advogados da Gradiente no dia do acordo. 😛

      • Leonardo Cezar

        Melhor comentário cadê o botão de jóinha? Hahahaha 😉

        • Giulliano Adami

          Como diz o “pai do chris”: sem dúvida!

    • Joao Arthur

      provavelmente, na melhor das hipoteses, 750 a 900 bilhoes kkkkkk

    • William F S

      Somente saberemos “quando”, quando estipularem a data para fazer o pagamento.
      Agora o “quanto”, não se sabe!!!

  • Lucas Silveira

    Também quero saber

  • Eu não tenho duvidas de que sera alguns milhões aí!!

  • Verônica Alvernaz

    É um absurdo uma empresa grande como a Gradiente tentando ‘roubar’ uma marca que nao pertence à ela!
    A cada dia eu vejo o quanto as outras empresas tem inveja da Apple!

    • Ricardo

      Me desculpe, mas isso não tem nada a ver. Adoro os produtos da apple, mas sinceramente quem deu bobeira foi ela mesma, pois até uma banca de jornal quando vc abre e vai registrar, e tem que colocar um nome fantasia, é verificado se o nome escolhido já não existe naquele ramo.

      • Wagner

        Voce esta completamente certo,quem errou foi aApple,quem se aproveitou foi a gradiente,tudo esse mi mi mi de que a empresa brasileira agiu incorretamente é balela,marcou perdeu,esta é a importancia que a Apple dedica ao mercado brasileiro.Bem feito,tomara que perca até as calças para a Gradiente,assim como nós perdemos quando compramos os ótimos produtos da Apple

        • Idelfran

          concordo plenamente. só deu valor ao mercado brasileiro depois.

    • Márcio

      Verônica,
      A Gradiente registrou a marcaem 2001, quando a Apple nem pensava em criar um telefone ainda. Então se tem alguém querendo roubar a marca é a Apple e não a Gradiente!
      Se a Apple fosse realmente dona da marca, ela jamais pagaria de bom grado como esta fazendo com a Gradiente neste momento.

      • Euclides da Cunha

        Certo, detentora da marca, mas precisava esperar no limite para poder usar, sendo que o prazo estava no fim? Parabéns, só prova que brasileiro é mais esperto que os outros, viva o Brasil, os idiotas que se f… Quanto mais Renans Calheiros e outros tantos de Marco Felicianos aparecerem melhor para o Brasil, ah e não esqueçam de passar a senha do cartão, pois só o cartão não vale… Parabéns Brasil, Viva o Brasil!!!
        Eu tenho orgulho de ser brasileiro!!!! Eu tenho orgulho de ter tido um presidente ESPERTO Lula!!!
        Tenho orgulho de dizer que votei no Collor para presidente e depois votei de novo para Senador, afinal, pra que ficar lembrando de coisas pequenas né?
        Brasil é campeão!!! Brasil é Campeão!!!
        Campeão da esperteza!!!

        • Wagner

          O brasil é o campeão da hipocrisia,só isto,se condena coisas que com certeza absoluta qualquer brasileiro faria

        • Márcio

          isso aí é oportunismo da gradiente. Mudar o nome de um celular que já existe para iPhone, no último momento, só pra não perder os direitos sobre a marca é dar um jeitinho brasileiro, que dó da gente.

      • Adriano

        Interessante… muita gente usou um argumento parecido: “…a Gradiente registrou a marca em 2001, quando a Apple nem pensava em criar um telefone ainda…”

        A respeito disso, só posso dizer: e quem disse que a Gradiente pensava em criar um telefone?
        Aparentemente, o único interesse dela era registrar a marca e não desenvolver o produto.

        Quanto a questão jurídica, não há o que discutir.

        • iFumachi

          Vdd

          Michael J Fox e o Dr Brown viajaram para 2013, e voltaram em 2001 e registraram a marca iPhone

        • Ricardo

          Muitos pelo visto nem sabem que a Gradiente já vendia/fabricava celulares lá pelos anos de 93/94, eu mesmo tive um ótimo modelo CP 90.

    • Felipe Drumond

      Quando a Gradiente teve a idéia do nome e solicitou o registro no Brasil, Steve Jobs sequer pensava em entrar no ramo de celulares. A Gradiente realizou o pedido de registro do nome em 2000, e a Apple só veio a anunciar o iPhone em 2007.

    • Carlos Eduardo

      A gradiente esta falida Veronica ela nao e mais uma empresa grande rsrs!

    • Idelfran

      amiguinha. a gradiente não roubou nada não. só apple que dormiu no ponto para chegar no brasil. Outra coisa, não uso android e sou 100% apple. Agora, o certo é certo.

  • Luciano Hilton

    Nada como uma boa conversa ($$$$).

  • Tiago

    Tipo, tá na cara que a Gradiente só fez isso pra arrancar grana da Apple. A Apple deveria fazer a proposta amigável: Blz, já que a marca iPhone é da Gradiente, não comercializamos mais o iPhone no país! Queria ver se em minutos a conversa não estava resolvida! Kkkk. Só se os brasileiros preferirem o gradiente iPhone e não o Apple!

    • Fernando Gomes

      Concordo.. Seria bem legal..

  • Ricardo

    Pra quem achava que isso não ia dar nada, que as nossas leis são ridículas e que elas não funcionam, está aí prova que funcionam, ainda mais neste caso onde “o mundo” é fiscal.

    Sobre os valores, li na própria “folha” que a marca iPad na china que era registrada, a apple pagou U$60milhões, e indo por este raciocínio, eu duvido que custe pra apple menos de U$100milhões, visto que é justamente o que mais vende, porém vendo por este lado, se bobear vale mais a pena deixar de vender o produto aqui rsrsrsrsrs.

  • Alberto

    Esse é o respeito que a Gradiente tem com os clientes! Fazer um aparelho GENÉRICO só pra conseguir algum dinheiro.

  • Felipe

    Assim a Gradiente pode voltar a ser uma grande empresa, ia ser bom ver a Gradiente brigando no mercado internacional de smartphones!

    • Adriano

      kkkkkkkkkkkk
      A gradiente não vai disputar o mercado internacional de celulares (sequer o mercado nacional).
      No máximo ela vai disputar o mercado internacional de registro de marcas =)

      • Wagner

        E pq não? Caso não sabia, a alguns anos a Apple estava na mesma situação, ou pior.

        • Adriano

          Sim.
          A Apple resolveu o problema criando produtos inovadores, desenvolvidos através de muita pesquisa (e trabalho).
          A Gradiente parece procurar uma solução mais simples… apostas no mercado futuro de registro de marcas.

  • Marcos Júnior

    hipocrisia, todo mundo falando mal da gradiente, quantos milhões a apple já arrancou de outras empresas com brigas judiciais por esses e outros motivos?
    Eu teria feito a mesma coisa.

    • Ricardo

      Sabe o que acontece? é que muitos ainda estão preso, são fanáticos pela marca, ainda mais brasileiro. Tente explicar pra alguns que existe vida além do iphone, muitas vezes (se não sempre) te chamam de “pobre”, de invejoso, que se não tem dinheiro pra comprar um iphone então não de palpites e bla bla bla.

      Li uma vez que os próprios jovem americanos falaram que o iphone já deixou de ser “cool”, tanto que o lumia 920 vendeu tão rapidamente quanto o iphone, e a quantidade de iphones usados no USA literalmente explodiu, mas tente explicar isso pro povo brasileiro que comprou um iphone em 12x e que ainda nem terminou de pagar.

      Eu até entendo um pouco se pensar pela mesma linha de raciocínio, pois veja bem, a pessoa vai comprar um iphone 5 no mês de abril ou maio, vai comprar um 12 x no cartão e até ele terminar de pagar já lançaram o “provável” iphone 5S e o iphone 6 rsrsrsrsrs, e essa pessoa “tem obrigação” de falar que o iphone é o melhor, até que seja inconscientemente ela vai brigar por esta idéia.

      • Felipe

        Cadê o botão curtir nesses comentários…

      • Victor Ramos

        Cara, esse comentário foi um dos mais ridículos que já li aqui! Sem brincadeira. Primeiro de tudo, se o iPhone deixou de ser tão “cool” lá fora, então pq em todo lançamento se formam filas meses antes para comprar um? Ou todo aquele povo é brasileiro?

        Outra coisa, em que realidade que você vive que todos compram em 12x? Me desculpe a maioria pode realmente comprar em 12x, mas não generalize. Eu não comprei o meu em 12x.

        O fato realmente é que uma empresa que registrou uma marca à 12 anos, e só vem lançar o produto agora, é no minimo muito estranho, não é não? Se fosse para manter o produto dela no mercado, porque ela acha que seria um sucesso, ela não teria aceito fazer um acordo.

        Então sim meu amigo, a Gradiente está dando um jeitinho brasileiro, e querendo tirar dinheiro de uma empresa que já lucrou com um produto descente.

        • Fisioamore

          Eu dividi em 24x…. Hehhehehehe

          • Feranando

            Eu também, dividi em 24x e o meu é pré pago rs.

        • Wagner

          Vítor, caso não saiba, não é possível registrar o mesmo nome, nem parte na mesma categoria, ou seja, quando a Apple registrou seu nome no Brasil ela sabia muito bem o que estava fazendo! E pelo que me consta a Apple não vende nenhum tipo de roupa. Ela Estava tentando evitar de pagar pelo nome que não era dela, a Apple tentou dar uma de esperta antes e se ferrou.

          • Victor Ramos

            Wagner, você acha mesmo que uma empresa do porte da Apple, registrando sua marca em diversos países, estaria preocupada com um registro que tem mais de 10 anos? Convenhamos né cara, quem está dando uma de esperta, é a “nossa empresinha” Gradiente. Como eu disse, se o produto dela fosse bom, não iria querer negociar nada!

        • Ricardo

          Cara…isso é fanatismo ou achar que o mundo só gira pq existe apple/iphone. Eu tenho um i5, gosto dele, porém ser assim é até chato.

          E sobre dividir o aparelho em X parcelas, saiu uma reportagem, se não me engano foi na Veja, onde dizia que aparelhos como o iphone e galaxy S3 em 88% eram parcelados no minimo em 10X, se nao é seu caso tudo bem, mas é a realidade do povo.

          E sobre a gradiente ser ou nao esperta ou talvez como alguns dizem “sem-vergonha” o fato é que a gradiente já fazia celulares muito antes da apple, eu mesmo tive um CP-90 e era maravilhoso pra epoca, o fato é que ela simplesmente passou por uma fase ruim, igualmente a apple passou no passado, e ela estava se re-estruturando, e nessa teve a idéia de criar um nome de um aparelho de iphone.

          Qual é o erro nisso????

          Sinto muito, a apple errou e temos que admitir, tanto que a apple sabia que já existia um nome iphone no país, porem tentou a sorte e nao deu certo.

          Se o aparelho da gradiente é ruim ou nao, é outro caso, o que nao se pode fazer é achar que o mundo gira entorno somente dos produtos apple.

          obs: sinceramente achei o seu comentário ridículo e até mesmo preconceituoso, e prova disso foram as outras respostas dos colegas.

          • Victor Ramos

            Fanatismo? Por que? Qualquer um que defende a Apple então é fanático agora?

            O que eu disse, e acho que você não prestou atenção é que a Apple lançou o iPhone em diversos países, e que a marca registrada no Brasil que até agora, NUNCA tinha sido utilizada em 12 ANOS!!! O que eu critiquei em relação a isso é que, qualquer pessoa em sã consciência que visse uma marca registrada a tanto tempo sem ser utilizada, provavelmente não daria devida atenção, até mesmo pq estava lançando o aparelho em diversos países e a Gradiente estava mal das pernas. E desculpe, mas de onde vem sua pesquisa de que a Gradiente está se re-estruturando? Porque antes dessa “novidade” do iPhone, não ouvi nada sobre isso!

            Outra coisa, meu comentário de forma alguma foi preconceituoso, eu pedi para o Wagner não generalizar, dizendo que TODOS parcelam o aparelho em 12x, 24x. Onde este comentário está sendo desrespeitoso?

            Concordo com o fato de que a Apple errou em não ter dado atenção devida a marca que já existia, e imagino que isso foi devido ao tempo do registro sem utilização, mas não concordo em dizer que a Gradiente está correta. Duvido que se o iPhone da Apple não existisse, ela estaria lançando esse aparelho.

            Não acho que o mundo gira em torno da Apple cara, acho ridículo defender esse pensamento de “jeitinho Brasileiro”, ficaria muito mais feliz em defender uma empresa nacional, do que uma de fora, mas infelizmente as ações que as empresas tomam aqui, são ações típicas Brasileiras, inclusive influência as empresas externas a tomarem a mesma iniciativa, a própria Apple(apesar de ser multinacional) sabe o quanto o Brasileiro não se importa em parcelar em diversas vezes seu produto para comprar algo caro, e pratica preços abusivos em seus produtos aqui.

            E para quem achou meu comentário sobre não GENERALIZAR o pagamento do produto, me desculpe, a única diferença é que prefiro juntar o dinheiro e comprar à vista, justamente para não ficar pagando durante uma eternidade.

    • Idelfran

      concordo

  • Adenilson Ka

    Besta é a apple, sendo mil vezes superior e ainda vai querer entrar em acordo, iPhone, nunca uma outra marca fará igual.

    • Adenilson Ka

      Uma marca Brasileira disputando com uma marca mundial, não sei como a apple pôde se rebaixar tanto assim tentando um acordo, vi um post aqui no blog em que a apple dizia não se pronunciar, agora vejo isso.

      • Feranando

        E vc quer que eles façam o que? Mudem o nome do Brasil para Hiphone? O jeito é um acordo mesmo…

  • Jeferson

    Deveriam pagar pouco, afinal qualquer produto da Gradiente nunca valeu nada.

    • Daniel Zamora

      Não é bem assim, gafanhoto. Pesquise mais antes de falar bobagens em público.

  • George

    Pra mim tem q pagar mesmo….A apple nao patentiou em tempo hábil pq o país nunca foi prioridade pra ela….

    A gradiente patententiou o nome primeiro… Essas são as regras do jogo. Quem pede primeiro ganha. Patentear nome nao tem nada a ver com a criar. Se Dona apple possuísse interesse global teria dado entrada logo depois do lancamento…Dormiu…Perdeu…Como se diz no DIreito:

    “Dormientibus non sucurrit jus…” ( O Direito não proteje os que dormem…). Que isso sirva de exemplo para o mundo e para todos nós em nossas vidas.

    Não concorda? Vai pra uma ilha deserta no meio do nada (aquela de lost) … Certamente lá as leis não valerão muito.

  • Fernando Bicalho

    Provavelmente apenas um acordo de ulgumas dezenas de milhão… No fim a apple sai sem menores ferimentos. Kk

    • George

      É…Pra quem tem alguns billhões (não de reais mas de US$) em caixa…Entra como “despesas correntes”.

      E pensem que esse dinheiro vai ajudar uma empresa que já foi de algum modo referencia nacional. Quem (com mais de 30 anos ) nunca teve um produto gradiente? Longe de ser uma grande marca USA é verdade….Mas se não tivesse trocado os pés pelas mãos (comprando a Philco por exemplo) a IGB Eletronica hj poderia ser uma grande empresa Made in Brazil. Eu sinceramente fiquei feliz com a notícia. Pra mim será uma empresa nacional, que poderia ser hj um grande orgulho nacional como Tramontina, Havaianas etc..
      Pra quem não conhece a marca ela tinha planos de ir longe…Comprou a Garrard inglesa, aTelefunken da alemanha…Se não fossem as coreanas LG e Samsung… MInha opiniao, é que ela iria longe…Lembrem que ate a hj poderosa apple, passou por problemas serios. A Gradiente, mesmo que dificil de acreditar, ja foi sinonimo de coisa boa…Confesso que queria muito ve-la reerguida ( ainda que com alguns $$$ da dorminhoca apple)

  • GIlberto

    ILex, vejo pelas notícias que o abastecimento de iPhones 5 no mercado brasileiro tá bem mau das pernas, algo que parece destoar dos outros anos e mesmo de outros países. Será que esse entrave com a Gradiente pode também ter sido um fator pra essa a fraca distribuição no Brasil?

  • krikaoli

    País de terceira. Nenhuma obra, nenhuma criação, pura especulação.

  • Eduardo

    O Gradiente, nunca fez um telefone bom para os brasileiros, e gora que temos um telefone interessante, ainda quer ferrar a galera. Provavelmente, se a Apple desistisse de entrar com iPhone ou perdesse a causa, essa ele jamais fariam um telefone nem parecido. Ta comprovado com essa porcaria dual chip aí que deve ser um lixo.

  • Alan Cardeque

    A lei é clara, e a justiça, necessariamente, não precisa ser justa. A dona da bola é Gradiente e ponto final. Se a bola estivesse com a Apple, as coisas seriam diferentes? O mundo gira em torno do capitalismo, não de benfeitorias open-sources.

  • Fabio Amaral

    No fim vai rolar uma grana e tudo certo…

  • Alan

    Vou começar a registrar nomes para que empresas comprem esses nomes no futuro, quem sabe ganho uma grana.

  • Ricardo

    Lei é Lei e a Apple tem que pagar.
    Mas isso não tira o foco da seguinte discussão: porque a Gradiente, anos atras, quando a Apple lançou o iPhone no brasil, nao foi atras na epoca? Se vc tivesse o direito sobre um nome ia deixar alguem usar? Eu não. Eles simplesmente deixaram o produto ganhar mercado pra dps pedir oq quisessem, ja que a Apple não vai querer perder nosso mercado. Simples assim. Não tem mais oq discutir. Eles tem direito e foram sacanas. Todos estão certos em alguns pontos ao defender tanto Apple quanto Gradiente.

  • daemon

    eu apoio a apple a não dar um centavo pra gradiente mesmo que ela tenha que usar outro nome qualquer aqui (eu pessoalmente não ligo pro nome se o produto for o mesmo).

  • Bárbara

    A Gradiente foi extremamente cara de pau nisso tudo aí, tá louco.

  • TiãoGavião

    Paga Apple!!! A marca foi registrada pela Gradiente e deu. Gozado, usou de “má fé”?!?! Se fosse a Apple seria “genial manobra empresarial” me poupem 😛

    • Vinicius

      Olha em poucas palavras explicou tudo e ainda temos que ver que a marca foi registrada em 2000, os caras tiveram muita visão, muita mesmo, hoje parece óbvio um telefone mobile mas a 13 anos atrás isso era inimaginável. Sem contar o fato que é uma empresa brasileira, um grande país se constrõe com grandes empresas, torcer contra a gradiente é dar um tiro no pé. Menos fanatismo e mais consciência que negócios são negócios e que apple tb regiatra milhares de patentes que nunca usou e possivelmente não use.

    • JanjaBoy
  • ken

    Apple é Apple, que se dan* a Gradiente com esse xingling

  • Samantha

    Ta, pessoas defendendo a Apple, outras a Gradiente, mas eu acho que a questão é: Se a Gradiente tinha a marca há não sei quantos anos, por que ela foi reclamar seus direitos agora? Depois do iPhone fazer um batia sucesso? Para mim tem coisa estranha ai! Eu nao assistiria de bico calado se uma empresa estivesse usando um nome que eu registrei!

  • Djorge

    Quem registrou a marca foi a gradiente aqui no Brasil e ponto.. Ela tem direito de usa lá da forma e o dia q bem entender… O problema do brasileiro e babar ovo para coisas q vem de fora.. Tenho um iphone 4s.. E pra vcs q defendem a Apple.. Nao sei se vcs sabem.. Mais ate o momento qual função q ela conseguiu implementa ate hj para nos brasileiros? Nada..O Siri passa vergonha sozinho! Parem de puxar saco dos produtos Apple.. Steve Jobs so queria ganhar nosso dinheiro.. Como todas empresas (Internacionais ou nacionais) Querem mais q o Brasil exploda!! Nao fique Com dó da Apple, Ou vc esqueceu qto eh pago num iphone ou iPad aqui! Tudo bem temos impostos?!?! Mas eh igual o mercado de veículos.. Pagamos um absurdo por lixo q temos.. E enqto ficamos discutindo sobre a “tadinha” da Apple q pagara milhões para gradiente, comecem a discutir em quem vcs irão votar e tentar mudar essa roubalheira q existe aqui!
    Acorda galera.. Dane se a Apple e a marca iphone.. Seu celular continuara o mesmo.. Com o nome iphone ou “WiiPhone”

    • Acho irônico alguém que se chama ‘Djorge’ falar sobre “brasileiros que babam ovo para coisas que vem de fora”…
      Bem irônico… 😛

      Assim como você não gostaria que eu chamasse sua mãe de “baba ovo de americano”, peço que você não julgue os que defendem aqui que a mediocridade da Gradiente é deprimente. Se não tem argumentos, não use a agressão para tentar impor a sua razão. Não é nada inteligente isso.

  • Ricardo

    Parabéns Gradiente, você merece esses milhões que irão entrar desse acordo.

  • ali55on

    eu ainda acho que todas as empresas deveriam se abraçar e cantar “age of aquarius” em volta do mar. =P

  • Carlos Jr

    É mais fácil a Apple comprar a Gradiente do que eles entrarem em um acordo amigável.