Acessórios

Withings lança termômetro eletrônico que interage com o iPhone

A marca francesa Withings já é conhecida por lançar produtos que se conectam com o iPhone e o iPad, enviando informações para o iOS. Já testamos aqui o medidor de pressão arterial e já comentamos sobre o smartwatch analógico. Esta semana, eles lançaram oficialmente seu mais novo produto, o Thermo, um termômetro contactless interativo.

Com ele, é possível medir a temperatura do corpo sem precisar tocar o dispositivo na pessoa. Ele funciona como um tipo de scanner que é passado na testa, aferindo assim a temperatura corporal, de forma precisa.

Withings Thermo

Mas qual é a mágica? Ele usa uma tecnologia chamada HotSpot Sensor, que usa 16 sensores infravermelhos para medir mais de 4.000 pontos para encontrar aquele de maior temperatura. Essas medidas são feitas na artéria temporal, considerada a melhor forma de medir a temperatura corporal.

Eles garantem que o acessório é um game changer, pela velocidade do resultado (não precisa esperar mais que alguns segundos para obter a temperatura) e o fato de não ter contato com nenhum fluído ou a pele do paciente, mantendo uma higiene médica até mesmo quando é usado em diferentes pessoas. Sem falar que registra tudo no iPhone ou iPad, para você acompanhar sua saúde.

Ele se conecta com o iPhone através da rede Wi-Fi, ou então pelo Bluetooth quando esta não está disponível, com um aplicativo especialmente feito para ele na App Store. Ele é capaz de identificar até 8 integrantes diferentes da família.

O Thermo já está disponível nos Estados Unidos e Reino Unido, pelo preço de US$99,95. Ele deverá chegar no Brasil bem mais caro (cerca de R$1.000), por causa dos impostos federais de importação. Mas antes, ele precisa primeiro receber autorização dos órgãos reguladores (como a Anatel e, talvez, Anvisa) para poder ser vendido por aqui.

Tags
Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados

  • Gildo Callegon

    putz, estava ansioso esperando o lançamento deste termômetro!!! toda semana entrava no site!!! Show!

  • Leonardo Negrisoli

    Eu tenho a balança dessa marca. Ela é bem legal, mas as vezes da uma sequelada monstra

  • Diego Azevedo

    “para você acomanhar sua saúde.” -> acompanhar

  • Fernando Rodrigues

    De 100 dólares para 1000 reais por causa dos impostos federais de importação? Será só isso?

    • KB

      Com certeza não… Deve ter custo de frete adicionado e imposto de importação no frete também.

      • Fernando Rodrigues

        Ah sim! Agora a conta fechou…

    • Roger Rocha Moreira

      Fora o lucro desmedido. Custar 3 vezes o preço é um absurdo.

  • Felipe Vallt

    Eu fico impressionado com a propagação de informação errada sobre saúde na área de tecnologia (iLex lembra da nossa discussão sobre o app que faria um ECG?)

    A temperatura retal é geralmente considerada a medição mais fidedigna da temperatura corporal interna da criança. A medição da temperatura pela artéria temporal apesar de ser prática pode ser afetada por transpiração ou alterações vasculares e não deve ser usada para tomar decisões clínicas, em outras palavras, não é confiável.

    • KB

      “Temporal artery thermometers are electronic devices that measure body temperature on the skin over an artery in the forehead (superficial temporal artery). The device has a small “cup” that is moved across the skin over the artery. Infrared energy is used to determine the temperature. When used correctly, temporal artery thermometers are accurate for measuring body temperature.” – tirado do site WebMD em Body Temperature…

      • Felipe Vallt

        KB, a minha informação foi tirada do UpToDate, talvez a banco de dados mais atualizado e confiável da área médica no mundo. Eu citei crianças, justamente pela importância de medir temperatura nessa faixa etária e posso te afirmar que não usamos artéria temporal. Outra coisa, quem precisa de acompanhar a temperatura de forma tão criteriosa? Quase ninguém, mas uma aplicação seria para crianças com crise febril frequente, e nesse caso, como ja disse, não optaremos pela artéria temporal.

        Usa-se muito a arteria temporal em adultos pela rapidez e não pela acurácia (apesar de ser bom também!). Enfermeiras costumam ter o aparelho pois precisam medir a temperatura de 20 pacientes 3 vezes ao dia (já pensou ter que usar um termometro e esperar 5 minutos? rsrs)

        Podemos medir temperatura pela artéria temporal? Em adultos sim, s problemas, mas em crianças não se recomenda. E de forma contraditória quem poderia se beneficiar de um aparelho que registra todas as temperaturas seriam as crianças!

        Com 15 reais você compra um termômetro para deixar na sua casa e medir a temperatura de sua família, não existe motivo para adquirir esse produto. Entendeu?

        • KB

          Realmente não me atentei que especificou crianças no seu post. Talvez a proposta de associar imagens de crianças para divulgar o produto não tenha sido feliz.
          Agora precisaria analisar o Whitepaper do produto e entender sua tecnologia. Talvez tenha algo revolucionário. De repente a forma como que implementaram os tais sensores (do texto, “Ele usa uma tecnologia chamada HotSpot Sensor, que usa 16 sensores infravermelhos para medir mais de 4.000 pontos para encontrar aquele de maior temperatura.”) garanta uma precisão de margem de erro baixa. Até procurei no site deles, mas não achei nada mais tech do que o marketing padrão… então pelo incerto, para crianças melhor prevalecer o tradicional método.

  • Alex iPilot

    O Watch poderia medir a temperatura??? Me parece mesmo que ele ficou bem aquém do que fora planejado como revolução em cuidados de saúde…