Notícias

Uso indevido de propriedade intelectual infelizmente chega à App Store brasileira

Hoje em dia, para garantir um espaço no mundo da tecnologia, há duas maneiras: ou você se esforça para criar algo que possa fazer sucesso ou então você rouba a ideia de outro que já está fazendo sucesso. Não precisamos nem ir muito longe citando o caso dos “copycats” no mundo mobile, pois temos exemplos bem mais próximos na App Store. A “cópia de aplicativos” já é bem conhecida, com alguns desenvolvedores mais inescrupulosos simplesmente clonando títulos de sucesso (como já mostramos aqui).

Com blogs também acontece a mesma coisa. Se você tem um site criativo, original e que atrai muitos leitores, pode ter certeza que alguém irá copiar seus textos e roubar suas imagens sem lhe dar crédito, com a desculpa de que “tá na net então tá liberado”. A mediocridade reina no mundo em que vivemos.

A frustração de quem gasta horas construindo uma coisa, para depois ver que um malandro levou apenas alguns minutos roubando o seu trabalho e ganhando méritos com isso, é muito grande e só quem já passou por isso pode compreender como é.

Mais triste ainda é saber que no mundo dos desenvolvedores brasileiros esse tipo de prática pouco honesta também existe, com gente usando sem autorização o trabalho intelectual de outros, para tentar um espaço no mercado ainda capenga de aplicativos nacionais. E evidências sugerem que o aplicativo Jogo da Forca seja um exemplo disso.

O desenvolvedor Renato Pessanha foi um dos primeiros a fazer aplicativos especialmente para brasileiros e conta com diversos títulos de sucesso. Um de seus primeiros jogos, o Forca Brasil, é de janeiro de 2009 e desde então recebeu atualizações significativas, principalmente na sua interface gráfica. Ele é resultado de anos de trabalho, com uma quantidade de palavras que foi crescendo a cada atualização.

De outro lado, o grupo de desenvolvedores iDevMobile Tec começou no final do ano passado sua história na App Store, depois de um grande sucesso no mundo jailbreak. Sua obra mais popular é provavelmente o aplicativo brasileiro mais famoso do mundo: o iBlacklist, capaz de bloquear números telefônicos no iPhone. Como a Apple não permite esta função no seu sistema, eles aproveitaram a deixa para vender milhares de cópias na Cydia Store.

Semana passada eles lançaram seu mais novo título da App Store, o Jogo da Forca. Com gráficos excelentes e interface agradável, o jogo tinha tudo para seguir um ótimo caminho na loja, se ele não contivesse material intelectual pertencente ao seu concorrente mais famoso. Justamente o jogo que Pessanha levou anos para aprimorar.

Ao analisarmos o banco de dados (o arquivo interno que possui a lista das palavras usadas pelo jogo) dos dois aplicativos, percebemos que eles possuem exatamente o mesmo tamanho, só diferenciando o nome e a data de modificação: um em janeiro e outro em agosto. Qualquer um pode facilmente conferir isso ao baixar os dois aplicativos disponíveis na loja.

Mas se fosse só problema de tamanho de arquivo, poderia ser apenas uma infeliz coincidência. Porém, ao abrir os dois, percebe-se que são exatamente iguais, com as mesmas palavras, na mesma ordem. Não tem como ser resultado do acaso.

Impossível que isso seja coincidência, caracterizando o uso não-autorizado da base de dados do Forca Brasil. É como alguém querer montar um blog sobre iPhone e copiar/colar todos os artigos que são publicados aqui no BDI.

O Blog do iPhone entrou em contato com os responsáveis da iDevMobile, que negaram o uso da base de dados do Forca Brasil, mas ao mesmo tempo já enviaram para a App Store uma atualização com outra base diferente.

Acredito que ao comparar os 2 jogos notará que existem centenas de palavras iguais realmente e categorias semelhantes, mais iguais nao somente ao jogo em questão e sim igual a todos os outros jogos de forca pois sao palavras da lingua Portuguesa.

Infelizmente a coincidência das mesmas palavras, na mesma ordem, em um arquivo do mesmo tamanho, não foi explicada. Uma avaliação com a equipe de desenvolvedores será feita na segunda-feira, para determinar se houve ou não uso indevido da base. Há a possibilidade que algum desenvolvedor (a empresa também trabalha com free-lancers) tenha usado a base sem o conhecimento dos administradores. No entanto, eles se mostraram interessados em resolver o impasse da melhor forma possível.

Outro ponto não muito ético é forçar avaliações na App Store. Já falamos deste problema aqui e infelizmente é hábito com alguns desenvolvedores menos escrupulosos, que usam desta artimanha para ganhar visibilidade na loja da Apple. E o pior: ao mesmo tempo sabotam avaliações de concorrentes, em uma ação anti-competitiva e questionável.

Para descobrir se uma avaliação na App Store é verdadeira ou forçada, basta clicar no nome do usuário e ver o resto de suas avaliações. Geralmente as avaliações são feitas somente para a mesma empresa, tornando fácil a identificação.

Inclusive, quando o próprio desenvolvedor avalia bem os seus aplicativos e negativamente os da concorrência, é porque algo está errado. Muito errado.

Lamentável e revoltante.

O jogo em si é bem feito e tinha tudo para fazer sucesso por si só. Porém, a opção pelo “caminho mais fácil”, se aproveitando de outro que já está pronto, é algo que suja muito a imagem de um desenvolvedor. Além disso, forçar boas avaliações para fazer o aplicativo subir no ranking da Apple e ludibriar os usuários é completamente anti-ético para um jogo, repito, que teria condições de ser bem avaliado por si só, apenas com boa divulgação. Esperamos que a empresa em questão consiga esclarecer logo este problema, que pode ter sido causado por indivíduos e não pelos administradores.

Esse tipo de comportamento não é exclusivo do Brasil, mas mesmo assim nos deixa tristes quando vemos acontecer com nossos compatriotas. Se exigimos moralidade de nossos políticos, devemos também exigir de nós mesmos, pois senão não há como a situação evoluir em nosso país.

Que este (mau) exemplo seja o único e que sirva de alerta para os desenvolvedores que estão entrando agora na App Store: se quer fazer sucesso, saiba que há um caminho árduo para trilhar. Nunca opte pelo mais fácil, pois apesar de ser a solução mais rápida, é também a que dura menos.

Tags
Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados

  • Bruno Maciel

    E vai ter muito comentário por aqui apoiando suas palavras, porém, continuam pegando aplicativos crackeados no submundo do Cydia. Triste.

    • Bruno Maciel

      Sobre o conteúdo do artigo:
      É triste, acompanho o Renato Pessanha há anos, sempre na luta com seu “hobby” (que é como ele trata o seu próprio desenvolvimento) pra fazer aplicativos/jogos cada vez mais bonitos e úteis pra gente… pouca vergonha desse pessoal hein?

      • Alex

        Eu uso JailBreak e NUNCA baixei nada crackeado do Cydia, aliás fiz 2 compras no Cydia e o iTunes informa que eu já gastei mais de 200 Obamas em jogos e aplicativos. E achei muito bom a artigo do iLex, serve de aviso para todos nós.
        É coisa de bandido, não tem outra palavra para quem faz isso.

    • Copiar um aplicativo é revoltante sem dúvida. Mais revoltante ainda é ver nego assimilando o Cydia apenas com apps crackeados. Eu sempre comento aqui apenas para defender o Cydia, e sempre comentarei. Po, ta na hora de começar a crescer e ver que o direito de usar o sistema operacional da forma que você quiser é um direito CONSTITUCIONAL nos EUA, e se não vivêssemos em um estado onde a educação é roubada pelo estado (para comprar iPhones, vejam só que ironia o dinheiro público dos contribuintes deste estado, ao invés de ir para a educação, vai para a comprar de 200 MIL REAIS em iPhones 4: http://noticias.r7.com/brasil/noticias/dinheiro-publico-vai-pagar-iphones-para-deputados-e-assessores-em-goias-20110902.html) A Apple não gosta do jailbreak? Claro que não. Isso afetou de algum modo a venda de iPhones? De nenhuma maneira Não.

      • Thom

        Olha, eu já estou de saco cheio de ler esse tipo de coisa. Sempre que leio os comentários desde o início, um vem e fala Cydia = Pirataria, aí pronto começa a discussão do século…não sei como o dono do blog aguenta pois sinceramente é um pé no saco. “ah mas a democracia bla bla bla” não é democracia é desinformação. Se quiser falar de pirataria fala do Installous, insanely e alguns outros que não citei ou não conheço, não do Cydia. Vou além, pra evitar essa chatisse, coloca nas regras do comentários que qualquer menção ao Cydia como pirataria terá seu comentário apagado, pronto, acaba…
        É uma pena isso tudo porque eu sempre leio os comentários e já aprendi muito lendo os comentários, fora as brincadeiras do “não, obrigado” e outras que me fazem rir..

        PS: “Não, obrigado” é um produto licenciado por Janjaboy. Já que o tema é roubo de propriedade, fica a fonte ehehehehe

    • Como ja disse a poeta: Puta falta de sacanagem…

  • Marcos Pezzotti

    As vezes a preguiça ganha da criatividade né? Depois que inventaram o Ctrl+C e o Ctrl+V nada mais é difícil de duplicar!!!

  • Gabriel S. Dias

    Muita falta de vergonha na cara desses caras que copiam coisas alheias.. plágio é crime!

  • mas que droga =O

  • Boa matéria iLex, concordo plenamente como você. Estou aprendendo a como desenvolver aplicativos para IOS, e não gostaria que meus app´s fossem copiados.

  • Nossa, isso foi uma tremenda facada no olho do copiador.

  • Victor Kzam

    Coisa horrível…

  • Walter Wollena

    Muito triste ter que ler isso por aqui!
    Um absurdo! Na minha opinião deveriam ser banidos da AppStore!

  • Realmente essa questão de privacidade na web é um problema a parte, alguns acreditam mesmo nisso de que se ta na web tá liberado. Mas acho que se você realmente admitir que a imagem não é sua e dar o crédito ao autor acredito não ter problemas, mas em games isso é ridiculo.

  • Eduardo Serra

    Passar Oleo de Peroba nas faces deles.

  • Uma facada no olho do copiador e um ataque ao JB e tudo que ele representa.
    Plagio e roubo intelectual logo por parte de um grande produtor de apps para cydia store – isso pega muito mal para a imagem do Brasil e do JB.

  • Gabriel Rodrigues

    Mas foi o próprio Renato que os denunciou?
    Porque existe a possibilidade dessa database ser pública onde tanto o Renato quanto o outro desenvolvedor usaram.
    Acho difícil qualquer um criar uma base de dados pra esse tipo de jogo da própria imaginação, sendo que sempre existou hangman em português pra PC desde o Windows 3.11.

    Existiu algum parâmetro anterior.
    Só curiosidade 🙂

    • john

      Exato, eu estava pensando nisso.
      Quem garante que a base usada inicialmente também não foi retirada de outro aplicativo?

      São palavras, pedir propriedade intelectual num set de palavras de dicionário é besteira demais.

      • Como assim “quem garante”? Você pega o arquivo do aplicativo mais antigo e compara com o novo e aí você vê que se o mais novo estiver igual, copiou do mais velho. É matemática.
        E se fosse base pública e nenhum dos dois tivesse informado isso no aplicativo, aí seria errado IGUAL.
        Seja como for, não somos amadores: nos informamos com ambas as partes antes de publicar e nenhum deles afirmou que a base era pública.

        Na boa, pelo seu comentário anterior e por esse, acho que suas intenções aqui são outras e tenho dúvidas se és mesmo desenvolvedor como dizes. Achar que pode roubar o trabalho de alguém (no caso, a lista de palavras que levou meses para ser construída) é algo normal (como o de elogiar o próprio aplicativo nas avaliações públicas da App Store), então você realmente pensa diferente deste Blog.

        • JanjaBoy

          iLex, perde tempo não.
          APOSTO que o Mané não leu o texto todo onde já explica.
          Além de demonstrar caráter pífio, é preguiçoso por não ler o texto e passar vergonha.

          • Bruno lopes

            pensei a mesma coisa, é um fato que nesse blog tem q ler tudo para responder, eu sempre leio, antes de entrar aqui eu nao gostava muito de ler, mais os textos do ilex realmente mudaram minha cabeça hehe

        • Igor S

          iLex ele quis dizer que o próprio renato podia ter pego essa base de dados de outro app, ou de outro jogo de forca brasileiro mesmo que nao seja app store ou de uma lista ja pronta de palavras entende? mas de qualquer maneira é certeza que a iDevMobile Tec plagiou seu concorrente.

      • Adriano Camargo

        Pedir propriedade intelectual de palavras não é besteira, é impossível, tanto no INPI (INPI.gov.br) wh to em qq lugar do mundo.

        Sou designer de produto e trabalho com patente e Di a mais de 10 anos e o Pessanha poderia pedir o DI pelo jogo, por alguma inovação que ele tenha feito (nao conheço o jogo dele, então nao sei falar se existe inovação, ou diferencial) agora pedir DI de um jogo da forca e jogar dinheiro fora, visto q vai perder o processo por anterioridade e patente do jogo é impossível por ser um jogo de domínio publico.

        Por isso qdo forem fazer alguns app para iPhone/iPad sugiro que inovem e nao copiem e amarrem as inovações em todo o app, ou seja mais um no meio de muitos.

        Se alguém quiser informações sobre propriedade industrial entrem em contato que terei o prazer em ajuda-los, pois o assunto não é tão simples como muitos acham que é.

        • Diego

          Ninguem está falando de propriedade intelectual pelas palavras. E sim pela base de dados.

          Alguem gastou um bom tempo criando esta base de dados, relacionando as palavras, criando categorias. E outra pessoa simplesmente pegou tudo isso pronto. Sem permisão.

  • Gabriel Rodrigues

    Quanto aos falsos reviews da App Store, sem dúvida é falta de ética baixa.
    Mas são assuntos distintos.

    • JanjaBoy

      O que é que significa “Falta de ética baixa” ?
      Foi FALTA de ética!

      • Geeklan

        Também queria saber o que é “falta de ética baixa”! Alguém sabe?

        • Dorinhavasc

          Sim foi falta de ética!

          Agora falta de ética “baixa”?…
          Ah sim, deve estar se referindo a “Qualidade” baixa, média ou alta, será isso???  mas isso não existe.

  • George

    Uma das grandes vantagens em ser programador é que você pode melhorar as coisas que estão por aí. E tem muita ideia boa na appstore que está terrivelmente mal implementada. Mas copiar na cara de pau, não pode. Merece o boicote do BDI e da comunidade em volta.

  • Triste demais ver essas coisas de Brasileiros.
    É por causa de pessoas assim, que outros países vêem o Brasil como país de gente que ganha vida da ” forma mais fácil”, ou seja, se aproveitando de outras pessoas.
    É por causa de pessoas assim, que o nosso país não vai pra frente!

    • Jrbs

      Ei! Confunde as bolas não! Cara de pau tem um todo lugar… não é privilegio do Brasil não.

      • Pode até ter em todo lugar, mais o Brasil faz questão de mostrar que tem. 😉

  • Carlos Arcas Neto

    O negocio é não baixar o falso.
    Vamos é prestigiar o verdadeiro, o Original
    e ponto final.

  • john

    Cara, eu sou desenvolvedor, e sempre quando um app meu é liberado, eu vou avaliar ele bem e com 5 estrelas, não vejo problema nenhum com isso. Se eu nao achasse ele 5 estrelas eu nao liberava na app store. Eu concordo que avaliar de concorrente negativamente é mesquinho, mas de resto, acho normal.

    • Muitos ladrões rezam antes de cometer crimes e também “não veem problema nisso”.

    • Pedro Prado

      Suponha que você quer comprar um carro. Você liga pra VW pra saber os problemas que ele dá?

      Não vejo problema em um desenvolvedor avaliar o seu próprio trabalho, mas acho que sua avaliação deveria contar como neutra (não alterando o ranking) E ele deveria se identificar como desenvolvedor.

      Já discuti com um funcionário da VW uma vez e simplesmente não haviam defeitos em carros da VW, pra ele.

      []s

      • George

        Vc está viciando a avaliação do seu app. Avaliação é para seu usuário, seu cliente. É ele quem vai dizer se seu app é otimo ou uma porcaria.

        O que vc faz é usar das brechas da app store para promover seu aplicativo de forma escusa. Triste.

    • Rodrigo

      Desculpe-me mas devo discordar de ser normal o criador avaliar o seu produto como um usuário comum, pois o fato de ele gostar não o dá este direito. Juridicamente esta é uma pratica ilegal, passível de ser responsabilizado cível e criminalmente. Como consumidor não posso concordar em ler como avaliação voluntária de outro consumidor o quê na verdade é uma propaganda disfarçada. Isto é sim crime!!! Destaco que o desenvolvedor tem todo direito de divulgar e falar bem de seu produto, mas deve deixar bem claro que aquilo é um informe publicitário.

    • JanjaBoy

      Senhor desenvolvedor John.
      Se os seus aplicativos são tão bacanas como você diz, deixa uma lista de tudo que você fez para a gente saber se é verdade que os aplicativos merecem 5 estrelas.
      Deixa a gente dar a nota, pode ser?

      • Marcos

        Agreed!

      • Melo Júnior

        Tá aí, essa eu quero ver!

      • Marcelo Baltar

        Boa! 🙂

      • Marcio Rodrigues

        Intimou eim!!! e já salvei esse tópico nos favoritos pra ver essa lista e fazer minha avaliação.

      • Jrbs

        Hahaha! Eu compro 2 … Mostra a lista aí Master Desenvolvedor. Tópico no favorito moçada, aguardando o Sr. John

      • Jrbs

        Hahaha! Eu compro tb … Mostra a lista aí … Tópico no favorito moçada, aguardando o Sr. John

      • Robson

        Rááá! Sou capaz de comprar todos os app’s só para ver se são tão bons assim…

      • Dorinhavasc

        Ah também quero a lista para poder avaliar. 😉

    • Marcio Rodrigues

      Caro colega,

      A meu ver sua ideia é bastante equivocada. O desenvolvedor tem em mãos o melhor lugar para fazer a publicidade de seu app, que é o campo reservado para a descrição do mesmo. Pelo menos pra mim é o que é mais relevante, e apesar de gostar dos comentários de alguns usuários, isso não reflete o meu gosto pelo app.

      O que me agrada mais na descrição dos app e que deixo como dica são o seguinte:

      – Escrever corretamente a descrição, isto é, sem abreviações e gírias (isso faz parecer coisa de moleque e não de um profissional, além de o pessoal estrangeiro não poder traduzir com mais facilidade);

      – Enumerar claramente os recursos do app e dependendo do que ele faz, até ressaltar com clareza o que ele não faz;

      – Utilizar Emoji com moderação deixa a descrição um pouco mais elegante;

      – Construir e publicar nas descrições, um website oficial para seu app, nem que for apenas uma página dentro do seu site profissional como desenvolvedor;

      – Ter um canal aberto de comunicação, como um blog ou rede social, para que nós usuários possamos reclamar abertamente em caso de problema, ou até mesmo agradecer;

      Bom, de boas práticas o mundo esta cheio, mas na AppStore falta muito.

    • Lexdem

      O problema, é que avaliando o seu próprio app fica muito difícil ser imparcial, por mais que sua intenção seja boa, pega mal. Por exemplo: contratar parente já gera falatório, imagina dar aumento ao um parente?

    • Diego

      Não acho que seja errado, de maneira nenhuma, um desenvolvedor votar que seu aplicativo seja de 5 estrelas. Acredito que a Apple deva filtrar esse tipo de avaliação e colocar um peso menor. Avaliar negativamente o app de um concorrente é falta de moral. Mas avaliar o seu positivamente não é errado.

      A Apple passou a impedir que quem recebeu um promocode pudesse avaliar um app, então pq ela não faz o mesmo com o desenvolvedor? pq se nem o desenvolvedor achar o aplicativo 5 estrelas, então este app não merece estar na app Store. E na hora de avaliar, o dev tem a oportunidade de resaltar os pontos positivos de seu produto sobre os da concorrência.

  • Francisco junior

    Eu já baixei aplicativo que para ter a versão melhorada tinha que fazer uma avaliação na AppStore. Quando você clica no ícone para a outra versão ele já te leva automaticamente para a avaliação do app.

  • João Antonio

    Viva ao Cydia!

  • Thalmo Fernandes

    Calma senhores, concordo plenamente com vc iLex, mas vamos ficar tranqüilos. Você nos alertou e cabe a cada um ficar cada vez mais atentos a esse tipo de situação. Não fique discutindo com “desenvolvedores” que divergem da sua forma de pensar.

  • Thalmo Fernandes

    🙁

  • Thalmo Fernandes

    É triste ver esse tipo de coisa acontecer.

  • Thalmo Fernandes

    A criatividade morreu. 🙁

    • Francis

      Quem matou foi o cara que copiou?

  • Paulo

    Nada se cria, tudo se copia!

  • Lukas

    è isso aì,blog do iphone fazendo justiça.
    quando ao plágio de blogs eu concordo,eu tenho amigos que criaram blogs criativos com dicas e tutoriais de web design,e foi todo plagiado.. esses malandros.

  • Raul

    Putz, quem é desenvolvedor e usa apps do installous já não é dos meus. Eu sei o tanto de trabalho que dá fazer um aplicativo, e até hoje sempre quem me pagou foi o cliente que encomendou o app e todos que fiz são de graça na app store, mas sabendo o trabalho que dá eu fico querendo recompensar aquele desenvolvedor pra que ele recebendo o meu dinheiro e o de outros continue fazendo apps legais.

    Só pra uma coisa serve apps crackeados, e foi a única vez que usei, pra testar aplicativos caros se realmente compensava comprar, no meu caso os gps. Testei e comprei o iGO e Sygic, apesar de ter achado o tom tom bom, mas não tem versão iPad. Hoje nem jailbreak tenho nos meus iDevices e estou achando eles bem melhor, até em desempenho, apesar de sentir falta do liveclock e do iblacklist no iphone. (iblacklist aliás que também foi comprado pela cydia store, assim como o display recorder que também sinto falta)

  • Deveriam retirar o app, estão ganhando dinheiro com plágio.

  • Eder Andrade

    Puxa, a Apple precisa pensar num jeito de melhorar o sistema de avaliação. Eu procuro comprar olhando principalmente nas avaliações e já vi muito app ruim com avaliações 5 estrelas, mas dai vc vê que foram feitas no mesmo dia e falam quase a mesma coisa. Quanto ao próprio programador avaliar o seu trabalho acho que é uma falha da Apple permitir, pois não tem lógica. O que a Apple podia fazer é uma listagem de pontos dos melhores avaliadores.

    A questão da cópia descarada é triste e desonesta. Agora fica a pergunta se os apps não são criptografados para impedir isso. Por que se copam uma lista de palavras, muito bem podem copiar o app inteiro e depois só fazerem uma maquiagem para ficar diferente.

  • Samuel

    Legal o Post Ilex. É de fato vergonhoso ver que reina em nosso país a cultura da vantagem! Morei dois anos no Canada e percebi como eles respeitam a propriedade intelectual por lá! Infelizmente, a curto prazo não conseguiremos mudar este cenário! Existe uma luz no fim do túnel: educação, educação, educação, educação!

    Não entendi o comentário do colega! Todos os Apps do Cydia são craqueados? Não se trata de uma alternativa ao site oficial?

    Aproveitando o comentário. Ontem tentei aplicar para uma conta de desenvovedor individual na Apple developer. Em determinado estagio, fui informado que teria que enviar os meus dados por fax. Procede isso? Eu hein!!! 🙁

  • DMML

    Realmente triste. Pior ainda se os responsáveis pela empresa tinham conhecimento.
    Infelizmente, não é o único caso. Vários apps, tanto nacionais quanto estrangeiros, copiam quase que descaradamente outros, e quando não a interface, sim a ideia.

    Na questão da análise dos reviews, também não acho muito correta essa prática. O desenvolvedor deve “vender o peixe dele” na descrição do produto. Lógico que ele não é imparcial para avaliar o seu próprio trabalho. Isso deve ser deixado para nós, consumidores, sempre com responsabilidade. Procuro sempre avaliar os apps que uso.
    Quando vou comprar um app, analiso a descrição (completa), o valor e as reviews, e quando tem uma destoante para o bem ou para o mal, vejo o usuário para saber se é verdadeiro.
    PS: incrível a quantidade de pessoas que comprar um app sem saber do que se trata, e depois choram nos reviews porque foram “enganados”.Em cada categoria, tem pelo um app nesta situação.

  • Oliveira

    Isso esta no DNA de muitas pessoas .. Desculpe a palavra mais é Gozar com o P&$ Do outro .
    Lamentável ver que a criatividade esta de sucumbindo ao copy past onde as pessoas prejudicam o trabalho dos outros e querem um retorno rápido financeiramente .
    Lamentável ver app copiados e avaliações desonestas .

  • Homero Machado

    Muita sacanagem copiar app dos outros.

  • É lamentável!!!!

  • Realmente muito lamentável! Tb acompanho o Renato Pessanha desde que comprei meu iPhone, tento de todas as formas para poder comprar os app que quero e sempre leio as qualificações negativas! Aquelas que realmente falam do app. Que explicam o pq da qualificação negativa…
    Ponto de vista do iLex é certíssimo. Galera copia e pronto… Que se f**** a verdadeira mente do app!

  • Daniel Alencar

    Gostaria de saber como é qe acessa esses banco de dados aí de apps e outros programas? Dos apps é com o Xcode?
    Ta, eu não entendi a idéia de forcar avaliações, como assim forcar, o dev combina com uma pessoa para ela votar 5 estrelas(e com o mesmo título) em todos os apps?
    Todos esses após aí do iDevMobile são idéias copiadas de outros apps? Sei que o Monster Rush é pura copia do Fruit Ninja, mas o Calc It, Memory Game, sai de quais? Eu baixei um dia o Calc It em uma promoção, em que estava de graça, e gostei muito, super legal, mas ele é copia? Podem me dizer de qual app?
    Realmente não acho certo roubar uma idéia de uma pessoa que levou, ate anos, para criar algo, assim descaradamente. Ate o tamanho do arquivo é o mesmo! Com blogs isso acontece de una forma absurda. Vejo MUITAS matérias iguais em muitos outros sites, fico ate confunso, não da para saber quem realmente publicou a noticia, pois muitos não dão credito.

  • Wilsians Humphreys

    Concordo com o post…. Mas nao eh emmeio obvio as palavras do jogo estar em ORDEM ALFABETICA ? Os 139 kb que eh suspeito neh….

    • Monty

      “abelha” depois de “veloz” não me parece ordem alfabética…

      • Luiz Eduardo

        Pode se perceber que se trata de outra categoria, logo, sao categorias listadas por ordem alfabética.
        Completamente possível possuir conjuntos de palavras idênticas dentre categorias similares com um sort por ordem alfabética no banco de dados.

        Qualquer programador daqui sabe que pode se trazer somente a listagem de palavras iguais com um comando de prompt como este da foto. Quanto ao fato de ter o mesmo tamanho de arquivo, trata-se de texto e com isso se as 2 base de dados possuírem um numero de palavras próximo, o que não é difícil a base de dados tera o mesmo tamanho.

        Acho que tudo no caso é passível de explicações e que ao meu ver uma empresa com a quantidade de jogos e qualidade a qualidade que pude notar pelos printscreens dificilmente adotaria uma política dessa.

        Sem falar que são os caras do iBlackList que é praticamente o Angry Birds do Cydia, acho que estão num nível que nao fariam algo assim e se fizessem poderiam facilmente modificar todo o banco.

        • Luiz Eduardo, você aparentemente tem proximidade com os desenvolvedores e talvez por isso a insistencia da defesa.
          Não estamos falando de “SE” e talvez. O artigo é muito sério e nunca teria ido ao ar se não fosse muito bem avaliado antes.
          Os arquivos são idênticos sim, no conteúdo. Se você é programador deve concordar que é impossível uma lista com mais de 1.600 ítens ter exatamente as mesmas palavras, na mesma ordem.
          Analise você mesmo os arquivos (basta baixá-los na App Store) e tire suas próprias conclusões. Depois poste aqui se você achou algo diferente do que dissemos.

          Mas por favor, faça. Ficar na dúvida em quem acredita não o levará a lugar nenhum.

    • Bruno lopes

      ORDEM ALFABETICA?! Deu pra ver q vc prestou atençao no post em? Como foi? Leu as 2 primeras letras e deduziu q tava em ordem alfabetica? E as palavras serem as mesmas? Vai dormir, por favor…

  • Joao

    Concordo com a matéria mas feio, e muito, colocar a palavra Brasil logo no começo. A bandidagem e roubalheira existem em qualquer canto do planeta. Seria mais justo com todos brasileiros que na foto a palavra escolhida fosse o nome do bandido que copiou. Ou dar nome aos bois é imoral, ilegal, inconstitucional..? Ou seria medo de tomar partido?

    • JanjaBoy

      Olha o título:
      Uso indevido de propriedade intelectual infelizmente chega à App Store brasileira.

  • krikaoli

    Os dados revelados são graves.

    Salvo engano, o desenvolvedor Renato Pessanha, que supostamente sofreu uma violação de direitos também já fez algo ainda pior na Appstore, ele lançou um jogo chamado Lemmings sem pedir autorização alguma ao seu proprietário, literlamente copiando o jogo, seu mérito foi adaptá-lo ao iPhone.

    Sou contra as duas condutas.

    • Rodrigo

      Bem lembrado! Essa cópia do Lemmings chegou a ficar no topo por algum tempo. Enfim, não é o primeiro episódio lamentável de uso indevido de propriedade intelectual na AppStore brasileira.

    • Lemmings não era meu não.

      • Djair Casado

        Renato Peçanha já ta aqui comentando, a outra parte podia estar aqui tb pra de defender (muito embora as “coincidências” não permitem muito espaço pra contraditório e ampla defesa).

        • Eles tem todo o espaço aqui para se defenderem. Mas preferem levar para o lado pessoal e discutir só “entre amigos” argumentos mais infantis. O Flávio Almeida pode, a todo momento, vir aqui explicar a sua parte.

      • krikaoli

        Mil perdões, confundi o Renato Pessanha com o Gustavo Cassab, este sim lançou o Lemmings para o iPhone. Os dois desenvolvedores são os mais renomados no desenvolvimento de aplicativos criativos, então sempre acabo confundindo um e outro.

        Para quem gosta de Lemmings, mas não o encontra mais por ter sido retirado pela Apple eu recomendo o jogo Spirit.

        http://blogdoiphone.com.br/2010/06/brasileiro-lanca-classico-jogo-de-lemmings-para-iphone-e-ipod-touch/

  • Cristiane

    Acho lamentável esse tipo de atitude. Usar o que foi desenvolvido por outro e vender como se fosse seu. Pouco importa se a pessoa trabalhou meses ou 5 minutos. Infelizmente esse tipo de aplicativo entra na APP Store sem que saibamos que se trata de roubo de propriedade intelectual (a menos que você seja leitor desse blog e seja alertado para o fato) e podemos comprar algo assim sem saber que se trata de plágio. Eu tenho a mesma postura sobre baixar músicas e filmes sem pagar, isso também é roubo de propriedade intelectual. Enquanto essa cultura de se obter vantagem em tudo perdurar, vai ser difícil consertar isso.

  • Mateus

    Uma grande parte dos brasileiros é assim… Infelizmente… Eu tenho um blog sobre Star Wars. Eu, meus redatores, minhas fontes, entre outros, dedicamos nosso tempo e trabalho para noticiar novidades e etc., com qualidade, aí vem um sujeito de um blogzinho e copia tudo, sem citar a fonte. Exatamente como foi dito aqui nesse artigo, isso acontece com todos os populares nesse meio. Já perdi a conta de quantas copias descaradas do BDI eu vi por aí…

    • Thomas

      vc podia ter divulgado o seu blog sou fã de Star Wars e gostaria de conhecer blog bons sobre o tema..

  • lordofmiojo
  • André Lima

    Coisa feia,essas pessoas deveriam parar e pensar se iriam gostar se fossem com elas,
    Deve ser ótimo subir na vida á custa dos outros.

  • Sei que aqui talvez não seja o melhor local, mas queria saber se posso usar meu cartão internacional para comprar na appstore americana? E se posso, continuarei tendo a opção “none” ?

  • Muito bom o post e aproveitando, gostaria de comentar o primeiro comentario….
    Antigamente soh conseguia comprar aplicativos quem possuia cartao internacional, entao as pessoas partiam para os crackeados. Hoje em dia, tqlvez por costume ou por “nao ter dinheiro” elas continuam nessa. Eu mesmo, nao serei hipocrita e direi que nunca baixei e que nao baixo aplicativos do tipo, porem, baixo apenas crackeados jogos que quero testar, pois muitos deles sao ruins e me arrependo de ter baixado ateh o crackeado, imagina o original. Podiam criar algum sistema facil de testes… Vc testa o jogo por 1, 2 dias e se gostar compra, se nao ele eh deletado ou bloqueado ateh o pagamento do mesmo.

  • Talisson

    O melhor de tudo é as desculpas… ÊÊÊ BRASEEL

  • Rogério Abarno

    É bem simples, basta boicotar estes pseudos desenvolvedores, não compre e nem baixe mesmo que seja gratuitos seus aplicativos !!!!!!!!!!

  • JackOFive

    O cara que “copiou” a base de dados foi brilhantemente “newbie”.

  • Dino

    Excelente matéria.
    A melhor maneira de dar o troco é todo mundo avaliar bem (e merecidamente) os apps originais que comprarem, e nunca baixar nada dessa empresa (nem avaliar eles, porque já que não vou baixar também não vou ter condições de avaliar), e simplesmente ignorá-los.

  • iLex, eu concordo bastante com você. Exceto por um pequeno ponto:
    A questão da Propriedade Intelectual. Eu concordo em Renato Pessanha fazer o jogo da Forca para iPhone, se eu fizer um jogo da Forca eu não estou copiando ele, por quê nem eu, nem ele inventamos o jogo. Esse jogo já existia, ele apenas criou uma versão assim como eu. (Exemplo)

    O que eu não concordo de forma alguma é com isso, literalmente dar um Cmd + C e Cmd + V na ideia da pessoa, em termos mais técnicos como vimos aí no DB. Isso é que deveria ter punição.

    Mas o fato de a pessoa criar uma segunda versão para o Jogo da Forca eu não acho que isso seja roubo de propriedade intelectual.

    • Jonei

      Concordo tb!
      Só assim teremos melhores preços e melhores app`s!!! (seguindo as regras é claro!)
      Como passou pela Apple e sou cliente final nao tenho como ficar olhando arquivos vou pelo melhor e mais barato!!!

    • Kayky, mas a propriedade intelectual em questão não é a ideia do jogo da forca, que é mais velho que todos nós, e sim o uso da base de dados.
      Para fazer o tal jogo, é preciso três partes: a programação (códigos que o façam funcionar), a gráfica e a lista de palavras que serão usadas.
      A programação foi feita com um utilitário, o Cocos2D. A gráfica, como dito no texto, é excelente, com uma animação bem divertida.
      A lista das palavras é o conteúdo do app, parte mais importante. Se você tiver a ideia de fazer um jogo de forca bem melhor do que existe na App Store, terá que pensar nessas três partes. Porém, não existe um lugar onde se possa ir lá e pegar a lista de palavras. Você mesmo tem que criá-la, enriquecê-la. Quanto mais palavras, mais seu jogo será emocionante.

      No caso, eles foram bem nas duas primeiras partes. Na terceira (a mais difícil para quem é programador), parece que resolveram pegar algo já pronto, pois “ninguém perceberia”.

    • krikaoli

      O que está em jogo não é a idéia do jogo da forca. Renato Pessanha acabei de ter uma idéia de aplicativo, por favor quero entrar em contato depois!

      • Lemmings? 😛

  • Fabricio Alencar

    Alguém aqui abriu o banco de dados ? a estrutura do data base é totalmente diferente uma da outra, as tabelas são diferentes, só vejo igualdade em algumas palavras, mas isso não seria normal em um jogo de forca ?

    • Não, pois quem organiza as palavras é o desenvolvedor.
      Se você partir do zero na criação de uma base, será você quem decide a ordem, as palavras que vão nele.

      A pressa deles em alterar a base existente mostra que algo não está correto.

  • leonald

    isso ainda vai dar muito oq falar nos dois lados.
    assim como falei no outro, vc nao entra no seu site para ler os comentarios ou para ver como ficou o post, gerando pageviews no google aumentando seu pagerank? Nao entenda mal, só estou discordando do fato da auto-avaliação. pois assim como vc disse, ele seria obrigado a dar 5 estrelas para todos os appz\games que el comprou, pirateou, etc…
    sobre o uso indevido, nas screens me parece estranho mesmo, palavras como RETO, poderia RESTO,algo assim, entende? no meio, dentre eles.
    espero q vcs se entendam pois gosto dos dois e um concerteza ajudaria o outro!

    • Eu não posso clicar nos meus próprios banners no Google, pois ele não permite. Se eu fizesse isso, seria anti-ético, pois eu estaria gerando tráfego falso para ganhar dinheiro.
      Acho que esta é uma boa resposta para o seu argumento. 🙂

      • Leonald

        Nao disse em banners, disse na pagina mesmo. Mas assim como a maioria esta falando tbm acho q vc nao deveria acusar assim na certeza q ele copiou o DB. mas como ja disse de fato é estranho por conta da forma q foi dispostaxas palavras. Veremos no q isso vai dar…

        • Já que você disse na página e não nos banners, vou lhe dar um exemplo prático hipotético, abaixo:

        • Este artigo está muito bem escrito, com uma imparcialidade e exposição dos fatos elogiável. Aconselho que todo mundo leia!!! Excelente! Nota 10!

        • Imagine se todo o artigo que eu publicasse eu colocasse um comentário do tipo?
          Segundo seu argumento, não teria problema nenhum. Mas seria algo forçado, pois eu obviamente não falarei mal do meu próprio texto. Deu para entender? 😉

  • Jose

    Quem tá falando?? vc copia as notícias dos outros blogs também…ou vai me dizer que vc descobre tudo sozinho? Hein babaquinha iBosta…FUCK YOU LIAR

    • Parabéns pela maturidade.
      Acabou de dar um bom argumento que justifica bem o que a empresa fez com o jogo. São de advogados como você que ela precisa.

      Que bom que existe gente como você, capaz de esclarecer a verdade. 🙂

      • Mateus

        São de advogados como você que ela precisa (2).
        O BDI não faz isso… O iLex não descobre tudo sozinho, é obvio, e quando ele no minimo se “baseia” em um fato relatado por outro site ou blog, ele cita a fonte o fim do artigo. É por causa de pessoas assim como você Sr. Jose, com o seu tipo de linguajar e pensamento, que essa falta de ética acontece.

  • Aeleite

    A verdadeira questão por trás é cultural. Ainda não conseguimos nos livrar da “lei de Gersom”. Conheço vários amigos que nnca compraram aplicativos e me chamam de bobo.

    • JanjaBoy

      Você lembra da lei de informática que fazia reserva de mercado e aqui TUDO podia?
      Acho que ainda é reflexo dela.

  • TiãoGavião

    Certo é certo, errado é errado, não existe meio termo!! 🙁
    Lamentável para não dizer outra coisa!!!

    • B.Kawakami

      Esses caras axam que tudo se baseia do livro de zibia gasparetto NINGUÉM E DE NUNGUEM

  • Issacar

    Por isso q nosso pais tá afundando. E pensar que esses bandidos ainda reclamam dos políticos… no fundo são todos iguais!

  • A questao de avaliacao é simples… O pessoal do iblacklist tem um forum (Canal Iphone) onde divulgam todas as apps que lancam… assim como o blog do Iphone, la tambem tem as pessoas que gostam do formato do forum e o acompanham diariamente… obviamente irao ver os app la divulgado e como bom fa do site irao querer ajudar… nao vejo nada demais nisso!

    • Luciano, se você tem dúvidas, não acredite no Blog e confira você mesmo. Faça o seguinte: compre os dois aplicativos, descompacte-os e veja a base de dados das palavras. Mas faça logo, porque eles estão tentando rapidamente trocar a base para serem eximidos de culpa.
      Abra os dois arquivos e você VERÁ que as bases são exatamente iguais. Não tem como negar.
      Mesma ordem, mesmas palavras.

      Achar que a questão aqui é pessoal é infantilidade. Em vez de explicar porque as bases são iguais (fato), ficam tentando desviar a atenção do problema.

      • Ilex acompanho voce aqui desde o começo… so acho que afirmar algo sem saber os motivos que levaram a tal ponto é comprometer um grupo que não esta no mercado de desenvolvedores há 1 semana. Voce sabe assim como eu que eles foram um dos primeiros a lançar uma app para bloquear chamadas (Iblacklist) oqual é bem mais complexo do que esse da forca. Pelas afirmações, deixa a entender que eles nao sabem fazer nada, apenas copiar, oque nao é verdade! Acompanho um dos membros do idevmobile desde o Extinto Iphone Brasil que deu origem ao Canal Iphone, uma pessoa muito honesta e que sempre me ajudou quando era iniciante em Iphone ainda no meu Iphone 2g…
        Não sei quantos funcionarios eles possuem trabalhando no desenvolvimento de novas apps, e nem quem foi o possivel responsável por essa serie de coincidências. Dentro do grupo Idevmobile, tenho contato apenas com o Daniel o qual é uma pessoa que sempre se mostrou honesta pelo convivio que tive com ele no canal iphone (nao o conheco pessoalmente), so acho que pela força e pela popularidade que voce tem com o Blog do Iphone, deveria ser mais imparcial, contanto os fatos sem emitir sua opiniao, pois…. talvez por culpa de apenas um funcionario que foi infeliz em um ato impensado, voce acabou prejulgando uma empresa de desenvolvedores genuinamente brasileira que fazem acontecer em nosso pais. Espero que ninguem saia prejudicado com tudo isso, pois seria lamentavel ver 2 desenvolvedores importantes no cenario nacional e um site que eu respeito muito e leio diariamente (Blog do Iphone) envolvidos em acusaçoes desnecessarias. Sou a favor do sucesso de tudo que é produzido no nosso pais… pois tenho certeza que assim como voce se esforça para manter a identidade e o nome do BDI, sempre procurando novidades e noticias importantes para serem postados aqui, esses desenvolvedores tambem se esforcam para sobreviver nesse meio, e lutam para fazer o nome em um mercado tao disputado. Sucesso ao BDI, IDEVMOBILE e ao RENATO PESSANHA, torço para que os fatos se esclareçam e que ninguem seja prejudicado! Abracão

        • Eu realmente acredito que possa sim ser culpa de um funcionário apenas. Pode acontecer que, ao contratar um freela, este dev menos escrupuloso tenha usado indevidamente a base de dados do outro jogo, sem os administradores da empresa se darem conta. Acho que isso ficou explícito no texto, não? No contato que tive com o Flávio por email, ele se mostrou a todo momento disposto a resolver o problema. Menos em um último contato, onde ele levou para o lado pessoal, chateado por eu não ter esperado até segunda que ele alterasse a base de dados.
          Ele mesmo admite que é estranho as bases serem iguais, e as evidencias apontam sim para uma cópia. Se ele mesmo admite, então não é “afirmar algo sem motivos que levaram a tal ponto”. Se foi mesmo culpa de um funcionário individual, o melhor que a empresa tem a fazer é puní-lo e assumir o erro publicamente, para que não se repita.

          A intenção não foi atingir pessoalmente ninguém, até porque não tenho nada contra a empresa. O fórum que você citou as vezes copia/cola textos daqui, no qual já tinha pedido para não o fazerem, por ser ROUBO DE CONTEÚDO (é um direito meu não querer que o que eu passo horas escrevendo seja publicado em outro site, concorda?). Mas eles ignoraram meus pedidos e continuaram roubando textos. Mesmo assim, eu não faço relação entre o fórum e a empresa, senão teria motivos suficientes para reclamar.

          A questão aqui foi um FATO que aconteceu: a base do Pessanha foi usada. Se a culpa foi de um indivíduo, que se apure o caso, mas o que não dá pra fazer é passar a mão na cabeça de algo tão grave. Se foi um freelancer que fez, que este artigo sirva de lição para NENHUM desenvolvedor tentar esta artimanha, pois comprometerá seu trabalho e a imagem de quem ele trabalhar.

          É claro que o pessoal da empresa está chateada com o artigo. Mas esperar até segunda para que eles mudem a base de dados e ninguém mais poder comprovar nada, não dá. A notícia aponta um fato que aconteceu. As causas agora devem ser averiguadas e os responsáveis punidos.
          Publicar uma resposta infantil também não é solução. Eles tem todo o direito de vir aqui se defender, como manda a lei, e explicar porque as bases são exatamente iguais.

          • O problema da copia de conteúdo a acontece num outro fórum
            Q acesso. Concordo q vc pode proibir. Copia, mas lá são variS pessoas q podem ajudar o forum e vostam de ajudar outros assim como eu, acarretando nisto(copia) vc concordaria em a no caso copiassem
            A parte do conteudo e o resto fosse dedirecionado para seu blog, nao perdendo pageviews? E concordo q o “problema”foi Q vc deu sua opniao pessoal, acarretando nisso. o pessoal q esta comentando nao esta entendendo uma coisa. Estao acusando uma pessoa mas esqueceram da empresa!

          • Monty

            Empresarial ente falando, mesmo se fosse ‘culpa’ de um freelancer, isto não muda NADA, a responsabilidade civil é sempre do responsável, como o diretor da empresa.
            Não existe uma empresa fazer uma pu#a cag*da e falar: “Foi mal, a culpa foi do estagiário, já demitimos”, o diretor vai preso do mesmo jeito, está no risco do negócio.

  • Como uma pessoa tem a coragem de defender um ladrão de códigos e ainda sair gritando aos quatro ventos que é um desenvolvedor. Por Favor, antes de qualquer um de vocês abrirem a boca pra dizer alguma coisa nem que seja só um ‘huhu’ adicione o cérebro antes e tente entender como se sente uma pessoa que fica horas se esforçando em algo e ve seu crédito indo para outra pessoa que só foi no copiar,colar.
    Se estivesse fazendo uma prova pra ser dono da Apple e outro ‘colega’ sentado atrás de você copia sua prova’ aposto que ia ficar muito feliz de ver seu cargo indo pro espaço!
    Pense bem nisso!

  • Paulo Neto

    Não entendo muito desse fato especificamente, mas são só palavras, isso não vai dar em nada. Imagina eu pegar todas as palavras do dicionário Aurélio como base pra um DB, não estaria infringindo nada, a não ser que eu copiasse as definições virgula por virgula. Se fosse assim o Yahoo! processaria o Google por copiar seus dados do diretório no inicio da guerra dos buscadores. Copiar receita de bolo é crime, conhecer e utilizar seus ingredientes fazendo um próprio não. Palavras por si só não tem valor, msm estando em ordem, ou qualquer outra ordenação. A DB dele estava exposta, errado foi ele.
    iLex, antes que diga, não conheço os caras, apenas sou um dos seus leitores 😛

    • Paulo, o Blog aqui também é feito só de palavras. Mas se alguém copiar o conteúdo e colar em outro site, é sim roubo intelectual.
      Afinal, eu dedico tempo para pesquisar assuntos e escrever artigos, da melhor forma que posso. Vir alguém e só copiar, levando 6 segundos para isso, é eticamente reprovável sim. Talvez se um dia você for produtor de conteúdo entenda este ponto de vista.

      Hoje em dia a liberdade da internet distorceu bastante o conceito de criação e propriedade. Mas ele existe ainda, fraco, mas existe.

      No caso que você citou, foi sim falta de ética do Google pegar um trabalho já pronto, em vez de começar do zero. Mas esse tipo de coisa é muito difícil de provar, por isso não levou a nada.

  • iLex ja lhe enviei elementos que provam que o banco dele veio da internet, elementos estes que estão expostos nos próprios reviews da App dele n App Store onde usuários relatam que ASSALTANTE está disposto como PROFISSÃO (Nao acredito que o Renato Pessanha veja o ato de cometer um crime como profissão, alguém aqui acredita ?)

    Diversos usuários relatam muitas palavras em ingles no banco de dados dele, principalmente em CELEBRIDADES e isso nao acontece em nossa base como pode ser verificado por quem tem acesso aos bancos … outro fato relevante nos reviews do jogo FORCA BRASIL é o fato da categoria FILMES possuir inúmeros títulos com pontos de interrogação “?” que leva o usuário ao erro uma vez que no teclado de um jogo de forca nao existe opcão de inserir pontuação (isso só comprova que a base foi importada de algum lugar, provavelmente da internet, uma vez que nao se compra uma base de dados na banca de jornal).

    Respeito o Renato como programador, conversei com ele hoje ao telefone e ficamos de chegar a uma conclusão sobre isso tudo. Todas as pessoas que tem acesso a base podem constatar que se trata de uma estrutura completamente diferente como ja foi mencionado por outros usuários.

    Lhe enviei um email com o screenshot de nossa tela do iTunes Connect (painel de desenvolvedores Apple) com a aplicação JOGO DA FORCA 1.1 aguardando review desde o dia 06/09 (uma semana atrás) , nao é justo publicar aqui que e enviamos uma atualização de banco de dados em paralelo pois isso nao aconteceu, até porque a atualização conta com a modificação do sistema de pontuação e bônus assim como a inserção de novas categorias de palavras, em momento algum dissemos que a próxima versão possui um novo banco de dados.

    Nao vou entrar em uma discussão com seus usuários e por isso me reservei a nao me pronunciar em seu blog até o momento, acho que se realmente existiu um problema este será resolvido entre a iDevMobile e o Renato Pessanha, como ja citado acima nos falamos ao telefone hoje cedo.

    Eu e meus sócios somos profissionais com empresas no mercado a mais de 12 anos e sempre estivemos ligados ao ramo de jogos eletrônicos, nao somente com iOS como você já sabe, temos capacidade técnica e intelectual de sobra para desenvolver nossos próprios aplicativos e databases, acho que isso já está mais que provado em todos os Games, Apps e Sistemas que possuímos no mercado … possuímos mais de 1.000.000 clientes de iOS e nunca tivemos nenhum problema similar esse abordado aqui hoje.

    Acreditamos que o mercado tem espaço para todos e nao vemos ou outro desenvolvedor como concorrente e sim como uma segunda opção a nossos usuários, cabe a cada um ter o diferencial para obter sucesso e isso graças ao nosso trabalhos árduo temos conseguido ao longo dos anos.

    At.

    Flávio Almeida

    • Monty

      Flávio, acho que você não deixou sua posição muito clara, poderia usar este espaço para expor seu ponto de vista, até para que os leitores possam formar sua opinião. Acho que seria proveitoso esclarecer:

      . Você confirma que a base foi tirada do app do Peçanha (mesmo que depois, ‘aperfeiçoada’)? Ou foi da internet? (até porque tem gente aqui te defendendo dizendo que pode não ter sido copiada)
      . Se foi do Peçanha, acha correto? (pois pareceu que sim, pois sua defesa diz que há ‘elementos’ que sugerem que a dele foi tirada ‘da internet’, então estaria ok?)
      . A base será alterada para um conteúdo criado por vocês? (pois já que a atualização não muda a base, não fixou claro se será futuramente)

      Como se trata de um fato contra a imagem da sua empresa, qualquer assessor de imprensa sabe que deve deixar clara a sua posição para o público, não apenas ‘resolver’ nos bastidores, por isso sugiro tais esclarecimentos.

    • Monty

      Também seria bom deixar clara sua posição sobre o desenvolvedor qualificar bem seu próprio app, soando como consumidor, e qualificar mal concorrentes.
      E deixar claro especialmente se as qualificações do post foram realmente feitas por pessoas ligadas a sua empresa ou se foi coincidência.

    • Realmente ‘assaltante’ está na lista de profissões. Imaginei no início que isso poderia gerar situações engraçadas. Assassino também estava mas eu removi na última atualização por conta de alguns e-mails que recebi reclamando.

      Quanto a estrututa, ela é diferente: alguns campos foram removidos, outros campos/tabelas/arquivos foram renomeados para inglês, mantendo os dados. O tamanho do arquivo permaneceu igual devido ao espaço alocado originalmente.

      Inclusive a limitação de 18 caracteres por palavra está igual nos dois bancos.

      Sobre a questão da pontuação, no Forca Brasil, ele mostra os símbolos/pontuação previamente preenchidos e deixa para o usuário apenas as letras.

      Mas de qualquer forma, eu não teria levantado a questão sem ter certeza absoluta do ocorrido. Adicionalmente tenho todos os arquivos originais que usei para criar e alimentar o banco ao longo do tempo.

      A base foi construída manualmente. Os nomes de filmes por exemplo, vem do meu próprio catálogo de DVDs que uso para meu controle pessoal.

      Realmente aguardo uma resposta sobre o que ocorreu.

    • Dani

      Falou falou e não disse nada. O cara tentou se defender da acusação de plágio atacando o trabalho que ele supostamente copiou. Como é que o fato de o cara considerar “assaltante” como profissão prova que você não copiou o trabalho dele?
      Você alega que tem provas de que o banco de dados do Peçanha vir da internet. Sim, ele pode ter por exemplo retirado a lista de palavras de categoria “profissão” do site do Ministério do Trabalho, por exemplo. Mas isso não desqualifica o seu trabalho, de qualquer maneira ele gastou o seu tempo compilando essas palavras e agora vem um inescrupuloso e copia tudo.
      Até acho que não vai dar em nada porque esse país não é sério, só nos resta não comprar nenhum produto dessa empresa…

  • Lincoln

    Complementando…

    como advogado, utilizar seu texto no processo que deverá ser movido contra os supostos “piratas”.. ficou muito bem consistente e serviria como prova.

    Seria uma cópia? Hehe… não, pois é preciso que a fonte da prova seja conhecida, e vc teria seus créditos…

  • Leandro

    A matéria acabou tomando outro caminho a suposta vítima se tornou mais vítima ainda ,acabou ficando no meio de um monte acusasões onde o que menos esta importando são os iniciais fundamentos citados.

  • Rodrigo

    Sou reponsável pela área mobile de uma grande empresa, e normalmente tercerizamos alguns projetos para iOS, e por isso estamos sempre buscando bons fornecedores, e pelo post já ficamos alerta de nunca utilizar esta empresa.

    • Leonald

      Nao acho q vc deve julgar por este fato. Coisa q provavelmente foi erro de um.

  • TiãoGavião

    Vixi….
    A coisa tá pegando fogo

    • leonald

      e ainda tem muita lenha nessa fogueira!!!

  • Flávio

    No caso em questão, não parece ser plágio e sim apropriação indébita de proprieade intelectual.
    Mas aproveitando a questão dos créditos, etc…
    Nunca vi nas notícias divulgadas aqui neste blog referências ao site iclarified!!!
    Grande parte das notícias veiculadas aqui, vejo primeiro lá. Inclusive, quando é feita a tradução aqui no blog do iphone, a notícia vem as vezes com a mesma imagem.
    Apesar de achar este blog bem legal, acho que o iClarified deveria ter seus créditos reconhecidos.
    Provavelmente este comentário vai ser bloqueado pelo moderador. Mas, pelo menos, ele irá ler e refletir.

    Pra mim, a gota d’água foi ler isso aqui:
    “Com blogs também acontece a mesma coisa. Se você tem um site criativo, original e que atrai muitos leitores, pode ter certeza que alguém irá copiar seus textos e roubar suas imagens sem lhe dar crédito, com a desculpa de que “tá na net então tá liberado”. A mediocridade reina no mundo em que vivemos.”

    Nossa! faça o que digo, não faça o que faço!

    • Flávio, eu não leio o iClarified e não teria razão nenhuma de postar referência de lá se não é de lá que as notícias vem. Pensa um pouco e você vai concordar.
      Se vê que você ainda não entende muito bem como funciona as notícias na internet, e aí prefere ficar julgando os outros.

      • Flávio

        Olá iLex,
        peço desculpas pela inferência em relação à questão do iClarified. Apenas achava isso porque geralmente as notícias seguem a mesma ordem de apresentação.
        Contudo, gostaria que você soubesse que seu trabalho neste blog é excelente! Não passo um dia sequer sem acessá-lo.
        Se não conseguir comprar o iPhone 5 nos EUA, certamente aguardarei o já tradicional unboxing que o blog do iPhone faz nos lançamentos dos gadgets da Apple ;D

        Parabéns e sucesso!

  • Infelizmente tenho motivos para acreditar nisso. Comprei dois aplicativos no Cydia dos desenvolvedores deste plágio. Um deles é o CallClear e o outro o famoso iBlacklist.

    Após restaurar o iPhone, os aplicativos não reconheceram que eu havia COMPRADO os aplicativos. Escrevi pro desenvolvedor que LEVOU UNS 3 MESES para me enviar novamente uma chave de registro válida.

    É uma pena, pois os aplicativos que comprei tem potencial (embora ainda tenham muito o que melhorar), mas com este tipo de atitudade (plágio e falta de respeito com os consumidores) já fez desistir de comprar qualquer coisa desenvolvido por esta empresa.

    • Tanto o registro do iBlacklist quanto o do CallClear (e todos os nossos Apps do Cydia) são feitos on-line, uma vez ativo (processo automático assim que confirmado o pagamento no paypal) a chave fica disponível de forma vitalícia no banco de dados e o dispositivo pode ser registrado a qualquer momento apenas clicando no botao ATIVAR ON LINE (CallClear) ou DOWNLOAD (iBlackList).

      Esta informação está disponível no site e no email de confirmação de compra, email este que além desta informação contém também a sua chave de registro.

      Quanto aos emails, estes sao respondidos em no máximo 48 horas dependendo da demanda, geralmente sao respondidos no mesmo dia. Verifique sua caixa de Spam e seu filtro de emails, como todos os emails sao gerados pelo sistema automaticamente, muitas vezes eles são interpretados como spam.

  • Ebert Cedraz

    Fato, Não existe, “sou muito ético”;
    Ética se tem desde o quando somos bebes e mesmo sem a maturidade sabemos que pegar algo sem o “SIM”
    é errado, o crescimento do individuo só afirma sua educação.Não existe meio ético (Max Gehringer)
    Copiar, colar, é plagio. Desenvolver idéias a partir de outra não é.
    Sem nem baixar ou menos fazer uma analise profunda nos arquivos dá pra perceber pelos Prints de tela que boa fé não foi.
    Quanto a matéria e as ofensas que vi ao longo dos post, tenho uma só opinião; se o responsável pelo BDI não tivesse credibilidade suficiente os próprios “revoltados” com sua publicação nem visitariam o Blog, muito menos teria o desgaste de escrever aqui.

    Espero que suas matérias continuem e que possa “alimentar” a muitos.

    Att

  • Victor C. Zequim

    Outro app que acho que foi copiado na cara dura, inclusive pelos mesmo “desenvolvedores” da iDevMobile Tec. , é o jogo Monster Rush , que claramente foi baseado no Fruit Ninja e inclusive com elementos do Cut the Rope.