Notícias

Colgate lança uma escova de dentes inteligente, conectada ao iPhone e Apple Watch

Ela aprende com seus hábitos e lhe dá dicas de escovação

Esta semana está acontecendo em Las Vegas a maior feira de eletrônicos do ano, a CES 2018, em que são apresentadas várias novidades do mundo tecnológico que podem ou não virar realidade. Uma delas já virou e está à venda: a Colgate Smart Electronic Toothbrush, a escova de dentes inteligente conectada ao iPhone e Apple Watch.

Ela se chama “inteligente” porque usa Inteligência Artificial (AI) para aprender todos os dias a forma como você escova seus dentes. Ela é capaz de dizer onde você escovou e as partes que deixou de escovar, sugerindo que você preste mais atenção na próxima vez. A função Coach lhe dá o tempo ideal de escovação em cada parte da boca, para que a limpeza seja a mais perfeita possível.

Gráficos e ilustrações podem ser acompanhadas pelo aplicativo no iPhone, mas também pelo Apple Watch.

A escova por enquanto está sendo vendida exclusivamente nos Estados Unidos, na loja online da Apple pelo preço de US$99,95.

Tags
Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados

  • Gildo Callegon

    bacana, eu compraria por US$ 199. Dizem os entendidos que estas escovas sônicas não são essenciais a uma boa higiene bucal, mas auxiliam bem a limpeza!!! sou da opinião que TUDO voltado à saúde e qualidade de vida é bem vindo!!

  • Edley Santana 

    Achei interessante mas imagino o preço Brasil disso. Pagar 400 dinheiros numa escova de dentes é dose.
    Uma curaprox também é ótima e custa 20 dinheiros…

    • Claive Dias

      Isso convertendo direto x4, fora o lucro que os revendedores vão querer… vai custar muito mais que 400 Temers

    • Raphael R. Levy

      Se fosse uma Curaprox com IA custaria 1500 dinheiro

  • Eu uso escovas elétricas há anos e acho que esse produto específico está meio hyper. O único diferencial em destaque é a comunicação do tempo de escovação para o app saúde do iPhone e a bateria, que tem a autonomia similar o mercado. O preço também não tem nada demais a alguns já praticados.

    Existem outros fatores mais importantes a se considerar no momento de recolher uma escova elétrica boa, velocidade de rotações, durabilidade, preço de reposição de cerdas, ajustes de velocidade, modo como as cerdas rotacionam… os produtos desse segmento já evoluíram sensivelmente, essa não parece trazer nada de novo, feitas as considerações iniciais.

    A questão é que a “Braun” e a Philips dominam sozinhas há muito tempo as vendas de escovas de dentes elétricas, essa concorrência será bem-vinda de qualquer maneira, mas a Colgate terá muito chão para provar o seu valor, melhor dizendo, muitos dentes para escovar.

    • Alex iPilot

      Também usei por muitos anos, comecei copiando o hábito dos gringos e até achei que a massagem na gengiva me trazia um benefício… Parei há 6 meses porque estava DESTRUINDO o esmalte dos meus dentes! Percebi quando o problema apareceu num deles e passei maus bocados enquanto estava num navio no meio do nada, sem assistência…

      Voltei para a escova mais macia que encontrei, escovando com cuidado e técnica corretos. Elétrica nunca mais!

      • Agora fiquei preocupado! Obrigado por compartilhar a informação! Lembra o modelo da sua!? Comecei a usar aquela pasta Sensodyne pensando nisso.

        • Alex iPilot

          Sempre usei Oral B.

      • Gaius Baltar

        É curioso, pois uma das indicações das escovas elétricas é justamente para pessoas que escovam com muita força, desgastando o esmalte. Procure ver se o seu problema não decorre de um movimento parafuncional dos dentes, tipo apertamento ou bruxismo.

        • Alex iPilot

          No meu caso, pelo menos, a culpa foi da escova elétrica por muitos anos…

          Vejamos:
          – as cerdas são mais duras (ou menos macias);
          – a velocidade de movimento da cabeça;
          – o peso da escova somado à vibração faz, naturalmente, haver uma certa força para manuseá-la… Se a pessoa já tiver por hábito a “mão pesada”, como você mencionou, a escovação fará ainda mais força sobre os dentes;

          Somado a isso tudo se você usar uma pasta muito abrasiva será a receita do desastre, como foi meu caso…

          • Gaius Baltar

            Realmente o seu caso é extremo.

  • Guilherme

    Não é o aparelho que vai resultar melhora, é a frequencia de escovação.
    Mesmo que escove mal, o mais importante é a frequencia abs,

    • Fernando

      Interessante essa sua teoria..
      Pelo que entendi, é melhor eu escovar só os dentes da frente 10x ao dia do que escovar 2x a boca toda. (exagerando claro)
      Infelizmente eu discordo disso, a frequencia é muito importante sim, mas pra que escovar a cada 15 minutos se voce nao escovar direito e esquecer algumas partes?
      A escova não vai fazer milagre afinal que manipula a escova é o usuário, por isso ela so va informar “Meu amigo voce nao escovou ou nao escovou direito essas partes”, assim da proxima vez o usuário vai tomar mais cuidado.

      • Guilherme

        Não é isso, cara. O que estou dizendo é que se escovar razoavelmente bem e passar fio já basta. Não acho que atecnologia seja relevante nesse caso. Escovar 3x ao dia. (TODO DIA)
        Não precisa um aparelho te dizer o que você tem que escovar e sim você fazer e com certa ferquencia. Não adianta usar o aparelho e ficar uma semana sem escovar.

        Resumindo, pra mim depende mais da diciplina do usuário do que da tecnologia, senão acaba sendo mais um brinquedo inútil abs!

    • Gaius Baltar

      O aparelho ajuda a identificar os locais onde lavamos mal, e isso é bastante positivo. É verdade que a frequência é importante, mas sempre conjugada com a técnica adequada.

  • Alex iPilot

    Na minha opinião, a escova elétrica ideal deveria jatear água e mover bem menos as cerdas.

  • Cinhu Nunes

    Isso não é novidade…aqui no Canada ja usamos uma que faz a mesma coisa da marca Oral-B que se conecta ao iPhone e faz exatamente a mesma coisa…

  •  david

    Existe refil para ser comprado no Brasil, exemplo as escovas Oral-B usam o mesmo encaixe de refil