Rumores

[rumor] Evento da Apple pode trazer surpresas relacionadas à iBookstore

Quando falamos aqui sobre a possibilidade da Apple começar a disponibilizar vales-presentes na iTunes Store Brasil, levantamos a bola sobre a probabilidade de lançamento conjunto da tão esperada iBookstore no Brasil, a loja de livros digitais da Maçã.

Agora, outro rumor começa a circular sobre o teórico evento especial do dia 23 de outubro: ele poderia ser voltado para iBooks.

Coincidência?

Segundo fontes do site The Next Web, o evento do dia 23 será fortemente focado em livros digitais, além da apresentação de um novo aparelho. O chamado “iPad mini” (caso seja real) poderia ser lançado como uma forma mais prática de ler eBooks do que o atual iPad, concorrendo diretamente com e-Readers da Amazon, como o Kindle.

E este poderia ser um momento perfeito para anunciar o lançamento da loja de livros em outros países, como na América Latina e Brasil. Esta possibilidade se encaixa perfeitamente no outro boato divulgado pelo Tecnoblog.

Prováveis novidades surgirão nas próximas semanas. Resta agora controlar a ansiedade até que elas se tornem realidade. 😉

Tags
Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados

  • Jones

    Uowww

    • Luiz

      Faz sentido

  • Be

    Tomara! Esperando..

  • Jones

    Mt bom

  • JanjaBoy

    Agora acredito mais num reader que no iPad mini.

    • Fernando Augusto

      iReader.

      • Ó! Levei fé nessa teoria! 🙂

        • Marcos

          Faz sentido. A veja deste FDS anuncia que a Amazon Brasil entra em operação em novembro, com foco total nos ebooks e no Kindle – sendo que eles já tem na base 300 mil clientes brasileiros cadastrados.

    • Diego Chiquito

      Eu tbm acho. Agora um coisa é certa, não vai se chamar iPad Mini. Concorrer com o proprio produto. Jamais. Deve ser algo voltado para educação, já que sempre foi o lema da apple. iReader. Um produto menor voltado para leitura, que vai fazer coisas que nem imaginamos, junto com a iBookStore Brasil.
      Pra mim faz todo o sentido.

      • Francisco Vorcaro

        Embora eu acredite no investimento em educação que a Apple sempre fez e faz não acho que ela lançaria um simples reader.

        A Apple não lançaria tambémum produto que tiraria o foco de seus macbooks que são usados em muitas escolas por estudantes e professores.

        Mas vanos aguardar e que venham coisas boas 🙂

  • Lucas pedroso

    iPad mini? To começando a me acostumar com a idéia!

  • Renan Wrobel

    Gosto muito de ler no iPad. Mas um incoveniente, em relação a acervo digital, é estudar.
    Claro que por resumos e tudo mais vai bem.
    Mas uma mudança que gostaria que acontecesse é em relação a livros de ensino superior, principalmente.

  • Anderson Campos

    Sim, agora começo a entender a proposta de um ipad menor. Mas, mesmo assim, acho desnecessário.

  • copeta

    iBooks 3.0 para um iPad menor, acho que vai servir mais mesmo é par ler ou pode nem ser um iPad mini mesmo, pode ser um reader, como o JanjaBoy disse logo acima, também acho que tem uma chance de ser isso mesmo.

    • copeta

      *para *chance *mesmo 😉
      50% desse ipad vai ser focado para ler, boto fé nisso!

  • Silvio

    E o novo ITunes que estava prometido para outubro?

  • Allyson

    Sinceramente para mim não faz o menor sentido de um “iPad mini” ser lançado. Mas nunca se sabe, pelo menos não há muitas evidências disso para que na hora não estrague a surpresa como foi o caso do iPhone 5.

  • Luís M.

    Não entendi, com a matéria do iPad mini eu ja estava confuso, agora com esta matéria eu estou mais confuso ainda :S
    A Apple ja disse que vai ter um evento dia 23 ou isso é só rumor? (O evento é rumor ou não é ?)

    • Vini

      Tudo não passa de rumor.

  • TiãoGavião

    Taí coisa que não me interessa, prefiro ainda de papel bem como revistas.
    Quero saber do iPad Mini 😉

  • Levi

    Espero q o “ipad mini” n venha com nada melhor do q o novo ipad, senão eu ficarei decepcionado com a apple.

  • Luciano Hilton

    Nossa, faz muito sentido mesmo. Eu sou um dos que aguarda a chegada da iBook Store ansiosamente. Só espero que as editoras não sejam escrotas (desculpem o palavreado) a ponto de venderem livros digitais pelo mesmo preço de um livros impresso, pois isso não faz o menor sentido.

  • Ernandes

    IPad 7″ para competir com o Kindle? Huumm. Agora make sense. Mas assim, não bastaria ser menor, tem quer ter algo a mais espefico para esse nicho.

    • anders

      “agora”? Kindle existe a anos, pq só agora te fez sentido?

    • Alessandro Fernandes

      Pra competir com os dispositivos de leitura como o Kindle teria que usar e-ink. Se não for assim não é concorrente. Será que seria algo assim?

  • Pedro José

    Agora faz mais sentido! Um iPad Mini para “educação” seria a opção ideal …

  • João Pedro Vianini

    Pra mim: o iPad Mini vai ser focado naquele projeto educacional que a Apple apresentou em Janeiro em NY. Por isso o iBooks vai estar envolvido. Porque o iPad é muito caro para competir com os outros tablets no mercado educacional, já um iPad Mini…

  • Alessandra

    Torcendo pela iBookstore! Afinal o app da Saraiva é uma droga, o mesmo para o do gato sabido e não conseguimos ler os livros comprados lá no iBook ! Vou amar poder comprar na iBookstore !

  • Chilá

    Com essa noticia, acho que teremos nao um iPad, mas sim um iRead. Nao tão potente, mas do tamanho médio de um livro.

    O que acha iLex? Viajei? Rs

    • Não é viagem não. O Janja mesmo já levantou essa hipótese logo acima. 😉

      • Pedro

        iLex, eu não conheço muito sobre leis e tal, mas eu vi em algum lugar que os e-Readers podem ser insentos de impostos aqui no Brasil. Mas acho que se a Apple lançar um device desse tipo, não vai ser exclusivamente para leitura, logo, não poderá insenção, estou certo?

      • Alessandro Fernandes

        iLex,

        Como eu disse acima, um dispositivo dedicado a leitura teria que usar a tecnologia de tinta eletrônica (e-ink), mesma usada pelo kindle, kobo e outros. Alguma possibilidade disso acontecer em um produto da Apple? Pra galera que gosta de ler muito, a única forma de substituir os livros de papel são os dispositivos e-ink. A experiência de leitura é exatamente como da leitura em papel.

  • Victor

    Pelo visto essa semana agora vai ser bastante agitada hein?

  • Ia ser legal se fosse algo voltado exclusivamente para educação, e ser distribuído nas escolas do mundo para auxiliar os alunos.

  • Gulão

    Não consigo mais esperar a chegada do iPhone 5 no Brasil.
    iLex, vc não possui mais nenhuma informação ??

    • TiãoGavião

      (2)
      Nem me fale 🙁
      Mas, sempre vale lembrar:
      Quem tem pressa come cru 😉
      Tem gente vendendo iPhone5 por 3. 250, que tenha tudo bem, mas que tenha um “pato” que pague já são outras, rsssss

      • Gulão

        É, aqui na minha cidade (Jundiaí) a loja MyDock, autorizada da Apple, está vendendo por 3500 .. Não acho que comprar por esse preço seja um bom negocio, mas essa espera é um saco.
        Tomara que até esse suposto evento da Apple no dia 23 já tenhamos alguma notícias sobre o lançamento.

  • Antonino

    Agora estou vendo algum sentido em lançar um iPad menor.

  • Tiago

    será que com esse evento não vem mais novidade? tipo siri em mais línguas com uma nova versão do ios 6? me peguei pensando nisso, e esperando que saia em português, rs

  • Higor

    Até que enfim hein! iBookstore (Y)

  • Marcelo

    Ainda estou torcendo para uma siri brasileira neste dia 23… (sonhar não é proibido né?)

  • Yuji

    Se for focado em educação, com certeza terá tela Retina. (que estava sendo discutido no iMore)
    Mas acho IMPROVÁVEL que a Apple faça algo focado em leitura, não é a cara dela fazer um produto que sirva pra uma coisa mas que não faça outra coisa tão bem… Provável ser ter pelo menos 3 núcleos de GPU d CPU. Pra não “matar” o seu big brother lançado a pouco tempo.
    Estou certo?

    • Yuji

      GPU E* CPU. desculpem. ^^

    • Overlord

      Não iria matar o modelo grande de iPad.

      Pensa num iPad menor e com menos recursos. Uma “porta de entrada” para o universo Apple.
      Hoje em dia, as crianças já brincam normalmente com iPhones e iPads… os iPods são algo tão sem graça para elas.
      O iPad mini seria o modelo ideal para fidelizar uma nova base de cliente e gerar um futuro ainda mais glorioso para a Apple. 🙂

      De qualquer forma, não acredito num iPad mini só como um e-reader.

  • Matheus

    acredito num iReader com sistema bem parecido com o iPod “nano” novo

  • Renan

    Algo me diz que o iPad mini poderá ser do tipo de tinta digital, usado pela Amazon no Kindle, Pode ser que a apple tente inovar, uma tela sem reflexos como a do kindle, mas colorida como a dos iPads atuais, seria uma boa, com isso não vou mais comprar o kindle que estava fazendo planos, :D:D:D

  • Renan Blasques

    Depois do iPhone 5, não duvido mais de nenhum rumor da Apple…

  • JB

    Tem coisa melhor pra os professores (e pra gente) do Brasil em ganhar uma iBookstore no dia dos professores?????

  • Leo

    E que comecem as apostas para o nome…
    iBook?
    iRead?
    iReader?
    iPad Mini?

    Eu aposto em uma das duas primeiras. Aposto em um iOS mais simples que do iPad. Aposto em vários cortes de funções em relação ao iPad pra dar uma duração de bateria monstro, justificando a idéia de ser um reader.

    Lógico que se ele nao for direcionado pra ser um reader, nada disso fará sentido.

    E acho que é uma ótima idéia. Só que vai ser um produto secundário, tipo os iPods hj em dia… iPhone e iPad continuarão sendo os principais iDevices.

  • Leonardo F. M.

    Vamos concordar que, como um ebook reader, o iBooks é simprão de tudo né? Outros apps tem muito mais recursos que o iBooks.

  • Breno Giesen

    será que nosso querido Tim cook
    vai surpreender a todos dessa vez lançando um iReader inves do tão esperado Ipad Mini

  • José Damaceno

    Acho que com a vinda Amazon e outras empresas ao Brasil, a Apple deveria valorizar mais o nosso pais, uma vez que o mundo esta de olho no Brasil, são milhares de shows internacionais, novas tecnologias, lançamentos de produtos voltados ao pais, so a Apple nao enxergou o mercado potencial que nos temos

  • José Damaceno

    Acho que com a vinda Amazon e outras empresas ao Brasil, a Apple deveria valorizar mais o nosso pais, uma vez que o mundo esta de olho no Brasil, são milhares de shows internacionais, novas tecnologias, lançamentos de produtos voltados ao pais, so a Apple nao enxergou o mercado potencial que temos.