CuriosidadesNotícias

Curiosidades sobre o novo iPhone 4 CDMA da Verizon e o que pode mudar para nós

Ontem foi finalmente anunciado um rumor que durava anos: uma versão CDMA do iPhone, que não funcionará no Brasil (por isso, atenção para não importá-lo, por mais barato que seja). Conheça agora algumas curiosidades sobre ele e as repercussões que seu lançamento poderá ter na nossa versão do aparelho.

Design exterior

O design segue o padrão das carcaças vazadas no início do mês, com os frisos superiores da antena nas laterais. Mas um ponto importante deve ser destacado: as carcaças mostravam um orifício lateral para a introdução do cartão SIM (igualzinho como o iPhone 4 normal), coisa que não existe na versão CDMA. Seria isso um indício de que este design também será o da nossa versão GSM?

Isso pode significar duas coisas: ou que a Apple pretende mudar já no próximo mês o design do iPhone 4 normal, para se igualar à versão CDMA (o que seria assumir que o design das antenas tinha um erro e por isso foi preciso alterá-lo), ou então a mudança virá só em junho, com o uma nova versão do aparelho (aka “iPhone 5“). Probabilidade da versão se chamar “4GS” ou algo parecido: 1%.

Nada de chips, tudo como antigamente

Quem não lembra da época em que celular se comprava direto na operadora, onde ela mesmo tinha que ativar o aparelho. Se queria trocar de número, tinha que fazer um pedido e levar o aparelho lá, coisa que mudou com a praticidade do sistema GSM, cujo cartão individual (popularmente chamado de chip) pode transitar de um aparelho a outro a qualquer momento.

No CDMA, somente a operadora pode ativar e por isso, é pouco provável que se você comprar um aparelho desses nos EUA consiga fazê-lo funcionar no Brasil, e não há jailbreak que possa resolver isso. Por isso, abra o olho.

Bumpers não são mais compatíveis

Outro ponto bizarro no novo modelo (e que não é nada a cara da Apple) é o fato da ligeira mudança de posição dos botões de volume e silencioso. Para poder dar espaço ao novo friso superior, eles se deslocaram um pouco, o que faz 98% das atuais capas e bumpers para o iPhone 4 não servirem mais para os novos aparelhos. Com certeza os críticos usarão isso dizendo que agora que as “antenas foram consertadas, não se precisa mais de bumper“. Isso vai de encontro ao que a Apple sempre tentou defender, de que não existia um real problema de design nas antenas.

Não é possível conexões simultâneas de voz e dados

Um ponto que a AT&T sempre atacou a Verizon, continua sendo um problema: não será possível realizar ao mesmo tempo chamadas telefônicas e conexão de dados. Isso quer dizer que, se o usuário estiver usando seu iPad ou laptop com o hotspot Wi-Fi do iPhone CDMA e de repente o telefone tocar, a conexão cai. Também será impossível acessar a internet no aparelho durante uma ligação. Felizmente, com o GSM (usado no Brasil) isso não acontece, mesmo que tenhamos no futuro a função de hotspot.

O lançamento da versão CDMA não atinge o Brasil, mas pode nos dar pistas do que vem por aí.

slashgear

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar