Resenhas

Teste do carregamento sem fio (wireless) do iPhone 8 e 8 Plus

Depois de anos esnobando a concorrência, a Apple finalmente adotou em seus novos iPhones o carregamento por indução (vulgarmente chamado de “sem fio“) em que basta apoiar o aparelho sobre uma base de carregamento para ele ter sua bateria alimentada.

Há diversos pontos a serem comentados sobre isso, e por esta razão o Blog do iPhone realizou alguns testes com o “novo” processo de carregamento.





Carregamento sem fio

O carregamento por indução não é, absolutamente, nenhuma novidade nem inovação. O falecido Palm Pre, em 2009, já permitia que se carregasse a bateria do aparelho sem precisar conectar nenhum fio a ele. Então por que a Apple demorou tanto para adotar essa tecnologia?

A razão provável é porque ela não é boa o bastante. É um carregamento bem mais lento que por fios, há muito desperdício de energia e o único diferencial para o usuário é a praticidade em alguns casos. Por exemplo, imaginar que você pode deixar o aparelho sobre a mesa de um restaurante enquanto come e ele estar carregando a bateria, é algo bem legal. Ou então automóveis adaptados em que você apenas apoia o aparelho no painel e ele começa a carregar sem precisar conectar nenhum fio, são ideias de usos práticos da tecnologia. Mas fora isso, ela só apresenta desvantagens em relação ao método tradicional de carregamento por fios.

Mesmo assim, a Apple resolveu adotá-la agora nos novos iPhones, seja por questão de marketing ou porque está pensando em preparar a tecnologia para uma real inovação em um futuro próximo. O fato é que, agora com o aval da Apple, é provável que veremos esta tecnologia se popularizar e ser adotada muito mais intensamente do que até então.

Fast Charging

Não se iluda. Por mais que o marketing de muitas marcas anunciem um carregamento rápido em bases sem fio, o processo nunca será tão rápido quando o carregamento por fio. É algo intrínseco na tecnologia atual, não há muito o que se fazer quanto a isso. Portanto, o mais correto seria diferenciar dizendo carregamento lento e carregamento menos lento.

A Apple anunciou um carregamento rápido sem fio nos novos iPhones, mas não conseguiu deixar isso pronto para o lançamento. Por causa disso, no momento em que escrevemos este artigo ainda não há carregamento rápido sem fio para o iPhone 8. A Apple prometeu liberar uma atualização do iOS em que esta funcionalidade será habilitada.

Isto significa que, no momento, o iPhone 8 só pode ser recarregado sem fio a uma potência de 5W, equivalente ao carregador de parede que vem junto com a caixa do aparelho. No futuro, após a atualização prometida, ele será compatível com bases a 7,5W, carregando de forma mais veloz.

Repare que alguns smartphones da concorrência aceitam carregamento sem fio a 15W, o dobro do que a Apple promete. Porém, o resultado deles não é tão mais distante do que o que obtivemos com o carregamento a 5W. Por isso, será interessante refazermos os testes quando a Apple liberar o fast charge, para compararmos os resultados.

Tipos de base sem fio

A Apple felizmente adotou o padrão Qi, o mesmo usado por grande parte da indústria. Isto significa que será fácil usar bases de outras marcas ou aproveitar o carregamento wireless disponível em restaurantes, aeroportos, etc.

Junto com o iPhone 8 não vem nenhuma base sem fio e você terá que comprar uma separadamente para aproveitar a tecnologia (assim como acontece com outras marcas). Há bases carregadoras de diversos preços, mas as mais baratas (de 5W) carregarão mais lentamente o iPhone. O ideal é optar pelas que indicam saídas a 10W, pois elas conseguirão suportar o carregamento rápido quando o sistema for atualizado. É sempre bom lembrar que neste tipo de carregamento há sempre perda de energia, então elas nunca fornecerão o valor total nominal. Por isso mesmo, uma base baratinha de 5W fornecerá menos energia ainda ao iPhone.

Capinhas e metais

Dependendo da base escolhida, ela permite o carregamento a alguns milímetros de distância, o que possibilita usar capinhas enquanto o aparelho é carregado.

Os novos iPhones agora possuem traseira em vidro justamente para não interferir no carregamento sem fio, que é incompatível com metais. Por isso mesmo, capas metálicas ou plaquinhas fixadas para suportes magnéticos não poderão ser usados enquanto se recarrega o aparelho. Em muitas bases, há um sistema de detecção de metais (FOD, Foreign Object Detect) que identifica objetos estranhos e interrompe a corrente caso identifique algo metálico. Então, se sua capinha tiver isso, você terá que retirá-la para carregar o iPhone.

Nossos testes

Para nossos testes, usamos uma base de 10W (igual a esta aqui) capaz de fornecer o máximo de energia que o iPhone 8 é capaz de absorver. Como já dito aqui, o iPhone 8 ainda não suporta carregamento rápido wireless (7,5W) e, por isso, o processo atual é feito em 5W (com certa perda energética).

Eis o resultado:

Carregamento sem fio (5W)

iPhone 8

iPhone 8 Plus

5 min

4%

3%

10 min

8%

6%

20 min

16%

11%

30 min

24%

17%

40 min

30%

23%

Também comparamos com o carregamento com fio, usando o carregador padrão que vem junto na caixa do iPhone:

 iPhone 8

Com fio (5W)

Sem fio (5W)

5 min

5%

4%

10 min

10%

8%

20 min

20%

16%

30 min

29%

24%

40 min

37%

30%

50 min

46%

35%

1h

55%

41%

Você pode comparar os tempos de carregamento com fios em outro artigo sobre o tema.

Resumo

  • Carregamento sem fio normalmente é mais lento que o carregamento com fio
  • Qualquer base Qi poderá ser usada para carregar o iPhone 8 e X, porém as especificações dela determinam a velocidade deste carregamento. É preferível optar pelas bases com saída (output) a partir de 10W
  • O carregamento rápido sem fio só será implementado pela Apple em uma futura atualização do iOS
  • O iPhone 8 Plus carrega na mesma velocidade que o iPhone 8, porém como a sua bateria tem maior capacidade, demora mais para ser completada

O carregamento sem fio sem dúvida é uma característica a mais, um benefício extra para o usuário, porém para muitos não deverá servir como argumento decisivo de compra. É uma tecnologia antiga e menos eficiente que o bom e velho cabo e, a não ser em casos específicos, não vemos como enorme diferencial. Com a adoção da tecnologia pela Apple, é possível que comecemos a ver bem mais lugares que disponibilizem carregamento sem fio, o que pode ser ótimo para todo mundo (inclusive usuários de outras marcas).

Para quem tem uma base sobre a mesa do escritório, pode ser algo bem prático de apoiar o iPhone enquanto trabalha, sem ter que se preocupar com fios. Claro que há diversos outros exemplos em que isso pode ser bem útil, e vai depender de cada usuário avaliar se considera a função interessante ou não.

Nossa dica é que, se você decidir comprar uma base carregadora sem fio, que opte por uma com certa potência, para que o carregamento seja mais eficiente. Em nossa loja traremos sempre opções testadas por nós e que funcionam da melhor maneira em dispositivos da Apple.

Se você tiver alguma pergunta relativa ao carregamento sem fio dos novos iPhones e que não foi esclarecido neste artigo, faça-nos aqui nos comentários abaixo, que teremos o maior prazer em ajudá-lo. 😉

Fonte
Conteúdo original © Blog do iPhone
Tags

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados

Back to top button
Close