Apple

Apple bate mais recordes de faturamento nos Resultados Fiscais Q3 2015

Cadê a crise? Enquanto empresas como Samsung apresentam queda nas vendas e no faturamento em vários trimestres seguidos, a Apple mais uma vez bate recordes, se consolidando cada vez mais como a empresa mais valiosa do planeta. Na apresentação dos Resultados Fiscais do Q3, ocorrida nesta terça-feira, a empresa mais uma vez superou seus próprios números, vendendo bem mais do que o mesmo período do ano passado.

Este trimestre (Q3) equivale ao período de Abril-Maio-Junho e é, historicamente, o de menor faturamento do ano. E para termos de comparação, ele sozinho já é maior que o Q1 de 2012, que engloba o período de festas natalícias, que é a época de maiores vendas em todos os anos. Ou seja, no seu “pior período do ano“, a Apple hoje está faturando mais que qualquer trimestre na época em que Steve Jobs estava no comando.

Faturamento Apple Q3 2015

A venda de iPhones também cresceu em comparação ao mesmo trimestre do ano passado, ainda aproveitando a onda de sucesso que está fazendo o iPhone 6 e o 6 Plus. Foi um crescimento de 35%, em um momento que todos os concorrentes do mundo mobile estão reclamando que o “mercado está se retraindo“. O crescimento da Apple na China está ajudando muito nestes números.

É de se notar, porém, que as vendas aumentaram 35%, mas o faturamento vindo dos iPhones aumentou em 59%, graças muito ao que comentamos ontem sobre a subida do preço médio. Vale a pena dar uma lida no texto.

Faturamento Apple Q3 2015

Já os iPads, mais uma vez, estão apresentando quedas nas vendas. Há mais de um ano os números do tablet da Apple vendem cada vez menos e neste Q3 não foi diferente.

Faturamento Apple Q3 2015

Quanto ao Apple Watch, a Apple não revelou números exatos das vendas, como já tinha anunciado que faria. Ela incluiu os resultados do relógio na categoria “Outros”, que mistura vendas de iPods e acessórios. Este número, no entanto, mostra um aumento de 56% no lucro em relação ao período anterior, representando sozinha 2,6 bilhões de dólares.

Faturamento Apple Q3 2015

Apple Watch

Apesar da Apple não revelar números específicos sobre o Apple Watch, Tim Cook deu a entender que o faturamento com ele pode ter chegado a US$ 1,4 bilhões, um número maior que, por exemplo, o que a Microsoft consegue com a venda de seus tablets Surface. Alguns “analistas” previram nas últimas semanas que o Watch apresentaria números decepcionantes e que ele estava se tornando um fracasso. Um rendimento de um bilhão de dólares é o “fracasso” que qualquer empresa no mundo gostaria de ter.

Tim Cook comentou:

As vendas do Watch excederam as nossas expectativas, e isso mesmo com nossa incapacidade de abastecer a demanda. As vendas do Watch superaram as do iPhone e do iPad nas suas épocas de lançamento.

A próxima apresentação dos resultados fiscais (Q4) será em outubro.

Leia mais sobre:

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar