Apple Watch

Brasileiro se diz salvo por Apple Watch e recebe e-mail de Tim Cook

Já conhecemos diversas histórias de como o Apple Watch serviu de alerta para complicações cardíacas que poderiam ter acontecido com seus usuários. A mais recente é de um brasileiro, que foi alertado sobre uma crise de taquicardia.

Conheça a história dele e o e-mail que ele recebeu do próprio Tim Cook.






O Jorge Freire Jr. compartilhou sua história em seu perfil do Facebook. Nele, ele conta como o Apple Watch Series 5 o salvou:

Estava voltando de São Paulo quando meu Apple Watch começou a tocar. Ao verificar, a mensagem: “Seus batimentos cardíacos estão acima de 140 por mais de 10 minutos”. Ou algo assim, pois não me lembro muito bem da mensagem completa.

Ao checar o app de batimento cardíaco, a surpresa: 170 BPM. Como estava apenas andando, meu coração não poderia estar com esse batimento.

Fui para casa, deitei e esperei uns 30 minutos para ver se os batimentos voltavam ao normal. Estabilizou em 160 BPM. Ou seja, estava com uma taquicardia.

Corremos para o pronto-socorro. Ao mostrar para a atendente do hospital o Apple Watch, imediatamente me encaminhou para a triagem. Pressão altíssima e, sim, confirmada a taquicardia. O reloginho da Apple estava 100% correto.

Bem, pulando para o final da história: feito todos os exames, sem sinal de infarto. O médico controlou os batimentos cardíacos através de remédio e desde esse dia estou bem. Agora farei uma bateria de exames para checar o que pode ter ocorrido. Para os médicos, juntou excessos do fim de ano, stress, ansiedade e a minha burrice de não tomar corretamente meu remédio de pressão.

Por mais que eu cuide da minha alimentação, acabo não tendo cuidado com outras coisas. Esse episódio foi um alerta do meu corpo que preciso mudar. Largar de lado a preguiça e começar a me exercitar (depois do ok do cardiologista), controlar mais a minha alimentação e, claro, tomar corretamente meu remédio de pressão.

Posso dizer que o Apple Watch 5 me salvou. Não estava sentindo NADA e poderia ter ficado com essa taquicardia por horas. E o resultado disso, bem, você já sabe…

Por causa desse episódio recomendo fortemente a todos o uso desse gadget. Ele pode ser a diferença entre a vida e a morte. Sem exagero. Isso porque a função ECG ainda não foi liberada no Brasil e tenho esperanças que logo seja.

E aqui deixo meu agradecimento aos médicos que me atenderam e à Apple. Obrigado.

De fato, o Apple Watch é capaz de monitorar continuamente os batimentos cardíacos do usuário, e alertar quando algo não está normal. Quando ele identifica uma súbita elevação nos batimentos, com o corpo em repouso, ele emite o alerta para que o usuário possa avaliar se existe algo errado. Em muitos casos, a pessoa nem percebe a anomalia se não estiver com um monitoramento igual ao do Apple Watch, e as consequências disso podem ser fatais.

Com a repercussão, o Jorge recebeu um e-mail do próprio Tim Cook, felicitando-o pela recuperação.

É fato conhecido que Tim Cook responde pessoalmente alguns e-mails de usuários, assim como fazia Steve Jobs. Principalmente quando é relacionado a um caso de sucesso do Apple Watch, o que já rendeu até uma campanha sobre as mensagens que os usuários enviam a ele.

Fonte
Facebook
Tags

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados

    • Eu não faço a mínima ideia da razão de você ter sido bloqueado, mas já não está mais. 😀

    • Gabriel

      Conta pra gente o motivo do bloqueio! Fiquei curioso

  • f.u.

    Excelente matéria! Parabéns uma vez mais a toda equipe do BDI.

  • Italo Torres

    O “reloginho” é encantador, pra quem tem, acredito que é impossível trocar por outro. Eu por exemplo, não saio de casa sem o meu, se tornou parte do meu dia a dia. Thank you Apple!

  • Danchio

    Eu ainda estou procurando motivos para comprar o apple watch (ou outro se tivesse smart android), realmente ainda não fui convencido das vantagens dele.
    PS: Talvez por não ser uma pessoa que faça exercicios fisicos ou que anda muito a pé…

    • KGB07

      Dá uma olhada no vídeo. Talvez ele possa te dar alguma luz

  • Carlos Barreto

    Só falta liberar o ECG. Juro que no dia seguinte à liberação, compro o meu Apple Watch. Será que já foi solicitado à ANVISA?

    • gnc03

      Ja foi sim, ainda nesse primeiro trimestre pode ser liberado pro BR o ECG

      • Carlos Barreto

        👏🏽👏🏽👏🏽👏🏽👏🏽👏🏽👏🏽👏🏽👏🏽👏🏽👏🏽👏🏽

  • Marcos Cazé

    Eu vi essa matéria do blog : “Homem descobre doença cardíaca graças ao Apple Watch”.

    E agora lendo essa : “Brasileiro SE DIZ salvo por Apple Watch…”

    Passa a impressão de que primeira história é verdadeira e a segunda precisa ser apurada. 😀

  • Bernardo Rangel

    Eu tenho um relato sobre o Apple Watch – dia 19/12/2019 minha filha de 5 meses engasgou e foi preciso ir ao hospital, eu estava no trabalho e como estava perto do Natal, o transito estava horrível, tudo parado, tive que ir pro hospital que fica a um pouco mais de 1km do meu trabalho andando/correndo. Felizmente não aconteceu nada com ela, fizemos os exames e tudo bem. Já no hospital, em determinado momento percebi que meus batimentos não estavam baixando, já tinha passado um tempo que eu estava lá,e os batimentos ainda estavam em 140bpm. Dei entrada na emergência adulta pra poder medir minha pressão, pois eles não eram autorizados medir minha pressão na emergência infantil. Quando medi a pressão na triagem estava 16/10 fui encaminhado pra fazer exames e tomar uma medicação para abaixar a pressão, por causa do estresse e com a corrida até o hospital minha pressão ficou bem alta, eu não estava sentindo nada, mas se ficasse com a pressão assim por um tempo, poderia dar problema, logo se eu não tivesse o relógio pra chamar a minha atenção, eu não saberia da minha pressão, não sei se ele me salvou, mas com certeza me alertou que algo estava errado!!!

Back to top button
Close