Apple

Apple irá reparar iPhones mesmo se a bateria dele tiver sido trocada por uma não oficial

Até então, se você tivesse colocado uma bateria “paralela” no seu iPhone e, por algum motivo, precisasse levar o aparelho em uma assistência oficial da Apple para reparar qualquer outra coisa (uma tela quebrada, ou um botão que não funciona), a reparação seria negada. Isso porque a maçã se achava no direito de recusar um iPhone contendo uma bateria de procedência desconhecida.

Felizmente a Apple está mudando este comportamento e passará a aceitar aparelhos que tenham baterias não oficiais instaladas.


O motivo que a Apple sustentava para se negar a trocar dispositivos com bateria não oficial seria uma questão de segurança. Uma bateria de procedência desconhecida (e há muitas por aí, baratinhas, vindas da China) pode apresentar um maior risco de explosão quando manipulada, o que coloca os técnicos da empresa em risco. Mesmo assim, a maçã está começando a aceitar aparelhos cuja bateria foi trocada.

De fato, na França a Apple ainda não poderá mudar suas regras devido a um pedido do sindicato dos funcionários da maçã, que questionam se esta liberação não seria perigosa para eles.

Se o reparo não tiver relação com a bateria, o Genius Bar e as assistências autorizadas agora são instruídas a ignorar o fato da bateria ser não oficial e executar normalmente o serviço, que pode incluir reparos na tela, placa lógica, microfones e o que for, com a aplicação de um preço padrão.

Se o reparo tiver a ver com a bateria, então eles têm autorização de substituí-la por uma oficial, também por um preço padrão. Neste caso, os técnicos devem descarregar o iPhone para menos de 60% de carga antes de qualquer manipulação.

Via
iGeneration
Tags
Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados

  • Estan Duarte

    Apple correndo atras do prejuizo…
    So falta colocar o iPhone XR no patamar de preco brasileiro aceitavel.

    • Fábio Nascimento

      Vdd deixar de reparar iPhones com baterias paralelas deixa de ganhar $$$$$$$. Tem muitos iPhones por ai com bateria paralela.

    • MonHoe

      Concordo, pena que aqui não teve redução nos preços, os valores antigos eram absurdos não creio que a Apple não lucrava bastante por unidade, a Samsung vende aparelhos pelo mesmo valor nos EUA e aqui da pra achar por quase 2 mil mais barato

  • Kelvin

    Perdi meu 4s justamente por causa de uma bateria falsa, que a assistência falava que era original. Vou tentar recuperar agora, amém

  • Pê Sousa Sousa

    Só falta incluir tb os iPad’s. Possuo um mini 3 de 64 que tem me tirado o sono. Utilizo-o principalmente para produção musical, o que antes eu fazia utilizando até 3 apps de alto processamento. Hoje até usando um app apenas – o iSEM, da Arturia, por exemplo, o iPad trava, não sai som, tenho de reiniciar, o que nem sempre faz o app funcionar bem. Receio que essa onde de redução de desempenho dos iPhones tb foram implementadas no iPad, já que com o iOS 11 todos meus apps rodavam lisos. Já resetei de fábrica (via iTunes) e não deu certo, sem falar que às vezes desligo ele com bateria acima de 60% e ao religar o iPAd está com 14, 15% de carga.

  • Patrick Weiller

    Meu IPhone X está dentro da garantia e comprei ele sem o Face ID estar funcionando, levei na assistência e ao abrir falaram que a tela foi trocada, e nisso a Apple não pegaria meu iPhone.. Será que agora mudaram nessa questão também? De outros componentes fora a bateria.

    • Josy Banegas

      tambem estou numa situação parecida, comprei o iphone na garantia usado e depois descobri que a tela não é original. Pagaria fácil pra troca pela original

Back to top button