Notícias

Steve Jobs publica carta aberta explicando a relação entre Apple e Adobe

Ao decidir não adotar a tecnologia Flash na plataforma iPhone OS, a Apple comprou briga com a Adobe, antiga parceira no Mac. Para tentar responder ao mimimi geral, Steve Jobs publicou hoje uma carta aberta explicando as razões que levaram a maçã a adotar esta política.

No texto, Jobs começa explicando do longo relacionamento que as duas empresas tiveram, e destaca que a Apple foi a primeira grande cliente da Adobe ao adotar a compatibilidade com a linguagem Postscript em suas impressoras. Inclusive, durante muitos anos, a maçã foi proprietária de 20% da criadora do Acrobat.

A carta é dividida em vários pontos:

Em primeiro lugar, ser livre

Jobs explica que o Flash é 100% proprietário. Mesmo que seja amplamente utilizado, ele depende diretamente de decisões da Adobe em matéria de preço, disponibilidade e atualizações o que, por definição, significa uma plataforma fechada. Em contrapartida, a Apple preferiu seguir o caminho de tecnologias abertas, como o HTML5, CSS e JavaScript, que permitem a criação de animações e interatividade sem a necessidade de se instalar plug-ins externos (como o do Flash). Além disso, eles são totalmente abertos e controlada por um comitê de normas, no qual a Apple é um membro.

Também é citado outro projeto aberto criado pela Apple, o WebKit, que atualmente move o Safari e é adotado por várias empresas. É usado no Android, no Nokia, no WebOS (do Pre) e a RIM acaba de anunciar que também o adotará. Isso quer dizer que praticamente todos os navegadores móveis que existem (com exceção da Microsoft) usam o mesmo padrão.

Fazendo a sua tecnologia WebKit aberta, a Apple estabeleceu um padrão para os navegadores da web móvel.

Em segundo lugar, a Web completa

“A Adobe tem dito repetidamente que os dispositivos móveis da Apple não conseguem acessar a ‘web completa’ porque 75% dos vídeos na web estão em Flash. O que eles não dizem é que quase todos estes vídeos também estão disponíveis em um formato mais moderno, o H.264, e visíveis em iPhones, iPods e iPads”. Jobs também diz que o fato do iPhone não rodar jogos em Flash não é um problema, pois há mais de 50 mil jogos disponíveis na App Store, sendo a plataforma móvel com mais títulos no mundo.

Em terceiro lugar, não há confiabilidade, segurança e desempenho

Jobs cita que a Symantec destacou recentemente o Flash como tendo um dos piores registros de segurança em 2009. Além disso, a instabilidade do Flash para Mac causou uma horrível impressão na Apple, que ficou com medo que o mau desempenho dele influenciasse na opinião sobre os gadgets.

Sabemos que o Flash é a razão número um de ‘crashes’ em Macs. Temos trabalhado com a Adobe para resolver estes problemas, mas eles persistiram durante vários anos. Nós não queremos reduzir a confiabilidade e a segurança de nossos iPhones, iPods e iPads adicionando Flash.

A Adobe vem adiando constantemente o lançamento de uma versão do Flash para plataformas móveis.

Em quarto lugar, a duração da bateria

Por usar uma decodificação ultrapassada (por software), os vídeos em Flash usam muito mais o processador que aqueles em H.264 (que faz decodificação nativa por hardware). Consequentemente, a bateria se acaba muito mais rapidamente.

A diferença é gritante: em um iPhone, por exemplo, vídeos em H.264 tocam por até 10 horas, enquanto aqueles decodificados por software duram menos de cinco horas antes que a bateria seja totalmente descarregada.

Vídeos em H.264 tocam em navegadores modernos como o Safari e o Google Chrome sem precisar de nenhum plug-in externo.

Em quinto lugar, o toque

O Flash foi desenvolvido para computadores que usam um mouse e não para telas sensíveis ao toque. Rollovers e menus pop-ups simplesmente não funcionam, pois não há um cursor que passe em cima da imagem. Por isso, os aplicativos/animações teriam que ser todos reescritos para poderem se adaptar à telas baseadas em toques.

Se os desenvolvedores precisam reescrever seus sites em Flash, por que não utilizar tecnologias modernas, como HTML5, CSS e JavaScript?

Em sexto lugar, a razão mais importante

Deixar que programadores de Flash usem uma plataforma intermediária para desenvolver aplicativos para iPhone OS seria criar um sub-padrão, que segundo Jobs impediria o crescimento da plataforma. Os desenvolvedores que criam seus aplicativos dependendo de bibliotecas e ferramenta de terceiros só podem tirar o melhor proveito da plataforma se e quando o terceiro optar por adotar novos recursos.

Não podemos estar à mercê de um terceiro decidir SE e QUANDO irão disponibilizar novos melhoramentos do sistema para nossos colaboradores.

Jobs lembra também que muitas destas ferramentas multiplataformas só adotam as novas funcionalidades do sistema quando estas estão disponíveis para outras plataformas. A Apple não pode ficar dependendo disso para que seus desenvolvedores evoluam e por isso apoia que eles desenvolvam diretamente na linguagem nativa, sem instrumentos externos.

Flash é uma ferramenta de desenvolvimento multiplataforma. Não é o objetivo da Adobe ajudar os desenvolvedores a escrever melhores aplicativos para iPhone, iPod e iPad. É seu objetivo ajudar os desenvolvedores a escrever aplicações multi-plataforma. E a Adobe tem sido dolorosamente lenta para adotar melhorias para as plataformas da Apple.

Como conclusão, Jobs diz que o fato de atualmente o Flash ser a maior fonte de renda da Adobe faz com que ela tente empurrá-lo para as plataformas móveis. Mas esta tecnologia (feita para computadores com mouse) é antiga e facilmente substituída por outras mais modernas. A Adobe (segundo Steve) deveria se preocupar mais em adaptar suas ferramentas para as novas tecnologias do que ficar presa ao passado, insistindo em algo que está fadado a morrer.

Tags
Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados

  • Nabis

    já encaminhei para meu amigo que ficou tirando sarro por seu N97 ter Flash.

    =)

  • Marcelo BsB

    Wow!!!!!! Já estou achando ótimo meu iPhone não rodar Flash. He he.

  • Allan Scofield

    Resumindo… CRÉU na Adobe!! 😛

  • Concordo plenamente…

    Mas a Adobe é uma gigante, com certeza vai melhorar o Flash !!!

  • Natan R.

    Simplesmente destruiu.
    O mestre no keynote se revelando através da escrita!

  • “Vídeos em H.264 tocam em todos os navegadores sem precisar de nenhum plug-in externo.”

    Isso não é verdade para:

    1) Firefox: O H.264 ou MPEG-4/AVC faz parte do padrão ISO MPEG-4 que tem sérios pontos em aberto relacionados a propriedade intelectual. O projeto Open Source Firefox não pode se dar ao luxo de usar algo que tem tais complicações.

    2) Internet Explorer: Até o Vista, H.264 é um codec que não vem no sistema operacional. Além de que o IE é um browser suficientemente burro para não saber nada sobre a tag “video” do HTML5. Já o W7 vem com suporte a MPEG-4 e H.264 de fábrica mas só o IE9 parece que vai suportar HTML5 com a tag “video” que é a via pela qual videos MP4/MOV/M4V (tudo a mesma coisa) que contém faixas H.264 são tocados no browser.

    Meio técnico, mas é isso…

    • Na verdade o erro de tradução foi meu. Já consertei no texto. 😉

    • Meio???

      Não conheço quase nada a respeito de propriedade intelectual, entre outros; más pude entender o que quis dizer a respeito (ao menos acho que sim).

      Quanto ao tópico 2, penso que pode ser resolvido se os usuários (inteligentes) atualizarem seus browsers (burros).

  • É o Tio Jobs me convenceu que o flash não é TÃO importante assim que não possa ser substituido, PORÉM, é necessário que haja uma adaptação do MUNDO FLASH para plataformas móveis (usando outros formatos: como o HTML5), e espero muito que isto aconteça. Críticas sempre existirão – Jesus já existe há muito tempo e até hoje é criticado, o Bush coitado nem se fala, no youtube o que mais tem são suas gafes. Jobs conseguiu explicar TUDO em sua carta (thoughts on Flash).

    • João, a única adaptação que Flash precisa é a completa eliminação.

      Jobs citou HTML5, CSS e JavaScript como os padrões do browser, mas se esqueceu do mais importante, que iguala a interatividade do browser a qualquer aplicativo gráfico Flash:SVG.

      Resumindo, HTML está para texto assim como SVG está para gráficos e o Safari suporta SVG.

      Quer um exemplo simples? Aponte o browser do seu iPhone para http://srufaculty.sru.edu/david.dailey/svg/newstuff/gradient11c.svg
      Vai ver uma animação que parece Flash, mas é SVG (XML) puro.

      Então, como disse Steve Jobs, e como muitos web designers mais experientes já dizem a muito tempo, Flash não é mais necessário.

      • Mas é justamente isto que queria dizer: Que o Flash não é isso tudo! Que há novas formas TÃO eficazes quanto, e ainda com as vantagens que você citou. A adaptação que eu falei se tratava de (eliminação) por parte dos web developers… e não da Adobe (ou você acredita que ela vai fazer alguma coisa, nem o problema do Tio Jobs ela resolveu no tempo prometido, como ele conta na carta em questão).

        thanks ya!

    • Esdras Antero

      falar que ate Jesus foi criticado tudo bem, mas falar que o Bush é um coitado já é exagero.

  • Issacar

    Conseguiu me convencer…

  • A Apple tem lá também seus instintos monopolísticos e proprietários.

    Mas acho que a Web estava precisando de alguém com culhões para enfrentar a preguiça desses web designers que ficam fazendo sites inteiros em Flash que são bonitinhos e completamente inúteis para seus clientes e para quem vai visitar com um browser mais padrãozão.

    A Apple merece aplausos aqui.

    • Avi, a grande maioria dos efeitos monopolísticos visam a experiência do usuário. Plataformas parcialmente fechadas (tanto em hardware, quanto software) garantem que não hajam influencias maléficas o suficiente pra atrapalhar o desempenho.

      Jobs sempre deixou isso claro: A maioria das pessoas não sabem direito o que querem, e o que fazem. Instalam milhares de coisas, entre placas e programas, que podem detonar o computador. Então, se algo pode ser ruim para o produto, é melhor que não haja liberdade. É isso que faz da Apple o sucesso que é.

      No entanto, ele se mostrou totalmente aberto quando resolveu abrir o iPod para usuários de Windows. O que foi, até hoje, uma das mais importantes decisões que ele tomou.

    • Marcelo Mattioli

      Concordo com vc. A web precisa de um empurrando nesse lado, começar realmente a ser aberta por completa… livre de terceiros. Adobe daqui a pouco vai querer que a web toda passe pelo flash.

  • Eu, como web developer, concordo com quase tudo o que ele disse. Eu mesmo há anos defendo que o flash é uma coisa totalmente desnecessária na web.
    Contudo, a adoção de H.264 não é a melhor, ao meu ver, visto que esta também *não* é uma tecnologia livre, coisa que o Ogg Theora é, por exemplo. Tanto que o Firefox (segundo browser mais usado) não adotou ainda H.264 como um padrão, por não ser aberto.
    E antes que alguém grite contra minha opinião, de antemão digo: sim, concordo; H.264 está atualmente em um estado muito mais avançado que o Ogg Theora. Mas não é livre. É fato.

    • Hummm… só agora eu realmente entendi o que o Avi Alkalay disse usando os termos técnicos… Valeu Jerônimo

    • Poizé, Jeronimo, O Theora está longe de ser uma solução. Não passa de uma resposta somente. Sua abordagem para a compressão de video é bem antiga e obsoleta. Geração MPEG-1.

      Há rumores de que o Google abra o VP-8, tipo bisneto ultramoderno do Theora . Isso muda o jogo mas abre também um leque de opções e confusões.

      O ideal é resolverem os problemas de propriedade intelectual, não só do H.264 – pois só com ele teremos videos mudos – mas de todo o padrão ISO MPEG-4, que inclui audio (AAC e variações), container (formatos MP4, MOV, M4V etc), legendas, padrão para capítulos embarcados, menus interativos (como os de DVD) etc.

      OGG – o guardachuva comparável com o ISO MPEG-4 – se não me engano não compreende tudo isso.

      • Aí sim. Se resolvessem esse problema do H.264, não seria mais um problema; pelo contrário: seria solução. Até o Firefox poderia usá-lo, e Opera também (que se não me engano não suporta nenhum dos dois).

  • Wagner P.

    Aiiii Essa doeu até mim agora….

    e agora Adobe ??? a gigante apple querendo ditar tendências de internet e vocês fora da brincadeira ???

  • Lembrando ainda que Flash é totalmente anti-acessibilidade. Questione um deficiente visual sobre um site construído inteiramente em Flash, por exemplo.

  • Diego Mota

    Depois desta carta, não quero mais Flash no meu iPhone, rs… acho que ele tem razão.

  • Edguitarra

    Galera estou com uma dúvida:
    Tento usar a internet no meu Iphone 3G pelo Edge ou 3G mas não funciona, só pelo wifi. O que pode estar ocorrendo? Fiz uma vez o Jailbreak e habilitei a procentagem da bateria e também instalei uma ferramenta pra desligar Edge e 3G. Mesmo depois de ter atualizado várias vezes o software sem usar jailbreak ele continua mostrando a porcentagem da bateria, será que o o Edge e o 3G acontece a mesma coisa? Tipo: uma vez desabilitados pelo jailbreak eles ficarão sempre inativos? Agradeço imensamente se alguém puder me responder.

    • Marcelo Mattioli

      Faz uma restauração de software pelo itunes, ele apaga tudo do aparelho, atualizacao apenas coloca novos arquivos não apaga nada de modificação. Faz não esquece de não restaurar o backup apos a restauração, pode ser algum problema nessa area tambem. Restarure ele e sincronize tudo do zero.

      • Edguitarra

        Marcelo, obrigado pela resposta.
        Mas o seguinte: eu perco tudo daí? Tenho que instalar tudo de volta? …….mensagens, números telefones que estão gravados no aparelho, vídeos, etc. Vou ter que repor tudo isso ou existe uma outra maneira?

        • Faz a restauração do backup (que você tem que ter feito [o backup] antes de apagar tudo do “celular”) como ele falou, daí seus dados, contatos etc, estarão tudo como antes, só não esquece que se seu Iphone for jailbroke (desbloqueado, quando não é pela operadora) terá que fazê-lo corretamente. Qualquer coisa vê sobre o jailbreak no menu a direita no blogdoIphone.

          • Edguitara

            Muito obrigado João.

  • Algus Helm

    O chato dess história toda é saber que a maioria esmagadora dos sites nacionais usam flash…

    • Não. O realmente chato dessa história toda é saber que a maioria esmagadora dos criadores de sites nacionais são desinstruidos, preguiçosos e não sabem fazer sites sem usar ferramentas pagas que provavelmente piratearam.

      E que seus clientes (hotéis, restaurantes etc) não sabem como comprar seus serviços e se impressionam mais com animações saltitantes do que com um site que tem um bom trabalho em arquitetura da informação.

  • Max

    Pra mim tanto faz se tem flash ou não, mas acho engraçado quando uns chamam os desenvolvedores em flash de preguiçosos. Quando a Apple simplifica a vida do usuário ao deixar a plataforma mais fechada e menos configurável ela é aplaudidade por sua filosofia “minimalista”. Quando a Adobe tenta fazer a mesma coisa com o flash, eliminando a necessidade de se programar os detalhes, ela é criticada por favorecer “preguiçosos”.

    • Max, ou você não entendeu ou está dando uma de engraçadinho.

      A vida do usuário de um produto final como um telefone não tem nada a ver com a de um programador de aplicações que precisa lançar mão e ter bases conceituas de lógica, construção de algoritmos, programação, design, arquitetura da informação, etc.

      É, acho que você já tinha entendido…

      • Max

        Não estou dando de engraçadinho não. Quem faz uma página na web precisa se preocupar com o visual e em como atingir efetivamente o usuário final, certo? Então porque o web designer precisa entender de código se você tem uma ferramenta que faz isso automaticamente pra você? É como a diferença entre um arquiteto e o engenheiro. Pode ser verdade que a Adobe não evoluiu o flash, mas até aí chamar o desenvolvedor de flash de preguiçoso acho um pouco demais.

        • O design nada tem a ver com o código.
          O design é do [Web] Designer.
          O código é do [Web] Developer.
          Se a pessoa tiver formação suficiente para ser os dois ao mesmo tempo, ótimo.
          Mas não se pode chamar “aquilo” que os softwares geram automaticamente a partir de um design de código.
          Contudo, creio que já estejamos divagando do assunto do tópico. Isso é mais assunto pra uma lista de discussão sobre [web] design/development.

    • iLex, mais uma vez, parabéns pelo resumo superprático e acessível para todos.

  • Facasan

    Avi, cliquei no link q vc postou e a tela do iPhone só ficou preta…

    • Sério!? No meu 3GS abriu uma animação. É meio escura, mas é uma animação.

      • Binho

        no meu 3gs ao clicar aparece sóuma tela preta …=P

      • Alexandre

        Então quer dizer que as tecnologias que vão matar o Flash as vezes abrem, as vezes não. E quando abrem são “meio escuras”? Tá bom, pode fechar o cachão do Flash então.

    • Na verdade, aquele SVG não está dimensionado para aquele tamanho de tela.
      Mas se rolar um monte pra baixo tu vai ver a parte que “anima”, pois ela só começa lá embaixo.

  • leocanela

    Ô.õ Cadê aquelas pessoas que citaram “não possui flash” como defeito do iPad? Hah.
    É, Jobs sabe mesmo como detonar com um rival: usando bons argumentos.
    Vamos esperar uma carta aberta da adobe em resposta à Jobs.

  • Canastra

    Eu concordo com tudo o que ele falou. Mas acho que os usuários que tinham que decidir usar ou não usar o Flash. Assim como acontece na plataforma Android.

  • thigrind

    na boa…. acho que vídeos tudo bem serem em HTML5…. mas…. quero ver isso em HTML5 (apesar de que vi Quake rodando mas… nao isso): http://ahaidesign.com

    • Essa empresa diz que faz adaptação de sites para Iphone OS, however o próprio site não é adaptado?!?! ‘tô’ fora!

  • Fabiano

    Enquanto os sites nao se atualizam retirando o flash, sofremos um pouco em nossos iphone e ipads. Espero que o Jobs esteja certo quanto ao rumo futuro da internet, pois se o flash crescer ainda mais, ficaremos limitados a nao acessar determinados sites que usam a tecnologia da Adobe.

  • Pedro Veras

    Saindo do assunto, meu amigo comprou para mim 3 iTunes Gift Card de 10 dolares cada Nos U.S.A.

    coloquei no iTunes dei um Redeem e apareceu isso:

    ‘The Gift Certificate or Prepaid Card code you entered has not been activated. Please return to the original point of purchase for assistance’

    O que fazer ;

    Abraços!

  • daniel

    eu ja uso eu iphone 3g há apenas um mes e pouco, e nao teve um dia que eu senti falta do flash.. galera, ja fazem anos que o iphone esta ai no mercado, e sem flash, todo mundo ja ama esse aparelho revolucionario mesmo sem “flash” ja ta na hora de parar com essa frescura….. APOIO A APPLE, é hora de inovar.. além do mais eu odeio programar em flash html,javascript,css é muito melhor…

  • ifire

    Concordo com jobs, mais poderia deixar essa opção em aberto para o usuário final, livre arbitrio, se Deus da por que jobs toma a decisão por todos, ado ado ado cada um com seu quadrado, no momento ainda tem sites com flash, não poder ascessa-los significa que não ascessa 100% a internet.

  • Binho

    vou nem opinar…esse assunto não é minha praia…é mais complexo do que imaginamos..o que já ou o que pode acontecer, com ou sem flash…Bom, falando como usuario final, o que eu quero é acessar a net de boa com meu precioso e se rolar umas animações, mais de boa ainda..=)

  • João Diego

    É impressão minha ou foi uma maneira bem sútil de ofender a Adobe pelo atraso em se adaptar a Apple?
    Kkkkkkk 🙂

  • Ricardo

    Até concordo em alguns aspectos, mas infelizmente o Jobs só enxerga o que ele quer.

    pq fala de mais, mas queria ver como ele se viraria SEM os produtos da Adobe no Mac.

    Sou usuario de mac, mas falo: eu prefiro as soluções da Adobe, sem nem pensar.

  • Rodrigo

    Caramba…

    Se o próprio Steve Jobs teve que se manifestar sobre o Flash, é pq a coisa estava feia mesmo! Nem no caso do protótipo ele se pronunciou (eu acho que não pelo menos)…

    Mas concordo com ele e já entendia os motivos de não se usar flash no iphone… nunca senti mta falta dele.

    Pelo menos, espero que depois dessa o assunto chegue a um ponto final. Flash no iPhone -> ESQUECE!

    Adobe vai ter que adaptar sua tecnologia se quiser… pronto!

    E por mais que a Apple tenha seus defeitos, e o iPhone também se inclui nisso, o gadget É BOM. Não tem o que discutir… sugerir melhorias sim…

    Ah, adota isso, adota aquilo… acho que o próprio Steve Jobs deixou bem claro na aprensetação do OS4 que, se tem algum recurso legal que não foi adicionado no iPhone, tem algum motivo plausível pra isso.

    Digo isso quando ele explicou que o multitask só não havia sido liberado antes, pq, com a configuração de hardware do iPhone 3G, a bateria não duraria nada.

    Nesse caso do Flash, ponto pra Apple sem dúvida.

  • Alex iPilot

    Abrindo parênteses…

    A Apple me deixou na mão. Tem duas semanas (no mínimo) que as 4 lojas Apple de Miami não tem iPad algum para vender. Elas fazem um cadastro para enviar em email ao interessado, sabe Deus quando… Devem ter reservado a produção para o lançamento do modelo 3G…

  • edivaldo

    Concordo qom a questão da plataforma ser fechada e procurar tecnologias abertas, porém, vindo do Steve Jobs, pai de um dos hardwares e softwares mais amarrado do momento, soa bem hipócrita.

    • A diferença é que o Mac, compra quem quer. Na internet é diferente, várias pessoas podem acessar de diversos sistemas diferentes.

      • edivaldo

        Correção!Compra quem pode!! Querer, todo mundo quer (até os que queimam a Apple), só que poder, é outra hi$toria$$.

  • Gog

    O unico flash que preciso no iphone e o da Camera 😀

    • Certeza que vai vim !

  • Alex iPilot

    Nossa! Ainda havia uma “razão mais importante” depois das 5 primeiras!

    Será que a Abode irá responder com o silêncio?

    Tio Jobs quer começar outra novela, hehehe…

    • Ou…
      Tio Jobs quer abafar “a outra” novela, hehehe…

  • Eduardo

    É também um jeito de obrigar a você comprar mais aplicativos na App Store.

    Pra que jogar Canabalt de graça no seu iPad usando o Safari se você pode comprar o jogo idêntico por 2 dólares?

  • Facasan

    ILex, ficou show a montagem com o reflexo do tio Jobs 

  • Hermann

    Engraçado ver Jobs defendendo a bandeira de padrões abertos, quando ao mesmo tempo blinda o iPhone e dita as próprias regras. Quer um exemplo? O lance de remover os aplicativos pornograficos da Store sem respeitar aqueles que gastaram tempo e dinheiro com a criação destes aplicativos. Quer outro? Tenta instalar um ringtone que não seja comprado na Store… Em resumo: sou dono de iPhone e Jobs é um fanfarrão :p PEDE PRA SAIR!!!! eheheheh

  • Alexandre

    Eu quero ver quais vão ser as justificativas dele quando o Flash tiver rodando perfeitamente no Android, daqui algumas semanas.

    Se celulares com Android terão essa capacidade, porque o iPhone não?

    • “Terão”.
      Quando TIVEREM, aí a gente discute. Por enquanto é só promessa. 😉

  • Maciel Meireles

    Concordo com Jobs… mas sabe o que acho?

    os usuários de iphone “nao se interessam” sobre se está sobre flash ou sobre outra tec.

    desde que o site FUNCIONE… ABRA…

    Resumindo… concordo muito qd jobs diz q.. se é pra ser refeito… (adaptado)…

    Façam com algo mais moderno..

    Vlw

  • leocanela

    O CEO da Adobe respondeu à carta aberta de jobs. Da uma olhada, iLex:
    http://www.macrumors.com/2010/04/29/adobe-ceo-responds-to-steve-jobs-thoughts-on-flash/
    anyways, argumentação de Jobs = epic win.

  • Rafael Pereira

    Acho isso mais uma das babaquices deste dono da Apple. Tenho Iphone a uns 2 meses estou muito contente com ele. Mas essa é uma das bobagens que ele inventou só pra fazer charminho na minha opinão. Como usuario windows acho que o Iphone OS deveria dar a liberdade que o Windows lhe dá. Cada use pra o que quiser e arque com suas consequencias.

    • Hermann

      Nao acho que seja charminho não… é golpe de foice mesmo na adobe. O que eu não concordo é ele defender a bandeira de padrões abertos quando o iPhone é literalmente uma caixa preta. Tenta desenvolver em java pra ele…

      Discurso hipócrita.

  • Fabio

    É o “reality distortion field” do Jobs atacando mais uma vez. Tanta besteira…

    • Se é tanta besteira porque se preocupar em comentar?? 😕

  • Cleuby Sousa Lima

    Game over Adobe! Podia ter ido dormir sem essa! O Jobs sabe bater.

  • Valter

    Acabei vendo coisas estranhas nesse post.
    Steve jobs falando de “ser livre”, linguagem aberta… como um ideal.
    Flash designers = preguiçosos
    iPhone = plataforma segura.
    Ah ta, valeu!

    • Hermann

      É verdade, discurso hipócrita. Como se o iPhone fosse uma caixinha de areia para os programadores.

  • iHomem de Respeito

    Opa,

    Eu vejo mesmo peso com duas medidas aqui! Não estou defendendo o Flash, que como play de vídeos revolucionou o youtube, mas o flash não é feito para multi-toque.

    Agora, Jobs fala da liberdade como se fosse a filosofia Aple. Tai o Jailbreak pra desmentir.

  • Oluko

    Maravilha….parabéns Jobs!!!
    Briga de cachorro grande!!..kkkkk
    Abandonei um N97 com 4 meses de uso com flash por um Iphone…
    Existe na era cronológica AC e DC…
    Na era tecnologica, “A”Iphone e “D”Iphone e agora vai ser a mesma coisa com o Ipad, queiramos ou não.
    Jobs manda e não pede!!!

  • na verdade, o Flash nem faz falta pra mim no iphone.
    Todos os projetos que estou fazendo, tem versão para mobile, os principais sites que acesso
    tem versão mobile, então, tanto faz….
    Ta ótimo sem o Flash. =)

  • Alexandre

    Aproveitando o ensejo, se o Flash morreu, porque todos os vídeos publicados aqui do Blog do iPhone estão em Flash, e não em HTML5?

  • Gihovani

    Jobs fala algumas besteiras…
    e a comunidade responde:

    http://jessewarden.com/2010/04/steve-jobs-on-flash-correcting-the-lies.html

  • Érico

    Vocês não percebem que, além de tentar desviar as atenções do vazamento de informações, Jobs quer, na realidade, é empurrar o chato do quicktime da Apple?! Agora, é verdade que a bateria do iphone está despreparada para rodar flash. Isso sim!!

  • Carlos Carvalho

    Só mesmo a cegueira do fanatismo pode qualificar esse texto hipócrita do SJ como coerente… Como ele, o CEO de uma das corporações mais fechadas do planeta, pode falar em “liberdade”. Não se enganem, Jobs é um capitalista de corpo (ou seria esqueleto?) e alma, e seu objetivo primaz é o lucro. E o motivo principal para não adotar o Flash no iPhone é o fato de que isso ofuscaria a AppStore, reduzindo os lucros da Maçã. O resto é apenas falácia para esconder suas pretensões monopolísticas. Admiro muito o lado inovador da Apple, mas acho ridícula essa posição ultraprotecionista que ela vem adotando. E o pior de tudo é vê-la destruindo com seu poder outras empresas apenas por não se enquadrarem em suas regras. Enfim, isso é pra comprovar que, na essência, todas são iguais: M$, Apple, Google…

    • É, o fanatismo realmente é uma droga.
      Até aquele que quer ver defeito em tudo. 😉

      • Hermann

        Concordo com o Carlos.

    • Nicolas Catalani

      Hipocrisia e coerência são coisas distintas…
      Hipócrita ele foi, e muito bom o texto, mas coerente também.

  • Herbeth

    Quer dizer que precisou o Steve Jobs falar para muitas pessoas se convenserem da verdade? Qual é? Tem gente que se acostuma até com o que é ruim e pra se libertar precisa de uns tapas na cara pra acordar do pesadelo. Bola pra frente, quem quiser continuar com Flash que continue, mas fique ciente das consequências. Se livrar do Flash não é lá um bicho de sete cabeças, desde o advento do flash muita coisa mudou e é só abrir os olhos pra ver as oportunidades. Sem medo de mudanças, desconstruam e reconstruam, façam algo melhor.

  • Alexandre

    E ninguém me respondeu ainda por o Blog do iPhone, e vários outros sites e blogs que proclamam a morte do Flash, ainda postam todos os seus vídeos na tecnologia da Adobe, e não HTML5.

    • Ninguém respondeu isso porque ninguém perguntou. 😛

      • Binho

        Perguntou sim iLex

        “Alexandre disse:
        29 de abril de 2010 às 21:36
        Aproveitando o ensejo, se o Flash morreu, porque todos os vídeos publicados aqui do Blog do iPhone estão em Flash, e não em HTML5?”

        Eu confesso q gostaria de saber a resposta tb 😛

  • Overlord

    As razões apresentadas pelo Jobs são excelentes.

    A única que não concordo é sobre a questão da Open Web.
    “Apple acredita que tudo o que se refere à web, deve ser suportado por tecnologias abertas.”

    Se ele/Apple apoiam tanto assim padrões abertos, deveriam unir-se a outras empresas e desenvolver algo para substituir o H.264.

    Agora, dizer que “apoia a Open Web” e fazer parte da MPEG-LA (junto com a Microsoft, diga-se de passagem) ganhando dinheiro em cima do licensiamento do H.264 é a maior falcatrua da face da Terra.

    É tipo conversinha de político. 🙂

  • Veja o caso deste aplicativo (uso no meu trabalho diariamente) todo em flash sendo usado em um computador HP sensível ao toque:

    http://www.youtube.com/watch?v=rdE2-Bs1bSQ (em inglês)

    Nada mal…

    Porém vejo que esta empresa deverá se adequar em breve para outras tecnologias ou passará a ser vista como a Adobe….

  • Daniel

    Meio sem fundamento o argumento do Jobs, pois: Se ele não adciona o flash no iphone OS. por simples medo de prejudicar a perfomance, o usuário que deveria decidir, afinal ele pagou pelo produto, tinha que ter o direito de usar oq quiser.

    Vou dar um exemplo claro: Voce compra um pc com Windows, sabe que o IE é uma bosta e atrapalha em muita a perfomance do seu computador, oq vc faz? Instala o Mozila, simples assim. Mas você tem o direto de escolha, só usa a merda do IE quem quer. Acho que assim deveria ser com o IPhone.

    • Sabe qual é uma das profissões que mais dá dinheiro sem precisar ter nenhum curso superior? Técnico de Windows.

      Isso porque centenas de milhares de pessoas nāo acham tāo óbvio quanto você o jeito de como ele funciona.

      Já ouvi muita gente me dizendo que nunca tinha usado tantas funçōes em um celular quanto usa no iPhone, porque é tudo intuitivo e já pronto, você nāo precisa ‘decidir’ nada.

      Um dos grandes problemas atualmente para os webdesigners é que muita gente ainda usa o Internet Explorer 6, pelo simples fato de nao saberem que ele é uma droga. Nāo adianta dar opçāo às pessoas, se elas nao sabem usá-las.

      O fato é que podemos ficar aqui fazendo a crítica de botequim que quisermos, mas os numeros comprovam que a tática da Apple com o iPhone tem dado muito certo.

    • MARTINEZRJ

      Daniel ai discordo de voce. O IPAD é o que é e pronto, compra quem quiser com as coisas ou boas ou ruins no pacote. Não tem como agradar a todos, isso é impossivel. Se for assim por que o IPAD não veio com camera de 1.2 megapixel? por que não veio com porta USB?. Seria um novo IPAD melhorado daqui a um ano? vender mais e mais e mais essa é a regra de negócios.

  • MARTINEZRJ

    Acho que depois dessa tenho que baixar a cabeça. Mais como ele mesmo disse acho importante tambem ter uma alternativa ao flash no caso o HTML 5. Tambem lembro da retirada total ao suporte do Disquete pela Apple e isso realmente aconteceu mais apos 8 a 10 da previsão dele. Mais ele startou o processo, talvez sem essa atitude o padrão USB não teria se consolidade com tanta rapidez como foi.

  • Preyer

    A Apple veio para integrar os que não conhecem ou tem aversão à tecnologia no mundo tecnológico (Ex: Velhos preferem mexer em apple do que em um pc pela facilidade). Não culpo a Apple de agir como eles agem, pois no final, quanto mais gente on-line, melhor. O que é extremamente absurdo são esses applemaníacos, que só porque tem um apple há 1, 2 ou 3 anos, já se acham formadores de opinião de tecnologia. A maioria deles não sabem nem como se parece uma memória RAM.

    Existem várias mentiras, com alta camuflagem comercial, onde a maioria está caindo como um patinho. Uma delas:

    “Mas esta tecnologia (feita para computadores com mouse) é antiga e facilmente substituída por outras mais modernas.”

    Primeiro… o Flash já é multi touch (com capacidade de gerar aplicativos com mais de 2 toques).
    Segundo… facilmente substituída pelo html5??? O html5 é um pacote com algumas animações primárias e player de vídeo… não é possível fazer nem uma bola correr com um filtro de sombra, quanto mais disponibilizar um site 100% fiel à um flash bem feito.

    Se a Adobe é proprietária… a Apple é o que? Comunismo? Deixa o usuário usar o que ele quer, já basta os Pais de cada um dizendo “não pode fazer aquilo, não volta tarde, etc”. Brincadeira.

    A Adobe fez a Apple com o Photoshop, fazendo que vários designers adquirissem os seus macs e hoje vem boicotando a Adobe… Tudo gira em torno de $$$$ Depois que rolar um, a Apple volta a falar bem da Adobe, espere e verá! Nada disso tem haver com a segurança e qualidade para os usuários, apenas controle e manipulação da grande massa.

    • Estanis Garcia

      É meu querido Preyer acho que vc errou e bem feio, vc ja ta querendo se parecer com Jobs, só que com suas visões (nada certas) do futuro. ponto negativo pra Adobe e ponto positivo pra Apple.

  • Estanis Garcia

    hj a verdade veio a tonaaa hihihi, dona Adobe ate que enfim assumiu.

  • Diogo

    Quem é a Apple para falar em código aberto… uma empresa que somente disponibiliza seu sistema para equipamentos fabricado por eles próprios.

    A Apple nada mais nada menos quer algo que ela tenha total controle, como ele mesmo ai informa que teria que depender da Adobe para atualização como também o preço do produto… Stev Jobs simplesmente quer mandar em uma empresa terceira para ter o programa em seu sistema.

    Jogos… quem está falando somente de jogos? já começa por ai… que o flash hoje é capaz de elaborar muito mais do que somente jogos… mas sim aplicativos… novamente a apple quer somente vender os que ele disponibiliza através da Apple Store… bloqueando qualquer serviço externo que ele não tenha controle.

    Resumindo… vc não compra somente um Iphone, Ipad, seja lá o que for… vc automaticamente fica preso 100% sendo obrigado a comprar qualquer coisa que vc queira vendido somente por eles… sem nenhuma outra opção de escolha….