Rumores

No futuro, a Siri poderá atender suas ligações telefônicas

Secretárias eletrônicas eram o top da tecnologia na década de 80, facilitando o recebimento de recados quando não se estava em casa. O tempo passou, os celulares vieram, e a função acabou ficando cada vez mais esquecida, principalmente porque muita gente prefere desligar quando escuta a frase “Esta chamada será cobrada após o sinal“.

Quando Steve Jobs apresentou o iPhone, em 2007, uma das funções revolucionárias era um serviço de secretária eletrônica visual (o Visual Voice Mail, descrito neste artigo), que permite escolher em uma lista o recado que você quer escutar, sem precisar ter que ficar ligando para a operadora e ser obrigado a escutar todas as mensagens gravadas. O serviço ainda existe, mas depende da boa vontade das operadoras em implementar o serviço. No Brasil, apenas a Claro disponibiliza isso para os seus clientes.

Para não ficar na mão das operadoras, a Apple pensou em implementar seu próprio serviço, que funcionaria pelo iCloud e contaria com a ajuda da assistente virtual do iOS, a Siri.

Quem traz a informação é o site Business Insider, afirmando que a equipe de desenvolvimento da maçã já estaria preparando algo do tipo para 2016. Vários empregados da Apple já estariam testando o serviço, que por enquanto está sendo chamado de iCloud Voicemail.

Apesar de ser um rumor, já se sabe que a Apple pelo menos está pensando no assunto, pois publicou uma patente referente a isso ainda em 2012. Nem toda a patente da Apple chega ao mercado em forma de produto, então é preciso esperar para ter certeza de algo. Saiba que apenas é uma grande possibilidade.

A novidade é que toda a chamada não atendida não iria para a caixa postal da operadora, mas seria atendida e respondida pela Siri. Ela falaria uma frase explicando que você não pode atender e ouviria o recado da pessoa. Este recado seria traduzido em texto e enviado para o seu iPhone, para ser lido depois. Nos dias de hoje, as pessoas estão preferindo muito mais ler textos do que ouvir gravações, pois é muito mais rápido e pode ser feito em qualquer lugar.

Mas ainda não se conhecem os detalhes técnicos de como funcionaria a função. A Siri hoje precisa estar conectada na internet para enviar a voz aos servidores da Apple e traduzir em texto. No caso do iCloud Voicemail, o que aconteceria se o celular estivesse desligado ou em uma área sem cobertura? E em conexões lentas, a Siri faria a pessoa esperar até ela interpretar o que foi dito? (sabemos que às vezes ela demora para fazer isso). E quem liga, não teria mais a possibilidade de desligar antes de ser cobrado? Várias questões que só poderão ser respondidas quando a Apple anunciar oficialmente o serviço. Se é que ela irá mesmo anunciá-lo um dia.

Tags
Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados