Apple

Página da Apple sugere que não haverá tethering oficial no Brasil

Uma das grandes novidades do iPhone OS 3.0 foi a introdução da possibilidade de usar o aparelho como modem 3G (também chamado de tethering), ou como a Apple chama, compartilhar a internet com um computador. Você conecta o iPhone no cabo USB ou faz o emparelhamento sem fio pelo bluetooth com o computador e este começa a usar a internet do telefone. Muito prático em viagens ou quando você está fora de casa, por exemplo.

O problema é que o OS 3.0 veio, mas a função não foi ativada pelas operadoras oficiais. A reclamação dos usuários foi tanta que tivemos que encontrar soluções alternativas para ativar a função. Por parte das operadoras, elas jogaram a culpa na Apple, que por sua vez, devolve a batata quente para a Claro, Vivo e TIM.

Agora a coisa começa a ficar mais complicada, pois a Apple fez uma página onde claramente indica que não há a opção de tethering no Brasil. Veja:

Sem tethering no Brasil
clique na imagem para ampliá-la

Na tabela da Apple, nenhuma operadora brasileira oferecerá a opção de compartilhamento a seus clientes. Mas será que podemos confiar nessa tabela?

A parte brasileira da página da Apple nunca foi muito confiável, e tudo isso pode ser uma grande trapalhada de comunicação entre as partes envolvidas. Uma prova disso é que a mesma tabela diz que a Claro não faz desbloqueio dos iPhones que vende, coisa que sabemos que não condiz com a realidade.

O fato é que a tabela já está dando dores de cabeça para as operadoras. No Vivoblog, que está sendo atualmente o canal oficial para que os clientes comentem sobre o assunto, os moderadores não sabem mais o que responder, pois a atitude da Apple vai contra a posição da operadora até então, que afirmava ser a favor do tethering.

Ou seja, ninguém quer assumir a responsabilidade e enquanto isso, o consumidor fica sem poder usar uma função que é seu direito, garantido no contrato. Isso inclusive abre uma brecha legal para um pedido de recisão do contrato de fidelidade por parte do cliente.

O que as operadoras têm que fazer é exigir uma posição da Apple para que ela libere o quanto antes, via iTunes, as atualizações das operadoras com as funções liberadas. A operação é muito fácil, bastando apenas um pouco de boa vontade. Os arquivos da atualização (ipcc) já até estão prontos, se elas quiserem pegar os nossos, fiquem a vontade. 🙂

[via Fórum do iPhone]

Tags
Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados

  • é isso mesmo ngm quer assumir o problema, e enquanto isso os consumidores que se ferram ¬’

  • Daniel Costa

    iLex, até onde eu sei a Claro está com uma liminar que a isenta de fazer o desbloqueio de aparelhos vendidos por ela. Então a tabela da Apple pode está correta sim.

  • Renato

    Se desse pra ver a cara dos atendentes quando perguntados sobre a funcionalidade, seria aquela de “haaann??” Eu acredito que o problema está nos processos de comunicação e treinamento desses funcionarios que são a linha de frente da empresa. Por outro lado, imagina só treinar o mesmo atendente pra saber todos os detalhes do iPhone e de outros 500 modelos de celular… Enfim, não é problema nosso, eles ganham muito dinheiro pra fazer esse trabalho. =)

  • Quantidade não pode nunca significar perda de qualidade.
    Se uma empresa vende 500 produtos diferentes, deve ser capaz de dar assistência eficaz a todos eles.

  • Daniel, no que diz respeito a Claro, que eu saiba, até agora ela sempre desbloqueou os iPhones quando os clientes pediram.
    Se alguém viveu uma experiência diferente, nos avise.

  • Alexandre Rudge

    Eu mesmo já postei umas 10 vezes no blog da VIVO, a Claudia que é a moderadora do VIVO BLOG já nem sabe o que responder. Acho que podiamos criar algum movimento para acelarar uma solucao oficial por parte das operadoras.

  • Eu concordo com o Renato, tudo bem que a Vivo tem um canal exclusivo de comunicação só para clientes iPhone, mas ainda assim são mal treinados. Lembram-se do problema do IPCC com MMS no lugar do APN? O atendente mal entendeu do que eu estava falando e ainda disse que quando eu atualizasse seria resolvido (sendo que eu já tinha atualizado). Falando nisso a conta chegou, 4 MMS a mais, e uma porrada de acesso VIVO WAP (separado do VIVO ZAP, como o iPhone usa), ou seja, não houve cobranças estratosféricas pelo erro.

    E se liguem nisso: na Europa quase todas as operadoras habilitaram, mas na América Latina NENHUMA usa, ou seja, duvido que seja responsabilidade exclusiva das nossas operadoras, a Apple que exclui o “3º mundo”. As regras da Anatel nunca prejudicaram nenhuma fabricante de celulares no Brasil, e nossa legislação de jogos não impediu que existisse Wii, PS3, XBox 360. A Apple que é preconceituosa, preguiçosa e nos ignora. =(

  • Soares Rodrigues

    O que é essa de desbloqueio autorizado?

  • Lauro

    nao entendi pq a claro nao tem desbloqueio autorizado(?)

    uma semana depois que comprei o meu(no fds q lancou no brasil), eu ja desbloqueei ele!

  • O grande problema é que não temos nenhuma fonte de informação confiável, como acontece em outros setores da indústria e mercado, é um querendo passar o problema para o outro e ninguém tem a capacidade de assumir uma responsabilidade de se certificar da informação correta, seja qual for, e responder por isso, seja em que condição for.

  • krikaoli

    De coração iLex, parabéns pela matéria! Você é um brilhante comunicador. Ler o Blog dando atenção para esse problema é algo que me dá muita satisfação e reflete o lema de informar ao máximo os leitores. Tenho muito orgulho de ser um dos seus milhares de leitores. Eu tenho fidelização… só estou na dúvida agora entre acionar a VIVO na justiça antes (rescisão) ou depois (repetição de indébito, não sei se comporta) Já estou com uma reclamação em aberto e vou conversar com um representante do Ministério público daqui a 30 dias. Abraço para todos.

  • Savignon

    Mais um argumento para podermos usar o tethering no iPhone, leiam o fim do primeiro parágrafo.
    Link: http://www.vivoblog.com.br/no-orkutcelular-e-modem.html

  • Felipe

    Olá, eu usei o apn de vocês, para o tethering, apareceu no menu, mas fala para eu contactar a Claro para liberar, tem uma maneira de liberar sem fazer isso? Obrg.

  • Peroba

    Eu acredito que o tethering só passará a ser liberado depois que o 3GS lançar oficialmente aqui no Brasil. Aí, acredito que os proprietários do 3G também terão a oportunidade de ingressar no esquema ; )

  • joey

    duvida: digamos que a função esteja ativa em um iphone 3g. via bluetooth outros iphones ou ipods(!) conseguiriam parear com o iphone compartilhado e usufluir de seu 3g?

  • @joey Antes de parear você tem que aceitar e definir uma senha dentro do iPhone, então não tem galho. E acho que só rola com 1 dispositivo por vez.

  • Márcio

    iLex e galera do blog.
    Trabalho com atendimento ao público numa grande empresa.
    A questão do número de produtos em relação à preparação dos atendentes, qualificando-os para responder a todos os questionamentos dos clientes, é fundamental, sobretudo no momento em que a empresa foca naquele produto que lhe traz o maior retorno.
    Se formos levarem consideração os preços dos pacotes de dados e mesmo o valor das contas de minutagem dos usuários do iPhone, veremos que é um tipo de cliente diferenciado.
    Talvez aqui resida o maior problema: a operadora chegar a conclusão de que o usuário do iphone é um cliente tipo “plus++” (o exagero foi proposital…)e que esse público não se importará em pagar um pouco a mais pelos serviços e produtos disponibilizados para a galera….

  • Edguitarra

    Acho que, do jeito que tá, não haverá TomTom e nem Line6. Estamos a um mês da WWDC e nem sinal dos aplicativos.

  • Régis

    Edguitarra disse:

    9 julho 2009 às 00:00
    Acho que, do jeito que tá, não haverá TomTom e nem Line6. Estamos a um mês da WWDC e nem sinal dos aplicativos.

    Mais uma WWDC??

  • GRM177

    Um comentário, essa página está ali faz tempo e nem sempre contém informações corretas. Dias atrás constava que a Vivo não desbloqueava oficialmente, coisa que fiz já em outubro de 2008. Da mesma forma, agora, que a Claro não desbloqueia, mas o desbloqueio é exigência legal no Brasil. Não sei se dá para pensar – por enquanto – que não haverá o tethering oficial, o ideal era uma informação de dentro das operadoras mesmo, porque os atendentes são despreparados e pouco sabem e o que acontece é o usual, somos arcaicos e atrasados (emboras alguns ainda achem tudo uma maravilha), então é esperar um pouco, deve chegar, mas como sempre, bem depois dos outros lugares.

  • Squalo

    País de 3º mundo – Não juguem sem antes saber o que acontece em outros lugares, nós brasileiros reclamamos demais e a Apple não manda em nenhum país com referencia a suas operadoras e nem tão pouco na legislação do mesmo. Vou dizer moro no Japão que em teoria é um país de 1º mundo como vcs dizem, onde a tecnologia é de “ponta” mas vejam só todas as operadoras daqui e eu digo todas mesmo não desbloqueiam nenhum aparelho. E no meu caso especifico minha operadora não só não desbloqueia o iPhone como ja disse que não tem e não terá nenhuma confiração relacionada ao tethering e que se o usuario o fizer será cobrado o excesso a parte. Isso sem falar no jailbreak não vou nem entrar em detalhe com referencia a esse assunto pra não estender mais o comentario. Agora vai uma critica minha – todo brasileiro que nunca saiu do Brasil(não como turista) e eu falo pq tb eu pensava assim, acha que nós que trabalhamos fora do Brasil vivemos bem pra caramba, eu gasto mais de 50% do meu salario pagando impostos e não to exagerando, para ficar LEGAL em qualquer país tem que se pagar imposto e nem sempre se tem a liberdade de escolha de serviços que vc possa optar, eles são taxados a vc queira ou não. Ja vem descontados em folha. Conluindo antes de falarem sobre posição com relação a isso ou aquilo pensem “pô to melhor doque muito neguinho ai fora”.

  • Auguimar Jr.

    Pelo que entendi nenhuma operadora da América Latina tem.. ehehehe…

  • GRM177

    Uma sugestão (se não estiver em desconformidade com o blog) seria cada um de nós fazer uma única ligação para o ombudsman ou relacionamento de sua operadora e ao mesmo tempo uma reclamação no site ReclameAqui, é bem provável que com alguma pressão se mobilizassem para resolver a questão.

  • Felipe

    O tethering beta de vocês está para a VIVO, como configura-lo para CLARO? Abrs

  • andre

    fazer oque?
    a apple e “preguicosa, e preconceituosa, e nos ignora” beleza…
    mas oq podemos fazer?
    boicotar o iphone?
    aeuhuiaehea
    trocar o iphone por n95 da nokia?
    ai n tem como
    auieoheauiea
    e igual as mulheres bunitas, que sao esnobes e ngm ignoram, ficam tudo la emcima, fazer oq ne..
    aeuihioaehuiae
    rir pra n chorar

  • andre

    perae uma pergunta, me respondam.,,
    num e porque nao tera apoio da operadora, que ficaremos sem o tethering eh?
    intenderam?

    so porque as operadoras nao darao “suporte”
    nao quer dizer que ficaremos sem o tethering?

  • Michelmpbr

    Somente para constar aqui no japão como o amigo
    Squalo disse, não irão liberar a função, pelo que eu to sabendo a quantidade de dados que isso acarretara ira prejudicar as linhas telefônicas…

  • alexisrj

    olha, pra voces verem como o pessoal eh bem informado e realmente tem toda a boa vontade ….

    chamei 1 representante legal da claro e da vivo para fazer um novo plano empresa lah na firma …

    Como quero pegar 1 iphone 3gs entrei no assunto … pra saber se conseguia 1 desconto no aparelho pagando em 24x como o resto da linha q ele me ofereceu (onde o 3g se encontrava)

    Nenhum dos 2 sabe nada sobre iphone 3g ( nao me perguntem se ele sonhava oq era 3gs )

    Me informaram q isso demora muito pra chegar no brasil e que eu nao deveria comprar 1 iphone pq …. (bando de besteiras) …. e me ofereceram tudo q eh smart …
    (OBS: previsto pra primeira quinzena de agosto)

    Suporte online claro e vivo nao sabem responder nada !
    ( soh sei que nada sei) do nada comecam a desconversar e dizem seu numero de protocolo eh xxxxxxxx
    obrigado pelo seu contato !

    huahauhauhauha

    O pior foi q eu imaginei q algum deles poderia saber algo ….. acho q burro fui eu !

  • Alves

    Acho que todos os usuários que tem um pouco de conhecimento e frequentam blogs como esse sabe que o arquivo de configuração do iphone vem sim dos servidores da apple, mas também sabemos que ele é enviado apple pelas operadoras, o que não acontece com a maioria dos usuários “comuns”.
    Por isso é mais colocar a culpa na apple, um exemplo claro disso são alguns atendestes das operadoras que mandam o cliente procurar a assistência, técnica da apple.

  • badawi

    e a Oi?
    baixei o ipcc aqui.. e mesmo assim nada..

  • Alves

    Cara já soube de pessoas que usam a Oi e que conseguiram usar tethering.

  • GRM177

    Squalo, embora não seja o lugar apropriado para entrar no tema, mas antes ter a devida contraprestação aos impostos pagos (segurança, educação, saúde, infra etc.) do que ter a mais alta carga tributária do mundo e ser esse país horrível onde restam, por exemplo, poucas estradas com paisagens/vegetação (trocadas por casebres depois do meio-fio), comentário não meu apenas, mas de amigas gringas que vieram, adoraram o país, mas se entristeceram com isso, onde não dá nem mais para ir no Corcovado sem uma boa chance de ser roubado, isso para ficar em dois exemplos superficiais, sem nem entrar em muitos detalhes do cotidiano das cidades brasileiras. Não sei qual é o imposto no Japão, mas certamente não é maior que aqui, talvez pareça maior no salário, mas na carga total é muito menos (tampouco concordo que o Japão seja referência em primeiro mundo, um país que ainda insiste em coisas arcaicas como massacre de baleias não merece muito respeito), mas uma coisa é certa, embora haja exceções, o Brasil está quase sempre atrasado no recebimento de tecnologia. Quer um exemplo? Preciso me matar para conseguir 2MB de conexão ADSL em minha residência, mas em muitos lugares 5MB já é considerado lento. Outro exemplo? Vender a mesma conexão, mas fornecer menos, nos U.S. é crime contra o consumidor. Vender refurbished por novo, idem. Mas ainda que você estivesse correto em todas as afirmações, um erro não justifica o outro, não há porque com a conscientização atual do consumidor brasileiro não exigir a liberação do tethering.

  • GRM177

    Ah propósito, morei quatro anos na Australia, dois na Nova Zelândia e vivi algum tempo entre África do Sul e Europa, só não conheço os U.S. pq me nego a ir a São Paulo mendigar visto, da mesma forma, sei do que estou falando.

  • GRM177

    Krikaoli, não entendi bem o caso, mas repetição do indébito se aplicaria no caso de pagamento indevido ou não usado e manifestamente ilegal, se você contratou o serviço e deseja rompê-lo durante o prazo previsto em contrato há multa rescisória. O que pode fazer para conseguir a rescisão e se livrar da multa é alegar um serviço mal prestado (sinal falho, internet abaixo da velocidade etc.).

  • Takeo

    Pela tabela da Apple, aqui no Japão também não está liberado o tethering pela Softbank. Achei um ipcc na NET e ta funfando de boa!

  • Ricardo Higa

    como tem gente que fala asneiras…

    @Wesley

    Já que a Apple é preconceituosa…
    e exclui Paises de “3º mundo”, pq que no Japão não esta liberado o thetering ? pq a apple também tem preconceito c/ os japoneses…?
    E outra, a maior % de vendas do iphone pode ter certeza que foi dos paises de “3º mundo” 😉

    abraços

  • Vandder

    Acho que o problema é inteiro das operadoras. Sou usuário Apple há alguns anos e sempre tive um excelente tratamento da assistência técnica. Caso de troca de LCD por causa de 1 pixel defeituoso é um exemplo que ilustra bem a situação. A Apple vende produtos para um publico exigente que sabe cobrar e pagar por ele, por isso o atendimento pós-venda é primordial. Mas ela esta entrando agora num mercado desconhecido e novo para ela e atribuiu a assistência de seus iPhones as operadoras, mas não sei até onde isso vigora no Brasil. A legislação entende o fabricante como responsável pela qualidade do produto, incluindo a garantia de 12 meses. Um produto que já fora vendido e retorne com algum problema pode ser consertado e vendido novamente como novo, basta para isso oferecer a mesma garantia de fábrica. Mas a Apple comete certos equívocos no Brasil. Não sei se é a franquia brasileira que é a responsavel por certos casos, principalmente pela parte de tradução de sites, manuais e etc. Me parece que eles acreditam que todo usuário Apple fala inglês. No Brasil todo produto vendido obrigatoriamente deve possuir infomacoes em português. Mas o caso do iPhone nada tem com a distribuidora Apple brasileira, parece ser tudo pelas operadoras. As operadoras deveriam ter atendimento específico para certos usuários como já acontece em alguns bancos, mas o que parece é que todos são tratados da mesma forma, independente do serviço que se usa ou do valor da fatura. Operadora não é igual a venda da esquina que a gente vai lá e reclama direto com o dono, parece mais com alguma coisa celestial, você sabe que existe um responsável, mas ninguém nunca o viu. Se existe um método alternativo a justiça entendera como oficial eu acredito, ou seja, se você encontra a solução na internet por qu vai precisar que ele seja oficial? Afinal, qual é o crime usar os métodos desenvolvidos pelos hackers?

  • Jocas

    Por falar em Tethering, ontem a Daniela Moreira, escreveu no INFO Online uma matéria sitando o tutorial do Krikaoli que está no forum do blog, inclusive com link. 🙂
    http://migre.me/3p5I

  • Frederico

    Pessoal,

    Se alguém tem em mãos o contrato de prestação de serviço de uma das operadoras e lá conta que é fato e de direito o uso compartilhado de sua internet 3G (thetering), então proceda da seguinte forma:

    Entre no site da Anatel (www.anatel.gov.br) e abra um processo comum reclamando que no contrato consta essa clausula e que voce exige o cumprimento dela alegando quebra de contrato.

    Depois disso uma pessoa da Ouvidoria da operadora entrará em contato com você. Essa pessoa pode não ser dotada de todo conhecimento, mas pode levar seu problema a ser resolvido.

    Agora, se todos os que precisam desse recurso reclamarem na Anatel contra suas respectivas operadoras, acredito que o poder de fogo será maior.

    Já fiz várias reclamações na Anatel e até hoje não perdi uma.

    É isso ai.

  • iFernando

    A tela da Apple está errada. Solicitei o desbloqueio para a Claro na semana passada e fui atendido na mesma hora. Já testei o meu iPhone com o chip da Oi e funcionou normalmente. Foi a primeira vez que a Claro me atendeu adequadamente, pois o atendimento normal deles é um lixo.

  • Tekquilla

    iLex, só uma dúvida

    O método do APN criado aqui pelo blog já está redondo? Ou seja, permite thetering e MMS ativos simultaneamente. Vi que o método do ipcc está funcionando para muitos mas queria usá-lo só como segunda opção.

    Grato

  • Tekquilla

    Desculpa, o coreto é “tethering”.

  • Trocando o APN, meu tethering saiu funcionando out-of-the-box com a Vivo aqui no RS. Não precisei ligar pra ninguém, nem pedir nada. Abraço

  • Max

    Bom, eu instalei e removi o APN do Blog, e pra minha surpresa habilitou o Tethering sem precisar de IPCC modificado.

  • krikaoli

    Frederico, boa dica. Minha reclamação já têm 13 dias úteis e duas reiterações, pois a operadora ainda não resolveu tampouco parece disposta a liberar a função. Vou ao MP e PROCON.

    GRM, estou na dúvida sobre ser possível a repetição de indébito, pois caso eu pague a multa rescisória entendo ser ela indevida. Isso porque não caberia multa rescisória por inadimplemento contratual. Eu li e reli o contrato do VIVOZAP e ele prevê o uso do tethering caso o aparelho possua tal função, como é o nosso caso. Partindo da premissa da ilegalidade da multa rescisória e eu a pague caberá ação de repetição de indébito? Grande abraço!

  • DVC

    Meu próximo telefone? Um HTC… rodando ANDROID.
    Tô de saco cheio das LIMITAÇÕES do iPhone.

  • Edguitarra

    Régis
    Passou um mês. Estamos a um mês quer dizer que estamos a distância de um mês. Acho que todos aqui sabem quando foi a WWDC. Vamos para versão 3.1 e TomTom, Line6 ainda não lançaram os aplicativos apresentados na WWDC.

  • fry

    Independente das operadoras habilitarem ou nao, ainda continua ruim, pois tem que usar o cabo do iPhone via USB, ai perde a mobilidade. Sei que pode ser feito via bluetooth, mas meu lap nao possui o mesmo.

    Continuo usando sem problema algum o PDANet, com a grande vantagem de nao depender do cabo USB.

    PS: Isso é BraZil. Terra de ninguem !

  • Bruno

    isso eh para o 3GS ou para o iPhone em geral? eu tenho um 3G da Claro e ela desbloqueou sem custo meu iPhone… realmente nao da pra confiar na Apple Brasil

  • GRM177

    Frederico, boa, esqueci a melhor pressão de todas, Anatel, bem colocado.

    Krikaoli, nesse caso (alerto que não li o contrato da Vivo, mas presumindo com base na sua informação de que o tethering está previsto em contrato), sem dúvida que aí não caberia multa, o melhor seria entrar com uma ação no juízado especial (pequenas causas) solicitando a desconstituição do contrato sem o pagamento da multa, podendo ou não incluir pedido liminar para evitar que você tenha que pagar mais coisas ou tenha o nome incluso em cadastros de devedores. Mas uma pergunta, por que quer sair da Vivo já que nenhuma outra disponibilizou o tethering também… compensa?

  • Como eu ODEIO conclusões precipitadas…

    @Ricardo Higa o caso no Brasil e em outros países difere pois aqui AS EMPRESAS PERMITEM TETHERING, mas quem não ativou foi a Apple. Nos EUA também não está ativado, e é por causa da operadora, que certamente é o caso no Japão. No Brasil não, aqui sim deveria estar ativado.

  • krikaoli

    Realmente, em termos de desbloqueio de tethering, eu não sei se compensa, pois eu consegui habilitar tudo pelo arquivo ipcc da VIVO modificado, mas não sei se os ipcc s de outras operadoras vai tudo funcionar. Por outro lado eu também quero sair da VIVO, pois apesar de uma boa relação de custo-benefício do plano de dados, para mim não está compensando o plano ilimitado da VIVO. O 3G dela aqui em Brasília é muito ruim. Concluindo: eu pago um plano ilimitado, mas consigo baixar menos de 100 mb de 3G…
    Muito obrigado pelos esclarecimentos vou fazer exatamente da forma que você me indicou. Se aparecer por Brasília dá um toque. O convite vale para outros assíduos. Abraços

  • GRM177

    Obrigado, velho, o que podes fazer se não quiseres gasto com advogado num primeiro momento ao menos, pega um modelo de ação (Google, ou posso ver se tenho algo aqui, nunca fiz rescisão) ou mesmo descreve a situação no balcão do Juízado Especial e parte para o jogo. Uma dica, caso queira mesmo isso, rescindir, inclui dano moral alegando que tenta contato há meses e a ligação cai e que te atenderam mal na loja física, ai de repente na primeira audiência (conciliação e acordo) aceita a mera rescisão (que é o que você quer) dispensando o caso de ir a julgamento ou demorar mais, porque se for procurar advogado ele não vai cobrar menos de um salário-mínimo pelo trabalho, como não envolve indenização o único ganho seria o pagamento (ou um amigo da área também).

  • krikaoli

    Apesar dos alertas inteligentes pelos colegas e pelo iLex a respeito dos erros da Apple, eu tenho quase certeza de que o tethering no Brasil foi bloqueado pelas operadoras e não pela Apple. Eu conheço de longa data o péssimo serviço da VIVO e já tive um nokia que tinha um bloqueio no bluetooth por culpa da VIVO. Outro detalhe importante é o fato da assistência técnica da Apple para o iPhone ser de responsabilidade das operadoras. Além disso com o OS 3.0 foi disponiblizado os arquivos ipcc com os MMS. E por que não com o tethering. pesquisei muito sobre o assunto e não sei se posso chamar de conclusão precipitada. A VIVO diz que incentiva, mas não foi sequer capaz de editar um mísero arquivo ipcc. Ps: para a gente, a maioria completamente leiga ou não habituada com isso, foi extremamente trabalhoso!

  • Max

    Off-Topic: Apenas para dar uma acalmada nos ânimos, vejam esse artigo:
    http://www.anandtech.com/gadgets/showdoc.aspx?i=3595

    Os números de performance do iPhone 3GS são surpreendentes! Na média 95% mais rápido que o 3G. Tempo de bateria usando Wi-Fi: 8.83h no 3GS contra 6.67h no 3G. Aos poucos o bichinho vai se mostrando realmente diferente!!!

  • Paulo Rogério

    Pessoal,
    eu tinha um modem da claro em casa e pagava 70 reais por uma conexao de 512k que nunca chegava a isso.
    Como eu possuo o iphone 3g com pacote de dados ilimitado da vivo, eu dei um jeito bem simples de usar meu iphone como modem.

    Basta acessar o site apn.blogdoiphone.com.br/#_teth e instalar um aplicativo.
    Depois disso é só espetar a usb no iphone e no pc e ir na propriedade geral/rede e lá dentro tem uma opção de compartilhar a internet do aparelho.

    Como a conexão é melhor do que a da claro eu cancelei o meu plano e só to usando o iphone como modem.

  • Pessoal,
    eu tinha um Motorola W510 e com um programa da própria fabricante (Motorola Phone Tools), usava-o como modem sem problemas. Na Tim e na Vivo, funcionava beleza. A diferença é que, agora com o tethering do iPhone, a velocidade é incomparável (acho que poderia ser ainda melhor…). Acho que este é o motivo para a liberação oficial ainda não ter vindo. Com mais gente usando o iPhone como modem, menos gente vai usar os tais “minimodens”, que são uma desculpa para comprarmos mais um chip e pagar mais um serviço, que é ilimitado para a maioria dos usuários de planos iPhone (penso). Resultado: menos grana nos cofres das operadoras. O outro motivo é o risco do aumento do tráfego na rede 3g, o que poderia deixar o serviço lento e obrigar as operadoras a torrarem seus lucros com upgrade da rede, o que, claro, elas só vão fazer quando arrumarem um jeito de enfiarem a mão no nosso bolso.
    Moral da história: vamos usando o não-oficial, porque a liberação vai vir apenas quando esses problemas forem nossos e não mais deles.
    Abraços a todos, em especial ao iLex: sou fã do blog e acesso quase todos os dias!

  • Pessoal, de fato as operadoras permitem o tethering no iPhone, a prova está que qualquer um pode alterar o ipcc e usar o aparelho como modem, sem ser cobrado a mais por isso.
    Nesse ponto, krikaoli, que eu acho que uma ação na justiça não teria muito futuro, porque elas não cobram a mais pelo serviço (mas claro, minha ignorância jurídica pode me enganar).

    Uma coisa é não permitir e outra coisa é não facilitar o processo.
    O que acontece, na minha opinião, é o segundo caso, as operadoras não estão com pressa para resolver o problema, com medo que isso prejudique sua rede.

  • krikaoli

    Ilex, o meu raciocínio sobre este assunto é o seguinte: O serviço de dados em termos contratuais é idêntico ao de voz. Pois bem, se a operadora lhe vende um aparelho celular e o serviço de voz, mas você, por própria conta e risco, tem que contornar um bloqueio para a real usufuição do aparelho isto implica que o serviço está sendo mal prestado ou não prestado. Meu pai tem 70 anos, ele não consegue desbloquear o tethering. Como faz? Eu consegui, foi justo pra mim? Eu pago 250 reais pra perder horas e horas tentando usar uma função que eu tenho direito? Os entendidos me corrijam, essas operaderas exploram um serviço publico, e existem várias regras que elas devem obedecer e no caso não estão. Fora as regras desse tipo de concessão ainda existem diversas outras até as do código de defesa do consumidor. Não concordo que se fale que não houve bloqueio pelo simples fato de estarmos conseguindo usar o tethering. Conseguimos usar graças a um método alternativo. E se foi necessário usar um método para alcançar essa funcionalidade foi por que havia uma obstrução. ALGUMAS PESSOAS LERAM UMA MENSAGEM DE CONTATAR SUA RESPECTIVA OPERADORA PARA OBTER A FUNÇÃO. Isso é outra prova que a responsabilidade é da operadora. Quer mais, acho que o método para usar o tethering pelos usuários d AT&T é o mesmo que a gente utiliza. Sei muito bem como funciona o pensamento de operadora: tire o máximo e dê o menos. Ter serviço ruim e inescrupuloso é lucrativo. Pagar advogados para defender de “n” processos ainda é mais lucrativo do que resolver sem processo. Já falei muito, mas eu gostaria de finalizar que a culpa disso tudo é nossa. Nesse país ninguém se mobiliza pra nada, nem pra tirar síndico corrupto. São poucos os que de fato exercem seus direitos e deveres. Outro dia alguém falou do Japão, lá caíram duas bombas atômicas e eles reconstruíram uma nação da sarjeta. Aqui no Brasil se vive na sarjeta e o brasileiro põe a culpa em tudo menos nele mesmo. Eu sei que pareço chato e meio brigão, acho que sou um pouco dos dois, mas moro aqui e amo esse país e esse povo. O tethering virou questão de honra, apesar de ser algo tão pequeno perto de um trilhão de coisas erradas ao meu redor. Abração

  • Apesar de ter um iPhone Claro, eu carrego um velho Samsung com Windows Mobile para baixo e para cima, só para poder usar o compatilhamento de internet. Troco o chip, e funciona, a função modem é nativa no painel de controle do WM. Ou seja, não há restrição da Claro quanto à função. Na verdade, ela nem tem como saber que quem fornece a internet dial up é um celular e não qualquer outro dispositivo. Não compreendo porque o acesso do iPhone poderia estar bloqueado! Mas até hoje, não consegui tethering Claro-SP no iPhone. Alguem conseguiu?

  • Habilitei o Tethering Claro via IPCC.
    Ficou sem MMS, mas foi só preencher os dados de proxy, apn etc nas configurações que a câmera voltou a aparecer.

    No dia seguinte, viajava usando o GPS, funcionando. Quente como sempre, mas normal. Perdia sinal, voltava. Mas no meio da estrada, perdeu o sinal e não mais voltou. Já entrei e saí de áreas edge e 3g, já resetei cfgs de rede, e nada.

    Há a possibilidade do tethering desabilitar o GPS? Ou do IPCC danifica-lo? Ou foi coincidencia? É caso para garantia? E se sim, tem como cancelar o IPCC antes para não dar problemas?

    ATIVAR VIA IPCC TRAZ RISCOS PARA O HARDWARE???

    • NÃÃÃÃÃÃÃÃO!

      Pra que gritar?