Apple

Tim Cook diz que vendas do iPhone 11 tiveram ‘um início muito, muito bom’

Há algumas semanas já se comenta que as vendas do iPhone 11 (o modelo básico, sem ser o Pro) estão acima das expectativas, com uma procura crescente por parte dos usuários.

Ontem, o próprio Tim Cook confirmou isto na apresentação dos resultados fiscais do Q4.






Tim comenta que as vendas melhoraram inclusive na China, mercado que preocupou os analistas no último ano. E segundo ele, a queda no preço inicial ajudou nisso.

“O preço inicial de US$ 699 é um fator para atrair mais pessoas para o mercado e dar à elas apenas mais um motivo para atualizar. Na China, especificamente, escolhemos preços relevantes localmente mais semelhantes aos preços com os quais tivemos grande sucesso anteriormente.”

De fato, apesar de não ter sido uma queda estrondosa, no Brasil também o iPhone 11 chegou menos caro que o XR no ano passado.

E esta queda de preço parece não ter mexido na margem de lucros da empresa. Os resultados individuais de vendas de aparelhos não são mais divulgados, mas o lucro bruto da venda de produtos não caiu, pelo contrário. E visto que o iPhone é o produto mais vendido da companhia, é de se concluir que não houve queda de ganhos com a baixa de preço.

As expectativas é que no trimestre das festas natalinas as vendas cresçam ainda mais, transformando o iPhone 11 em um produto de sucesso.

E você? Acha que o iPhone 11 (e sua diferença de preço) são a melhor escolha frente às opções Pro?

Tags

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados

Back to top button
Close