Notícias

Diferente do prometido, Apple começa a propor publicidades iAd menos interativas

Quando lançou o iAd (plataforma de publicidade própria) em julho de 2010, a Apple prometeu uma nova forma de fazer publicidade, envolvendo emoção e interatividade. A fórmula seria perfeita, se não fosse complicada. Afinal, a Maçã não pode fazer ela mesma cada banner e a maioria dos clientes ainda possui a mentalidade de que “firulas publicitárias” são inúteis, o importante é vender e ponto. Além disso, montar um iAd interativo não é algo tão barato e fácil (apesar de haver uma ferramenta especial para isso), o que espanta muito anunciante.

Talvez percebendo este problema estratégico, a Apple está começando a aceitar banners simples, sem muita interatividade, como se pode perceber na Itália. Lá, começam a aparecer iAd de aplicativos, que permitem visualizar a página da App Store para o download.

Com isso, a plataforma fica mais acessível a mais e mais anunciantes. Em contrapartida, veremos menos da “magia” prometida para esse tipo de publicidade, não se diferenciando tanto dos outros como AdMob e Adwords. A única diferença é que, quando você vê o símbolo ‘iAd’, tem certeza que pode tocar sem sair do aplicativo.

setteb.it

Tags
Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados

  • Algus Helm

    As vezes quem não entendeu como funciona o esquema foram as empresas de publicidade. Quem sabe eles ainda não estão prontos para tamanha interatividade…

    • Olha, garanto que as agências entenderam muito bem!

      O empecilho SEMPRE são as empresas com baixa verba ou mente bitolada.

      Falo isso mesmo trabalhando em marketing…

  • Yuri

    Nao e natural da apple prometer algo e nao cumprir, algum motivo especial e importante ela teve, penso assim

  • LFGodoy

    Eu não vejo dessa forma… A plataforma interativa ainda esta lá para os anunciantes que quiserem investir neste canal, a Apple apenas esta permitindo a entrada de publicidade padrão. Se ela tivesse substituído um pelo outro, concordo que seria uma promessa não cumprida, do contrário não…

  • iLex,

    Isso não é um anuncio iAd tradicional. Isso que mostra nas imagens são banners da plataforma “iAd for Developers” que tem como base apresentar propagandas simples e acessíveis ao bolso de um desenvolvedor, com o principal diferencial sendo apenas a compra in-App.

    Existem até estudos mostrando que mesmo o iAd for Developers, não compensa pelo ainda alto custo de um anúncio.

    Enfim, isso não é o iAd tradicional. Creio que a fonte da noticia acabou errando feito nessa.

  • Christian Tavares

    Sou publicitário, trabalho em uma grande agência do RS e o iAd já foi discutido em algumas reuniões de trabalho, mas nada muito definido. Ainda é novo para os clientes e até mesmo para as agências.
    Creio que as “firulas” precisam existir apenas se forem relevantes na ideia, senão, acabam ficando gratuitas e isso acaba se tornando mais negativo do que positivo.
    É uma ferramenta que tem muito que evoluir. A Apple lançou muita coisa boa nesses últimos anos e as pessoas tendem a confiar nisso. Porém, uma avaliação mais criteriosa se faz necessária para não entrarmos numa barca furada.

  • Andre

    O iMob agora não sai do aplicativo para visualizar a propaganda. Na minha opinião , se não sair do aplicativo, para mim qualquer um serve. A maioria nem dá para saber de que empresa é. Não vem escrito nem iAd nem iMob.

  • Allan

    Olha, como usuario isto me irrita profundamente. Posso comparar esses Ads a SPAM…se vc baixa apps grátis vc é praticamente obrigado a comprar a versão paga em que a unica diferença é a falta destas porcarias chamadas iAds…é muito chato

  • Tuaregue

    Ó Ilex, estás a usar um tipo de bloqueio de ao meus post’s? Como o Ad Block Plus? É?