iOS

Apple adiciona suporte a WebM Web Audio ao Safari

O mais recente beta do iOS 15 inclui opções para ativar o codec de áudio WebM no Safari, sugerindo total integração quando o sistema operacional for lançado no próximo mês.

Disponível como opção na seção Recursos Experimentais do WebKit das configurações avançadas do Safari, o WebM Web Audio, desenvolvido pelo Google.



O WebM é uma iniciativa de código aberto que se propõe como uma alternativa livre de royalties à tecnologia comum de streaming de vídeo na web e serve como um contêiner para os codecs de vídeo VP8 e VP9. No que diz respeito ao Safari, o WebM Web Audio fornece suporte para os codecs de áudio Vorbis e Opus.

A Apple adicionou suporte para o codec de vídeo WebM no Mac no macOS Big Sur 11.3 em fevereiro. A parte de vídeo do WebM ainda não foi implementada no iOS, mas isso pode mudar em breve com a adoção dos ativos de áudio.

O WebM remonta a 2010, mas a Apple tem relutado em adotar o formato em seus sistemas operacionais. Steve Jobs uma vez chamou o formato de “uma bagunça” que “não estava pronto para o horário nobre“. Mas ele já errou no passado quando em 2005 disse que o iPod não rodava vídeos porque ninguém iria querer assisti-los em uma tela pequena. Meses depois, se arrependeu e a Apple lançou o iPod Vídeo.

A compatibilidade com WebM pode significar o suporte a reprodução de alta resolução de certos serviços de streaming, como o YouTube, que dependem do VP9 para transmitir conteúdo 4K. A validação do WebM Web Audio é um passo nessa direção.

Espera-se que a Apple lance o iOS 15 entre setembro e outubro, juntamente com uma lista de novos modelos de iPhone e Apple Watch .

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo