Notícias

Lista dos 16 países com os iPhones 5s mais caros do mundo

iPhone 5$

Não precisamos ser óbvios em repetir uma notícia que damos desde 2008 e que se repete todos os anos: no Brasil, temos o iPhone mais caro do mundo. E isto é algo do qual não nos orgulhamos.

Mas como curiosidade, vamos listar os 16 países onde ele é mais caro, para entender melhor a situação.

O levantamento foi feito pela empresa MobileUnlocked, mas não incluía o Brasil. Nós incluímos.

 País Preço (em dólar) Equivalente em Reais
1. Brasil US$ 1.223 R$ 2.799
2. Jordânia US$ 1.091 R$ 2.496
3. Turquia US$ 1.063 R$ 2.432
4. Romênia US$ 1.012 R$ 2.316
5. Hungria US$ 1.004 R$ 2.297
6. Grécia US$ 999 R$ 2.286
7. Malta US$ 985 R$ 2.255
8. Itália US$ 985 R$ 2.254
9. Dinamarca US$ 978 R$ 2.238
10. Lituânia US$ 958 R$ 2.192
11. França US$ 958 R$ 2.191
12. Suécia US$ 953 R$ 2.181
13. Polônia US$ 953 R$ 2.180
14. Noruega US$ 946 R$ 2.165
15. Finlândia US$ 944 R$ 2.160
16. Portugal US$ 944 R$ 2.160

Como se vê, o iPhone não é um aparelho barato em nenhum lugar do mundo. A diferença é que na maioria destes países listados, o salário mínimo é muito maior que o nosso e a população tem mais acesso aos produtos sem precisar fazer grandes esforços financeiros.

Na tabela, é interessante notar que o Brasil é o líder isolado, com um preço de quase US$200 a mais do segundo colocado. É muita coisa. E isso que estamos falando de países que também cobram taxas “exóticas”, como a França que põe um imposto de “cópia privada” sobre eletrônicos com capacidade interna de armazenamento, pois os usuários podem usar o iPhone para copiar músicas digitais e, por isso, este valor é repassado às gravadoras musicais.

O mais estranho é constatar que em todos os países o iPhone 5c de 32GB tem exatamente o mesmo preço do iPhone 5s de 16GB. No Brasil, a diferença entre os dois modelos é de R$400, quantia que já daria para comprar um Apple TV. Por que isso?

No início da semana, fizemos aqui um gráfico comparando a evolução de preços do iPhone no Brasil. Não tem sentido dizer que os preços aumentaram sem analisar o mesmo aumento do dólar no período. E neste ponto, a variação na moeda americana não é tão gritante quanto aquela em real.

Variação de preços do iPhone

A culpa é de quem? Bem, não temos a pretensão de responder aqui a esta pergunta filosófica. Só sabemos que os preços no Brasil, não só do iPhone, são absurdos há tempos. E não é xingando os outros de “otário” e “trouxa” que mudaremos isso. Aprendamos a respeitar, antes de tudo, a liberdade de cada um usar o seu próprio dinheiro como bem quiser.

O que vimos nos comentários nos últimos dias foi uma prova de que o brasileiro adora reclamar e apontar o dedo para o outro, mas não faz nada de efetivo para as coisas realmente mudarem. Vir na internet e dizer “tem trouxa que compra” é o escape vicioso do brasileiro que se sente, assim, em dia com suas obrigações e não faz mais nada para mudar o país. É o mesmo que, muitas vezes, vota em branco ou vota em qualquer um porque não tem “saco” de analisar todos os candidatos. É o mesmo que compartilha a página da Unicef sem nunca ter doado nada para ela.

Se você acha o preço caro, não compre. Sério. E não se iluda com parcelamentos, o preço continuará salgado da mesma forma. Arranje formas alternativas, compre o aparelho usado de alguém ou então consiga uma forma de comprá-lo fora do país. Há diversas formas de não precisar pagar este preço absurdo pelos produtos aqui no Brasil. Mas ao mesmo tempo, não menospreze quem optar por comprar aqui, pois todos temos o direito de decidir o que fazer com o próprio dinheiro. Não aceitar isso é ser autoritário e infantil.

O que precisamos é amadurecermos como cidadãos, tanto na hora de decidir o que comprar quanto na hora de respeitar a liberdade individual em um sistema democrático. Só assim conseguiremos começar a mudar as coisas.

Tags
Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados

  • Bino

    BRASIL SIL SIL..

    • iJunior

      SOMOS OS MELHORES!

      Pelo menos em alguma coisa.

      • Paulo

        Perfeito. Acha caro não compre. Se todos agirem assim o preço baixa. Enquanto tiver gente fazendo fila de madrugada para comprar ………….

        • Betocpb

          Sim, concordo.

          Mas NÃO chamem quem comprou (e PODE pagar preço REALMENTE alto) de burro ou trouxa.

          PS: Paguei R$ 1.423,00 no meu iphone 5s GOLD (16 GB) na Vivo no plano 4G com 400 min em 6x sem juros.

          • Eduardo Oliveira

            Betocpd se sabe me dizer quanto tempo temos q esperar até poder cancelar esse contrato com q vivo e quinto sai a multa?

        • Betocpb

          Sim, concordo com o Paulo.

          Mas NÃO chamem quem comprou (e PODE pagar preço REALMENTE alto) de burro ou trouxa.

          PS: Paguei R$ 1.423,00 no meu iphone 5s GOLD (16 GB) na Vivo no plano 4G com 400 min em 6x sem juros.

          • MBlaster

            Beto, bom negócio. Vc fez portabilidade?

            Na loja Vivo do Barra Shopping (RJ) o 5S 16 está por R$1.749,00 no plano 400 e só parcela em 3x.
            R$2.650,00 no plano 200min. e R$2.750,00 no 100min.
            5S, eles disseram que só receberam o 16. Ainda não tiveram nem o 32 nem o 64.

        • aleexecutivo

          Posso até entender todas essas críticas, mas se pararmos pra observar independente do brasileiro receber um salário ou 10, ele vai querer seu iphone parcelado ou não, vai economizar de várias formas sabendo que existem outras prioridades mas vai querer adquirir um dos simbolos máximo do capitalismo, ou seja, pode ser caro mas sempre vai tr comprador, é só vr as filas no dia de lançamento, a pessoa perde um dia de trabalho pra comprar o aparelho, não sei se loucura, fanatismo ou ignorância, não sei se ele é de classe A B ou C mas o certo é q quando se tem a maçã nas mãos a satisfação é garantida, e quanto as taxas abusivas, elas sempre vão existir, lutar contra o governo é q não dá né.

      • Leandro

        Falou tudo Alvaro.

      • Reili

        kkkkkkkkkkk Boa!

    • ihenrique

      O preco das coisas no brasil refletem o fanatismo e deslumbre de uma sociedade pouco esclarecida que vive de ostentação suburbana. Não é so o iphone, tudo sofre o processo de glamourizacao mambembe. É muito fácil ludibriar um povo pouco esclarecido que vive um sonho de riqueza e poder que não condiz com a realidade do seu dia dia. Mas no final todos estão felizes, e alguém tem que pagar a conta do festas “sofisticadas” de lançamento, regado a espumante vagabundo servido em copo de plástico!

      • x_jeferson

        lei da oferta e da demanda.. 🙂

    • Leonardo H.

      ia comprar uma moto essa semana…

      mudei de ideia e comprei um iphone 🙂

  • Brian

    Só aqui mesmo!!!

  • Jose

    Na Italia, tenho parentes que recebem mais de 6.000 dólares. Ainda dizem que é considerado mediano.

    • michelle rocha

      Jose,

      mediano nao é mediano NEM nos EUA….um salario de 6mil dolares nos EUA é otimo
      6 mil dolares aqui dá mais de 12mil reais … dá pra viver bem no Rio, pagando aluguel, q é o mais caro do mundo

      • Pablo

        Michele, quando realiza essas comparações, não deve fazer a conversão da moeda… A comparação correta seria 6 mil dólares para 6 mil reais. Fica a dica! :p

    • michelle rocha

      é mais caro no Brasil pq a gente PAGA.
      Todo mundo tá careca de saber disso.

      • Victor

        Concordo plenamente com isso!!

        Todo mundo achou absurdo os preços.. Mas as filas na madrugada estão sempre iguais.. Sempre esgotado.. Se eu fosse eles continuaria aumentando para ver até aonde vai…

        O maior absurdo é a vivo vender o iPhone 5S de 64Gb mais caro que um Mac Air…. Isso pra mim foi a pior notícia da semana.. É o cúmulo!

      • Davi Batista

        Fato

      • Paulo

        Este é o ponto!!!!

      • McKoe

        Falou tudo Michelle. Vou comprar o meu lá fora, em 2015. E olhe lá.

      • Thiago Buccos

        Meio óbvio não?

      • David

        Mas nos outros países o povo também paga. A diferença é que o povo já começa a pagar menos que aqui, ou alguém vai dizer que ele foi caindo de preço nos outros países, menos aqui? Até porque a procura nos outros países é maior que aqui., então nem da pra vir com a desculpa de oferta e procura.

    • Rodrigo Vieira

      O problema se chama “12x Sem Juros”. Ninguém pensa: “Vou pagar 2800” e sim “vou pagar 230 reais por mês”. Mas até a mídia explora isso, afinal, quantos a maioria dos anúncios de carro são: “Parcelas de até 800 reais ao mês”.

      • Evandro

        Está ai um fato relevante, esses tais “12x sem juros”. Alguém imagina que não há juros embutidos nesse preço? Lógico que há! Nós brasileiros temos essa cultura de parcelar tudo, porque supostamente não conseguimos juntar para comprar a vista.

  • Jean

    Uma ideia seria colocar a variação do dólar nesse mesmo período.

    Acho que dá para usar a cotação do dia do lançamento de cada modelo aqui no Brasil.

    Abraço

    • michelle rocha

      isso!!!

    • O gráfico já faz exatamente isso.

      • Jean

        Certo,

        Eu li errado. Eu imaginei que uma comparação do preço EUA com o preço BRASIL.

        Então, seria legal adicionar a evolução do preço EUA no gráfico.

        []s

        • Não vejo sentido fazer comparação com o preço dos EUA. São realidades diferentes e lá o preço nunca muda.

          • Lucas Cavalcante

            Nós, brasileiros, temos que entender que ganhar x dólares lá nos EUA é mais “fácil” do que ganhar x reais aqui, deixa eu explicar melhor, é mais fácil conseguir 100 dólares lá do que 200 reais aqui no HU3HU3 BRBR
            assim fica mais fácil compreender que o Brasil é apelão

  • Leonardo

    Eu não sei muito bem, mas o novo iPhone terá-

  • Jonathas Figueiredo

    É tetra!!! É tetra!!! É tetra!!!

    • Carlos Alencar

      Melhor comentário. Hahaha

    • Carlos Alencar

      Melhor comentário haha

      • Marcos

        Kkkkkk

  • Max

    É por isso que o Brasil está como está! Não adianta estar um absurdo o preço, tem gente que não está nem aí, vai e paga…quem não tem que se dane! E é assim em tudo. O Brasil é um pais perdido, dividido em mil classes sociais, administrado por bandidos que riem da nossa cara tamanho o absurdo de se pagar um valor desses num aparelho…assim como os donos dessa operadoras que de tanto dinheiro devem estar tomando banho com champanhe e defecando diamante enquanto riem da nossa cara: nossa esses brasileiros são uns otários mesmo!!!! Com um valor desses viajem para o exterior e comprem lá, quem sabe esses empresários nao diminuam o excesso de gargalhada da nossa cara.

    • Marcelo M.

      Você leu o texto, amigo? Parece que não! E, se leu, não entendeu nada…

      • Lucas Silveira

        [2]

      • art

        hahaha incrível. o cara acho que não leu o texto.

      • art

        Cada um faz o que quiser com seu dinheiro, né? Quem critica o rei do camarote, não vai poder criticar os reis da fila! hehe

        • Eu tenho a impressão que o que é criticado no rei do camarote foi a atitude dele em se aparecer para todo o país e se achar o bonzão por isso. São coisas diferentes.

          • art

            Oi iLex.
            Eu acho que isso que você disse foi parte da crítica. Mas grande parte também foi: como alguém gasta fortunas assim em um país com tantos problemas sociais, morrendo em filas de hospitais, mendigos nos semáforos, etc.

            • Rodrigo

              O “problema social” pode ser um problema meu, seu… Não se iluda achando que todos os brasileiros adotam esse problema para si.
              Faço alguns trabalhos sociais, me preocupo com a população que não tem condições mas, as vezes acredito que nem essa população se preocupe com a sua situação precária.
              A minha prática anual é sempre, quando se lança um novo modelo de iPhone eu vou lá em compro o anterior e, geralmente fora do país.
              Dizer que eu não queria ter o iPhone 5S agora, é mentira… Eu queria sim mas, avalio que não preciso… Se alguém avalia que precisa e pode ter, que o tenha… Não é um crime gastar o que se tem… Tá certo que muitas vezes não se tem mas, aí… Fazer o que? Cada um na sua mas, gostando e querendo ter o que é bom, mesmo que seja caro pra caramba!

      • art

        Dinheiro é poder. Quanto mais dinheiro temos, mais poder temos. Sejam mil reais ou 10 milhões.
        Quem tem poder, tem responsabilidade. Seja um diretor de escola, um chefe duma empresa ou… quem tem o poder do dinheiro, cidadão comum, cada um com sua quantidade.
        Pra mudar as coisas precisamos de algum poder.
        Como vemos, existe uma critica massiva chamando de “idiotas” e “trouxas” aqueles que compactuam com essas vendas caras. De outro lado vemos respostas dizendo que cada um faz o que quer com seu dinheiro. Na minha opinião AMBOS estão certos. Cada um faz o que quiser com seu dinheiro (poder) DESDE que tenha responsabilidade. E tanto os reis do camarote ou os reis da fila não tem isso. Tem o dinheiro/poder e não tem a educação/responsabilidade social que é o que faria o país mudar. Não ir numa estréia, abdicar de viver com o luxo de um carro caro ou de um iphone hoje (boicote) para que o amanhã seja mais próspero. Lendo-se que o amanhã pode ser daqui 1 ano, 10 anos, para nossos filhos ou netos. Chega de imediatismo, nenhuma sociedade mudou do dia para a noite. É educando os “idiotas” e “trouxas” de hoje a pensarem mais além que vamos mudar o Brasil. Terminar com o custo brasil, onde o comércio bota preços lá em cima até onde as pessoas estão dispostas a pagar. Não fiquemos mais dispostos a pagar! Mesmo tendo condições de comprar aquele carrão ou o iphone. Aceitemos viver com um carro popular ou um celular simples se quisermos que o Brasil um dia mude. Se nao for para nós, que seja para nossos filhos e netos. Aceitem isso. Ou abdicam agora ou aceitem serem explorados.
        Por favor, publiquem esse meu comentário com minha opinião sobre a atitude do brasileiro.

        • Rodrigo Cunhabh

          Tu fala dos problemas sociais como se o ônus fosse todo do “rei do camarote”. É dever do Estado promover o bem de todos, sem preconceitos de origem, raça, sexo, cor, idade e quaisquer outras formas de discriminação. Nossa luta não é contra um ou outro indivíduo que usa o dinheiro de forma desenfreada… Afinal, quem colocou os governantes no poder fomos nós! Talvez, tenhamos que refletir… Quem são os inimigos?! Olhe para si e pense como será sua contribuição nas próximas eleições!!!

        • Rodrigo

          Art,
          concordo em partes com seu comentário mas, sinceramente… Qual é o modelo do seu telefone? Tablet? Carro?

    • michelle rocha

      reacinha

  • Leonardo Negrisoli

    Nossa iLex, vc disse o que eu estava pensando há tempos.

    Da raiva ver as pessoas dizerem “tem otário que compra”. Essa mesma pessoa que disse isso muitas vezes tem um carro, que 100% das vezes é infinitamente mais caro que no exterior, essa pessoa tem uma TV LED de X” com Blu-ray que também são mais baratos lá fora e assim vai.

    Não acho otário ou trouxa uma pessoa que não tem como comprar um iPhone fora do país e resolve comprar aqui usando seus pontos, pegando planos mais caros etc etc etc.

    Muitos ainda precisam para de criticar o outro e olhar para o próprio umbigo.

    • Andre

      rapaz, até compreendo em termos…
      um carro a gente não consegue ficar sem devido nossa situação atual de transporte público e até mesmo segurança as vezes.
      Agora, celular…TV, já dá pra evitar sim ou ao menos buscar alternativas eu diria.

      =)

    • Gabriel

      O problema é que lá fora é mais barato. Então se a pessoa vai e compra aqui ela é necessariamente um retardado

      • Daniel

        Não eh porque eh mais barato lá fora q vc deva comprá-la fora, e outros custos que ninguém conta, como passagem, hotel, alimentação !!! Viajar pra fora também precisa de tempo, comprar um iPhone na frança vc vai precisar de pelo menos 1 fds e torrar sua grana pra dizer paguei mais barato lá fora mas e o resto?! Dizer q fez um passeio na europa?! Isso sim eh um imbecil! Salvo o q vão ou já programaram para passar férias mas neste caso eh a minoria!!!

        • Cell Filho

          Eu, sinseramente, prefiro ser um imbecil viajando pela europa do q um trouxa numa fila da Vivo… O custo eh bem parecido!!! =D

  • Marcelo M.

    Falou e disse, iLex!
    O brasileiro reclama da pior maneira possível: senta-se e esperneia…
    : (

  • bruno

    e viva a liberdade de escolha

  • Verena

    É justamente por isso que não irei comprar, pelo menos não aqui no Brasil. Tenho o 4s que me serve muito bem. Então nada de pressa pra comprar o 5s. Mas o Brasil realmente tem que se superar em tudo e sempre ter que cobrar muito mais caro do que é realmente necessário.

  • William Fernando

    O que me espanta não é o preço alto. O que me espanta é ver que mesmo com esses preços absurdos os brasileiro compram e depois reclamam do aumento 0,30 centavos no transporte público.

    • Mario

      O que me espanta é uma pessoa que compara um Iphone com o transporte publico, que é um direito básico do cidadão em qualquer parte do mundo democrático e civilizado.
      E ainda tem a coragem de postar isso 2 vezes!!!!

    • Luis

      Perfeito..!

  • Giovanni Zanella

    Um bom começo para protestar como o alto preço é acabando as expectativas das operadoras no lançamento. Mas infelizmente tem muita gente que vai e compra o aparelho.

  • Luan Carlos

    pelo menos o Brasil é o primeiro em alguma coisa

    • Marcelo M.

      hehehehe!!!!!

  • Cezar

    Se o brasileiro não fosse tão trouxa e não corresse atrás como alguém que necessita do iPhone pra ontem, certeza que algo mudaria. Lei da oferta e procura. Enquanto tivermos “patetas” dispostos a serem convenientes com esse absurdo, as empresas estarão fazendo o que quiser com os “trouxas”. Não se trata aqui de dizer quem pode ou não pode comprar… afinal, cada um faz o que quer com seu dinheiro e ninguém tem direito a se meter, porem acho que ja chegou a hora de acabar com essa palhacada nesse pais de m, sem governo… em outro post sobre os preços praticados pela Vivo comentei a respeito… o custo de produçao do aparelho pelo que li fica em torno de 200 dolares. Aqui cerca de 6 vezes mais, nas operadoras mais decentes ( exclua-se aqui aquela que acha que seus clientes sao otários ). Compute-se os impostos, mesmos assim, um ABSURDO TOTAL…

    • art

      Concordo que é o imediatismo do brasileiro que faz ele pagar os pecados que paga

  • William Fernando

    Brasileiros compram com esse preço absurdo e depois reclamam de 0,30 centavos .

    • André F. Pelegrini

      Mas que comparação desmedida e descabida, eu teria vergonha de fazê-la.

      Gritem, ameacem e destruam se R$ 0,05 forem injustos! Errado é não brigar por R$ 0,30 injustos.

      Agora se mesmo assim alguém achar que um Smartphone é produto/serviço/artigo de primeira necessidade, nem vale a pena iniciar uma discussão sobre valores de consumo e clientelismo.

  • Max

    Sistema democrático?? vivemos uma ditadura disfarçada…dessa vez comandada por corruptos vestidos de terno e gravata!!!

    • Eder

      E quem foi que colocou os corruptos no poder se não os próprios eleitores?

      • Lucas

        ELES (politicos) MESMOS! Vc acha q eles nao controlam a midia? “Bolsa Familia”, “Minha Casa Minha Vida”… O povo acha que o governo ta fazendo alguma coisa, pq o povo nao pode ter senso de critica, pq nao tem acesso aos meios de comunicacao! Enquanto a classe media nao mudar o pais, a classe baixa vai cobtinuar votando no atual governo, e de olhos fechados!

  • fabio souto

    França e outros países cobram impostos altos, porem você tem colégio e hospital grátis, serviços do governos tudo grátis, não existe taxas como icms, ipva e cidadão que mora na suécia, quando faz 18 ano ele tem moradia grátis do governo, faculdade entre outras coisas, aqui no brasil não 🙂

    • Cdesign

      Como se tivéssemos boas opções. E se existisse, o sistema é corrompido. Entra santo e sai roubando

  • Cezar

    * leia-se coniventes…

  • Max

    Marcelo M., eu não li o texto não, minha opinião é essa, ponto final!

    • Paula

      É, pela seu post tá explicado que você não leu mesmo.

  • Kaio Cesar

    Pelo menos um ranking que o Brasil está em primeiro lugar!
    Aff…. Quero sumir daqui logo!!!!

  • Chupa Jordânia !!!! SQN

  • Diogo Freire

    Ótimo artigo. O problema do Brasil é mais sério que apenas os 0,20 centatovs. É o jeito Brasileiro que não dá mais para viver. Não concordo como a idéia: “Lei de oferta e da procura. Se não compra, vai abaixar o preço”. Sério mesmo? Veja a procura de iPhones no mundo. Aqui é caro, mas em outros países tem preços justos. Então se o estoque daqui tiver alto, basta remanejar para outro país e pronto!

    O preço dos eletrônicos no país além das altos impostos, taxas estudal, municipal federal tem custos como transporte (entra ai novos impostos, gasolina e etc) e claro que a margem de lucro que é grande também. Enfim…é preciso mudar a mentalidade de tudo….

  • JanjaBoy

    Já que trabalho 5 (cinco) meses por ano só para pagar imposto, com os outros 7 (sete) que recebo fico sem dinheiro para comprar um iPhone. 🙁

    • Marcio

      KKKKK otimo comentário…

  • Luis

    É o preço do mais caro? Do 64g?

    • Dhiego Lucio

      Não cara, infelizmente não

  • Ovídio

    E não é xingando os outros de “otário” e “trouxa” que mudaremos isso. Aprendamos a respeitar, antes de tudo, a liberdade de cada um usar o seu próprio dinheiro como bem quiser.

    você é o cara iLex

    • Lucas Camargo

      Por outro lado…
      Aprendamos a respeitar, antes de tudo, a liberdade de expressão de cada um usar o seu próprio linguajar como bem quiser.

      • Bragante

        Não confunda liberdade de expressão com libertinagem de expressão.

        • Carlos Eduardo

          Perfeita a sua frase.

        • Lucas Camargo

          A libertinagem que você falou é intrínseca a liberdade de expressão. Você não entendeu o que escrevi

      • Carlos Eduardo

        Meu caro, a sua liberdade, inclusive de se expressar termina exatamente onde começa a liberdade do outro.

        Logo se alguém não tem dinheiro pra comprar algo e xinga outra pessoa que tem e quer comprar, o idiota é quem xingou, não o cara que tem o direito inclusive de queimar o dinheiro que ganha se for de forma honesta.

        É engraço que cada um tem sua própria vida pra cuidar, mas o que mais se vê é um bando de débeis mentais criticando quem quer fazer o que bem entende com seu próprio dinheiro.

      • Carlos Eduardo

        Uma das coisas que me faz acessar o BDI é que em assuntos polêmicos como este caso dos preços é a sua imparcialidade em lidar e expressar sua opinião.

        É uma pena (não me entenda errado) que o texto é muito grande, e a maioria das pessoas não terá paciência para ler até a última frase, que na minha opinião é a mais importante do texto.

        Felizmente existem blogueiros de bom senso no Brasil, parabéns iLex.

  • manderson

    Certamente o preco e mais caro, mais como todo objeto de ultima geracao e novo no mercado e mto procurado o preco e caro.
    Paguei no meu Iphone aqui em londres em torno the 900 dolares,,,16G, a vista, nao ha parcelamentos aqui portanto se vc nao tiver o dinheiro todo nao pode comprar, no Brasil pode, idiota ou troxa nao e o caso, pois cada um faz o que quer com seu dinheito…os fumantes que o digam….
    Nao ha lugar perfeito….nem no Brasil, europa ou US….pois nos US um iphone desbloqueado custa em torno de US$ 1000 tbem…

  • Neto Corrêa

    Aplausos pra ti, iLex!

    Texto sereno e implacável….. sem nada a incluir nem retirar.

    Me senti representado por suas palavras.

    Nessas últimas horas vi muitas ofensas a quem comprou ou comprará os novos iPhones por aqui, pagando o preço que for, enfim, não me estenderei, pois como disse, já não há mais o que dizer a esse respeito.

    Estou contigo. Vendi o meu iPhone 5 16GB Preto por R$ 1.400,00, comprei o 5s no Brasil, já estou com o aparelho (i5s 16GB Silver) e muitíssimo satisfeito com a aquisição.

    Assino embaixo!

    • Ale Campos

      Realmente, também vendi o meu aqui no Brasil por R$1500,00 e comprei o meu lá fora por U$ 840,00…Isso porque eu estava lá, mas ano passado comprei meu 5 aqui no Brasil por R$2699,00.
      Se o cara trabalha, ele faz o que quiser com o seu dinheiro, o Brasil não é o melhor País em termos de impostos, só isso? A violência gratuita ninguém comenta?
      Agora vamos ser realistas, o cara trabalha ,tem o direito de fazer o que bem entende com seu dinheiro, se ele anda de “BUZÃO” com um iPhone , problema dele, não quer dizer que todos que compram tenha essa mesma situação.
      Afinal de contas, se o cara é um empresário, comerciante ou tem um ótimo cargo aqui no País, nada mais justo que gaste seu dinheiro aqui, se não está satisfeito , mude de País, já que lá fora é melhor!
      Aqui está cheio de pessoas conscientes e honestas, o politico é reflexo de quem? Do povo.
      Será que se a maioria achasse um iPnone devolveria? uma carteira cheia de dinheiro? Ou a honestidade tem preço? Pois é………
      Ótimo blog.

      • Thiago M.

        Concordo planamente com vc Ale Campos, os políticos são reflexo do seu povo, infelizmente pouquíssimos que criticam sequer lembram ou fizeram qualquer pesquisa antes de votar em deputados e senadores…. Os preços no Brasil são exorbitantes em TUDO, e o brasileiro infelizmente reclama mais consome tudo que consegue comprar e que traga algum tipo de status, se os iphones aqui custassem R$199,00 num plano simples com mensalidade baixa, comprariam somente os que sabem da qualidade dos produtos Apple, uma vez que se tornariam comuns e acessíveis a praticamente todas as classes sociais deixariam de ser objetos de desejos …. Do contrário ninguém pagaria 500 reais numa calça CK tendo calças tão boas quanto por 120 reais na C&A, RENNER etc…. Tem muita gente que compra iPhone pra se sentir bem, sem fazer ideia da qualidade ou recursos enfim, compram porque “agregam valor ao camarote”…. Infelizmente!

  • Pedro Edson

    iLex, excelente texto!!
    Parabéns! Vc resumiu muito bem as atitudes e os comentários infantis de muitos!

  • Julio Cesar

    Estou comprando o meu em NY dia 3/12, com exatamente o mesmo valor que eu vou arrecadar vendendo o meu com um ano de uso por aqui.

    Sinceramente, nao sei pq todo mundo não faz isso. Eu já não compro nada no Brasil, salvo comida, há dois anos. Sempre viajo e trago tudo lá de fora. Estimo que economizo uns 5mil reais no processo, já descontado passagens e hotel, e ainda dou um passeio lá no primeiro mundo.

  • Pedro Edson

    Sem falar que o “caro” é muito relativo. Independente do salário ou posição social, o que é caro pra mim pode não ser pra outros e vice-versa. Tudo depende da utilização e do “valor” que se dá às coisas. Concordo que o valor é elevado, mas o conceito de caro é subjetivo!!

    • Lucas

      Comparando com o salario minimo, nao. Nós (BR) recebemos ~R$ 700,00, eles (EUA) recebem ~R$2000,00 por mês [sal. minimo].

  • Duane

    Concordo com muita coisa do texto, exceto a aproximação entre “voto branco”, “votar em qualquer um” e “reclamar do país e fazer nada”.

    Tudo bem que o voto branco e nulo são coisas completamente diferentes (mesmo que tenham o mesmo resultado numérico – voto nulo).
    O voto branco é algo como: “concordo com todos! quem entrar, ta beleza!”;
    O voto nulo é algo como:”não concordo com todos os candidatos, quem entrar será ruim!”.

    De forma resumida, votar em branco, é votar em todos (por isso é anulado, você está somando 1 para todos) e votar nulo, é votar em ninguém (por isso é anulado, você está somando 0 para todos).

    Portanto são opções, que ao meu ver, garantem o direito à expressão de contentamento ou descontentamento em relação a política.

    Efetivamente, votar em branco é o oposto a votar em qualquer um, pois é votar em todos. E efetivamente, é diferente de “reclamar e fazer nada”, pois é um voto, como qualquer outro.

    • Lucas

      O que ele estava tentando explicar é que se votarmos Branco não podemos reclamar de quem entrou, e se votarmos Nulo, o mesmo, porque se nós “escolhemos nao escolher”, estamos abrindo mao do direito de reclamar.

  • Alguem sabe o valor do iPhone 5c 32gb ou do 5s 32gb no Chile, Bolívia e Peru?

    • Davi Batista

      Tbm estou tentando descobrir isso, se conseguir me avise 🙂 obrigado!

  • Lucas Patrick

    iLex… acho que o teu texto é perfeito e concordo com tudo. Menos com aquela partezinha no fim…

    Acho que as pessoas só “xingam” os outros porque não tem condições e se indignam com o roubo do país em que vivem, provavelmente eles não tem condições de comprar de fora, eu não tenho, por exemplo! Eu não consigo comprar um iPhone também…

    E eu já passei dois anos sem comprar iPhone, ultimo que tive foi o 3GS. Porque acho os preços absurdos, e as atitudes da empresa que se aproveita disso, pior ainda! Ou eu devo acreditar que tudo isso são impostos e não a empresa se aproveitando da gente?!

    Seria legal se cada um tentasse fazer seu “protesto” não comprando… mas funcionaria? Meia dúzia deixando de comprar. Tu acha? Eu acho que as pessoas deveriam se organizar de alguma forma, mandando e-mails em massa, que seja! E-mails para empresa, pra que eles entendam que a gente sente no bolso isso…

    Eu sei que tu é fã da Apple, como eu, como todos aqui… e sei também que teu país é esse. Então tu tem certa voz ativa. Será que tu não poderia ajudar esse pessoal menos afortunado a fazer algum tipo de “protesto”? Organizar uma página pra isso, tentar conversar com outros blogs sobre a Apple também… e mobilizar os leitores a pelo menos cada um mandar um E-MAIL que seja.

    Tu acha que eles não leriam? Eu tenho certeza que sim! E um povo com voz, se faz ouvido!

    É só uma dica, porque tu poderia ajudar essa galera que gostaria de ver algo, ao menos, mudar… tu vê todos aparelhos celulares depois de um tempo diminuindo seus preços, com promoções etc. Enquanto nenhum iPhone entra nessas. O i4 continua em linha e custando 1000 reais, é absurdo, é fazer o povo de burro. Obrigado

    • Guinho

      Ilex. Por favor receba essa sugestão e ajude nós.

    • art

      Concordo muito contigo! As coisas vão mudar somente com a mobilização massiva das pessoas. Mas teria que ser algo cooperativo, não apenas os que não podem comprar. Mas também os que podem comprar e compram, mudarem suas atidudes e boicotarem. O objetivo seria para todos, um futuro mais prospero com menor exploração.
      Digo isso pois creio que a parcela que compra já é suficiente para manter as coisas como estão, fazendo as empresas ignorarem os protestos de vocês, que não compram.
      Eu tenho iphone, posso comprar, compro. MAS se fosse organizado um protesto de boicote, deixaria de comprar em solidariedade E também para que meu próprio futuro seja melhor, pagando menos algum dia. Tanto iphone, quanto carro, quanto roupas, etc.
      Não acredito muito na influência do “cada um começando a fazer sua parte”. Acredito no movimento organizado e massivo.

      • Lucas Patrick

        É realmente a minha ideia! Não serve só pros que não podem comprar, mas pros que compram também… não quero nem dizer que eles não comprem, mas ao menos que eles ajudem em algo, nem que seja reclamando. Um não faz a diferença… mas um juntando-se a muitos, sim!

        Por isso eu dei essa ideia, um movimento com muitas pessoas, seria visto, sem duvida nenhuma!

        Eu tive essa ideia porque eu já vi uma dar certo… é em um clube de futebol, vários torcedores se mobilizaram mandando e-mails, por mais que pareça insignificante. Mas como tanto movimento de torcedores reclamando do mesmo, funcionou e o clube voltou atrás da decisão… mas enfim. É só um exemplo de algo que pode funcionar. Enquanto continuarmos calados, nada vai mudar

        • art

          e é o mesmo com os 20 centavos dos onibus. Tanto os que pagam, os que nao pagam, os q andam e os que nao andam de onibus! Todos reclamaram INCOMODANDO. Sairam as ruas, congestionamento, mobilização da polícia, etc. E isso que fez mudar. reclamacao apenas de facebook nao adianta nada!
          Nao que faremos passeatas pelo preço do iphone. Mas a atitude coerente seria o boicote. é a forma de INCOMODAR. apenas encher caixa de e-mail de uma corporação, não adianta na maioria dos casos. O difícil é convencer quem tem o privilégio de aderir. Pois são esses que farão a diferença, quem tem dinheiro deixar de querer comprar.

          • Daniel

            O caso dos 20 centavos foi muito específico, como seria lutar contra os preços da Apple… Acredito que o certo seria a população toda manifestar pelo preço de todos os produtos ao mesmo tempo! Seria um movimento muito maior e apoiado por todos.

            • Eduardo Oliveira

              Porém a sempre que se começar de algum ponto e só olhar o exemplo desses exatos 0,30 centavos.Tanta gente reclamando e ridicularizando o povo que se mobilizava por essa quantia, mas foi o estopim para que outras reivindicações entrassem em pauta e criassem umas da maiores manifestações da Brasil atual…não estou dizendo que se manifestar por iphone e tão importante quando os serviços escencias a dignidade humana, acredito que se nos podemos nos manifestar por esse produto que para nos é importante, nos como consumidores o devemos fazer! P.s:desculpe pelos erros estou escrevendo do iphone 🙂

  • João Paulo De Oliveira Lima

    Disse tudo, detesto essa “mania” do povo brasileiro, sem mencionar o fato que mesmo que o iPhone custasse pouco, ainda teriam pessoas reclamando do preço, porque brasileiro quer sempre tirar vantagem dos outros ou ter coisas boas de graça. Aff….

  • Moyses Neto

    iLex.
    Dificilmente eu comento por aqui, apesar de acompanhar diariamente o blog.
    Meu caro, parabéns pelo texto acima.
    Tecnicamente, já vi post excelentes. Já vi post ilustrados, belíssimos.
    Mas esse, em especial, achei o melhor. Um “desabafo”, de um cidadão que vê muitas palavras e poucas atitudes. Um cidadão, que assim como eu, deseja um Brasil melhor. Um post, onde além do iPhone, podemos observar algo em destaque, que a muito anda em falta: educação. Além da velha manina de reclamar do nosso país (sim, reclamar é livre e não está errado) e não tomar UMA atitude para ajudar a mudar. Parece que reclamar da pátria, virou esporte nacional; uma febre! Não se envergonhe de ser brasileiro. Se envergonhe, daqueles que estão a frente dele e teimam em travar a nossa nação. Dos nossos políticos sujos. Dos velhos “malandros”. Sim, sinta vergonha e use isso como um combustível para a mudança começar por você. Sei que é uma frase de Facebook,mas é uma frase muito verdadeira: O certo ainda será o certo, ainda que ninguém o faça e o errado será o errado, ainda que todos o façam.
    Como disse nosso amigo iLex, procure se envolver mais com papos relevantes. Estude e pesquise seus governantes. Todos gostam de lazer, mas precisamos fazer com que aqueles que estão a nossa volta se preocupem também com politica, cidadania, educação… enfim… são tantos pontos….
    O importante é fazer a sua parte. E ajudar com que os outros também. E sempre acreditar que pode mudar; porque, o que eles mais querem, de nos brasileiros, é que ninguem acredite para a situação continuar como está: confortável para eles.
    Abraços e desculpem pelo longo texto! 🙂

  • rogerbrn

    Ilex, excelente texto. Muitas vezes não se trata de ser otário para comprar aqui e pagar mais caro; muitas vezes não temos outras opções e é melhor assim do que nada.

    No ano que vem teremos novas eleições, vamos esperar para ver se quem tanto xinga e critica na internet, vai votar conscientemente para realmente mudar o “BRASIL”, pois aqui vivemos e aqui criaremos nossas famílias.

  • Victor Mello

    Somo ricos!!! SQN!!!

  • Carlos Eduardo (RJ)

    Só faltou você iLex pedir respeito também àqueles que esbanjam dinheiro e fazem questão de menosprezar os “menos” favorecidos financeiramente. Até porque, os que realmente têm dinheiro, viajam e compram lá fora, vide seus amigos do InfiniteLoop, só para não bancarem os trouxas que ficam nas filas das operadoras dos principais shoppings brasileiros.

    • Yuri suzuki

      Os cara compra e paga em 35 anos, so pra dizer que comprou iphone…

    • Na minha opinião, são coisas diferentes. Pessoas que fazem questão de esfregar na cara de outras a riqueza que tem são desprezíveis em qualquer lugar do mundo, não só no Brasil.
      Mas parece que tem gente que generaliza e parte do pressuposto que todos os que compram os novos iPhones são assim, o que está longe de ser verdade.

      • Cezar

        em minha postagem posso ter usado termos que levaram a pensar isso, mas concordo plenamente com que voce diz aqui… o que discordo é do nossa incapacidade de, como cidadãos brasileiros não engolir o que governo e empresas fazem conosco. Sou usuário de iPhones há tempos. Tenho por que pra mim é sem dúvida o melhor aparelho… mas fico indignado com comentários do tipo, compra iPhone e usa no pré pago, ou compra e não tem dinheiro para pagar o plano… coisinhas de que se acha melhor que o outro. tudo bem que ter iPhone gera status… e muita gente compra somente por isso, no meu caso compro pelas funcionalidades… agora ter que aceitar esses preços exorbitantes e nao poder reclamar e se reclamar ser taxado de que esta reclamando por nao ter dinheiro pra comprar, isso sim pra mim é bobagem… e pura demonstraçao de imaturidade. tenho iPhone porque sou rico e pronto!!! Posso!! que bobagem

        • iJE

          César, antes de mais nada o que vou dizer não é direcionado a você ou à ninguém em particular.

          Na minha opinião comprar iPhone para usá-lo no pré pago pode ser sinal de exibicionismo, pois mostra que o sujeito estava interessado somente em ter um iPhone para mostrar para os amigos, e não em ter um smartphone para usar todas as suas funcionalidades.

          Infelizmente conheço muita gente assim, tem iPhone e carrão importado (ambos comprados em trocentas prestações) porém mora de aluguel…

          []’s

          • DG

            Me pergunto que funcionalidade em especial tem um iPhone pós-pago, que um pré não tem

      • Yuri suzuki

        Ilex muitos não sabem nem metade das funções do iphone, ai me diz? Compram porque ?

        • Lucas

          Vc compra carro sabendo TODAS as funcionalidades?!? Compra Coca-cola sabendo TODOS os ingredientes?!?

          • Yuri suzuki

            Para você beber uma coca cola, voce nao precisa saber os ingredientes, precisa apenas abrir a boca e beber, para dirigir um automovel, voce precisa primeiro ter habilitaçao, agr quando você, compra um iphone muitas pessoas, aprendem o basico, nao necessitam de tanta tecnologia, por issu compram por status, nao por necessidade…

            • Marina

              O que seria “por status” ? Seria comprar algo que todos querem ou desejam ou ate ja possuem ? Acho que isso ja e da sociedade….quantas vezes vejo pais comprando brinquedos, mochilas e outros itens..pois todos os amiguinhos tem….ou pior, se nao lhe comprar o filho(a) fica fora de um grupo de amigos…
              Entao porque todos querem se magros, com cabelo, liso…etc…etc… ??? Acho que isso nao seria por status…mas a tentativa do individuo se manter no seu nicho…ou ate mesmo criar um diferencial no ambiente que ele vive…

              Vixe…ficou cheio de bla bla….

            • Marina

              Depois que vi que Yuri vc mora no japão…..qual o pais e populacao que compra as coisas so para nao ficar diferente dos outros ???? Claro que ai nao seria por status…seria para poder pelo menos nao ficar de fora !!

            • yuri suzuki

              Aqui e mais facil adquirir as coisas Marina.
              Mais em todo lugar do mundo existe vaidade…voce confundiu “Status” com “Vaidade”

      • Aqui em Portugal o nosso salario minimo sao 500 dolares… Logo aki um iphone 5s custa 2 x o salario minimo… Continua a ser um capricho e um status tambem ter um iphone… E depois as lojas que vendem estes aparelhos normalmente fazem um credito pessoal e facilmente se paga um iphone em 10 mensalidades sem juros ou entao cada vez mais frequente é fazer um plano de consumo como nos estados unidos, paga uma mensalidade de 40 dolar durante 2 anos com chamadas e trafego de net incluido e o valor do iphone fica por 400dolares

  • Yuri suzuki

    Nos, nao precisamos ficar criticando quem compra iphone no brasil.Mas tambem temos nosso direito de expressar, que, quem compra um iphone no brasil, acaba de uma uma certa forma, nao ajudando em nada tambem para mudar.Temos que ser realista, pagar um absurdo num iphone, que em muitos lugares sai ate de graça, dependendo do modelo. É ser conivente com a situação que se encontra nosso pais…Mais, como diz p texto acima. Cada um faz o que quiser com seu dinheiro…

  • Lucas

    Concordo plenamente ilex, fico triste em ver as redes socias e o povo fazendo xingamento com a administraçao alheia, concordo tambem que ficar sentado em frente a internet nao mudara em nada na sociedade mais o povo ja ta esgotado! As pessoas vao aos ruas fazem suas manifestaçoes e nao adiantam em nada, quando destroem o patrimonio publico é preso mais quando os governantes desviam o dinheiro dos impostos do povo ficam ilesos por ai, tenho vergonha de dizer que nasci aqui..

    • art

      destruir o patrimonio público é a maior burrice que pode ser feita.

  • GenobioSoares

    Eu fiz a minha parte, estava com dinheiro para substituir o meu, não comprei.
    Achei um desaforo esses preços, sempre tenho um limite até onde chego para comprar um determinado produto, Apple ultrapassou todos eles 🙁

    • art

      parabéns. estou na mesma. tenho dinheiro, não compro. é um abuso. boicote neles, pena que deveria ser algo coordenado por todos. deveriamos educar aos que compraram por impulso (não necessidade) a perceberem o quão enganados e explorados estão sendo. Assim controlariam seus anceios e tomariam uma decisão mais responsável com seu dinheiro.

  • Fabio

    Isso sim que é um país rico… iPhone custando 3 pau, Ps4 4 pau… Cada dia me orgulho mais de ser brasileiro. (SQN)

    • Rogério

      Meu caro, só existe esse valor por que tem pessoas que pagam, pois se não pagassem, conserteza o valor seria menor, alias só culpamos o governo e as empresas? ou vc acha que eles nem lucram com esses produtos no lançamento, o empresario brasileiro lucra no minimo 36%!!!

      • Cleiton

        Como dizem os diretores de empresas brasileiras, vamos aplicar a taxa do vai que cola…….

  • william

    alguem tem o cabo usb do 4s estou precisando comprar se tiver..

    • art

      Cara, devo ter sido o único a ler teu comentário no lugar mais perdido de todos pra fazer esse pedido. E não, não tenho cabo nenhum pra vender.

  • Carlos

    Você só esqueceu de aproveitar e comparar os valores no pós-pago, onde esse absurdo fica ainda mais agravante….

  • Guinho

    Eu queria comprar o iphone 5s, entretanto eu não tenho dinheiro. Rsrs 🙁

    • Tales

      Somos dois

  • JanjaBoy

    “vota em branco ou vota em qualquer um porque não tem “saco”…….

    Aqui eu meio que discordo.
    Num sistema onde o voto é obrigatório, o voto branco é válido. 😉

    • Priscilla

      Concordo. O voto em branco é dizendo que analisou os candidatos, mas não concorda com nenhum deles.

      • Sheldon

        Não exatamente.

        Isso é o voto nulo.

        O voto branco no final favorece o 1o colocado.

    • Diogenes

      e aqui eu meio que discordo da opinião do janja…
      temos sempre milhares de políticos com milhares de propostas! Tem até politico diferente com proposta igual, que só muda o fucinho! E TODOS (ou quase todos) prometem não roubar (kkkk).

      Pra mim, quem vota em branco, é porque realmente não ta com “saco” de ficar escutando propaganda eleitoral para escolher um político para lhe representar. Afinal de contas… votar em branco, para os políticos, é a mesma coisa que votar para quem está ganhando (já q não vai diferenciar a votação, porque o “politico branco”sempre perde)…

      O voto em branco só teria validade se uma grande massa se unisse para votar em branco, no qual o branco fizesse realmente a diferença! (com todo respeito ao deputado tiririca, mas foi o que aconteceu com ele! A população votou nele porque realmente não tinha político melhor para votar, foi uma forma de demonstrar a tristeza/revolta/decepção do povo brasileiro com seus políticos)

  • Leandro Duarte

    Excelente texto, muito bem colocado. Acho que na tabela poderia colocar o valor à vista já que pelo que sei muito desses países listados não há opção de dividir. Com os 10% ele ainda ficaria em primeiro, mas não disparado como está.

  • Eddy Pimenta

    Alex, uma coisa que gostaria de alertar é que assim como outros blogs brasileiros estão fazendo, para comparar preços em dólar não se pode pegar o preço do Brasil parcelado em 12X, com os altos juros de cartão e inflação embutidos, e comparar com preços de outros países que, na maioria deles, só vendem a vista. O correto é pegar o valor a vista praticado aqui, que é de 10% a menos na tabela. como todos já sabem. Assim, o preço em dólar cai de U$ 1.223,00 para U$1.100,70, o que não nos tira do primeiro lugar. Mas, ao meu ver, esta seria a maneira correta de comparar. E muito obrigado pelo blog, sempre muito interessante.

    • Eduardo Gomes

      É sobre isso que falo no meu post abaixo

      • Eddy Pimenta

        De fato, Xará. E há que se lembrar que, um brasileiro ao comprar no exterior, se ele usa o cartão vai pagar 6,35% de IOF mais a taxa de conversão de moeda do cartão (no Visa Ourocard é de 2% sobre o dólar PTAX). E torcer para o dólar não disparar até o fechamento da fatura. Se usar o débito vai pagar bem menos de IOF (0,38%) mas as pessoas geralmente se esquecem disto ou o estabelecimento lá fora não aceita débito. Se vai pagar cash, ao comprar Dólar ou Euro vai converter pelo dólar turismo e não o comercial, e vai pagar mais a taxa do banco que faz o câmbio, que varia de 0,7 a 4%. Isto tudo tem que ser posto na balança na hora da conta. Se comprar nos EUA tem o imposto local. Se pedir ao muambeiro vai pagar o lucro deste. Se vier dos EUA não tem 4G e garantia aqui. Ou seja, tem que ter muita calma nesta hora e fazer as contas tim-tim por tim-tim. Há várias armadilhas nas comparações.

      • Eddy Pimenta

        Apenas corrigindo, te chamei de “Alex”, Ilex. Sorry, brother. Minhas sinceras desculpas.

        • Cleiton

          Caro, você pode usar VTM e apenas pagar 0,38 de IOF no carregamento no Brasil. Lá fora você o usa como crédito e não paga mais nada… a não ser o imposto do estado, claro. Porém ainda há a opção de comprar pela internet, pois em alguns estados nos EUA não se cobram impostos sobre compra na internet.

  • Eduardo Gomes

    Analisando sem deixar o emocional tomar conta, o custo do Iphone 5S 16GB não está muito maior que importar o aparelho da Alemanha (mesmo modelo comercializado no Brasil)

    O Iphone 5s custa lá 699 euros no câmbio de hoje dá R$2.164,88 fora um imposto que não sei qual alíquota mas é restituído ao deixar o país por isso não coloquei na conta.

    Na Apple Store o aparelho custa R$2.519,10 com o desconto de 10% para pagamento a vista, uma vez que no exterior você também paga a vista pelo aparelho.

    A diferença de preço entre importar e compra aqui é R$354,22 dificilmente alguém vai trazer para revender iphones por esse valor. Teria que estar indo a trabalho ou pedir a um parente ou amigo para trazê-lo.

    O que ocorre é que as pessoas comparam o preço dos EUA, mas isto é falho pois o modelo comercializado no brasil é o Europeu. Não dá para compara banana com laranja. Sem falar que o americano não tem garantia nem suporte no Brasil. Um amigo comprou o 5S americano e deixo cair trincando o touch, a Apple Brasil não substitui nem pagando.

    A diferença de R$354,22 se faz necessária no Brasil por contato dos inúmeros impostos e custo elevadíssimos de logística e operação no Brasil.

    Na Alemanha o 5c custa 599 euros que convertidos para reais na cotação de hoje dá R$ 1.855,17.

    Na Apple Store Brasileira o 5C 16GB custa R$1.999 – descontos 10% a vista = R$1.799,10 saindo R$56,07 mais barato que na Europa.

    Não vi nenhum site/blog que fale sobre o assunto abordar estes fatos que relato acima.

    • Marcus

      Outro ponto de vista! Interessante! Boa análise!

      • Ramses Junior

        Faz melhor cara!
        Compra o PS4 nos states por US$399,00, sai bem mais barato que o iPhone desbloqueado e declara menos de US$500,00 na alfândega, vende aqui pelo preço de um i5s 32GB. Produto nacional, com 4G e tudo mais.

    • JP

      Nessa conta aí, pode colocar o IOF do cartão e a incerteza do câmbio na fatura..
      Fiz esse cálculo hoje e comprei um aqui mesmo por 2393,00, equivalente a 770 euros.

    • Pablo Ferreira

      Excelente ponto de vista Eduardo!

      Se levar em conta os preços à vista dos sites, a diferença é menor ainda. Eu, por exemplo, estou com um boleto de R$ 2392,00 e outro de R$ 1690,00 do site americanas dos iphones 5s e 5c, respectivamente.

      • Eduardo Oliveira

        Já tinha feito esse cálculo desde o anúncio dos preços dos novos iphones e conclui que as operadoras podem não esta nos roubando tanto assim como pensam.Fazendo a conversão se vc fosse um vendedor autônomo quanto iria vender um iphone aqui(claro pagando todas as taxas brasileiroas).Nos EUA o iphone custa 649 que convertidos em real na taxa de câmbio atual (2,28) da cerca de 1,427 cobrado as taxas brasileiras de importação, não tenho certeza,porém acredito que pra celulares seja de 50%, o novo iphone chega por aqui por 2,141 depois colocando o lucro mínimo que uma empresa tem q tirar pra ter alguma vantagem em trazer um produto para nossas terras q seria de 30% do valor o iphone acabaria com um incrível custo de 2.783! Ou seja tudo contribui e sim o iphone e caro em qualquer lugar do mundo!

    • Betocpb

      SEMPRE fiz essas contas… e falo isso todos os anos aqui.

      As pessoas ficam só criticando, e não lêem nada… cultura de país subdesenvolvido.

      • Eduardo Oliveira

        Não estou dizendo que não somos enganados, mas o buraco e mais em baixo como todos estão careca de saber…Ah essas taxas absurdas

    • Sheldon

      Aí você tá comparando laranja com banana ne?

      Comprar aqui e importar é totalmente diferente.

      O que custam pra eles lá, é diferente do que é pra gente, porque eles não tem um salário de 700 reais (min) mesmo convertendo pra euro.

  • kazoo

    ótimo texto.

    Quanto mimimimimimimimimimimimi nos comentários.

    Essa discussão não tá só no iphone. Já cansaram de mostrar “valores” dos carros. É exatamente o mesmo modelo de limpar nossos bolsos e mesmo assim todos continuam a comprar carros.

    Livre arbitrio. Compra quem quer, quem nao quer ou nao pode, paciencia. Falta de opção no mercado nao tem.

    • art

      Livre mercado. O mercado reage conforme o consumidor. Não precisamos ser refém. Boicotamos produtos e o mercado reage alterando o produto, preço, serviço. Mesmo que compre o celular mais barato ou o golzinho 1.0, ambos tem cargas tributárias e custo brasil inserido no seu preço. A questão é eliminar isso, não apenas deixar de comprar iphone e comprar algo mais simples. Vamos eliminar o custo brasil e carga tributária de todos produtos. Aí depois sim, quemt em mais grana que compre o que quiser.

  • HB

    Se fosse pra uma coisa boa era só virar a tabela de cabeça para baixo.

  • Júnior

    Sinto esperança de que algo pode “começar” a mudar na próxima eleição. Não digo só em abaixar o preço do iPhone e sim no geral. Farei minha parte, pois essas pessoas estão no poder graças a nós mesmos, então nós que corrigimos os erros.

    • art

      Desculpe, mas a maioria dos comentários falam em mudar nas próximas eleições, culpa do eleitorado, etc. Imaginemos que estivessemos com a oposição ao governo atual no poder. Seriamos um equivalente a um país europeu? Seriamos os EUA? Sabemos que não. São mudanças estruturais profundas que o país precisa. Isso seria feito de forma sofrível ao povo se fosse algo imediato, é um avanço gradual que vai demorar gerações. Não vamos ver do dia pra noite nosso país melhorar. Temos apenas que aceitar caminhar na direção certa e lutar contra as forças que nos empurram a miséria (cargas tributárias, custo brasil, etc)

      • Marcelo

        Até o final de 2001, a atual oposição era situação, e vice-versa. Mudou algo?

    • Betocpb

      Sinto “inveja” da sua esperança que mude.

      Pra mim já morreu. Nem na geração dos meus filhos… quem sabe netos…

  • Mano Brown

    Somos otários mesmo é por vivermos neste país fecal.

    • art

      Estamos no Brasil e é o que temos. Nascemos nessa época, nessa era. Isso não podemos mudar. Não nascemos na Suécia onde está tudo pronto. Lamentemos, mas vamos fazer algo para avançarmos. Quem sabe daqui 100, 200, 500 anos, não interesse a parte do mundo onde você nascer, qualquer humano terá direitos iguais e não será explorado.

  • Fernando

    Concordo com tudo o que diz no artigo. Os gráficos estão aí para corroborar isso. E como foi dito também no texto, minha parte eu já fiz: não comprei o iPhone5 e não comprarei o 5S. Não por não ter condições financeiras para comprá-los; mas sim, porque seus preços são verdadeiramente abusivos mesmo com impostos, “custo-brasil” ou o escambal. E quem quiser adquirir um iPhone5S em nosso país, que assim o faça.

    • art

      Parabéns pela sua atitude. Me enquadro na mesma situação. Poderia comprar e não compro. Nao compactuarei com esse custo brasil e exploração de impostos.
      Quem quer comprar que compre, mas infelizmente os que compram ainda não tem a mesma visão que nós. Se tivessem, não comprariam. (salvo alguns que precisam e estão no seu direito)

  • André

    Da para levar a sério esse tipo de pessoa que fala que o Brasil eh um país de m*?? Que quem compra iphone ou MacBook por aqui eh trouxa ou idiota!! Imagina-se que esta pessoa fez uma correlação com países onde estes produtos são mais baratos e tem renda superior. Mas essas pessoas comparam os valores praticados em planos de saúde? Vide obamacare (e o que cobre), valor dos alimentos nos países “desenvolvidos”, ahhh tem mto blá, blá, blá, pilantra tem em todo lugar, não eh privilégio do Brasil, alguém se lembra do lehman brothers e fundos de pensão ingleses? Os impostos de renda cobrados em Chicago ou na França?? Cara existe lei de oferta e de demanda, agora vir aqui no blog fazer política e dizer que quem compra aqui eh otário, que em ny eh mto melhor, só um lembrete vc eh latino, aqui, lá, na Europa e qualquer lugar, e não eh boicotando iphone que vc vai apagar + de 500 anos de preconceito…

    • art

      não mudaremos do dia para a noite! e não mudaremos APENAS boicotando iphone. mudaremos qdo todos deixarem de compactuar com o custo brasil e carga tributária boicotando iphone, galaxy, camaro amarelo, roupas de marca e mto mais. Sim, a geração que mudar o Brasil vai ser a geração que mais vai sofrer. Vai ser a nossa? A próxima? Alguma?

      • Andre

        Art, nao estou me opondo aos seus comentarios, so que pensar em mudancas e boicotes numa sociedade de consumo (mundial) é utopia, o mercado ta aí, fazendo com que o $ troque de maos, se nao comprarmos aqui, sera comprado em outro lugar, alem do Brasil, como exemplo, os outros países que compoem os Brics passam pela mesma situação, e a “eipou” so direcionara suas atenções para onde ganhar mais…por tras de um produto magico e uma empresa inovadora, existe o ACIONISTA!

  • Yuri suzuki

    Comprei e não paguei nada, iphone 5s 64gb Gold, plano 2 anos vo paga no aparelho 880 yenes por mês. Aproximadamente 20 reais em dois anos no aparelho… Pagando 2 anos de plano, o valor final chega em reais aproximadamente 3900 reais… 7 gb por mes

  • Denys

    Muito Bom iLex. O dinheiro é meu e gasto com o que EU quero.

    • art

      o dinheiro te dá poder, o poder deve ser utilizado com responsabilidade. ao gastar como vc quiser, seja como rei do camarote, comprando carro de luxo ou gadgets caros, vc não está usuando a responsabilidade que lhe foi atribuida com esse dinheiro para com a sociedade em que vive. Deixe de querer ser imediatista e egoísta. Melhorando a vida de todos em nosso redor, melhoraremos a nossa. Qdo chegarmos nesse ponto aí sim poderá gastar como quiser sem precisar ter peso na consciencia. Hj vc tem a liberdade de gastar como quiser, mas saiba que está compactuando com a exploração abusiva que todos sofremos nesse país.

  • Douglas Corso

    1 – Lei da Oferta e Procura. Por que eles iriam baixar os preços se vende igual agua?
    2 – No Brasil, se parcela TUDO, e os brasileiros se iludem com o valor da parcela, achando que assim o montante final cabe no seu bolso.
    3 – Nem todo o valor absurdo que é cobrado é por causa de impostos. Claro, os impostos aumentam muito, mas com isso vem a margem de lucro ASTRONÔMICA das empresas de telefonia e magazines.
    Pessoal, isso tudo é muito simples. Se NINGUEM comprasse nenhum 5S nos primeiros 3 meses, eu garanto a vocês que esse valor diminuiria muito.
    A conclusão que eu chego é que muito espertos, NÓS braseiros, não somos!!!

  • Carlos Arcas Neto

    Acho estranho certos comentarios que li: O cara se acha otario e diz que o brasil é fecal. Ta certo, é um desabafo mas não é por ai.
    Analiso diferente. Todo ano eu comprava um android novo.
    Foi lançado o 3G….paguei 780,00 usei 2 anos e vendi por 700,00.
    Comprei o i4 fazem 3 anos por 1.500,00
    Custo anual 500,00. Qquer porcaria hoje custa 1000,00.
    Vou comprar 5S 32gb e não deverei pagar muito pois tenho na Vivo 100.000 pts e ja uso
    Há muito tempo o plano de 400 minutos.
    Fico com ele mais 3 anos, pronto.
    E é óbvio, tenho sempre a mão o melhor Smartphone sempre atualizado.

  • Marcelo

    Tenho curiosidade em ver o preço do iPhone aqui no Brasil sem a carga tributária…

  • Fabiano

    Só um detalhe, estive em Orlando e lá o preço do 5s é $ 900,00 e o dourado é $ 1.170,00 que dá R$ 2.700,00. Isso fora da APPLE, que não tem o aparelho. E aí, como fica?

    • zigfrid

      Aqui fica que a Apple compactua com o mesmo preço do brasil.

  • Caio

    iLex, não comprar algo que está fora do aceitável já é uma forma de fazer algo para mudar. Pois se todos fizessem assim náo tem empresa/governo que sobreviva de um boicote.
    O voto infelizmente não é confiável caso não saiba, pois a urna eletrônicaé falha e fácil de ser corrompida.
    Acredito que quem possa comprar algo nesses valores altos(não só o iPhone, qualquer coisa) tem sim o direito, mas estes sim estão aceitando, e contribuindo para que isso nunca mude.

  • Thiago Racca

    essa merdalhança toda nem está no brasil nem tem como expoente maior o iphone e sim o PS4..

  • Rodrigo

    Ilex , acompanho o blog a um bom tempo , gosto muito das matérias escritas aqui e principalmente os comentários , muitos deles são hilários , voltando ao assunto CUSTO , o mercado é livre e dita isso , logo quando houver uma demanda maior que oferta o preço tende a ser caro. Nossos impostos são uma piada , pois além de serem imensos , não voltam como deveriam para a população , sendo usado muitas vezes para o enriquecimento de nossos políticos , como você falou no texto as pessoas tendem a ver o valor de prestação e não o valor do BEM COMPRADO , além de que muitas coisas no Brasil serem usadas como objeto de status social. Finalizando tudo isto as pessoas tem que ver se o bem vale ou não ter , pois o endividamento pode ser uma bola de neve que lhe causará muitos problemas no futuro. PS. O que mais me deixa bravo no fim das contas não é o preço do aparelho e sim o custo da linha , pois pago em média 500,00 R$ por mês de conta telefônica e tenho um serviço de 5 categoria (500,00 x12=6.000,00).

  • Renato

    A minha humilde explicação para o preço do iPhone e de outros celulares top de linha de outras marcas serem tão caros é o fato de que a maioria dos consumidores acham que estão comprando um artigo de luxo e não apenas um eletrônico, que é o que realmente é um iPhone ou Galaxy 4 ou qualquer outro smartphone top. Com isso as empresas aproveitam a deixa e tratam os produtos como se fossem verdadeiras joias, jogando suas margens de lucro lá em cima e com isso não se torna uma necessidade para as empresas em vender grandes quantidades e sim em vender o suficiente para que se atinja o lucro desejado, com isso vc tem menos problemas de logística, ou seja, trabalhar com um volume menor de mercadoria é bem mais simples, porque vcs acham que até agora não tínhamos loja da Apple no Brasil? O volume não compensava, acho que agora isto está mudando um pouco, ou não, a loja do Rio pode ser algo pontual, já que é uma cidade de renome internacional. E o que contribui para este modelo funcionar é a cartelização das multinacionais que atuam no Brasil em todos os setores, sejam eletrônicos, automóveis e outros, produtos semelhantes sempre giram em torno do mesmo valor, não há uma guerra de concorrência como existe em outros países. E o que o nosso governo faz? Ao invés de defender os consumidores ele entra na festa com sua alta carga tributária que é integralmente repassada para nós, ou seja, todo mundo ganha e nós perdemos.
    Se existe solução para isso? Eu não sei, do jeito que o país está eu acho que vai ficar assim por muito tempo. As mudanças tem que ser na base, no pensamento do brasileiro a respeito da sua cidadania, acredito eu.

  • Jean

    Aki e brasil…

  • Ricardo

    ridículo isso…não pelo aparelho,mas pelo preço. deviam deixar pegar poeira nas prateleiras…

  • Allan

    Ilex eu acredito que quando referimos a trouxas ou otários é um sentimento de revolta e mais que isso: impotência. Deixando impostos de fora desta discussão, todos sabemos que os preços aqui são: se colar, colou… O que um cidadão esclarecido que não se submete a estes abusos pode fazer? Sair as ruas peregrinando para as pessoas não comprarem? Ameaçá-las com uma arma e impedir que comprem? Como você mesmo diz, cada um é livre pra fazer o que quiser, por isso não resta nada a fazer… Infelizmente

  • Sivaldo

    Sinceramente, vou esperar até abril ou maio, mesmo sabendo que nao vai baixar nem um centavo, tenho um Moto X e iPhone 4, queria muito ir para o 5s de 64 mas primeiro vou rever umas coisas aqui em casa e depois penso em 5S ou no 6 quem sabe!!!!!!!!!!!!!

  • Rodrigo Nascimento

    A regra é simples, se tem demanda tem oferta! Não comprar é uma forma de “fazer alguma coisa”, mas não tem efeito quando a maioria esgota o estoque das lojas! Chingar não resolve, claro, mas pq a Apple baixaria os preços se tem quem compra? Cada um faz o que quer com seu dinheiro sim, mas quando quem pode mais “monopoliza” um bem, os menos abastados não podem ter acesso à ele! É uma discussão complicada, mas brasileiro é condicionado e a tendência é que o iPhone 6 chegue aqui por 3 mil! O iPhone 10 vai custar 6 mil até o dia que o camarada vai vender o carro pra comprar um iPhone.

    • Rodrigo

      Xingar é com X

      • Rodrigo Nascimento

        Obrigado! Desculpe, foi ato falho!

  • Rafael Saijo

    Definitivamente a vaidade em si acaba deturpando vários modos de se ver a vida, não somente na compra de um mero iphone, mas em todas as coisas que demonstra um certo “poder” de superioridade. O Brasil não precisa de reforma nisso ou aquilo, basta um começo da aonde se é mais importante. A questão interior dos nossos pensamentos e atitudes. Nós fomos educados para ser assim, impor diferenças de classes sociais, status, dentre outras coisas que acabam gerando essa torpeza inútil.
    De nada adianta, jogar palavras ao vento dizendo que “isso é Brasil” ou coisa parecida, simplesmente demonstramos que é isso e pronto não se tem o que fazer, aceitar algo leigamente, desacreditar de que algo seja possível de mudança.
    Contudo o ser humano tem capacidade de recomeçar, e isso é o que deveríamos fazer, para que assim as grandes empresas, franquias e governo começasse a respeitar o cidadão como algo importante que somos. E no mais importante, a elas mesmas. Se a pessoa compra ou não isso ou aquilo, cada um tem sua escolha, faça dela o que achar melhor.

    • Você tocou em um ponto interessante: educação.
      Isso é algo que precisa muito melhorar em nosso país. E visto que a geração atual está tendo uma formação falha por causa disso, será que tudo isso que discutimos no texto tem solução a curto prazo? Tenho dúvidas…

  • Marcelo

    Poxa, gráfico mal feito! A variação do real com certeza teria de ser maior que a do dólar! A cotação na época de lançamento era a menor à época de lançamento do 4, além do próprio aumento do preço em dólar. Enfim, é melhor mudar o gráfico, pois parece que isso é apenas problema do custo-Brasil, o que não é.

    • Desculpe, Marcelo, é que eu não tenho a sua genialidade, que obviamente é enorme.
      Por favor, faça você o gráfico e me ensine a forma correta, assim deixarei de ser burro e aprenderei com um grande gênio como você.
      Estou esperando ansiosamente.

    • Diogenes

      esperando ansiosamente [2]

    • Betocpb

      Cadê o novo gráfico ? 🙂

  • Ivan chaves

    Ilex tem como postar uma lista dos países onde o iPhone é mais barato. Sei lá tipo Paraguai. Falo

  • Vinícius Andrade

    Muito caro realmente hoje fiz a troca do meu 5 pelo 5s, fiquei com aquela sensação de ter tomado uma facada hahahahah

  • iSandy

    Balela… O que importa é que em 2014 teremos a copa do mundo, afinal, a maioria de nós vamos querer comprar tv’s maiores pra assistir o que há de mais importante no Brasil. É a época perfeita pra qualquer tipo de produto ganhar inúmeras taxas e aumentos consideráveis no preço, afinal teremos a copa do mundo de 2014, então fecharemos os olhos, deitaremos eternamente em berço esplêndido, e seremos felizes para sempre.

  • Cristiano Caiado De Acioli

    Na questão do voto é polêmico, pois voto mesmo não muda nada, educação é o que muda.

    No mais foi breve e muito formidável nas palavras.

  • Furacão

    “Lista dos 16 países com os iPhones 5s mais BARATOS do mundo”
    Por favor, façam um artigo com esse título.
    Acho que vai ajudar muita gente a comprar o seu ‘PRECIOSO’ mais em conta. Obrigado.

  • Rodrigão

    Meu iPhone é um 4S 64G comprado ano passado em Nova York, e é o primeiro iPhone que já tive. Não o trocaria pelo 5S mesmo que este tivesse um bom preço porque, apesar de já haver duas versões depois do meu 4S, não há motivos fortes o suficiente para descartá-lo por outro. O 4S faz praticamente tudo o que o 5S faz, e um leitor de impressões digitais pra mim é indiferente. As pessoas precisam parar de alimentar consumismo bobo. No Brasil, eu não compro iphone, o dia que eu quiser trocar o meu, aproveitarei alguma viagem. Na época que comprei, comprei o iphone 4s 64 giga junto com um ipad 16gb +3G. Somando o que paguei pelos dois aparelhos (já convertendo pra reais), no Brasil conseguiria comprar só o iPhone. Ou seja, como não comprei no Brasil, e sim nos EUA, é como se eu tivesse ganho um iPad de brinde!!… É o cúmulo da distorção. Só recomendo comprar Apple no Brasil a quem não puder viajar mesmo.

  • Danilo

    Acho que todo mundo que reclama que o Brasil é isso, que o Brasil é aquilo nunca sequer conheceu outra realidade. É muito fácil cuspir no prato que come. Apesar de minha pouca idade, tive a oportunidade de mudar de país e conhecer outra realidade. O Brasil, assim como TODOS os países no mundo, não é perfeito, mas é um país excelente e melhor que muitos outros. Antes de criticar, conheça outra realidade, para assim poder comparar. O preço de um iPhone, ou de um iPad, de um PS4 ou do que quer que seja, não é motivo suficiente para criticar tanto assim. No Brasil, por mais que não apareça, pois a mídia tendenciosa sempre destaca o ruim, há muita gente boa trabalhando para um país melhor. Então, caro amigo(a) que critica o Brasil por causa dos altos preços de produtos importados, por favor, more algum tempo em outro país que não seja potência e de preferência em desenvolvimento, como o Brasil, para depois reclamar.

  • Fábio

    Um dos melhores posts que este já fez. Parabéns, iLex.

  • Thiago

    Muitas pessoas não possuem condições de ir ao exterior comprar e pagar menos pelo novo iPhone 5S, por isso, elaborei alguns cálculos baseados nos preços da Apple Store Brasil com os do Paraguai, nosso amado vizinho $$.

    iPhone 5S 16GB
    Apple Store BR R$ 2.519,10 — Paraguai R$ 2.200,00 — 13% menos caro

    iPhone 5S 32GB
    Apple Store BR R$ R$ 2.879,10 — Paraguai R$ 2.374,10 — 18% menos caro

    iPhone 5S 64GB
    Apple Store BR R$ R$ 2.329,10 — Paraguai R$ 2.706,50 — 16% menos caro

    Vale lembrar que utilizei os preços da Apple Store BR com os tradicionais 10% de desconto, e que os preços do nosso vizinho PY podem variar de loja para loja. A base do dólar foi R$ 2,39.
    Outro lembrete é que, no Paraguai, na maioria dos casos são vendido os modelos americanos A1533, que não possuem compatibilidade com a rede 4G do Brasil.

    Analisando os dados, conclui-se que o modelo de 16GB não compensa comprar lá, pois a diferença é pouca, apenas R$ 320,00 menos caro e ainda sem o 4G brasileiro.
    Agora, se você não se importa em ter a compatibilidade com o 4G, levando em conta que quase todo o Brasil ainda não fornece essa conexão, vale a compra do modelo de 32GB, pois oferece a maior diferença em %, e R$ 505,00 a menos.

    Enfim, vai de cada um, eu vou buscar o modelo de 32GB, pois na região onde resido é pouco provável a instalação das redes 4G nos próximos anos.

    • Betocpb

      O valor do 64Gb no Brasil está errado amigo.

  • Gui Del Frate

    A maior falácia de todos os tempos é o velho mimimi que o responsável pelo preço são os brasileiros, que pagam.

    Errado, muito errado. Isso é puro fruto do coitadismo brasileiro, que “brasileiro é otário”, “brasileiro é burro”. Po, quer dizer que, se o cara tem dinheiro pra comprar e aceita pagar o preço absurdo a culpa é dele?

    Isso é o mesmo que dizer que o estupro acontece porque as mulheres se vestem de forma provocativa. É transferência de culpa. A responsabilidade é do governo e suas taxas estratosféricas, das empresas que usam os impostos locais como desculpa para superfaturar os produtos, do protecionismo brasileiro do governo, dando a desculpa as taxas de importação são feitas para valorizar produtos nacionais…

    Parem, sério. Não comprar por não concordar é uma arma mais do que válida; criticar quem compra e dizer que é deles a responsabilidade do preço É BURRICE. Temos que ter mais atitude e sermos mais politizados na hora de votar, procurar se iterar melhor sobre economia para entender o cenário brasileiro e brigar contra os abusos. Simplesmente criticar quem compra, como o iLex disse, é a forma mais vazia e sem eficácia que temos de nos posicionar sobre o problema.

    • Rodrigo Nascimento

      Quando há encalhe uma redução de preço é inevitável! É a lei da oferta e procura, portanto quem compra, por mais que possa, é responsável sim! É quase uma monopolização! Cada um faz o que quer com dinheiro? Sim! Mas dizer q isso não colabora é falácia! A alta carga tributária é absurda, mas o governo se aproveita dela pq sabe que o país dos inadimplentes vai vender o rim pra pagar!

      • Gui Del Frate

        “o governo se aproveita dela pq sabe que o país dos inadimplentes vai vender o rim pra pagar”

        Esse é o ponto! Quem tá errado: quem trabalha, quer ter um produto e se mata pra pagar ou o governo que “se aproveita”?

    • Sheldon

      Discordo.

      Quem faz o preço é o mercado. Se vende no preço que está vai ficar assim, simples. Se encalhasse eles venderiam por menos.

      Isso não acontece só com o iPhone não.

    • Matheus Luís

      Falácia é pensar que o governo fica com toda a diferença entre o preço do iPhone lá fora e o preço aqui.
      E não é só com o iPhone. Montadoras de carros tem os maiores lucros mundiais no Brasil. E colocam a culpa no governo e nos impostos. Ninguém fala que as empresas que na América do Norte tem uma margem de lucro de 45% mantém taxas de 200% ou 300% de lucro aqui no pais.
      O imposto bruto é caro, mas é percentual ao valor do item, e não é o governo que diz que o iPhone aqui vai custar 200 ou 400 ou 1000 dólares a mais do que la fora, isso quem escolhe são os empresários e nisso temos culpa porque compramos e não questionamos isso.

  • Vinícius Andrade

    Mudando um pouco de assunto, eu senti uma diferença considerável no sistema, entre o 5 e o 5s, to achando o sistema muito mais fluído, mais leve, os que trocaram o 5 pelo 5s sentiram a mesma coisa ?

    • Renato

      Isso aí é o seu subconsciente tentando compensar a facada que vc sentiu ao trocar o 5 pelo 5S… rs

  • DGT

    Não sou de comentar post mas este tenho que parabenizar tela intervenção nos comentários fazendo a todos(assim espero) refletir o que esta por traz deste valores tão gritantes, sabemos que a muuuuito impostos agregado ao preço mas não nos esquecemos do lucro desproporcional comparado aos outros países aplicado ao produto aqui no Brasil. Mas o importante foi lembrar que todos tem o direito de fazer o que bem quiser com o seu dinheiro não o fazendo por isto um otário.

  • Marcos

    Ilex,
    Nem tudo no Brasil é caro, vejamos os preços dos iPads, se vc comprar nos EUA e incluir o imposto local, mais o imposto de importação, mais a conversão pelo dolar turismo, o iPad sai mais caro do que comprar no Brasil.

  • Robson Wolmer

    As pessoas reclamam dos ladrões que nós mesmos colocamos em Brasilia, mas as coisas irão mudar quando começarmos analisar em votar em alguém integro e temente a Deus que verdadeiramente se importa com os brasileiros, eu amo pra caramba iphone, comprei um novinho mas foi o 4s e pretendo ficar um bom tempo com ele, o negocio é não votar em ninguém aí eu quero ver o que eles irão fazer.

    • Misturar religião e política também é algo muito, muito perigoso. Principalmente no Brasil, onde alguns se aproveitam e usam de forma desonesta o “nome de Jesus” para se elegerem e ganharem mais dinheiro…

      • Rodrigo Nascimento

        Somos um país laico, não se mistura religião com política!

  • Tales

    Pra quem está reclamando, arranja dinheiro e compra. Não é aqui que vamos resolver esse problema.

  • joao

    E a lista dos mais baratos?

  • Djair

    Esse foi o post mais político (no melhor sentido da palavra) de todos do bdi. Precisamos refletir sobre cada ato nosso, seja na compra de um “simples” iPhone 5s, na hora de irmos a cada 2 anos eleger um representante, ou mesmo de fazer uma crítica aos “reis do camarote”. Algo de sério precisa mudar, eu acho que estar por vir, em nós como nação. Aceitar tudo como estar é muito cômodo! Basta!!!

  • Cleiton

    O que acontece aqui é que cada vez mais o objeto é valorizado e a mão de obra desvalorizada. Nos EUA o cara ganha 8 dólares a hora para recolher carrinho no Walmart, este é considerado subemprego. Tem muita gente formada, que se esforçou para ter uma melhora de vida que não ganha isto no Brasil. É lamentável.

  • Naor Marinho

    Ilex, é possível colocar mais um dado no gráfico como por exemplo: renda per capita ou salário mínimo ou salário médio… Para termos uma noção mais real sobre essa diferença?
    Um abraço.

    Naor Marinho

  • CJF

    O problema aqui é a VORACIDADE do governo, que é inepto, inapto, corrupto, e outras coisas mais. Os impostos que somos obrigados a pagar são altíssimos. Repito : Os culpados são o (des)governo do Estado Brasileiro, e as autoridades constituídas, que não diferem ideologicamente daqueles políticos que estão indo para a cadeia e, tomara, ficarão lá por um bom tempo.

  • Marcela

    Ótimo texto e ótima posição a respeito dos preços abusivos. Eu sou uma que se não conseguir um BOM desconto na operadora não vou comprar.

  • Carlos Rodrigues

    Vou continuar com o meu bom é velho iPhone 4.

  • Wilson

    Esse foi um dos motivos que me levaram a pegar o i5c, saiu 1739,000 e estou super feliz com ele, agora pagar 2799,000 não mesmo, sei o quanto trabalho pra ganhar isso, e só peguei o i5c porque vendi o meu antigo 5 por esse preço, e digo com toda certeza, bateria melhor, câmera melhor, pegada melhor e no meu modo de ver mais bonito que o 5 mas ai é gosto de cada um, grande abraço a todos do blog!

  • Wilson

    Complicado!

  • Daniel Zamora

    Eu estou fazendo minha parte. Mesmo tendo condições e vontade, não comprarei o 5S no Brasil, de jeito nenhum. Está mais do que na hora de começarmos a tomar atitudes contra o verdadeiro assalto que são os preços no por aqui, não só do iPhone como de inúmeros outros produtos, apenas para alimentar os já polpudos bolsos dos empresários.

  • Thales

    “Não tem sentido dizer que os preços aumentaram sem analisar o mesmo aumento do dólar no período. E neste ponto, a variação na moeda americana não é tão gritante quanto aquela em real.”

    É gritante se pensarmos que a variação do preço nos estados unidos foi ZERO!

    • Você não entendeu a frase. Releia-a, por favor, dentro do contexto.

  • Denys

    BOICOTE assim como foi feito com o TOMATE.

  • Leo

    A queda de preço do iPad mini mostra que é possível reduzir diante a pouca demanda.

  • Raphael

    Concordo com o texto! Nao da pra julgar o que cada um faz com o seu dinheiro! É bom lembrar que o primeiro iphone 5s de terras tupiniquins foi comprado por um garçom, que normalmente nao recebe o melhor salário do mundo, mas queria comprar, juntou dinheiro o ano todo e comprou! Quem se programa faz o que quiser! Nao vejo lógica de ficar julgando as pessoas por isso nao!

  • Luiz

    Enquanto na frança haveria um boicote generalizado, aqui temos reclamações e filas para comprar no lançamento com preço extorsivo.

    Já vi gente aqui dizendo que boicote não iria adiantar, pois seria a mesma coisa que se boicotassem a Ferrari, Lamborgini, Prada para baixarem os preços. Olha a comparação… Sinto lhes dizer, mas IPhone não é artigo de luxo! Nos outros países, ele só é um smartphone mais caro que os outros por causa dos materiais e do design, mas é acessível. Esse tipo de gente que pensa dessa maneira que me envergonha e contribui para a situação desse país ser como é.

  • André Luiz

    iLex,
    Quando são chamados de “trouxas” os que pagam esses valore exorbitantes pelos iPhones, entendo que a mesagem é a mesma que você postou: basta não comprarmos que o preço cai. Eu estou fazendo minha parte. Gosto muito da Apple, possuo alguns produtos dela (inclusivo o iPhone) mas me recuso a ser mais um trouxa a pagar essa quantia tão alta por um iPhone.

  • Felipe

    Revoltante. Tenho um 4 32GB

    Acabo de sair da loja da Vivo Shp. Villa Lobos, aqui em SP.

    O preço, tabelado na loja, do 5S 32GB, 3999,99!!!!

    Alem disso, meu plano, iphone 100, ja não existe mais para a Vivo, ou seja, estou com esta linha ha pelo menos 10 anos e isso não significa nada. Neste plano, nem desbloqueio de desconto mínimo o sistema da loja abria.

    E pra piorar, fui perguntar o preço do 5 de 32GB. Mais um susto, 3100. Sendo que ha 4 meses atras, consegui, sem esforço algum, um 5 de 32 por 1649,00.

    Ou nós, consumidores, tomamos uma atitude seria em relação a isso, ou continuaremos reféns de um sistema podre, pra não dizer coisas piores…

    • Marina

      A Portabilidade esta ai….e só usa-la…: )

  • Anderson

    A comparação fica muito pior se levarmos em consideração a renda per capta de cada país…

  • Raphaela

    Gente, não tem muito o que reclamar…na verdade, a gente pode reclamar, gritar e espernear, mas só fazendo isso o preço do iphone não vai cair. o Iphone só custa isso porque nos pagamos isso. O Iphone não é um bem essencial (não é um feijão ou um arroz). Sendo assim, o preço não precisa ser controlado. Ele vai variar conforme o mercado. E o mercado está demandando loucamente esses artigos de luxo. A conta é simples: se ninguém comprar, ou seja, se não houver demanda, os preços vão cair…eles precisarão cair. Mas se há demanda, ou seja, se ficamos loucos e ansiosos pelo lançamento do modelo mais novo, então os preços continuarão a crescer. Pense como lojista: se todos querem demais o meu bem, por que vou obter um lucro de 50% se posso obter um lucro de 100%? Não faz sentido. É a lei mais básica da economia.
    Veja bem, não estou criticando os que compram. Eu mesma comprei e pague lá meus 2600 no aparelho. Só estou dizendo que não tem muita solução, caso não mudemos nossa postura como consumidores.

  • Bárbara Godoi

    Eu ia comprar, estava certa em trocar meu 4S esse ano… mas depois de ver os preços oficiais, decidi ñ comprar. Vou tentar trazer de fora e se ñ conseguir, vou ficar com esse mesmo, que tb é um ótimo aparelho. No natal de 2011 paguei R$1,899 nele, pagar quase R$1,000 a mais por um novo modelo, dois anos depois, é demais.

  • Gabriel De Brito

    iLex… boa noite.

    Parabéns por cada palavra escrita nesse post… não é a toa que o seu trabalho está sendo reconhecido por muitos.

    Grato!

  • Léo

    Grande ilex. Voltando hj de Orlando para Miami. Resolvi passar em Vero Beach. Pegar um litoral para curtir a paisagem. Passando lá encontro uma Best Buy. E já descrente de encontrar o iPhone 5s . (Pois tem uma semana aqui em Orlando, e não se encontra Iphone 5s, e quando acha na loja de nossos irmãos brasileiros (perfumeland, yes brasil, etc) eles estão cobrando 980 dólares fora as taxas (6,5%) por iPhone 16G. Voltando a Vero Beach, me senti no paraíso, iPhone 5s em todas as cores e opções 16,33 e 64, nas opções de bloqueados ou por operadora at&t, verizon e t mobile.
    Valor 856 dólares já com taxas inclusas , modelo iPhone 5S 32 G cor Silver
    Então fica aqui a dica
    Abraços

  • zigfrid

    ilex me responde uma coisa, o ipad tela com retinade 16GB já entra naquela redução de imposto sobre tablet????

  • marcelo

    Se os preços absurdos que pagamos fossem só no iphone.
    Coca-cola lata a 5 reais, vários restaurantes cobram esse valor absurdo e fica por isso mesmo, ninguém defende o consumidor que ainda paga 10% a mais pra taxa de garçon .

  • Finotelli

    Eu comprei no primeiro dia…. É uma vergonha o preço aplicado mas problema é meu….

  • Ricardo

    iLex, tenho um amigo que mora na Alemanha e ele disse que o iPhone 5S 32GB está R$ 2.470,00. Te pergunto: se eu comprar e ele mandar pra mim pelo correio, quanto terei de pagar de taxa de importação? Valerá a pena?

    • Não vale a pena mandar eletrônicos pelo correio, a taxa de importação será muito maior do que você comprar um aparelho aqui no Brasil.

  • Lucas

    Realmente eu queria mesmo saber o porque dessa diferença do iphone 5c 16 e iphone 5s 16.. em que todos os lugares do mundo é o mesmo preço .. chega no brasil ha uma gritante diferença de R$400,00 .. lucro brasil ? custo brasil ? coloca lá que eles nem vão perceber e vão pagar ?? é difícil entender..

  • Andre Almeida

    Comprei um 5s 16gb ligando pro televendas da Apple e sendo pro vencimento do cartão tem 10% de desconto, ficou por R$2.519 em vez dos R$2.799. Comprando pelo site não aparece esse desconto.

  • Eduardo Costa

    Boa noite.
    Eu nunca comento aqui, mas acompanho quase que diariamente o blog.
    Eu concordo com a opinião do iLex sobre a questão de não ser certo subjugar os outros ou ofender, só pelo fato de comprar o iPhone no Brasil ou não.
    Isso é uma questão muito mais profunda do que apenas pagar mais caro ou não.
    As vezes a pessoa quer ter um iPhone, mas só pode comprar pagando em 12x sem juros, e eu acho que ela deve sim comprar, e ser feliz, afinal, ninguém paga o salário desta pessoa, e ela pode fazer o que bem entender com o seu dinheiro.
    A questão é que as operadoras brasileiras cobram um preço absurdamente mais caro do que o preço (já caro) da apple.
    Fazendo uma rápida pesquisa, o site da Apple vende um iPhone 4 de 8g à 1099 reais, e com 10% de desconto se comprar à vista, e as operadoras chegam a cobrar 1200 reais em alguns casos, quando não mais, pelo mesmo aparelho.
    Existem pessoas (e muitas pessoas) que compram um iPhone das operadoras pagando mais caro do que pagaria comprando diretamente com a Apple, e mesmo subsidiário a algum plano, ainda sim continua mais caro.
    Estas pessoas sim podem ser rotuladas como otários, pois pagam muito mais pelo mesmo produto.
    Quem compra iPhone no Brasil paga mais caro sim, mas não só por isso é otário, otário é quem compra da operadora, por um preço muito mais absurdo do que o real do aparelho, e se vangloria por ter um iPhone.

  • Guilherme

    Faltando a NZ ai nessa lista, $1.349

  • Davi Batista

    Bom dia!!! Ja tentei com o pessoal do Blog obter detalhes ATALIZADOS se no Chile esta mesmo mais barato o iPhone e se o mesmo modelo de lá vai funcionar aqui … E se a garantia vai ser valida aqui ? E também gostaria saber se lá vende desbloqueado e onde posso comprar?

    Se tiver algum leitor que possa me responder essas duvidas sem grosserias eu agradeço …
    Pode ter ate alguem aqui que ja foi recentemente para o Chile e ja tem algumas informações
    Muito Obrigado

  • Mauricio Mendes

    Por partes…

    1) É impressionante a habilidade do Brasil em ficar em primeiro lugar em tudo que não presta…

    2) Discordo do “É o mesmo que, muitas vezes, vota em branco”… Não penso que somos obrigados a escolher um ou a escolher o “menos pior”. Eu sou um que, se não gosto de nenhum candidato – e eu analiso TODOS e sei em QUEM eu votei – voto nulo MESMO, sem dó nem piedade. Para mim, escolher o menos pior é MUITO pior do que não escolher nenhum…

    Talvez negando os candidatos (e o voto nulo serve para isso) quando nenhum presta, passemos a melhorar o nível de quem se candidata. Não entendam como uma apologia ao voto nulo. Eu prego o voto nulo, SIM, mas só quando não há ninguém que preste para ser escolhido…

  • Guido

    O problema não é o que nós pagamos. Vi que muitos interpretam erroneamente o quadro pois o que aumentou foi a cotação do dólar. Os preços em dólar são quase os mesmos, então é um problema de política econômica do país.

  • Matheus Cunha

    Eu mesmo comprei semana passada um imac, estava muito na duvida se comprava agora pois não sabia se haveria um novo modelo pra 2013 final.
    Compre, mandei atualizar algumas peças e paguei 8 mil, lógico, e um preço bem salgado, mais pra edição de vídeo, que é o que faço, esta saindo perfeitamente.
    Juntei um ano para comprar, todos me diziam larga a māo, é muita grana etc… Mais comprei, meu dinheiro faço o que quero, não ligo pra opniāo dos outros, estou feliz assim 😉

  • arnaldo

    O Brasileiro tem 4 alternativas: comprar o caro oficial, usar o mercado “paralelo”, não comprar ou brigar pela reforma tributária (seria a melhor alternativa, porém precisa-se de união, como foi vista na revolta dos 30 centavos)

  • Lorena

    Minha dúvida é sobre o aparelho comprado em Dubai. Pois me informarem que as social features são bloqueadas isto é verdade?

  • Fábio Full House

    Entendam uma coisa de uma vez por todas: Cada um paga o preço que for, naquilo que tem enorme valor agregado para ele. Por ex: Tem gente que compra guitarra de 10k. Mas não é qualquer guitarra, é uma Ibanez Steve Vai Signature. Ponto. Tem gente que paga 80k em um carro usado. Mas não é qualquer carro. É um Sonata. Tem gente que paga 8k em um teclado. Mas é um Motif. Tem gente que paga 150k em um relógio. Mas é um Patek Philip. Quem critica e fala que é ridículo não está errado. É realmente ridículo. Mas é ridículo pra você, entenda isso. Gastar 600 reais em Suplemento pré-treino pode ser extremamente ridículo para quem gasta 2.8k em um iPhone 5S. E vice-versa. E olha só: Ambos estão comprando vindo de fora para pegar o desconto master e tentar escapulir dos impostos abusivos. Afinal, quem está certo? Todos. Ninguém pode dizer o que é melhor pra você do que você mesmo.

  • Arthur Lancelott

    Pagamos em média 15mil reais a mais por um mesmo carro vendido na Argentina e Chile , uma vergonha .