Notícias

Gradiente lança no Brasil, na cara dura, telefone com a marca Iphone

A indústria brasileira infelizmente dando mais uma demonstração de mediocridade e oportunismo. A Gradiente anunciou ontem o lançamento da sua mais nova linha de celulares, com a marca Gradiente iphone. E a cereja no bolo: sistema Android, com dois chips.

É claro que não tem nada a ver com o iPhone da Apple, mas fará muita gente que não gosta (ou não tem condições) de pagar por qualidade poder dizer que agora terá um “iphone”. E a empresa, sabendo deste filão, resolveu usar de um direito que tem desde 2000.

Assim como aconteceu com a marca “iPad”, o nome “Gradiente iphone” é registrado no Brasil desde 2000 e com isso, a Gradiente detém o direito de uso exclusivo no país.

Não vamos discutir os direitos sobre a marca. É lei, ela tem o registro por aqui bem antes do lançamento do iPhone, mesmo que ele tenha sido inspirado em uma moda da época em colocar o “i” em tudo quanto é nome, por causa do sucesso do iMac (que fez até mesmo a Cisco registrar o mesmo nome). Seja como for, juridicamente ela tem este direito e não há discussão sobre isso. Ponto.

Mas neste caso, independentemente dos direitos jurídicos, este ato da Gradiente é uma clara ação de marketing para promover a marca Neo One. Ela sabe que está usando uma marca conhecida e sabe que muitos consumidores comprarão o aparelho no erro. Ela irá brigar com a Maçã, irá ganhar bastante espaço na imprensa e, mais tarde, com um acordo financeiro com a Apple, já terá marcado o nome de sua marca entre os concorrentes.

Vivemos na terra do oportunismo e do protecionismo. Não poderíamos esperar outra coisa.

Claro, ela poderia ter chamado a atenção com um produto realmente bom, com qualidade. Mas para quê, se ela pode usar um direito que tem para enganar consumidores menos informados? Neste caso, não precisa de qualidade.

Ê, Brasil.

via Estadão / Dica do David Vieira e do Leandro Cardozo

Tags
Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados

  • Walmir Vassalli

    Poxa vida em… Wowww!!!

    • SongBird

      KKKKKKKKK

    • Luis Pereira

      kkkk eu ri tb …daqui a pouco virá um charope criticar vc pelo funk!

    • Zé Rezende

      Até parece que a Apple tá se importando com a tão famosa GRADIENTE do BRASIL, a Apple tem menos de 1% de vendas total no Brasil, pra que se importaria! Não vale a pena discutir.

      • felipe

        na verdade são 4% da receita da Apple é no brasil.
        a mas é pouco! pouco é o caralho, ja pensou em milhões de reais? Então são centenas deles não é pra qualquer um.
        não estou puxando o saco da Apple tanto pq a samsung detém só no brasil entre 9 a 10% de sua receita.
        depois fala q brasileiro não compra nada apesar q tudo aqui no brasil é caro, por isso que seus lucros são enormes.
        mas mesmo assim é muita coisa vcs não acham?

    • ihenrique

      voce resumiu tudo em duas palavras, iLex: mediocridade e oportunismo.

      • Jesse

        “ihenrique” não soa bem não

    • Caco Barreira

      O grande problema não é a gradiente ou o nome iphone, haja vista que é a gradiente dona de tal nome no BR. O problema que me refiro são os comerciantes, eis que ao chegar aquele consumidor, DESINFORMADO e IGNORANTE da tecnologia, vai perguntar pelo iPhone e o vendedor vai vender o que ele quiser. O consumidor, ao ver o preço, sabedor que o valor pago por um amigo foi o dobro, não perderá a oportunidade em comprar o iphone com desconto. Mas a gradiente tem o direito, então poderá usar…
      Mas todos nos sabemos, nós que conhecemos e sabemos diferenciar além do nome idêntico, o que vale cada centavo e o que não é mais que um Hiphone.

      • Armando Salles

        Hahaha, vc realmente acredita, depois de 5 anos, que alguém ainda não associa o nome iPhone com a Apple?? depois de sermos bombardeados com iPhone da Apple, ninguem iria confundir os dois. E convenhamos, a desinformação não levaria alguem a comprar o iphone da gradiente no lugar do iphone da apple.

        • Victor

          Acredite Armando, até hoje tem gente que não liga IPHONE a APPLE. Digo isso porque tem gente que compra os HIPHONE acreditando que é IPHONE e diz que ficou melhor pois agora vem com android.
          Cada ciclo social tem uma cultura e conhecimento bem diferenciados. Por isso existem os que acreditam que o sapo vire príncepe e os que apenas engolem o sapo, mesmo sem acreditar.

      • Marcio

        Amigos, eu sou Instrutor de Informática à mais de 10 anos e ajudo muitas pessoas a conhecerem o mundo tecnológico que nos cerca e sempre tratei todos os usuários como iguais sem distinção se sabem ou não de Tecnologia, mas tenho visto tipos de comentários neste espaço que me entristecem, do tipo “Os ignorantes, povinho ignorante”, acredito que podemos traçar nossas opiniões sem precisar ofender de forma racista ao próximo, só por causa de uma desatenção na hora de uma ou por não conhecer determinada tecnologia.

        É como meu avô, dizia, o Homem é engraçado ele nasce “ignorante”, quando aprende os caminhos do conhecimento ele se acha “prepotente”, em vez de ajudar ao próximo a compartilhar os caminhos da sabedoria ele prefere, diminuir outras pessoas para se sentir “importante”, meu neto, ligue pois eles demonstram que podem até ter um pouco de sabedoria, mas deixaram de ser sábios no momento que colocaram seu “EGO” acima de tudo.

        mente aberta, amigos, mente aberta….

    • Leandro

      Essa noticia salvou meu dia.. ává

  • Pedro Fernandéz

    É uma loucura querer, mesmo detendo os direitos, usar uma identidade já consagrada para outro aparelho. é um tiro no pé, todo mundo vai compará-lo com o telefone da Maçã, e claro, o julgarão inferior. A Gradiente só pode estar querendo visibilidade.

    • Pedro Silva

      Quer melhor marketing que este? Caso não tenha percebido, ela ja esta alcançando seu objetivo!

  • Pedro

    Que vergonha…

  • Tainan

    Se a empresa tem os direitos… Ta certa ela!

    • Eduardo

      Tá certa o caramba, pode ter os direitos, mas a Apple tem exclusividade no nome do aparelho, só por que pode botar o nome não quer dizer que vai botar. Isso é falta de respeito com a Apple, tomara que ela processe essa empresinha e faça ela falir.

      • Marcos

        (2)

      • Cassius

        ó pobrezinha da apple que não tem o direito sobre o nome no brasil. sendo assim então ninguém pode usar simplesmente por falta de respeito a ela que nunca quebra nenhuma regra.. ó empresa magnânima.. aham cláudia, senta lá.

      • Thiago Sousa

        Vc tem ações da Apple para estar tão revoltado e interessado no fato da Gradiente ser aproveitadora? Errado, concordo, mas… menos né amigão. E até parece que esse produto vai fazer cócegas na Maçã.

        • Lari fischer

          Desrespeito é deixar lançar um produto com nome do qual outro tem o direito, só no Brasil.

          • Julio

            “, por causa do sucesso do iMac (que fez até mesmo a Cisco registrar o mesmo nome)”

            Não, não é só no Brasil 🙂

            • msam

              Ilex,Acho que tem um erro ai. A Cisco ja fabricava roteadores bem antes do lançamento do iphone.
              E o nome do programa que roda nos roteadores CIsco ja era Internetwork Operating System.

      • silva

        você é sócio da apple?

      • Fabio

        Temos que defender a Gradiente por ser uma empresa nacional. Acho que a Apple deveria mudar o nome do aparelho.

        • Cmendes

          Você é o maior humorista do Brasil uma piada assim nem Chico Anísio

        • Breno Alves

          Vejo o pessoal defendo a Apple, eu gosto bastante dos seus produtos, porém sempre defendi os certos. E pelo o que entendi no texto, a Apple não poderia usar o nome iPhone. Tendo em vista também que a mesma foi registrada em 2000, e o iPhone da Apple foi lançado em 2007. Portanto, ao meu ver, a errada aqui é a Apple, pelo menos no Brasil.

          • Antonio Gonzaga

            Pois é, os apaixonados pela Apple, não raramente usam dois pesos e duas medidas, pois qua do fala-se de cópias (Samsung) exemplo, defende as patentes com unhas e dentes, agora quando deparam com alguém que tem um registro ou uma patente queconflita com seus iGadgets saem logo em defesa da Apple e não do “dono” real.

            Se a Gradiente é “dona” da marca iPhone, que ta errado em usar é a Apple, aí vêm me falar de oportunismo?

      • Ykhael

        Gosto dos produtos da Apple, tenho iPhone, iPad e Mac Book Air. Sou um fã incondicional, mas se a Gradiente é proprietária do nome, tem mesmo que usar, mesmo que seja para se promover e ganhar visibilidade. Ou vcs acham que não vivemos em um sistema capitalista? A Apple nunca é tão sublime e imaculada que não pode ser incomodada? Fala sério… em que mundo vc acha que vive?

        • Tarcisio

          Concordo!

          • iulisses

            somos 2

      • Lauro

        Eu acho errado, como se diz, “fazer farofa com a farinha dos outros”, realmente a Gradiente tem os direitos, mas por que só agora ela está usando desse direito? Mas convenhamos, a Apple também não anda lá essas coisas em relação a respeito aos brasileiros.

        • Armando Salles

          Engraçado. A apple faz milhões de patentes e algumas nem utiliza, mas basta alguém lançar algo parecido que ela processa e para o publico ela está correta. mas quando é uma empresa que faz uso de seus registros contra a Apple e sempre ela que está errada, qual a lógica nisso???

      • Celso

        Se a Gradiente tem o registro, fim de papo. A Apple é que deveria ter negociado com o dono do nome no mercado . Mas como sempre a Apple acha que pode tudo. Juridicamente NUNCA a Apple impede a Gradiente de usar o nome.

    • Vinicius_

      Vou correndo para as lojas!!! quero garantir o meu…

  • Olavo

    Gradi-WHO?????
    É sério que isso aí ainda existe? Achei que tivesse falido! xD

    • Nicholas Sthefan

      Dois! HAHAHAHAHA. Nem lembrava mais que existia, falta agora só lançar Playstation com a marca da Gradiente: “Roda tudo, desde SNES até MegaDrive, lançamento!”. xD

      • Armando Salles

        A Dynacom fazia isso com seus videogames, inclusive o famigerado Dingoo. Trazia tudo isso para o mercado brasileiro e por um preço acessível. Uma pena ter falido.

        • iulisses

          concordo, é mesmo uma pena a dynacom ter parado de fabricar o dingoo

  • Navison Baracho

    putz, mais que sacanagem essa, nada haver! Apple deveria tomar providências perante o caso! Putz Brasil….

  • Acionista

    É o acordo que irá salvar a Gradiente do buraco. Os seus maiores acionistas estão dando saltos de alegria. Tacada de mestre.

    • Marco Antonio Tritapepe

      Adoro a Apple, mas também achei que foi perfeito por parte da Gradiente. Os 600,00 conto cobrados tão altos ainda pro povão que compra Xing-Ling. Com esse ninguém se preocupa, nem a Anatel.

    • Marco Antonio Tritapepe

      A coisa só vai virar para Gradiente se a maça a acionar judicialmente. Do contrário todo esse marketing não terá valido nada. Se eu sou apple nem ligo.

  • Léo Nassif

    Aff

  • Guilherme

    Se o nome foi requerido em 2000, como pode ser mediocre ou oportunista. Além doq é um mercado de concorrência, é uma ótima oportunidade utilizar esse nome depois de já estar estabelecido.

    Quem escreveu o artigo se esquece da mediocridade e oportunismo das gringas que ficam se degladiando em meios jurídicos para impedir a venda de um ou outro produto em países inteiros.

    Ê brasileiro…

    • Eu, como consumidor, quero produtos BONS, de qualidade, e não um lixo de aparelho que se aproveita de um nome famoso para tentar reverter a falência de uma empresa.
      Se quiser, posso desenhar para você: independente de ter ou não o direito legal, o ato em si é medíocre sim, e chama o consumidor de burro.

      Mas se você não se importa, paciência. Cada país tem o consumidor que merece.

      • Jhoon M

        Tá mais pra cada marca tem o consumidor que merece.

        • Eduardo

          A apple nao chama o consumidor brasileiro de burro nao? Lança seus produtos com desdem e com preços absurdos! Ela n chama os brasileiros de burros nao, os proprios brasileiros que agem como tal!

      • Maik

        É oportunismo. Mas aposto que a maioria das pessoas/empresas fariam isso se fosse de direito seu.
        Mundo capitalista, vai esperar o que!?

      • Marcos

        Ahahahaha. Vc mora onde? Nunca comprou nada da gradiente? Sempre foi sinônimo de lixo. Já tive microsistem nos anos 80 e desde então sempre fugi de seus produtos. Já estou até imaginando aquela Avó que toda feliz presenteia seu Netinho com um iphone e ele não tem coragem de dizer que ela foi enganada. Tenho orgulho de ser Brasileiro por muitas coisas mas não por empresas como a gradiente. Não vai sair do buraco nunca. Alias esse iphone é o típico Hiphone, deve inclusive ser feito na China.

        • Mamede

          Alias esse iphone é o típico Hiphone, deve inclusive ser feito na China.

          o iPhonhe tb é feio na China.

        • Daniel Zamora

          A Gradiente, por muitos anos, foi um ícone de qualidade no mercado de equipamentos de áudio no Brasil. Mas isto foi muito antes da “era” dos MicroSystems. Você provavelmente é muito novo para saber disso. Infelizmente, já desde a primeira metade da década de 80, decaiu a ponto de tornar-se apenas uma marca que passa de mão em mão, sem vínculo algum com a qualidade de antigamente.

      • Julius

        Faltou dizer que se trata de um aparelho 100% xingling que carrega uma marca brasileira, assim como a CCE, Positivo, Semp Toshiba, etc.

      • Guto

        Seus problemas estão resolvidos então: Se como CONSUMIDOR vc quer produtos de qualidade e vc acha que a GRADIENTE não supre esses requisitos, que tal simplesmente NÃO CONSUMIR OS PRODUTOS DA REFERIDA MARCA?

        E outra, se a GRADIENTE for uma empresa de capital aberto, a hora de ser acionista seria AGORA, onde compraríamos ações na BAIXA e esperaríamos pelo resultado desse novo produto. Se ele ESTOURAR, todos ganharíamos dinheiro. Se não, empataríamos ou perderíamos alguma grana, mas é o risco que se paga. Se ela tem o registro desse nome, ela é DONA do nome aqui no Brasil. Ela usa quando e onde bem entender!

        A Apple vai SE LIXAR pra esse “problema” aqui no Brasil e quem ganha com isso é a GRADIENTE. Será o assunto mais comentado no Brasil em 2013 como disseram num comentário acima e isso não mudará minha vida!

        Essa de mau-caratismo, cara de pau, nesse caso, na minha opinião, não cola.

        Respeito a sua opinião, a opinião de todas as pessoas que aqui comentaram, obviamente, pois não sou e não quero ser o dono da verdade. É assim que eu penso sobre esse caso!

      • Christiano

        O cara se ofende muito com tudo que vai em outra linha de “raciocínio” ….. na boa … quantos anos vc tem ??

      • Machado

        Ja pegou o aparelho na mao? Ja fez o review? Será que é tão ruim mesmo? Nao caia naquele discurso bobo de que “se é android, é lixo”. Além do que, muita gente gostaria de ter um iphone com 2 chips 😉

        • Ok, campeão, você não precisa acreditar em mim.
          Procure o cara mais foda sobre Android que você conhece. Alguém que, na sua opinião, mas entende sobre o sistema do robozinho verde.
          Pergunte para ele o que ele acha de um celular lançado no final de 2012, que só roda o Android 2.3.

          Sério, pergunte para ele e depois volte aqui para nos contar a resposta que ele deu. Se for diferente da minha, eu mudo o artigo, combinado? 😉
          Mas se a opinião for igual a minha, tem que vir dizer igual, certo? Porque só vir aqui para tacar pau e depois fugir quando perde a razão não vale.

          • SamuEX

            Loading game and waiting for challengers…

          • A.Philipe

            iLex Wins Fatality

            • Hozanan

              Babão!!

      • Celso

        A Apple marcou bobeira. Não adianta espernear. Alguém na Gradiente foi bem mais esperto que a Apple! Ela gasta milhões processando quem imita o canto arredondado do Iphone!!! Faça-me o favor, e tem quem ainda defenda? Pimenta nos olhos dos outros é refresco! Evidente que ninguem vai confundir uma coisa com a outra.

        • Christiano

          Concordo … quando ela ganha uma causa na justiça escancara “pros quatro ventos”. Quando perde usa a malandragem para descumprir como foi no caso da Apple Store UK ….. e ainda uma meia dúzia de malandros brasileiros e applemaníacos ainda ficam bajulando qualquer movimento conduzido pela firma de cupertino. Gente não se deixem cegar pelo fanatismo.
          Assinado: Usuário Apple muito mais que muitos por aqui.
          iMac
          IPhone 5
          iPhone 4
          iPad Retina
          AppleTV
          Time Capsule
          Airport Express
          Mac Pro Retina

      • Luiz Paulo

        iLex voce como dono desse blog nao deveria respeitar mais seus leitores?
        afinal é deles que voce depende para ter audiencia!

    • patrickgouy

      Pera aí Guilherme, você defende isso?

      Ou está achando que a Gradiente imaginou um smartphone tela touchscreen em 2000, registrou o nome e trabalhou no telefone para lança-lo em… 2012 ???

      Menos cara..

      • Marcos

        Boa resposta

      • Adriano Camargo

        Mas se contarmos que a Gradiente ta em pedido de falência, e que nunca fabricou um telefone celular, visto como era nos anos 2000 logo com a grande parceria que ela tem com a NOKIA logo o celular eh Nokia assim como era o Neo nos inícios dos anos 2000. Pressuponho com isso que o celular nao eh de tão ruim qualidade, será um forte candidato para os androids!! Mas não para a Apple!!

      • SongBird

        Né? Se ela tivesse esperado 12 anos para lançar um smartphone (se é que isso aí pode ser chamado de smartphone), esse aparelho deveria no mínimo fazer o consumidor se teletransportar ou voltar no tempo, porque olha… 12 anos é tempo pra caramba pra desenvolver tecnologia, né? ¬_¬’
        Não concordo com o que a Gradiente está fazendo. É ridículo, telefoninho porcaria… A impressão que dá é que inventaram um celularzinho qualquer só pra poderem colocar o nome de “Iphone” e poderem requerir os direitos do nome. Prova disso é que o celular vem com Android 2.3… uma bela porcaria… Se fosse celular bom suportaria pelo menos o 4.0

  • Leandro

    pelo menos o phantom system era bom!

  • Carol

    Nem sabia que a Gradiente ainda existia… Lembro de no final dos anos 90 e inicio de 2000 (abapha a idade da pessoa

  • André Luiz

    A Gradiente vai ganhar mais dinheiro processando a Apple do que vendendo celulares.

  • Alexandre

    Antes de sermos hipócritas e vomitarmos nos comentários, convido todos – inclusive o autor deste blog – a pensarem se teriam a mesma opinião caso fossem acionistas da Gradiente (nem sei se a empresa tem capital aberto, é só uma situação hipotética).

    Caso a opinião continue sendo a mesma, parabéns. Caso negativo, não se culpe, pois é muito mais fácil falar de ética, moral e dinheiro quando não interfere diretamente em nossas vidas.

    • Acho que não é muito inteligente ser acionista da Gradiente hoje em dia.
      E se eu fosse, não iria gostar da mesma maneira da empresa ter apelado para um caminho mais fácil (e sem retornos sólidos), ao invés de tentar realmente inovar e lançar produtos bons.

      No fim, a discussão é sobre isso: se aproveitar de uma marca famosa é mais válido do que apresentar algo realmente de qualidade?
      Será que a marca Neo One se firmará no mercado assim ou a intenção é somente arrancar um dinheiro da Apple (poderia ser do Google, da Microsoft, não importa de quem) para pagar as contas?
      A quem eles estão querendo enganar?

      • Ykhael

        iLex, só uma pergunta: se o nome te pertencesse, vc iria doá-lo à Apple??? É lógico que se o nome pertence à Gradiente eles querem ganhar algo com isso. Não acho isso imoral, até porque a Gradiente registrou o nome bem antes do iPhone ser inventado. Quando fez o registro não agiu de má fé, logo, tem direito de fazer o que quiser com o nome. Deixo bem claro que sou usuário de vários produtos Apple e não os troco por nada, mas o que é certo, é certo.

        • Celso

          Concordo 100% com seu comentário. Alguém aqui daria o nome para a Apple??? Kkkkkkkkkk

        • Henrique

          A Gradiente está CERTA. Ela não está sendo imoral, antiética, muito menos ilegal. Não importa se nos referimos ao modelo Apple, ela tem o DIREITO de vender o produto com aquela marca.
          Errado é aquele que acha que ela não deve vender só por causa do sucesso dos outros.

          • Daniel

            Concordo, álias a marca da Gradiente pode ser interpretada de varias maneiras, ela está registrada como Gradiente Iphone e não iphone, mas algumas pessoas como eu pensão que ela quer copiar a grande Maça.

            • Daniel

              Não penso que a gradiente copia a apple mais não. Li outros
              artigos a respeito e mudei a idéia.

      • Fernanda

        kkkk

        Meninos, acho ótimo que aconteça esas coisas para fazermos repensar em alguns posicionamentos nossos!

        No lugar da Gradiente qualquer um provavelmente faria o mesmo, para promover seu produto (estou falando de mercado, se empresas, nao da ética pessoal de cada um). E tudo dentro da lei, que seria a mesma coisa em qualquer país, nao apenas no Brasilsilsil!

        Depois, é melhor ainda quando ocorre contra uma das empresas mais protecionistas do mundo, como é a apple, que quer patentear até quadrado com borda redonda! kkk

        bjinhos

        • Celso

          Exatamente isto que comentei!!!!!!

          • Christiano

            Totally Agree!!!!

    • Leonardo Muchaki

      #CHUPA

    • Dantas

      Muito bem falado!

  • Rodrigo

    Vergonha alheia…

  • Allan Scofield

    Gradiente quem?

  • Heitor

    Agora todo mundo fala que tem iphone kkkkkk

  • Diego pinheiro

    Se a gradiente ja tem o registro do produto a aplle nao vai poder reclamar…e a gradiente vai ser o assunto mais comentado em 2013

  • Leonardo Muchaki

    Talvez eu seja designfag e isso não seja um problema para os outros, mas toda vez que vejo “Iphone” escrito desse jeito, com o “I” maiúsculo, meus olhos chegam a doer.

  • Dias

    Galera, antes de começar uma guerra sobre quem está certo ou não, deem uma olhada no site do INPI.

    A Gradiente tem o registro para: G GRADIENTE IPHONE, já a Apple tem o registro do IPHONE.

    Duvidas? http://www.inpi.gov.br/portal/artigo/busca__marcas

  • Leo Koester

    Podem até comprar por ser “um iphone”, mas por ACHAR que é um iPhone, duvido. São aparelhos bem distintos, impossíveis de serem confundidos.

    • Dantas

      Concordo.

      • Jose Pedro

        Impossível para agente que conhece e entende…

    • Acis

      Somos brasileiros, terceiro mundo, somos o País do carnaval e do futebol… Até quando nós mesmos vamos continuar olhando a 45 graus? Pessoal, certamente o Povo brasileiro, e digo, a massa da população sabe definir entre um bom produto e um falso. Ou alguém acha que foi enganado comprando produtos do camelô? Quem comprar o produto da Gradiente sabe diferenciar do produto original! Ou alguém comprou um “Lada” russo, achando que fez bom negócio? Ou quem compra um tablet de marca qualquer acha que comprou os de marca conhecida, somente pq foi informado que tem os mesmos recursos?
      Assim, com todo o respeito a todas as idéias aqui expostas, ainda acredito muito no dicernimento do nosso povo… E olha que não sou político…

  • Dantas

    Realmente é muito bom falar, mas se fosse o que estivesse livrando a Gradiente da falencia era a melhor coisa do mundo. Isso não é Brasil, isso é Capitalismo. Ela ta muito é certa. Cada um usa o que tem. Nada a ver falar de cara de pau e falta de carater. Gradiente tem o nome antes da Apple lançar o primeiro Iphone.

    • daniel

      também não acho que isso é exclusivo do brasil. olha a china, paraguai, etc… oportunismo tem em todo lugar do mundo… mas sem dúvida a ação da gradiente é vergonhosa.

      • Dantas

        O cara dizer que é porque é o Brasil? Ah, todo canto tem isso, vei. Ele que sabe de nada.

  • Joao

    Sendo analfabeto funcional e facil ser enganado mesmo, mas perai ne…basta ler e 1 minuto de atencao e ngm sera enganado!! E subestimar demais o consumidor, dizendo q isso levara ao erro!!! Pelo amor de Deus…

    • Daniel

      Se tem gente que compra Hiphone achando que tem um iPhone imagina o da Gradiente!!!! Nao subestime a ingenuidade das pessoas!!! Pra voce e pra muitos isso é obvio mas para outros nao!!!

  • IGBR3

    Oportunismo ou não, foi puro amadorismo da Apple não verificar no INPI se existia algo parecido no Brasil, agora pagam pela falta de competência de seus advogados.

    Produtos caríssimos da Apple, apenas para sustentar um status de um povo miserável aqui no Brasil.

    Agora terão mais uma pedra no sapato, Samsung, Gradiente e outras marcas virão com seus questionamentos.

    Se a Samsung fizer uma oferta a Gradiente para deter os direitos da marca no Brasil?????

    Apple ja perdeu em valor de mercado 128bilhões de dolares só este ano, isto ja demonstra que a marca está perdendo força no MUNDO.

    Chegou a nossa vez!!!!

    • Adriano Camargo

      Vc deveria consultar o INPI antes de comentar!! A marca iPhone e de propriedade da Apple Inc. E o da TCE (gradiente) foi arquivada em 14/03/2000 provavelmente por nao ter mais pagos o decênio… Trabalhei no INPI e sei como funciona, logo a Gradiente deu mais um tiro no pé!!

    • daniel

      kkkkkkkkkk

    • Leonardo Muchaki

      Acho que você esqueceu de falar que mesmo com essa perda ela ainda cresceu mais de 100 bilhões.
      Use a notícia completa e não apenas os fragmentos que lhe interessam.

    • Marcos

      Nossa vez quem? Não entendo isso… 1) Vez da gradiente? Faz e rir, e se fosse verdade seria um pesadelo.
      2) Dos celulares Android da Google, empresa Norte Americana que é uma outra gigante norte americana como a Apple, e apesar de na minha opinião os produtos da Apple serem melhores, a supremacia de uma ou outra não muda nada aqui nem nos daria a nossa vez. Alias as vezes me parecem que elas (a Google e a Apple ) se afastaram intencionalmente por estarem criando um gigantesco monopólio.
      3) Vez do Brasil? De jeito nenhum – todos vem da China.
      Então agora a vez é dos EUA e da China. E vai continuar assim.
      4)Nossa vez, que parece estar longe pois hoje e sempre (desde o descobrimento) vivemos de exportar materia prima, parece um um pouco mais improvável quando vemos empresas fazendo essa palhaçada que a gradiente fez ao invés de trabalhar e pensar diferente.

  • Danilo Melo

    Nossa! eu pensava que nem existia mais a Gradiente…

  • Sander

    Essa palhaçada não vai muito longe, só o nome em sí já ficou feio “Gradiente Iphone”.

  • Rodrigo Barreto

    Bom, estamos entrando na ceara do que é ilegal e o que é imoral.
    O uso de uma marca registrada é legalizado, agora será que realmente é imoral utilizá-la?
    Temos que avaliar mais profundamente o caso.
    Aqui estamos em um ambiente de grande maioria de usuários de sistemas Apple, do iPhone (com o P maiúsculo) e obviamente a maioria se importa sim com qualidade. A questão fica mais com a atenção que o CONSUMIDOR tem que ter, pois nunca se deve comprar nada pelo nome, e sim pelos requisitos, capacidades e características.
    Se for observar, a maioria que compra pelo nome são os que pagam R$2600-R$3000 em um produto sem questionar o valor, e pior, sem saber para que vai realmente utilizar o aparelho fora fazer chamadas, SMS e mostrar para os amigos (competidores de status).
    Logo, o nome é só uma pequena parcela do produto, a marca é só um símbolo… O que você tem nas mãos é o que realmente importa, desde que saiba para que e como utilizar.

    • Ótima distinção ente ilegal e imoral. Muito boa observação e eu acho que é isso que o texto quis passar.
      Mas eu acho sim que vai ter muita gente comprando este “iphone” do que outro similar, de outra marca e mesma faixa de preço, só por causa do nome.

      • Rodrigo Barreto

        Com toda certeza acontecerá.
        As maiores vítimas serão os avós (desavisados) que acabarão por comprar o “iphone” para os netinhos, que terão um grande decepção ao abrir a caixa…
        Mas horas, nesta situação, o presente será para um criança/adolescente, que além de ser de familia pretensamente abastada, passará horas exibindo seu troféu (no caso do iPhone) para o “amigos”, sem muitas vezes dar o menor valor ao quanto custou a quem o deu de presente.
        Novamente, muito bonita a ideia de todos poderem comprar um iPhone, acho que aqui deveriamos ter as mesmas condições que o mercado americano propicia, porém nossa realidade não é essa, e nossos consumidores não tem maturidade para dizer não a um produto.
        Talvez o maior erro da Apple seja de querer, no Brasil, transformar seus produtos em artigos de luxo, ao invés de ir contra a corrente e fazer uma política agressiva de preços (tem condições disso). Caso isso se fizesse, toda a concorrência baixaria seus preços.
        Isso se estende a todo o consumo. (fazendo uma aliteração, se estenderia aos políticos que “consumimos”)
        Precisamos valorizar o poder que temos no mercado, pois nós ditamos o que vende e o que não vende. Comprar a qualquer preço por conta da marca é o caminho inverso, é ser escravo sem opção de uma mentalidade pequena e mesquinha.
        Como uma propaganda de certa marca de carros de um tempo atrás, com os altos lucros, “O luxo todo, é com o dinheiro de vocês”.

        • SongBird

          “Mas horas, nesta situação, o presente será para um criança/adolescente”
          horas = tempo/oras = contudo.

          Acho que está erradinho ali!

          • Rodrigo Barreto

            Confere…
            Oras é o correto…
            Obrigado!

      • Orton

        E o fato de alguém ser ridículo o suficiente para ter um xing ling e ficar falando que tem iphone lhe preocupa?
        Sua argumentação de que a empresa deveria inovar etc é louvável, porém inovar significa gastar milhões em pesquisa e desenvolvimento e uma marca como a Gradiente nunca teria retorno neste investimento. Infelizmente, somente marcas estabelecidas no mercado podem se dar ao luxo de inovar.
        Na minha opinião esse fato é digno de pena, não revolta. É um tiro no pé que selará de vez o fim de mais uma “marca” nacional que apenas desenvolve o logo.

        • Hugo Torquetti

          Amigo, seu pensamento até pode estar correto.
          Realmente custaria milhões em Pesquisa e Desenvolvimento para a gradiente conseguir um bom produto com qualidade e inovação.
          Agora me diga uma coisa. Se você resolve como empresário entrar no ramo de supermercados por exemplo, você por acaso iria montar logo de cara uma estrutura para brigar com Carrefour, Wallmart, Extra, etc ?? Não. Primeiro você abriria um supermercado pequeno e buscaria ir se desenvolvendo e se consolidando dentro desse ramo. Agora a Gradiente chegou hoje no mercado de smartphones e quer competir com a Apple ??
          A maçã gasta muito dinheiro com pesquisa e desenvolvimento sim, mas sofreu um bocado pra chegar onde chegou, incluisive quase foi a falência. Ninguém chega da noite pro dia batendo de frente com o líder de mercado, nem a Apple chegou, e não é a Gradiente que fará isso. Essa é que é a questão. Como a Gradiente nunca conseguiria bater de frente com a Apple, ela utiliza do nome consagrado pela maçã para conseguir alguns dias de fama e um pouquinho de dinheiro com alguns desavisados. Agora pra quem quase decretou falência a menos de 6 meses atrás, acho que não resolve muito o problema né ?

    • Diogenes

      descordo em partes…

      A Marca IMPORTA MUITO!! Vou dar um exemplo pratico que é mais fácil para compreender minha opinião:

      Vou comprar um notebook
      Processador X, RAM Y, HD XY, Memoria Grafica XZ

      Com estas mesmas configurações tem o notebook de 2 marcas: Positivo e Sony, custando respectivamente $1.800,00 e $2.100,00.

      Se fosse vc (de acordo com a opinião que vc escreveu), compraria sem pensar 2 vezes o notebook da Positivo. Afinal, tem as mesmas configurações, só muda o preço e marca!

      Bom, assim como eu, milhares de pessoas comprariam o Sony!! E não é por causa da marca, para ficar se exibindo não! É por causa da qualidade!! A tendencia de que o notebook da Sony tenha uma vida útil maior do que a do positivo é indiscutível. E caso precise de suporte, nem se compara o suporte de uma para com a outra.

      Minha opinião final:
      A Marca da valor agregado ao produto! A Marca não é só um simbolo! Muitas vezes não adianta saber só “para que e como utilizar”… 😉

      • Rodrigo Barreto

        Diogenes, vou concordar em partes também:

        A marca carrega uma pré-suposta qualidade e refino, mas que se resumem a dois aspectos:
        1- Quem faz a montagem do produto, que são quase sempre empresas subcontratadas com produtos de terceiros (Foxconn/Samsumg/LG e etc), logo os padrões de qualidade são de acordo com o nível de controle de produção exigido por quem compra seus serviços de produção, podendo a mesma fábrica montar o iPhone qualidade A e o ching-ling (exemplo, não que isso de fato ocorra)
        2- A questão das configurações serem as mesmas não quer dizer que o produto renda da mesma forma, que sua performance seja igual, pois depende também da qualidade dos materiais e da produção. Desta forma, mesmo uma marca desconhecida, pode exigir padrões de qualidade para seus produtos. O problema é que esses serão tão caros ou mais (quantidade) que os da marca famosa, consequentemente perdendo mercado.

        Se você tem uma marca XUYYS, e quer competir com a Apple ou Samsumg, poderá a médio prazo ter produtos tão bons quanto, desde que invista em tecnologia e pague (ou cobre por eles) o preço que custará sua qualidade. Se sua marca vingar, ótimo… Mas no geral o mercado vai rumar para o conhecido, por simbolizar uma qualidade maior, mas não que a outra marca não o tenha.

        Existem cameras fotograficas pouco conhecidas no Brasil, com qualidade fenomenal. Essas são caras, mas são fora de série… No fim das contas o que vende é o nome Nikon, Canon, Sony…Não importa muito se a qualidade final do produto top entrega mais, se ele não tem espaço na mídia ou no uso de seus conhecidos.

  • Jose Pedro

    É assim… tipo Apple!!!

  • Elienay Giaconne

    Isso afetará a venda dos produtos no Brasil? TNC GRADIENTE Q LIXO.

  • Jose Pedro

    Será que vem uma pera mordida no fundo?

  • Marcelo

    Alguém ai compro iphone 5 desbloqueado em fort lauderdale ?

  • João Pedro

    Realmente é uma vergonha…

  • Thiago Caetano

    Acho que o pior de tudo vai ser aquele seu tio no almoço de familia falando pra você que também tem um “iphone” e quando você falar que não ele dizer “qh, mas no fundo é tudo a mesma coisa”. Sem falar nas piadas sem graça que virão.

  • Jose Pedro

    É claro que vão ter consumidores enganados comprando… até hoje ainda me perguntam… “Ué! O seu não pega TV não, o de meu colega pega, te enganaram.”

    • Thiago Sousa

      Oo
      Ninguém nunca me perguntou isso.

    • Orton

      Pera aí….não tem TV????????

    • Hozanan

      ha ha ha! Boa

  • Elienay Giaconne

    Detalhe: disponível na cor branco ou grafite… Gradiente, mas que baixaria.

  • Sândalo Jhony Gomes

    Pra quem sempre quis um iPhone com android! 😀

    • E com dois chips! 😛

      • Rodrigo Barreto

        Por falar em dois chips, alguém já ouviu algo sobre alguma remota intenção das operadores em fazerem plano de dados compartilhados?
        Ia sugerir perturbarmos as empresas para oferecerem essa possibilidade de serviço.
        Afinal, seria muito útil compartilhar um plano de dados de smartphone com tablet, ou vice-versa.
        Possibilidade técnica existe, agora, alguém já sinalizou interesse?

        Sabe de algo iLex?

      • Gilberto Almeida

        Sou modesto , só queria um iPhone com radio Fm , que nem o iPod

        • SongBird

          Eu também… E nem o são todos os iPods que tem… o touch, por exemplo.

  • Caio Ferreira

    Vai ser Pouco pra gradiente se ela falir … aff Neo One ki grande %£¥€# !! hahaha

  • Edgar

    Produto Gradiente = Nostalgia.
    Gosto da Gradiente apenas no Almanaque 80’s.
    No caso de uma ação indenizatória por parte da Apple favorecendo a Gradiente seria extremamente vantajoso aos acionistas se é q a empresa tem capital aberto na bolsa.
    Mais uma traquitana tupiniquim visando vantagem, ainda q devida mas moralmente imoral!

  • Peroli

    Como nessa terra a maioria não segue o moral e bons constumes, então os ## na tentativa de conseguir algo utilizam desses tipos de artifícios.
    Mas quem for comprar o iPhone real vai saber diferenciar.

  • Overlord

    Utilizar-se de marca conhecida para tentar vender seus produtos para pessoas desavisadas é, para mim, no mínimo um ato de má fé.

    Sim, porque nem todas as pessoas são conhecedoras de tecnologia.
    E muitas delas, com certeza, comprarão o produto pelo nome, mundialmente associado com a APPLE.

    Pior… este ato de má fé é ainda mais comprovado quando a empresa, que detêm o registro desde 2000, resolve lançar uma linha de produtos utilizando o nome só agora… 12 anos depois.

  • Leonardo Muchaki

    Bom, seja lá qual for a estratégia deles está funcionando.
    As ações da Gradiente (IGBR3.SA e IGBR3F.SA) estão com alta de 6,83% e 11,11%, respectivamente.

  • Rodrigo

    Desculpa, mas acho que a Gradiente não terá direito a nada.
    Uma pequisa rápida no INPI mostra 4 páginas de resultados de pedidos e registros com o nome iphone (tanto apenas a palavra sozinha, como no meio de outras palavras). Tem registros cancelados, um monte de pedidos.
    OK o pedido de registro da Gradiente é de 2000 e o registro concedido em 2008. Só que na categoria NCL (7) 09 (Aparelhos e instrumentos científicos, náuticos, geodésicos, elétricos, fotográficos, cinematográficos, ópticos, de pesagem, de medição, de sinalização, de controle (inspeção), de socorro (salvamento) e de ensino; aparelhos para o registro, a transmissão e a reprodução de som ou imagens; suporte de registro magnético, discos acústicos; máquinas distribuidoras automáticas e mecanismos para aparelhos operados com moedas; caixas registradoras , máquinas de calcular, equipamento de processamento de dados e computadores; aparelhos extintores de incêndio.) Nem telefone é!
    Os registros da Apple são em outras categorias: (8) 28, (9) 16, (9) 25.
    Portanto, a meu ver, a Gradiente está muito mal assessorada!

    • SongBird

      Muito bom seu comentário! Se tivesse botão “curtir”, teria clicado! =D

    • Max

      Hahahaha que piada esse Steinbruch! Tomara que a Apple meta um processo absurdo encima dele para colocar a pá de cal nessa empresa mequetrefe de uma vez por todas! Acabei de checar o INPI também, e a marca iPhone está em registro da Apple. E aos que criticaram a Apple, ela registrou a marca iPhone no dia 8/01/2007, ou seja, no anúncio oficial do primeiro iPhone.

      • Max

        Ops, errei o nome do cara, é o Staub… viajei… :p

    • Paulo

      Veja bem o informado no site do INPI….. Especificação: Aparelho telefônico… etc……

      A Apple não terá problema algum, pode continuar a usar a marca “iPhone” sem problema algum.
      A Gradiente poderá usar a marca “G Gradiente iphone”.

      Alguém já precisou fazer fotocópias e viu uma porta, ou uma grande livraria, escrito XEROX ?
      Na hora de fazer sua cópia a loja só tem equipamentos Canon, Toshiba, Nashua, Kyocera, Ricoh, etc…

      O sonho de todo fabricante, é que seu produto ou marca seja sinônimo de produto, tais como Bombril, Gillette, Isopor, Chiclets, Cotonetes, etc…
      Já pensaram que nosso admirado iPhone já é sinônimo de smartphone.

      E a primeira a ver isso, quem sabe, foi a Gradiente, e por ter a felicidade de ter uma patente local que permite isso, vai utilizá-lo como marketing.

      Quem sabe, daqui a pouco, com a fama (e fato) de ser o melhor produto do mercado o nosso iPhone vire sinônimo de smartphone .

      As operadoras e lojas oferecerão os iPhones da Apple, Samsung, LG, Nokia… etc….

      Abraço a todos e não estressem por pouco, nossos iPhones tomarão muita porrada a partir da virada do ano com a história do 4G em abril, nas praças que terão a Copa das Confederações, (a Claro já começou a ofertar).

    • Paulo

      A Apple não terá problema algum, pode continuar a usar a marca “iPhone” sem problema algum.
      A Gradiente poderá usar a marca “G Gradiente iphone”.

      Alguém já precisou fazer fotocópias e viu uma porta, ou uma grande livraria, escrito XEROX ?
      Na hora de fazer sua cópia a loja só tem equipamentos Canon, Toshiba, Nashua, Kyocera, Ricoh, etc…

      O sonho de todo fabricante, é que seu produto ou marca seja sinônimo de produto, tais como Bombril, Gillette, Isopor, Chiclets, Cotonetes, etc…
      Já pensaram que nosso admirado iPhone já é sinônimo de smartphone.

      E a primeira a ver isso, quem sabe, foi a Gradiente, e por ter a felicidade de ter uma patente local que permite isso, vai utilizá-lo como marketing.

      Quem sabe, daqui a pouco, com a fama (e fato) de ser o melhor produto do mercado o nosso iPhone vire sinônimo de smartphone .

      As operadoras e lojas oferecerão os iPhones da Apple, Samsung, LG, Nokia… etc….

      Abraço a todos e não estressem por pouco, nossos iPhones tomarão muita porrada a partir da virada do ano com a história do 4G em abril, nas praças que terão a Copa das Confederações, (a Claro já começou a ofertar, a Vivo já me ligou, e estou falando de 4G nada de 3Gplus, 3G+, etc…).

  • valter

    Muitos estao comentando sem saber do que estao falando… Pesquisem…

    A Apple é sim a detentora da marca “iPhone” no brasil, sem questionamentos. O que a gradiente tem é “G GRADIENTE IPHONE” ou seja. Ela não terá direito algum de mencionar apenas o nome “iphone” para designar seu aparelhinho.

    Apenas estao sendo oportunistas, e queimando o próprio filme com isso.

  • Raphael

    Recomendações de Advogado sagaz, tenho certeza ! Capitalismo selvagem.

  • Wendell Leon

    Coisas do Brasil!

    Nada como processos que nunca acabam pra gente ficar perdendo tempo com “bobagens das grandes empresas” e não vermos nada em inovação tecnologica!

    Só espero que em 2013 a Apple seja melhor no quisito inovação que em 2012, por que esse ano não foi muito bom.

    • Guilherme

      Verdade

  • Guilherme

    Empresa quebrada que vive nas tetas do governo, deveria fechar e colocar todo mundo desta marca na cadeia.

    Isso é um completo desrespeito com os menos informados que vão comprar um tele chines de ma qualidade achando que tem um iphone.

    Espero que Apple faça alguma coisa.

    Vergonha de ser brasileiro.

    • Lari fischer

      Desrespeito é usar o nome do qual outro tem o direito só no Brasil mesmo.

    • Luan Carlos

      desculpe, mas o iPhone também é produzido na China.

  • André Avelar

    Isto é coisa de nego sem mãe!!! Não se faz!

  • Alessandro

    nada no Mundo é novo… tudo se copia… tudo que é já foi…

  • Gilberto Almeida

    Pelo q entendi é a APPLE que não poderia usar o nome no Brasil… Será que li errado?

    Isso não tira a culpa da gradiente em enganar os consumidores tb!

  • Felipe Campos

    “Meu primeiro gradiente”: Meu último gradiente e ponto.

  • Marco Aurélio

    Affeee nego faz tudo para tentar se igualar a Apple a tal da inveja é fodaaa

  • Mi

    INCONFORMADA é a palavra.

  • MARTINEZ

    Na boa a Gradiente foi esperta como a maioria dos brasileiros que estão nesse meio. Um produto foi sucesso no exterior e ele nao registrou a marca em outros países? só lamento. Vocês acham que a Apple é Santa??a Apple usa e ja usou patentes de outras empresas e ela teve que pagar milhões para poder usa-las e ai??

  • @Tito_Reis

    Bem feito pra Gradient, quem mandou ela não proibir a marca iphone no Brasil desde 2007. Aí não teríamos esse tipo de discussão.

  • Yuri

    A Gradiente é baixa e sem escrúpulos. Texto muito bom iLex, concordo com tudo que disse. Agora ela inventa isso de que não usou antes por estar mais preocupada com outras coisas pra não dizer que o que ela quer mesmo é sacanear os (me desculpem que se sentir ofendido), quer mesmo é sacanear os pobres que querem um iPhone mas não podem comprar, assim eles vão oferecer seus “iphones” BEM mais baratos e os menos favorecidos vão ficar eufóricos, afinal, vão ter um iPhone.

  • Ronaldo Lage

    O consumidor brasileiro tá acostumado com os produtos “ching ling”. Tem muitos anos que o HIPHONE tá por aí. Pode acontecer de algum distraído comprar por engano, mas a maioria sabe o que está comprando.

    Voltando no passado, o nome APPLE pertencia aos Beatles, era o nome da gravadora deles. Marca bastante conhecida na época, todo mundo conhecia a maçã cortada ao meio que vinha no selo do vinil. Durante quase 30 anos a atual Apple usou a marca sem autorização. Tá provando do próprio veneno.

    Não entendo por quê algumas pessoas defendem a Apple com tanta paixão, como se fosse religião. A Apple como qualquer outra empresa visa o lucro (é a maior margem entre todas no ramo). Tem um passado com vários episódios bastante questionáveis, assim como microsoft, samsung, casio e etc.

    Com certeza é imoral e vergonhoso. Mas não é só a Gradiente que utiliza tais práticas. Ela não é a primeira e nem será a última.

    • Leandro Cardozo

      Eu não sei se é preguiça, birra, analfabetismo, ou qquer outra coisa, mas muitos que comentaram o post não leram as partes e links sobre os registros de patentes. Vamos lá, 1763ª tentativa:

      1) A marca “G Gradiente iphone” é de propriedade da Gradiente. OK.
      2) A marca “iPhone” é de propriedade da Apple. OK.

      Se tiverem o mínimo de interpretação de texto, entenderão que a Gradiente não pode usar apenas “iPhone” na promoção/descrição do produto.
      Além disso, o fato de mencionar a Apple Records com a Apple Inc é algo sem fundamento. Uma era gravadora, a outra empresa de Tecnologia. São ramos distintos caso não tenham percebido.

      NEXT:
      O ponto aqui não é usar ou não o nome e sim aproveitar-se, ir de carona em algo que já existe e faz sucesso. PODER usar o nome, a Gradiente pode (desde que não seja apenas iPhone – e ainda assim acho que a briga será boa), mas deve?

      Eu teria vergonha de trabalhar na Gradiente ou ser acionista. Meu pai sempre me ensinou a meter a mão na massa e fazer por você mesmo. A Gradiente só se igualou à Samsung, com diferença de que uma vai atrás do design e a outra está indo atrás da fama. Criticam tanto a Microsoft, mas foi a única que trouxe algo diferente e tenta caminhar com seu próprio esforço.

      As pessoas que defendem a Gradiente pq ela é nacional deveriam ter aulas (ou não matar essas aulas) de Inovaçao, Ciclo de Vida de Produto, etc. Aula de negócios! O mundo não é colorido como vcs pensam, onde só pq vivemos no capitalismo, vale tudo.

      O mundo é de quem se esforça e caminha com as próprias pernas. Evidente que uma empresa do tamanho da Apple virou um pára-raio de parasitas, faz parte… e evidente que a Gradiente está interessada em acordos financeiros. Triste! Vai conseguir (ou não) um acordo, vai ter todo esse burburinho e ainda assim não sairá do lugar. Acham que ela será de que tamanho após esse lançamento? Não esperem muita coisa. Pode não falir, apenas isso. Mas inovar, ser gigantesca, ter produtos que gerem filas, expectativa no consumidor? Esqueçam!

      Não é pq um nome estpá registrado, que ela (Gradiente) tem a obrigação de usar. Ela poderia ter inventado outros 700 BILHOES de nomes, mas curiosamente, iphone foi escolhido.

      Pra encerrar: PAREM com esse papo de que qquer um verá a diferença. NÃO, não verá! Nós veremos pq respiramos isso, lemos a respeito, estamos ligados em tudo. Meus pais e os pais de muitos aqui (nem vou mencionar avós) não saberão. Meus pais não usam iPhone, nem sabem do que ele é capaz de fazer. Achar que não existem outros milhares assim é ignorância. Ou os que defendem a idéia contrária conhece todas as pessoas da terra pra dizer se elas são capazes ou não de reconhecer um iPhone e um HIPHONE? Cuidado, estão falando muita merda sobre esse aspecto.
      Qualquer um pode ir lá e comprar o telefone, e como conhecemos o brasileiro (que só quer se dar bem – basta ver alguns comentários aqui), duvido que alguém explique que esse ‘iphone’ não é o iPhone.

      Leandro.

      • Ronaldo Lage

        “Vamos lá, 1763ª tentativa:”
        Repetir a mesma coisa esperando resultados diferente é burrice.

        Não importa se é o mesmo ramo ou não.
        O que importa é utilização de algo que não é seu por direito. Daí a semelhança entre a atitude da Apple e da Gradiente.

        “Eu teria vergonha de trabalhar na Gradiente ou ser acionista.”
        Outros teriam vergonha de pagar R$2400 em smartphone enquanto crianças morrem de fome ao redor. Então isto é um tanto subjetivo.

        “Apple virou um pára-raio de parasitas” coitadinha da Apple. Recentemente a Apple teve que indenizar a Mondaine por utilização do icone do relógio do ipad e está sendo processada por outras empresas. A informação está aí na internet é só procurar.

        Não atribua a mim coisas que eu não disse. Leia com mais atenção, compreenda bem o texto. Não jogue em mim suas frustrações.

        Tem gente que trata isso como religião. Que falta de maturidade.

        • Leandro Cardozo

          EM 1º lugar, não era uma resposta pra vc! Só postei no lugar errado.
          E fiz um apanhado geral do que li aqui.

          Agora sobre sua últimas respostas:

          Você émais um daqueles que morde os cotovelos porque as pessoas gastam o dinheiro que ELAS ganharam como o trabalho DELAS.
          Ah, e você também é um daqueles mimimi crianças morrendo. Vamos lá:

          1) você tem carro? Se sim, qual? Custa mais de 20 mil? Se sim, por que não comprou um mais barato?
          Como? Não tem carro? Ok. Tem TV? Custou mais ou menos de 2000? Se foi mais, porque não comprou uma que custa menos? SUA CASA!!! Vale quanto? 400 mil? Por que não compra um casebre de 90 mil??

          Entenda: as pessoas tem percepções diferentes do que vale ou não a pena. Acredite: iPhone de 6000 mil terá seu lugar, terá seu mercado. Não cabe a mim ou você dizer se vale ou não. Há quem ache que vale e há quem acha o contrário. A questão é que isso é pessoal demais pra um bando de gente dar palpite. Você sabe em que eu trabalho? Sabe qual o uso que faço do aparelho? Sabe meu estilo de vida? Não! então não pode dizer que estou cometendo loucura em pagar 2400 no iPhone.

          Além de que: tem gente que tem TV em casa e não tem reboco na parede. Tem gente que não tem piso no quintal e tem carro 0 na garagem! Cada um gasta como lhe convém meu filho. Aceite isso.

          Agora sobre as crianças na África ou não. Já ligou pro Neymar pra pedir pra ele deixar de ganhar 3 milhoes por mês e ajudar as criancinhas? Ah, não é santista? Já ligou pro Valdivia então, pro Cassio, Tite, Sheik, Luis Fabiano, Lucas, seja lá o diabo que for? Acho que ganhar 3 milhões por mês pra chutar bola enquanto suas crianças passam fome é sacanagem. A propósito, qual a cidade da África onde o IDH é menor? Em que região fica? Você já mandou quantos R$ pra lá?
          Ok, não vamos tão longe. Quantos R$ já deu de ESMOLA na rua? Sim, esmola, pq eu duvido que você tenha ido á uma instituição e doado. Se fez, parabéns, se não fez, cale-se. Seja menos hipócrita.

          Eu sei mais da Apple do que vc imagina, não precisa me dizer pra pesquisar sobre os processos que a envolvem. Eu acompanho. Fique sossegado, estou bem informado.
          A Apple tornou-se um pára-raio sim. Já que você sabe tanto dela, já deve ter visto dezenas de infograficos que mostram os processos pelo mundo. Viu quantos processos ela move e quantos na qual ela é réu? Meio desproporcional, não acha? Mas ok.

          Sobre religião, deixe isso de fora. O único religioso aqui é você, que parece ser presidente da Gradiente defendendo algo tosco como esse. REPITO: ela tem TODO direito de usar a marca, processar e o escambal. Mas há empresas que pensam diferente e seguem outros passos (Microsoft, por exemplo). Empresas que tentam nadar sozinhas e não pendurado no pescoço de alguém. QUEM É GRADIENTE HOJE? QUEM? Essa é a última cartada da Gradiente. Ok. Veremos onde o tiro acerta.

  • Damyhonn Paulino

    Se eu tivesse direito sobre uma marca também faria uso dela.
    É o que qualquer um faria.

    • Stefano

      Nem todo mundo é desonesto, age de má fé e quer ganhar em cima dos outros só porque pode.

  • bruno

    Porque na cara dura, se ela tem o direito no nome desde 2000? Ela deveria processar a apple por lançar o iphone no brasil com esse nome

  • Fernando Augusto

    “Claro, ela poderia ter chamado a atenção com um produto realmente bom, com qualidade. Mas para quê, se ela pode usar um direito que tem para enganar consumidores menos informados?

    Os consumidores estarão à mercê dos vendedores que irão atendê los, se alguém for enganado, os principais responsáveis serão eles, os vendedores.

  • Cássio

    Hehehehe… agora o Brasil pode ter o IPHONE mais barato do mundo… !!!!

    Essa é pra quem quer um iphone mais barato… leva esse ! Aí se arrepende e compra um que preste…

    Não que este aparelho da Gradiente seja de todo o ruim, pois ao menos vai servir como mau exemplo…. 😛

    Quanto aos direitos, tudo bem em possuir, mas porquê razão a empresa só lançou um produto com este nome agora, anos depois de um produto estar solidificado no mercado mundial?

    Poderia ter licenciado o nome para a Apple e ganhar muito mais dinheiro do que com as vendas deste xing-ling…

  • Lengo

    Nunca mais falo mal da Samsung hoje.

  • Fernando

    Wow! O primeiro iPhone com Android e dois chps! Bem, duvido que alguém que queira adquirir tal gadget não saiba do que se trata.

  • André

    Cara, eu procurei no site do INPI e não achei o registro do IPHONE para a Gradiente ou qualquer outra empresa, somente para a APPLE INC. Tem alguma coisa mal contada nessa história da Gradiente…

  • Max

    Xiii, vai dar uma batalha jurídica danada. O registro só foi concedido em 2008, após o registro da Apple ter sido concedido aqui no Brasil. Provavelmente vão buscar algum acordo milionário com a Apple, e é bem possível que consigam.

  • Márcio

    Bom se a Gradiente tem o registro do nome não há nem o que contestar. Até pq não tem santo nessa história.

  • Luiz Ferreira

    Palhaçada, como se fosse vender tanto celular assim´só pq tem o nome “iPhone”

  • Paulo Rocha

    Cara dura foi a Apple usar o nome aqui de um produto já registrado por outra. Se é uma empresa com alguma expressividade ou não no mercado isso não faz a menor improtancia, A LEI É PARA TODOS!

  • Alan Fernandes

    Sem palavras.

  • Cesar

    Galera. Gradiente registrou a marca em 2000 MUITO ANTES de existir um iphone, portanto, autor do artigo, mediocre foi seu comentario e artigo. A gradiente registrou a marca antes, o nome é G Gradiente iphone, a marca é dela. Pare de ser fan boy da apple. A gradiente não fez nada de errado

    Sem mais

  • Leonardo R

    Vai ser o primeiro iPhone a chegar primeiro aqui, e depois no resto do mundo!

  • leonardo

    esse empresa deveria se chamar latino!!

  • Ravi Carrillo

    Olha, eu gosto muito de ler os artigos aqui e as coisas sobre a Apple, desculpe até por falar isso iLex mas a parte do seu texto: “É claro que não tem nada a ver com o iPhone da Apple, mas fará muita gente que não gosta (ou não tem condições) de pagar por qualidade poder dizer que agora terá um “iphone”. E a empresa, sabendo deste filão, resolveu usar de um direito que tem desde 2000.” Me soou um pouco “iPhone não é para pobre”, isso me faz lembrar de uma coisa que me falaram uma vez, que iPhone é mais status do que telefone em si. Certo, é um telefone fenomenal, com um hardware top demais, mas eu acho um pouco infeliz se achar O mais por ter um iPhone. Desculpe se estou sendo grosseiro, gosto bastante das suas criticas e reviews sobre o que escreve aqui, mas esse foi um post que não me agradou muito aos olhos.

    Obrigado.

    • Eduardo

      Velho, vc disse tudo!!!

  • iRaud

    Amigos,

    Muito engraçado esses comentários! A Gradiente já ganhou publicidade com um site reconhecido como o blogdoiphone. Uma pesquisa rápida na web e já tem vários sites comentando.

    O pior que toda vez que mostro meu iphone, todos falam: “não tem nada de moderno, não tem tv e nem dois chips”. Eu nem discuto mais, hahahahaha.

    O mais engraçado é que essas discussões estão parecendo com os programas de futebol que passam na tv e no radio.

    Valeu!

    iRaud

  • Fernando

    Não sei o porque das mensgens pejorativas em relação aos celulares com dois chips. Eu mesmo tenho dois celulares devido a porcaria que estão as operadoras, iohone e motorola v3. Como não aguento mais carregar dois aparelhos vou de galaxy s duos, que parece ser um razoável android. Iphone com dois chips apesar de ser uma utopia seria muito bem vindo.

  • Nathaniel

    Não gosta do Brasil? Tá fazendo o que aqui? Se for criticar, que seja uma critica para melhorar algo. “Ê, Brasil”? Tá insatisfeito de viver aqui? MUDE-SE e vá viver num país que você chame de seu e o ame.

    • Oi Nathaniel. Seu discurso é igual ao que a ditadura usava na decada de 70: “Brasil, ame-o ou deixe-o”.
      Parabéns.

    • Daniel

      Eu to insatisfeito sim com o Brasil. Ai por isso eu não posso reclamar? Se eu to achando ruim, eu que me mude pra outro lugar?
      O dia que me isentarem de todo e qualquer tipo de imposto eu paro de reclamar. Não abro mais a minha boca.
      Enquanto isso amigo, eu reclamo do que e de quem eu quiser e isso inclui o seu comentário nada inteligente.

  • Daniel Alencar

    hahhahah nada a declarar sobre isso.

  • Eduardo

    Pensem nas piadinhas…

    Nossa, quanto vc pagou no seu iPhone?
    – R$2500,00, pq?
    Que burro… Vc não tem com o que gastar??? Paguei R$ 250,00 no meu e ainda cabem 2 Chips!

    KKKKKKKKK

  • José

    Pessoal, estamos falando da GRADIENTE, uma marca que faliu e que sem dúvida na cara dura pegaria o nome iPhone e diria ser seu para ficar famosa, já se fosse uma marca mais conhecida, como sei lá, BlackBerry, aí sim eu estaria impressionado.

  • imgoes

    Esses fandroids que estao enchendo aqui no blog, vcs ja apremderam a usar pelomenos as 300 funçoes da porcaria do S3, e ja passaram o antivirus nele hj kkkkkk deve ta so virus huhuuh. Essa tal de gradiente esperou uma decada pra usar o nome, so pra aproveitar pq vamos concordar brasileiro é muito maria vai com as outras, se o fulano tem eu tbem quero, e todo mundo sabe que brasileiro vai acbar comprando isso se deixando levar pelo nome iphone e se confundindo, como foi o caso em 2010 quando lançaram o iphone 4, muita gnte comprou no mercado livre enganado o hiphone

  • Wapfa

    Não vai dar problema nenhum porque a Apple não entrega iPhones 5 mesmo. Só vai dar Gradiente…

  • Marcus Alcazas

    Boa sorte para quem adquirir um gradiente seja ele qual for, mas boa sorte mesmo.

  • Orton

    Estou pasmo com a histeria demonstrada em alguns comentários aqui….. Não acredito que um fato digno de piada seja motivo pra tanta revolta… Me parece que tem gente tendo pesadelos com o fato de algum “ignorante” vir com piadinha de que “agora tem iPhone”…nossa vou perder o meu sono por isso…..

  • anderson soares

    Agora sim, podemos conseguir um ¨iphone¨ no Brasil, e ainda 100 fila haiHAIHaihAIH

  • Renan

    Do jeito que o IPhone 5 é mal projetado, cheio de falhas e com um sistema operacional pífio, capaz de quem comprar esse aparelho por 400 dilmas ficar bem mais satisfeito do que esse Applefags que matam e choram por essa empresa que não é mais a mesma.

  • Felipe Szeibl

    é muita falcatrua com um pouquinho (assim) de vadiagem

  • Felipe

    Nossa e desde quando isso é privilegio brasileiro!? Qualquer empresa do mundo faria isso por questão de se aproveitar de uma marca que é dela! Estamos falando de empresas que visam o lucro, nenhuma iria deixar de ganhar alguns milhoes, que lhe é de direito, apenas para não abalar a marca de um concorrente.
    A gradiente está certa em usufruir de uma marca sua, a apple que arque com as consequencias.

    • darci jorge prass

      Perfeito…absolutamente correto.

    • darci jorge prass

      na minha opinião, corretíssima a Gradiente. Detém os direitos de uso da marca e decidiu usá-la. A Apple, se quiser continuar usando, terá que se entender com a Gradiente. A Apple certamente alegará que a marca é notória, o que é discutível, pois o usa apenas ha poucos anos e o Brasil é signatário de acordos internacionais de uso de marcas e patentes. A Apple sabe muito bem destas coisas, pois se protege em todas as partes do mundo e processa que desrespeitar seus direitos de marcas e patentes. Imagino que respeite o direito dos outros. Se o produto é bom ou não, o consumidor decidirá.

  • Pedro Del Rio

    Próximo aparelho da empresa: Gradiente Galaxy S one …

  • Joao

    Ai…um monte de gente preocupada com pessoas comprando o ”IPHONE”e depois tirando onda…que besteira. Isso me faz pensar q aqui nos USA ter um iphone n e simbolo de riqueza, nem de status, nem de nada, afinal qqer um que tenha um emprego razoavel tem total condicao financeira de ter um iphone 5, ou seja la o q for…sera que realmente queremos o mesmo no Brasil?? Acho que nao ne…afinal tem mta gente preocupada em ouvir piadinhas por causa desse ”IPHONE” de 250 pila…acho q na vdd todos querem q os produtos da apple sejam cada vez mais caros pra que depois possam se ostentar e dizer ”eu tenho um i sei la o q”…fala serio!! Ah deixa quem quiser comprar o “IPHONE” e tirar onda…isso n faz a menor diferenca na vida de ngm…

    P.S: So uma analogia boba, um par de havaianas aqui nos USA custa o olho da cara, e quem tem e tido como ”fashionista”…n e o mesmo no Brasil ne…enfim, sem mais!!!

  • Waguity

    Que DEgradiente, hein? Hehehe

    • Pedro Henrique

      TU TUM TISSSS

  • Pedro Henrique

    Achei que a Gradiente já tinha falido.

    Agora alguns vão poder dizer que tem um iPhone. Só que não.

  • Maicon

    Existe Gradiente ainda?

  • Cássio

    A Gradiente se aproveitou do uso sobre a marca iPhone? Sim! Mas isso não significa que o aparelho seja ruim. Tenho um iPhone e não trocaria por outro aparelho, mas isso é um gosto pessoal meu e ponto. Cada um escolhe o que gosta de usar. Minha mãe por exemplo comprou um celular recentemente e escolheu um com Windows Phone, mesmo eu explicando as incríveis qualidades do iPhone. Ele se adaptou melhor a ele, e não é porque não seja um iPhone, que ele seja ruim.

  • JUCA

    XINFRIMPHONE no hint da imagem foi uma sacada bem bolada… kkkkkkkk

  • otario

    quanto vai custar um “G Gradiente iphone” usado depois q a gradiente declarar falencia total???
    Pow… olhem o lado bom: finalmente um iphone com dual chip e radio fm… sem falar q tem até 3g (coisa q a maioria dos “xing ling” nao tem…) por 150 dilmas ta valendo… e quem precisa de google play se tem gradiente store?
    G Gradiente IPHONE: um iphone q não é para pobres e sim para otarios!!! (pois é o dobro do preço de um Samsung Galaxy Young)

  • ANDRE

    Mas antigamente, bem antigamente, a Gradiente tinha uns aparelhos de som maneiros!!!
    Quem se lembra dos DS-20 e DS-40. Eram os melhores da época e eu socava “Creatures of the Nights” do Kiss no talo e os vizinhos iam a loucura!!!!!
    Mas eram outros tempos…

  • David

    Não tem competência pra ganhar dinheiro com o produto que vende, quer ganhar com acordos extrajudiciais.

  • ZÉ IPHONE

    Bora , já tô indo correndo comprar o meu ….

    • anderson soares

      Vc acha que vai ser facil assim de comprar? O brasil vai ser o ultimo país a receber o aparelho (risos) e tem que ficar na fila das operadoras ahIAHiahIAHaih

  • Felipebr

    ahahahahahahahahahha rindo muito do “ximfrimphone”.

  • washington jr 

    ela so quer ganhar 15 minutinhos de fama em cima de uma marca famosa. nunca que ela vai conseguir criar um smartphone que chegue aos pés do Verdadeiro iPhone.

  • Alexandre

    1. Não importa o nome, mas sim o produto final.

    2. A Gradiente já conseguiu boa parte do que queria causar só em metade desses comentários…

    Só acho…

  • Valdir

    Ela já tinha registrado o nome muito antes de cogitarem a existência do iPhone, tá mais do que certa em usar… e, mesmo que conste G Gradiente iphone no registro, tem que dá destaque é ao iPhone mesmo, pois Gradiente é o nome da empresa.

    Eu não vejo nada de “cara dura”.

  • Joao

    Boa pergunta, Andre. Sempre me perguntei isso, mas, ao mesmo tempo, sempre achei que eu fosse o único a reparar. Muito bem colocado sua pergunta.

  • JanjaBoy

    iLex, achei o texto ótimo!
    Mas, acho que não concordo quando você diz: “Vivemos na terra do oportunismo”
    Acho que o certo seria: “Vivemos na era do oportunismo” 😉

  • Valter

    Nunca me esqueço de quando fui fazer uma entrevista para trabalhar na Gradiente, não passei e ainda imediatamente entrei em outra empresa. Hoje só posso agradecer por não terem me admitido porque se visse minha empresa com estratégia de marketing podre dessas, acho que pediria demissão…haha

  • Victor Hugo

    Quem tem visão sai na frente!

  • D4ni3lXclio

    Um iPhone que roda android?

  • marciomct

    Bom para quem quer ter um celular fabricado pela BRITANIA, seja feliz……..

  • anderson soares

    agora a apple vai ter que mandar rapido iphones pro brasil pra nao perder mercado pra gradiente ahIAHiahiAHIahiH

  • Dexter

    Mas a Gradiente não tinha falido??? estranho ela voltar assim.

  • Adílio

    Desde Q me entendo por gente, a gradiente Jah tinha falido ….!, ou si juntado com outra marca …! Mas celular gradiente com nome de iPhone!! isso eh o fim do Mundo Mesmo.!!!!!!!!

  • Amílcar Henrique

    A Gradiente fazia uns aparelhos de som muito bons nos anos 70, 80 e 90. Excelentes, e era marca forte, que até chegou a comprar a Garrard inglesa, se não me engano. Pena que foi pro brejo, mas se ela é a dona da marca iPhone, está respaldada por uma lei. – injusta?, mas é lei.
    A Apple do Steve Jobs não atropelou a Appple dos Beatles, bem mais antiga, e usou esta marca, e logotipo semelhante, e já consagrada, em seus produtos? Houve briga por muitos anos, até finalmente sair um acordo que sei lá qual foi? Agora o feitiço virou-se contra o feiticeiro, pelo jeito…
    Pimenta nos olhos dos outros…

  • Daniel

    iPhone com 4Gradiente

  • Bruno

    Mas esse oportunismo barato e vergonhoso não é de hoje.

    Já nos anos 80 uma empresa chamada Unitron descaradamente vendia clones do Apple II.

    Foi quando ela resolveu produzir um clone do Macintosh COM FINANCIAMENTO PÚBLICO que a Apple reagiu e deu o maior rolo (http://pt.wikipedia.org/wiki/Unitron_Mac_512).

    Dizem que foi por causa desse episódio que a Apple meio que “desprezou” o mercado brasileiro durante tanto tempo.

  • Paulo

    por que na cara dura? Quem lançou na cara dura foi a Apple que entrou no mercado brasileiro ciente sobre o registro da Gradiente, cujo pedido data de 2000, e não falou nada, não procurou a empresa brasileira…

    Agora quem tem iphone, como eu, tem um produto pirata, kkkkkkkk

  • Takada

    Essa ladainha “Não tem porque não tem condições de pagar” já deu. Dá prá mudar o discurso? Até aqui?

  • Leandro

    Má fé define a Gradiente. O que eles estão fazendo é usar o nome iPhone como categoria pro aparelho: “LINHA Gradiente iPhone NEO ONE”. Na verdade o intuito mesmo é causar confusão nos consumidores.

    Mas essa empresa sempre agiu assim, lembro muito bem do também NEO que ela lançou a anos atras que copiava o Nokia 8260 (se não me engano), além de outros. Aproveitam da desinformação do povo.

    • Antonio

      Neste caso Leandro, ela não imitou a Nokia. A Gradiente possuía uma joint venture com a Nokia. A NGI industrial Ltda (NOKIA GRADIENTE INDUSTRIAL). Assim como a a Autolatina que era a união da Ford com com a Volkswagem que originou modelos “irmãos” para economizar custos como o Santana/Versailles, elas fabricaram durante 3 anos modelos semelhantes. Na verdade este foi um dos melhores negócios da vida de Eugênio Staub, ele gastou R$ 10 milhões em 1997 para fazer a empresa junto com a Nokia e em 2000 vendeu sua metade para a finlandesa por US$ 415 milhões.

  • Antonio

    Eugênio Staub sempre foi muito esperto ou como alguns preferem, um concorrente não muito correto. Ele fez a mesma coisa quando a divisão Gradiente Enterteiment representava a Nintendo no Brasil, ele registrou a marca Playstation e impediu a Sony por muito tempo de lançar seu produto na país, talvez vá fazer o mesmo com a Apple e tentar de alguma maneira impedir a comercialização do aparelho no Brasil ou tentar ganhar algum dinheiro com os produtos que já forma vendidos. Mas esta briga seria bem maior, pois inclui até fábrica subsidiada no país da Foxcoon para produção de aparelhos Apple já foi criada, imagine se ele fizer. Até o governo vai intervir, porém ele deve ficar na maciota neste caso, pois a FUNCEF é um dos responsáveis pela capitalização da nova Gradiente.

  • MafiosaBe

    Gente essa é a campanha para as pessoas de baixa renda, campanha “iPhone para todos” da nossa presidenta Dilma Bolada, porque país rico, é país conectado! HAUSHAHSHAHSHAHSHAH
    Brincadeiras a parte, eu sinto que um processo contra a empresa Gradiente esta chegando muito em breve!

  • Marie

    Povinho ignorante viu?! Problema se a Apple entrar numa guerra judicial contra a Gradiente, a Apple não é dona do mundo.
    Eles podem entrar num acordo e ponto final.

  • efalcao

    fazendo uma comparação em relação ai respeito ao cliente… a Apple anda bem desapegada com a relação cliente. é só ver o iOS 6 que saiu cheio de bug’s , tem saído beta quase todos os dias. mas ainda vende pelo nome e pelo status.
    em tempo: eu uso um “ultrapassado” 4S e nao vou trocar por um 5. alias e por falar em estar nem ai para o consumidor: o 4G do iPhone funciona na rede brasileira?

  • ISAAC SANDES

    Ainda existe essa tal de Gradiente?
    No mercado de audio, quando existia absoluta reserva de mercado no Brasil, essa tal de Gradiente nunca fez nada pelo desenvolvimento da industria de audio no Brasil.
    Sempre foi a maior maquiadora de marcas estrangeiras. Acabada a política de reserva, não restou sequer um rádio de pilha genuinamente brasileiro.
    Agora, vem ela de novo com essa descarada tentativa de levar o consumidor a erro.

  • Patrick

    Tem gente aqui que vive no mundo da fantasia, “Ai, ai, a Gradiente não deveria fazer isso…” Kkkk

    Não deveria? É sacanagem? Ué, pq? É direito dela, ponto final.

    Até parece que a Apple tem sede no Vaticano…

  • Wellington

    Este site deveria se restringir a tao somente dar dicas de como aproveitar o máximo de seus iCoisas! mas toda vez que se aventura a expor sua opniao sobre a marca Apple é feita da maneira mais despretensiosa possível!

    Acho que todos lembram do fiasco dos rumores do iPhone 5 com a tela esticada, onde este blog dizia ser a coisa mais absurda do mundo tais notícias!

  • Arroz

    No mundo dos negócios, oportunismo é qualidade e não defeito, enquanto estamos falando mal de uma empresa nacional, a maior do mundo lucra através de nós, cobrando preços absurdos por produtos que nem valem tanto assim…

  • Ricardo f

    Quem conhece o iPhone sabe o preço, quem não conhece comprara hiphone, gradiente iPhone, saberá o que esta comprando. Só compra iPhone quem realmente quer comprar, ninguém que útero comprar um iPhone , que realmente quer, sabe o que e um ! Quem compra outra sabe que nane iPhone e ficara satisfeito em pagar 500