Segurança

Como tornar seu iPhone (quase) impossível de ser rastreado

Saiba como tornar seu iPhone muito mais difícil de ser rastreado e monitorado e como melhorar sua privacidade e a sua segurança online

Nos dias de hoje, é normal nos preocuparmos cada vez mais com a privacidade, pois nossos dados pessoais se tornaram um bem precioso para nossa segurança.

Anúncios

Depois do grande escândalo do Cambridge Analytica, o mundo percebeu que o uso de dados pessoais pelas empresas permitem que elas manipulem o usuário das mais diversas formas, para que ele consuma cada vez mais.

E apesar da Apple ter como bandeira a proteção da privacidade, ela também acaba coletando certos dados dos usuários, muitas vezes sem o consentimento deles. 

Se você tem um iPhone e se preocupa com a privacidade e o sigilo dos seus dados e atividades, este artigo vai lhe ensinar a transformar seu iPhone em um dispositivo (quase) impossível de ser monitorado.

Seja com um bloqueador de rastreador, uma VPN ou configurações que ajudam a proteger sua privacidade, há várias formas de diminuir a intrusão da Apple na sua vida digital.


A coleta de dados da Apple

Anúncios

Mesmo tendo como preocupação a proteção da privacidade, até mesmo a Apple coleta determinados dados do usuário, tanto que foi até multada recentemente pelo Tribunal Comercial de Paris.

Uso de aplicativos, buscas, histórico de navegação, localização geográfica e uma série de outros dados são coletados pela empresa. Mesmo que ela afirme que não compartilhe esses dados com terceiros, o próprio usuário tem direito de não ser rastreado caso assim deseje.

Cada vez mais as pessoas se preocupam com a privacidade online e desejam tornar seus iPhones mais privativos e seguros – não só contra a coleta de dados da Apple, mas também de hackers e cibercriminosos.


Como melhorar a privacidade do seu celular?

Com tantas ameaças cibernéticas (como malware, vírus e ataques de phishing) e políticas invasivas por parte das empresas, será que dá para melhorar a privacidade do seu celular e diminuir as possibilidades de ele ser rastreado? A resposta é sim.

Anúncios

Apesar de ser praticamente impossível prometer uma privacidade total e o impedimento do rastreio do seu aparelho, há várias medidas para torná-lo muito mais seguro e difícil de ser monitorado e rastreado.

Eis o que você pode fazer:

 1.  Ative o modo avião

Ativar o modo avião é uma forma muito eficiente de interromper o monitoramento do seu celular. O modo avião tem alguns inconvenientes, já que ele te impede de fazer chamadas e usar a internet, mas cria um mecanismo muito útil de deixar seu telefone menos exposto, mesmo que temporariamente.

 2.  Desabilite as configurações de localização

Desabilitar os recursos de localização do seu iPhone evita que ele seja monitorado através de rastreamento de GPS. Diferente do modo avião, este recurso não te impede de fazer chamadas e usar a internet.

Alguns aplicativos e funcionalidades do seu iPhone ficam comprometidos ou impossibilitados de serem usados. Se isto não for um problema, vale a pena restringir ao máximo ou desabilitar totalmente os recursos de localização geográfica do seu celular.

Mas é importante ressaltar que desabilitar as ferramentas de localização não impede a localização do seu aparelho através do endereço de IP, sinais de Wi-Fi ou de Bluetooth. Desativar seu GPS serve como um ótimo bloqueador de rastreador.

 3.  Use uma boa VPN

Um software VPN (Virtual Private Network, ou rede virtual privada) é outra forma eficaz de melhorar a privacidade do seu aparelho. Elas te permitem mudar o endereço IP (Internet Protocol, ou protocolo de internet) por meio de uma rede virtual, o que ajuda a atrapalhar o rastreamento do seu iPhone.

Vale lembrar que as ferramentas VPN e outros apps de segurança não impedem o rastreamento passivo do seu celular quando você estiver offline. Então, as dicas anteriores são válidas para usar junto com o software VPN.

 4.  Verifique as permissões dos aplicativos

Outro jeito de tornar seu iPhone muito mais seguro contra rastreamento é verificando as permissões dos seus apps. Alguns apps precisam de permissão para acessar a câmera, seus arquivos, sua lista de contatos e muitas outras coisas, inclusive recursos de localização via GPS. 

Embora dar estas permissões ajude a usar recursos importantes dos aplicativos, você pode limitá-las ao máximo ou desabilitar tudo completamente. Outra opção é dar as permissões necessárias apenas enquanto você usa os apps e só quando for necessário.

Deixar as permissões ativas o tempo todo facilita a localização do seu aparelho e o monitoramento das suas atividades.

 5.  Desabilite os recursos de publicidade personalizada

A personalização de publicidade usa muitos recursos de rastreamento. Os anúncios personalizados só são possíveis porque usam o GPS do seu aparelho (para saber sua localização e recomendar produtos e serviços mais próximos), cookies, seu histórico de buscas e navegação e até recursos de gravação de áudio.

Embora os anúncios personalizados sejam muito úteis para te ajudar a encontrar produtos e serviços que estão mais de acordo com suas preferências, desabilitar estas ferramentas ajuda a dificultar o monitoramento do seu iPhone.

 6.  Cuidado com redes públicas de Wi-Fi

Redes públicas de Wi-Fi são menos seguras e também deixam seu iPhone mais vulnerável (inclusive a ataques de cibercriminosos), o que facilita o rastreamento dele. Evite redes públicas de Wi-Fi e, caso precise se conectar a uma destas redes, use uma boa VPN para proteger sua conexão.

Para melhorar sua privacidade online, verifique também o uso de cookies dos aplicativos e dos websites que você acessar.


Conclusão

Como dissemos no começo, hoje em dia todo o cuidado é pouco com nossos dados pessoais. Com nossa vida cada vez mais digital, qualquer acesso malicioso aos nossos dispositivos pode trazer muita dor de cabeça na nossa vida.

Então siga as dicas acima e mantenha seu aparelho mais seguro contra este tipo de ameaça.

Equipe do Blog

Este artigo foi elaborado com a ajuda de diversos integrantes da equipe do Blog do iPhone.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo