Apple

Veja como é a inauguração de uma Apple Store em tempos de pandemia

Quem acompanha o mundo Apple há mais tempo, sabe que as inaugurações de novas lojas são sempre um grande evento, com centenas e centenas de pessoas se aglomerando em filas pela madrugada e muita gente no lado de fora.

Mas aí chegou a pandemia e obrigou as pessoas a se distanciarem. Como fazer uma grande inauguração sem a festa tradicional?

Bem, a Apple não desistiu de abrir novas lojas, ainda mais quando ela tem potencial de virar um ponto turístico da cidade, como é o caso da Marina Bay Sands, inaugurada nesta quarta, em Singapura.

E para quem está curioso para saber o que mudou, um vídeo local mostra como foi a recepção na inauguração.



Recepção dos funcionários

Uma das características mais marcantes em dias de inauguração da Apple é o corredor de funcionários na entrada, que aplaudem quando você entra pela primeira vez.

Mãos se tocam, pessoas ficam próximas uma das outras, gente gritando perto de você e tudo o mais que seria um ambiente propício para se espalhar vírus.

Para se ter uma ideia, relembre como foi a abertura da loja do Morumbi Shopping, em São Paulo:

Como você viu, isso seria inadmissível nos tempos atuais. Não tem como fazer esse tipo de coisa durante uma pandemia mundial.

A Apple resolveu a questão tentando manter o mesmo clima com os funcionários, mas cada um bem distante do outro.

O cliente também, entra individualmente e sem ninguém por perto. É uma comemoração à distância.

Veja como funcionou em Singapura:

Devido aos controles de temperatura e de entrada, durante a pandemia os clientes só poderão entrar por uma única porta, localizada no subterrâneo. A grande porta na frente da esfera de vidro não será utilizada por alguns meses.

Outra curiosidade é que, conforme já tínhamos ressaltado em outros artigos, somente pessoas que marcaram hora é que podem visitar a loja. Quem estiver passeando pelo local e quiser entrar, não será autorizado.

Aparentemente também não houve a tradicional camiseta de inauguração, que normalmente é distribuída para as pessoas que visitam a loja no primeiro dia.

Muitos se lembram que, para a loja de São Paulo, a gente até fez uma camisa especial, para comemorar o evento.

Camiseta especial BDI


O novo jeito de fazer a inauguração das lojas acaba deixando de lado muito do ritual construído por anos e que sempre fez as pessoas quererem participar dessa festa. Com certeza se perde muito com isso, pois a experiência no final não é muito diferente do que visitar a loja em um outro dia qualquer.

Mas em tempos de pandemia e cuidado com os outros, é o que deve ser feito.

Quem sabe no futuro as inaugurações voltem a ganhar a magia que sempre tiveram.

Leia mais sobre:

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar