Notícias

Desenvolvedor vietnamita rouba algumas contas da App Store para comprar seus próprios apps

Neste fim de semana descobriu-se um pequeno escândalo no mundo da App Store. Um desenvolvedor vietnamita roubou a conta de alguns usuários para poder promover seus próprios aplicativos.

O vietnamita desonesto fez isso para promover seus livros (em formato de apps, não de iBooks), comprando-os com as contas roubadas e publicando avaliações positivas sobre eles. Com isso, suas obras subiram na classificação e ganharam mais destaques. Depois da introdução da iBookstore, a categoria Livros (Books) na App Store é uma das que menos tem saída, sendo assim fácil de aparecer no ranking dos mais vendidos.

Todos os aplicativos do desenvolvedor ladrão já foram retirados da App Store e o dinheiro será devolvido a todas as vítimas.

Alguns sites fizeram um alarme exagerado, dizendo que várias contas tinham sido hackeadas, quando na verdade o número de vítimas foi bem pequeno. Além disso, não foi exatamente um hack, mas sim um roubo de conta, seja através de programas maliciosos ou porque os usuários possuíam senhas fáceis (como “123456” ou “senha”).

O conselho geral é que todos tenham uma senha segura e difícil na sua conta e tomem cuidado com vírus e cavalos-de-tróia em seus computadores.

via

Tags
Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados

  • Tinha visto isso em outros blogs mas acredito que é mais um caso de descuido da pessoa que uma invasão mesmo.

    iLex, você sabe se houve algum caso estrangeiro? Li os blogs alertando mas não vi nenhum caso na Itália, documentado, nos EUA, UK, FRA, GER. Você conhece algum?

    Abraço.

  • Daniel Taiguara

    Pensei que o iLex só ia comentar isso após algum pronunciamento oficial da apple !

    • O Jobs nos autorizou a comentar antes. 😛

  • Deve ser o mesmo vietnamita que conseguiu aquele iPhone 4 antes do lançamento. Hehehe

  • E vai outra dica: Usando um mac as chances dos cavalos de troia sao bem menores de atingir seu computador. O windows continua sendo um prato cheio para os invasores!

  • RAVAGNANI

    Windows ou MAC é bom a Apple adotar medidas de segurança para os seus usuários.
    A desculpa da senha fácil é bem batida já, não convence, hoje há medidas para inibir uma série de senhas consideradas muito fáceis e vuneraveis.

    • Cara, isso não é culpa da Apple. Pode ser feito IGUAL com a senha de qualquer outra conta, até seu MSN…
      Quer bater na Apple, encontre um argumento mais inteligente.

      • RAVAGNANI

        Uma das primeiras lições que se aprende em programação é “Tratamento de exceção” em outras palavras seria:

        Proibir senhas que contenham:

        – Sequências de números ou letras;
        – Data de nascimento do usuário.;
        – Algum dado pessoal;
        – Senhas muito pequenas.

        Só permitir senhas que contenham letras junto com números, letras maiusculas misturadas a minusculas etc…

        “Alguns sites fizeram um alarme exagerado, dizendo que várias contas tinham sido hackeadas, quando na verdade o número de vítimas foi bem pequeno. Além disso, não foi exatamente um hack, mas sim um roubo de conta, seja através de programas maliciosos ou porque os usuários possuíam senhas fáceis (como “123456″ ou “senha”).”

        Você levantou a bola eu cabeceei.

        Eu amo a Apple e seus produtos, todo filho bom merece sempre que necessário uma lição, e de preferência sem violência.

        Acho que os comentários do Blog estão ativados exatamente para uma troca gentil e cordial de comentários, afim de aumentar e incrementar o assunto abordado no post.

        A propósito acho que meu argumento foi mais inteligente que o seu, culpando o usuário e isentando a Apple de qualquer responsabilidade quanto ao roubo de senhas.

        • OmarBH

          Esse é um passo evolutivo importante e que deve ser feito em conjunto com a “explosão” de vendas de iPhone, iPod e iPad (não se fala mais nele…). Quando se tem menos usuários, é mais fácil que sejam conhecedores de truques, macetes e comportamentos de segurança. Com mais usuários, mais chances de serem leigos e ingênuos. Se a Apple nos pede o número do cartão de crédito e o mantém em seu poder, passa a ser co-responsável por garantir a segurança das operações. Como se disse no comentário acima, há técnicas de se dificultar que os usuários leigo e mal-intencionado se encontrem.

        • A propósito acho que meu argumento foi mais inteligente que o seu, culpando o usuário e isentando a Apple de qualquer responsabilidade quanto ao roubo de senhas.

          Foi bem mais inteligente, sim. Agora sim que temos um REAL argumento. 😉

          PS: estou falando sério, não foi ironia não.

  • Algus Helm

    Isso pode acontecer com qualquer site de vendas… até a App Store… se o cara vacila o mal-intencionado vai lá e faz a festa… Infelizmente malandro, ladrão e trouxa tem em qualquer lugar do planeta.

  • Opa iLex, só uma correçãozinha de lógica aí na matéria.

    “Depois da introdução da iBookstore, a categoria Livros (Books) na App Store é uma das que menos tem saída, sendo assim fácil de aparecer no ranking dos mais vendidos.”

    Se a categoria ‘Livros’ é uma das que menos tem saída, não seria mais difícil dela aparecer no ranking dos mais vendidos?

    Por favor me corrija se eu estiver enganado 🙂

    • Há um ranking para cada categoria. Naquele dos livros, é mais fácil de aparecer. 😉

  • Max

    Por via das dúvidas eu não só coloco a informação de Cartão de Crédito quando for fazer alguma compra. Depois eu removo.

  • Deniro

    Conan? Dragon Ball??
    ele tinha licensa pra publicar isso??

  • lucien

    essa noticia ta saindo no globo online so agora
    parabens pelo site