Notícias

Orange permitirá recepção de TV no iPhone a partir de janeiro

Agora que é oficial já podemos falar. A operadora francesa Orange anunciou que disponibilizará em janeiro de 2009 o serviço de recepção de TV em streaming diretamente no iPhone 3G para todos os seus clientes. Já tínhamos comentado por cima aqui no Blog, e foi confirmado nesse fim de semana pelo Chefe de Conteúdo da empresa, Xavier Couture.

O serviço já existe há mais de dois anos para outros celulares, mais ainda não era compatível com o telefone da Apple, o que fez com que a operadora mudasse toda a sua estrutura interna. A Orange oferece, através da rede 3G, a transmissão de canais de televisão (abertos e fechados) direto no aparelho, podendo ser visto em praticamente qualquer lugar. E o bom é que não precisa de nenhum trombolho receptor externo para isso.

Apesar do serviço ser inicialmente só para os franceses, a Apple já se mostrou muito interessada no sistema e mantém conversações com a operadora para implementar a mesma tecnologia em seus produtos.

Quem sabe não veremos no resto do mundo o mesmo serviço em iPhones e talvez até mesmo na AppleTV e no iPod touch, via wi-fi?

Tags
Mostrar mais

Ale Salvatori

Applemaníaco desde 1995, quando precisou aprender a usar um Mac em uma semana para conseguir um emprego em uma agência de publicidade. Acha que a Apple não é mais a mesma depois da saída do Gil Amelio.

Artigos Relacionados

  • Max

    Lá na Europa, o protocolo de transmissão da TV Digital é o DVB, e a portabilidade é feita via rede de celular, no caso o 3G. Aqui no Brasil (e no Japão), o ISDB, não é portado via rede de celular, e sim pelas próprias emissoras de TV. Portanto, essa solução não funciona aqui. Aliás, essa era a grande discussão quando estavam discutindo qual o padrão de TV digital seria adotado aqui. As emissoras de TV aberta não queriam dividir a fatia do bolo com as operadoras de telefonia, portanto, fizeram um lobby no governo contra o DVB europeu, em fovor do ISBD japonês. Na época, afirmavam que se escolhessem o DVB, o brasileiro teria que pagar às empresas de telefonia para receber TV digital, e que o ISDB era mais barato, pois a transmissão é de graça. Mas no fim, o que vimos é que apesar de a transmissão ser de graça, temos que comprar um conversor caríssimo.

  • krikaoli

    Nossa eu jurava que era justamente o contrário… Não acredito… O lobby dos vermes venceu… Agora é continuar sentado que nem a gente sempre faz… Uma pena.

  • Edguitarra

    Mas se for por rede 3G eles terão que pagar o download certo? Isso não ficaria extremamente caro?

  • Pois é, o serviço é pago: 20€ por mês para ter direito à tv pelo 3G. Se foi pelo argumento da economia, o modelo brasileiro vence. Hoje é caro comprar adaptadores, mas os próximos aparelhos já devem vir de fábrica compativeis.

    O ruim para nós é que precisa obrigatoriamente de uma mudança no hardware, enquanto que na França bastará um aplicativo dedicado…
    Visto que provavelmente a Apple nunca adotará o sistema japonês, nunca teremos tv no iPhone no Brasil.

  • Guilherme

    Pessoal, por acaso adquiri um iphone da Orange em viagem a frança. Existe uma maneira de fazer o desbloqueio oficial pela Orange?
    se alguém souber de algo agradeço té mais..

  • Você comprou no seu nome?
    Tem duas opções: ou espera 6 meses e liga lá pedindo para desbloquear, ou então pague a taxa de 100€ para que eles desbloqueiem antes do tempo.

  • Max

    É bem isso mesmo, Ale, e temos ainda mais um problema, que ao meu ver é o pior. Com a adoção do ISDB, o sistema digital de TV ficou restrito às emissoras abertas, por isso, temos muito pouco conteúdo de qualidade. O DVB permitiria que mais empresas/pessoas distribuíssem conteúdo, não ficando limitado às emissoras abertas.
    Ou seja, a grande vantagem do DVB é o maior conteúdo, e simplicidade de transmissão (via rede celular). Porém é mais caro, pois tem que ter um pacote mensal junto com operadoras de telefonia, e a qualidade de imagem é pior, não permitindo alta definição completa. Já o ISDB, tem menos conteúdo e requer um conversor caro, porém a transmissão é gratuita, pois é transmitido via UHF, utilizando a rede já existente, e a qualidade de imagem é superior, permitindo alta definição.

  • Gerson Braschi

    Me parece que nenhum de vocês leu o texto:
    “O serviço já existe há mais de dois anos para outros celulares, mais ainda não era compatível com o telefone da Apple, o que fez com que a operadora mudasse toda a sua estrutura interna. A Orange oferece, através da rede 3G, a transmissão de canais de televisão (abertos e fechados) direto no aparelho, podendo ser visto em praticamente qualquer lugar.”
    Igual a Vivo, Claro e Oi.
    A transmissão não tem NADA a ver com DVB. É stream pelo 3G como já existe no Brasil para outros celulares 3G SEM DVB.
    A Apple que dificultou a IMPLEMENTAÇÃO porque queria revender a retransmissão via Loja virtual iTunes.
    Os novos 3GS suportam isto com um pé nas costas. Independente do padrão ISDB-T ou DVB-T. Um abraço e longa vida à Appple, ao Jobs e ao ISDB-Tb.