App Store

O sucesso não pára: App Store continua sendo referência entre lojas de aplicativos para celular

App Store

A App Store mudou para sempre a indústria de jogos e continua a evoluir.

Apesar da frase acima ter sido divulgada em um comunicado de imprensa da Apple, não foi dita por nenhum dependente dela e sim por Travis Boatman, vice-presidente mundial de uma das maiores produtoras de jogos do mundo, a EA Mobile.

Grandes empresas de jogos para celulares como a Electronic Arts e a Gameloft, estão há anos neste mercado, mas todas são unânimes ao afirmar que a App Store revolucionou e continua sendo a melhor plataforma para lançamentos de dispositivos móveis.

A francesa Gameloft, que foi uma das primeiras a investir na plataforma, cresceu este ano nada mais, nada menos que 18%, muito disso graças à App Store. Além do sucesso da loja, um grande incentivo para desenvolver cada vez mais títulos para o iPhone OS é a paixão e a maior gama de possibilidades que o sistema proporciona, segundo nos revelaram os próprios desenvolvedores.

Além das veteranas, outras empresas surgiram com força com o lançamento do iPhone OS. É o caso da Smule, criadora de sucessos como o aplicativo Ocarina. “Com 10.000 downloads por dia, o retorno dos consumidores por todo o mundo ao nosso aplicativo I Am T-Pain superou nossas expectativas mais otimistas”, diz Jeff Smith, CEO da Smule. “A App Store nos trouxe a oportunidade única de criar um negócio bem sucedido e crescer, estamos ansiosos por um futuro emocionante”. Dez mil downloads por dia. Número impressionante, principalmente se levarmos em consideração que essa é a quantidade total de todo o catálogo daquele que é considerado o maior concorrente da App Store, o Android Marketplace.

O sucesso tem uma fórmula: é o conceito de micro-compras. Ao invés de cobrar 20$, 50$ por um jogo (como em outras plataformas), a loja da Apple oferece aplicativos a um preço realmente muito baixo, o que cria no consumidor um hábito pela compra. Tudo isso em um aparelho que você carrega sempre com você, por ser um celular.

Nesta semana, a Apple divulgou que oficialmente já são mais de 100.000 títulos a disposição dos usuários. Claro que muuuita coisa realmente não merecia estar ali, mas isso é culpa do sistema democrático da loja, onde qualquer usuário pode se propor a fazer e lançar um aplicativo próprio.

Muitos que reclamam do iPhone se perguntam como ele pode fazer tanto sucesso com um hardware ‘limitado’ (sic), mas é porque não enxergam que toda a estratégia não se limita somente ao equipamento físico (que já é fantástico). É o trinômio aparelho + sistema + software que faz do iPhone o sucesso que ele é hoje.

E nesse quesito, por enquanto ele é imbatível. 🙂

Leia mais sobre:

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar