Aplicativos

Aplicativo permite editar profundidade do modo Retrato em fotos feitas com iPhone 7/8 Plus

Em agosto nós comentamos aqui sobre a possibilidade de aplicativos trabalharem com a profundidade de campo das fotos em modo Retrato no iOS 11. E os primeiros já começam a aparecer na App Store. É o caso do Slør, que permite ao usuário mudar o foco de uma imagem e até alterar o efeito de abertura de lente, modificando a intensidade do desfocamento de fundo.

O modo Retrato é uma exclusividade dos modelos Plus do iPhone 7 e 8. Isso porque eles usam a câmera dupla para identificar a profundidade de campo e assim aplicar, via software, um desfoque natural nas imagens. O efeito final é impressionante para grande parte dos usuários, que veem resultados similares aos de câmeras DSLR profissionais.

Quando a foto é tirada com este modo Retrato, o arquivo da imagem leva consigo todas as informações de profundidade. A partir do iOS 11, estas informações podem ser usadas por aplicativos da App Store, para que sejam aplicados os mais variados efeitos.

O Slør permite justamente isso: manipular as camadas de profundidade de uma foto com estas informações, possibilitando que o usuário ajuste-a como melhor preferir. Com ele, é possível até trocar o ponto focal da imagem, ou mudar a intensidade do desfoque de fundo. Veja no vídeo abaixo como ele funciona:

Ele permite uma maior personalização das imagens de um modo que o iOS nativo não oferece. O aplicativo funciona somente com fotos tiradas em modo Retrato no iOS 11, através do iPhone 7 Plus, 8 Plus ou iPhone X. Não espere que ele aplique estes efeitos maravilhosos em imagens tiradas do modo normal que não possuam os dados de profundidade, pois não é este o seu objetivo.

Slør custa $2,99 e pode ser baixado neste link. Se você estiver no computador, basta abrir o aplicativo Câmera do iPhone e apontar para esta imagem aqui.

Tags
Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados