Notícias

Geohot recusa 10 mil dólares e faz campanha contra quem vende o desbloqueio

iMoney

A estratégia da Apple de limitar a venda do iPhone a operadoras específicas fez nascer desde cedo um mercado paralelo de empresas que desbloqueiam ou vendem métodos de desbloqueio do aparelho. Mas visto que não é qualquer um que consegue inventar uma maneira própria de realizar o unlock, a grande maioria usa soluções de jailbreak que são disponibilizadas gratuitamente na internet, revendendo-as.

A meu ver, existem dois tipos clássicos de empresas de desbloqueio (inclusive no Brasil): as que vendem o serviço (afinal, não é todo mundo que gosta de ficar fazendo testes com seu iPhone) e outras menos éticas que dizem que possuem método próprio, cobrando mais caro, mas que na realidade usam os utilitários gratuitos. Há também um terceiro tipo, que é a pior delas: as empresas que vendem diretamente os programas freewares como se fossem delas.

Este é o caso de Jody Sanders, no qual já falamos aqui (leia “Desbloqueie seu iPhone 3G por apenas £19.99“). Uma pessoa aparentemente sem escrúpulos, que mente (e muito) para ganhar dinheiro em cima do desbloqueio do iPhone.

Este cidadão só tem uma qualidade: incentivou George Hotz (geohot) a procurar um método novo de desbloqueio (foi então que nasceu o blacksn0w), oferecendo um prêmio de US$10.000.

Foi exatamente isto que aconteceu. Sanders ofereceu o prêmio a quem descobrisse um método de desbloqueio da baseband 05.11.07. Na verdade, ele queria comprar o método, pois ele especificava que o hacker que descobrisse a façanha deveria publicar a solução somente no fórum fechado no site dele, cuja participação é paga.

O prêmio fez com que geohot começasse a procurar pelo desbloqueio (leia “Geohot começa a busca pelo desbloqueio dos novos iPhones“). Isso provocou duras críticas da comunidade, inclusive do Dev-Team:

Teria geohot se vendido? Como ele poderia estar fazendo aquilo somente por dinheiro?

Pois a resposta final foi surpreendente.
Após ter encontrado uma forma de desbloquear os novos iPhones, geohot publicou ontem em seu blog um manifesto onde ele recusa o prêmio, declarando-se contra as empresas que vendem aplicativos que são gratuitos.

Primeiro de tudo, Jody Sanders, eu estou recusando seus $10.000. Por que? Porque você e o resto dos sites de desbloqueio do iPhone são vigaristas. Vocês fazem dinheiro vendendo freeware; isso não é legal e não serei eu que irei legitimar isso.

Ele vai mais além, criticando todo o sistema de sites de desbloqueio, confira a tradução na íntegra:

Sério, os verdadeiros prejudicados são os consumidores. Estes sites são cheios de mentiras, alegando possuir o desbloqueio da [baseband] 05.11.07. As pessoas pagam, mas recebem a resposta de que a ferramenta está em desenvolvimento, com data de lançamento desconhecida. Ora, dá para imaginar você comprando um café e o atendente lhe diz que ele ‘está em desenvolvimento’? Recentemente, vários destes sites estão mandando emails dizendo que eles irão lançar uma nova solução a partir do dia 4/11. Não é muita coincidência ser no mesmo dia da liberação do blacksn0w?

Não irei postar o endereço de todos estes sites vigaristas, porque não quero que seu pagerank aumente. O que prefiro fazer é dar uma whitelist (NDT: lista de confiança), com dois sites que fazem o desbloqueio: o meu e o do Dev-Team. TODOS os sites de debloqueio que você vê por aí estão vendendo nossos programas, alterado de uma forma ou de outra. O mesmo vale para programas de jailbreak, embora o ih8sn0w e chronicdev sejam legítimos. Observou o que todos os legítimos têm em comum? Eles são de graça.

Mesmo com os rumores da ferocidade dos meus advogados, o fato é que eles são bem pobres. E a pilantragem de quem monta estes sites são do tipo que impedem de batalhas judiciais. Então temos que lutar contra eles de uma outra maneira, e peço para que todos ajudem nisso. Nossa arma é a informação. Divulgue a verdade, que todo o jailbreak e desbloqueio de iPhones são gratuitos, e se você está pagando para fazer isso é porque não está se dando ao trabalho de procurar no Google.

Pela primeira vez, tentei fazer uma ferramenta realmente simples para os usuários finais e me irrita ver pessoas que a vendem. Vamos acabar com esses idiotas e dizer a todos os proprietários de iPhone que tudo o que eles precisam está no site blackra1n.com, incluindo instruções para o blacksn0w a partir do dia 4/11 (e sim, suportará hacktivation).

Vocês façam a parte de vocês, que eu faço a minha, fazendo que a ferramenta seja a mais simples, confiável e fácil possível.

Pelo que parece, a nova ferramenta será mesmo tão fácil que qualquer um poderá desbloquear seu iPhone, independentemente do nível de conhecimento técnico que tenha.

Quanto às empresas de desbloqueio no Brasil, o problema é que a maioria parte para a ilegalidade instalando aplicativos crackeados. Outras dizem que possuem método próprio (inclusive se vangloriando muitas vezes de serem “os primeiros no Brasil”), mas que também usam os métodos gratuitos.

A verdade é que, enquanto a Apple continuar com a política de venda de aparelhos com bloqueio de operadora, esta indústria paralela provavelmente continuará sobrevivendo ainda por muito tempo. Mas quem sabe o novo blacksn0w não diminua isso? 😉

Fonte da imagem

Leia mais sobre:

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar