DicasTutoriais

Como funciona a nova ferramenta de Migração do iOS

O iOS 12.4 trouxe uma nova funcionalidade para iPhones e iPads: a possibilidade de realizar a migração dos dados de um iPhone antigo para um novo, por fio ou por conexão sem fio. Curiosamente, a Apple já permitia isso entre um Android e um iPhone, mas não entre dois dispositivos da própria maçã.

Confira a seguir como funcionará o processo, para quando você decidir trocar de iPhone.






A Apple chama o processo de “Início Rápido” e ele é bem parecido com a forma como o Apple Watch é emparelhado: ao aproximar um iPhone restaurado, uma janela (modal) aparece no seu aparelho atual perguntando se você deseja configurar o outro com suas informações.

Ao apertar o botão Continuar, no iPhone novo aparecerá uma tela de transferência de dados, em que você decide se transfere do outro aparelho ou diretamente do iCloud.

Se escolher a primeira, você terá que escanear com a câmera do novo aparelho uma imagem que irá aparecer no dispositivo antigo. Ao fazer isso, o processo se inicia.

É possível também realizar o processo por cabo, mas para isso é preciso o uso de adaptadores para que ele tenha duas pontas do tipo Lightning.


Tudo é transferido do antigo aparelho para o novo: fotos, contatos, documentos, ajustes, e os dados de cada aplicativo. Porém, os aplicativos em si são baixados diretamente da App Store, o que exige uma conexão internet. Se algum aplicativo estiver no velho iPhone, mas não existir mais na loja, não será possível reinstalá-lo pelo processo de migração. Neste caso, só se você tiver uma cópia dele guardada no iTunes do computador (e ainda for compatível com o sistema 12.4).

Depois da migração feita, algumas coisas você terá que fazer manualmente, pois não são repassadas na migração. Cartões do Apple Pay, por exemplo, terão que ser adicionados novamente. Se você tiver assinaturas em aplicativos ou tiver feito compras internas, terá que buscar a opção restaurar compras. Também precisará emparelhar do zero todos os acessórios Bluetooth que usa normalmente.


É interessante notar que apenas o novo aparelho precisa estar com o iOS 12.4 para a migração funcionar; o anterior basta apenas ter uma versão a partir do iOS 11.

Tags
Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados

  • Tito Chase

    Muito bacana essa novidade. Aí eu vi praticidade!

  • iCardeX

    A tecnologia é muito interessante, e até bem vinda para quem não usa necessariamente o iCloud como solução de backup. O único problema que prevejo são os tempos de sincronização necessários para os iPhones mais recentes com memórias de 256Gb, 512Gb. Naturalmente esse espaço de armazenamento todo tende a se esvair. Meu celular, por exemplo, já está com 202Gb de espaço de consumido na memória do iPhone 8. Se o backup via cabo lighting, na porta USB 3.0, já demora bastante tempo (ida e volta), imagina essa operação toda (migração) ocorrendo em rede sem fio de iPhone para iPhone. Há que se ter paciência. E muita.

    • Marlon Fuhlendorf

      Nossa, pra que tudo isso no iphone? Faz backup em algum serviço de nuvem e esvazia isso aí! hahaha

      • iCardeX

        Como se a velocidade de internet do Brasil fosse essa Coca-Cola toda para ficar subindo e baixando arquivos. Como se a segurança desses serviços online fosse absolutamente inviolável e inquestionável. Se fosse para andar com todos os arquivos armazenados em nuvem de terceiros qual seria a lógica de existirem smartphones de 256Gb, 512Gb ou 1024Gb?

        • Marlon Fuhlendorf

          Não quis parecer grosso! haha
          Então, eu falo por dois motivos, primeiro q carregando tudo com você, sem fazer backup, vc pode perder tudo se perder o celular por exemplo. É sempre bom ter um backup.
          E também, você deve ter muito “lixo” em meio aos dados importantes, fotos bobas, vídeos de whatsapp, etc. Isso em geral, pode ser excluído e libera bastante espaço.

  • Elcin

    No caso, o backup criptografado continua sendo a melhor opção, uma vez que as configurações de bancos e cartões são passadas e não é necessário refazer manualmente?

    • Lauro Gomes

      A resposta é e sempre será DEPENDE, nem sempre a pessoa tem uma internet de qualidade, em um aparelho comprado na loja por exemplo, ali na hora o wifi pode ser ruim, e este novo método não depende de conexão, em relação aos bancos, também DEPENDE, do banco no caso, há bancos em que é necessário ir até o caixa eletrônico para autorizar o novo dispositivo, independente do modo usado para se fazer backup.

  • Vítor

    Mas quais as desvantagens dessa maneira de passar os dados para o backup do iTunes e do iCloud? Essa coisa de backup no iPhone sempre confundiu mto a minha cabeça, não entendo direito nem a diferença dos dois q já existiam (a não ser q um é feito na nuvem e outro não, lógico) e agr tem essa terceira forma ainda…
    conversas de WhatsApp por exemplo, são passadas por esse método ou não? E pelo iTunes? É só pelo iCloud? Td isso é mto confuso p mim

    • Lauro Gomes

      No caso do WPP, se você fizer o backup via Icloud é necessário ter feito antes dentro do próprio WPP, itunes e esta forma nova salvam as conversas e mídias automaticamente.

      • Vítor

        Muito obrigado

  • Rodrigo

    Uma pergunta: tenho iPhone há anos, comecei com o 4S, depois migrei pra um SE e depois pra outro SE, sempre atualizando, nunca fiz instalação limpa de iOS.. Caso eu adquiria um novo iPhone e fizer essa migração, algum erro ou “lixo” de instalações anteriores serão migradas? Ou seja, funciona como uma restauração de backup do iTunes? Ou posso fazer q esse erros não contaminarão o sistema novo?

    • Lauro Gomes

      Não, o backup trás todo o cache dos aplicativos no novo IOS, assim que ele for iniciado com seus dados principais como fotos e contatos começaram os downloads dos APPS, e quando você abri-los de novo as informações do aparelho anterior serão recuperadas, em relação aos erros acredito que eles são sanados, já fiz alguns backups desses novos e sem nenhuma reclamação por enquanto.

  • Carlos A. de Carvalho

    Alguma coisa está estranha nisso . Explico : estive em New York em novembro passado , comprei um Iphone e quando cheguei ao hotel fui mexer nele e apareceu a opção de transferir os dados . Aceitei e transferiu tudo , menos alguns apps que tive que “puxar” manualmente . Como tinha comprado também para o meu filho e esposa , fiz a mesma coisa e deu certo também . Achei que , era eu que desconhecia essa forma de transferência e nem dei bola . Agora leio que foi liberado na segunda feira . O que será que aconteceu ?

    • O que tinha antes é que a configuração inicial poderia ser feita usando os dados de outro iPhone. Mas eram apenas coisas básicas, como senha do Wi-Fi e login no Apple ID. Todo o resto era feito pelo iCloud, sem precisar do outro celular por perto.

      • Rodrigo

        iLex, nesse novo método, caso haja algum erro ou lixo do iOS por atualizações sucessivas, serão também transferidos.. Ou funciona como uma instalação limpa?

  • João Hermínio Barros Neto

    Em fevereiro deste ano, em Miami, fiz isso entre meu Iphone X e o XS Max, não entendi onde isso é novidade??

    • Lauro Gomes

      Você fez via icloud, antes essa janela também era exibida, mas só servia para logar seu Apple ID e transferir suas informações via Icloud

  • Rodrigo

    Duas perguntas nenhuma resposta! Obrigado..

  • macjulius

    Finalmente! Único serviço em celular que eu faço em minha loja de informática é restauração de iOS, auxílio em criação de conta (muita gente não sabe como fazer) e transferência de backup entre iPhones, e já apareceram iPhones de 256GB e 512GB com mais boa parte disso ocupada só com fotos e filmagens, daí minha unidade C é um SSD de 250GB e quase não consigo transferir. Agora deve ajudar bastante!

  • André Soares

    Vc testou a ferramenta ? funciona mesmo, principalmente para aplicativos como Whatapp, onde é demorado migrar todos os dados ?

    • Lauro Gomes

      O autor eu não sei, mas eu testei, algumas vezes, trabalho com isso, funciona perfeitamente, ao contrario do que diz no post, só funciona na pratica se os dois devices estiverem na versão mais recente do IOS, sim, ele transmite o histórico de conversas e mídias do WPP

      • André Soares

        Obrigado, Lauro ! Realmente o post está confuso. Eu também já havia lido no próprio site do suporte da Apple que a ferramenta de migração de iPhone só funciona se ambos os aparelhos estiverem com a versão 12.4 do iOs, não somente o novo aparelho. Tinha apenas dúvidas no WP, que requer um pouco mais de cuidado do que outros aplicativos, mas vc já tirou essa dúvida. Valeu !

      • Diego Sousa

        Lauro uma dúvida, se eu tiver com o armazenamento do icloud cheio, as fotos e outros dados que não entraram em backup tbm vão entrar na transferência, ou apenas o que está no icloud ?

  • Essa questão de backup é complicado, muitas pessoas confundem pois o espaço grátis do icloud é 5GB e muitas vezes já está excedido. O usuário que muitas vezes e leigo não entende e fica naquela dúvida e não sabe se o backup foi feito completo ou não, até explicar como funciona o backup no icloud e pelo Itunes e triste….

Back to top button