Notícias

Apple irá doar dinheiro para a reconstrução da Notre-Dame de Paris

Após o terrível incêndio que destruiu parte da Catedral de Notre-Dame em Paris na tarde desta segunda-feira, diversas empresas e bilionários se propuseram a fazer doações para patrocinar a reconstrução deste que é um dos principais monumentos da Cidade Luz.

Em um tuíte, o CEO da Apple, Tim Cook, prestou solidariedade e disse que a Apple também ajudará na reconstrução.





Em sua mensagem pública, Tim diz estar com o coração partido:

Estamos com o coração partido pelo povo francês e aqueles ao redor do mundo para quem Notre Dame é um símbolo de esperança. Aliviado que todos estejam seguros. A Apple estará doando aos esforços de reconstrução para ajudar a restaurar a preciosa herança de Notre Dame para as gerações futuras. Tim Cook

O incêndio duro cerca de 15 horas e destruiu completamente o sótão da igreja, que era formado por diversas vigas de madeira (em um ambiente chamado de “a floresta“). Na literatura de Victor Hugo, este sótão era onde morava Quasímodo, o corcunda de Notre-Dame. Com a queda da torre central “(“Flecha”), parte do interior também foi destruída.

Outras empresas francesas como Louis Vuitton e L’Oreal também anunciaram grandes doações para a reconstrução.

Tags
Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.
  • Marlon Fuhlendorf

    Queria que essas empresas doassem dinheiro também pra Moçambique. Não só pra Notre Dame.

    • Leonardo Negrisoli

      Falou muito!!!

      • Fabio Santos

        Como doar dinheiro pra um país que nitidamente haverá desvios?
        É aquele detalhe se está revoltado com a doação da Apple por ser algo que beneficia uma história medieval e da humanidade, mostra o quanto você está longe de ser uma boa pessoa.

        • Nossa, disse tudo!!!

        • Leonardo Negrisoli

          Não há necessidade de doar diretamente ao governo de Moçambique, e você fala como se não existisse a possibilidade de desvio (0.5% que seja) no governo Francês. Pode-se se doar para ONGs ou qualquer outro tipo de associação que tenha o objetivo de ajudar o próximo.
          De forma alguma estou revoltado com a doação da Apple, acho que seria bem inadequado ficar já que a doação está indo para tentar recuperar um patrimônio histórico e aparentemente não está prejudicando ninguém.
          Ao contrário de você, eu não estou aqui julgando quem é boa pessoa ou não, mas acredito muito que se o valor arrecadado para essa tragédia, ou parte dele, fosse revertido para ajudar os vivos em situação de calamidade após um desastre natural, seria muito mais gratificante na minha opinião.
          Agora se ser uma boa pessoa pra você é acreditar que beneficiar uma história medieval e da humanidade é muito mais humano que ajudar pessoas em si, eu prefiro não ser uma boa pessoa na sua majestosa visão.

          • Fabio Santos

            Já pensou em fazer uma campanha real e derrubar o regime de Moçambique e de toda África ? Inclusive na África do Sul Brancos perdem suas terras pra milícias são mortos e aí blz são brancos e não representam classes de ativismo das minorias que a nova ordem mundial faz você acredite existir.
            Eu já fui por seis meses médico da organização médico sem fronteiras fiz residência com eles e sei bem que tudo que vai pra lá não chega ao povo.

            • Marlon Fuhlendorf

              Ai cara, no comentário está bem claro, doassem TAMBÉM pra Moçambique. Não existe só doação em dinheiro, o povo lá está sem comida, sem água. Se essas empresas realmente quisessem, poderiam doar e ajudar. Mas o Marketing não seria o mesmo, que ajudar a reconstruir a Igreja. Essa é a critica. Claro que a reconstrução também é algo bom. E estamos falando das empresas mais ricas do mundo, que realmente poderiam fazer diferença. Não de pessoas comuns. E se é médico, começa a usar virgula nos seus comentários, alguns é complicado ler.

            • Fabio Santos

              Olha amigo eu pego primeiramente as poucas horas vagas pra ver algo no meu hobby se está nervoso com minha acentuação, porque perde tempo respondendo, aliás se respondeu é porque entendeu.
              Segundo países como de Moçambique aonde o governo impõe regras pra tudo aonde mal consegue entrar ajudas no geral fica difícil.
              Vamos usar o exemplo da Venezuela neste caso o Maduro deixou ajuda entrar?
              Você falando assim sem rosto, perfil fake fica fácil, mais aprende a viver no mundo real e entender tais fatos, quem sabe você sai desta utopia.
              Vai carpir um lote

            • Marlon Fuhlendorf

              Você respondeu um comentário meu primeiro, se não percebeu. Mas nem vou discutir mais, só pelo discurso, já imagino que seja eleitor do acéfalo que está na presidência. Nem vale a pena discutir.

            • Fabio Santos

              Indiferente de quem votei eu respondi por já ter presenciado fatos em países como Moçambique e não concordar.
              Você já quer dar uma de professor, uma de ateu contra a igreja em discordar de quem faz o que quiser com teu dinheiro, já parte pra política.
              Daqui a pouco se faz de vítima.
              Se você acha fácil ajuda humanitária entrar nestes países Africanos e etc pelo mundo veste o colete de uma organização e vai lá ajudar invés de ficar plantado nas custas de papai e viajando pra país capitalista.
              Se as pessoas não investem nos países que você quer tem um motivo simples.

              Cresce bebê

        • Francion Justino de Pádua

          Eu creio que tem como fazer diminuir a fome de populações inteiras sem cair na malha dos desvios…

          Doar para a reconstrução de um monumento da importância de Notre-Dame é importante. Mas ninguém pode deixar de olhar para populações inteiras de desvalidos e desassistidos como por exemplo os refugiados.

          • Fabio Santos

            Já se cogita de usarem este dinheiro na modernização da obra o que acho totalmente errado, porém na maioria quem pagou este fez já com esta intenção modificar parte da história.
            Eu não tenho nada contra ajudar na obra, povos em questão, porém venhamos enquanto nada for feito pelo povo sem segunda intenções nada vai funcionar a não ser marketing.
            Mais ajudar também regimes ditatoriais não dá.

    • Corujinha Feliz

      Pois é né… mas Notre Dame é chique. Moçambique não…
      Não que a catedral não tenha seu valor, mas é um exagero, e há tantas coisas no mundo mais importantes pra ajudar….

      • Marlon Fuhlendorf

        Fico pensando na diferença que faria pra aquela tragédia, 2 bilhoes de dólares. Mas a prioridade é ajudar patrimonio, ao invés de pessoas. (e nao só apple, todas)

    • Impressionante como sempre tem alguém pra reclamar

    • F Veiga 43

      Não iria adiantar nada… milhares de empresas e pessoas doam dinheiro para os países africanos a muitas décadas, e olha como eles estão… o buraco lá é mais embaixo…

    • Francion Justino de Pádua

      Isso é uma prova que dinheiro para doação tem. E muito! Us$ 3,0 bi é muito dinheiro!
      Então por que não doar para seres humanos necessitados?

  • Jeff

    Os problemas de países como Moçambique são mais complexos do que isso, tratam-se de omissões governamentais, corrupção, etc. Não se resolve assunto desta envergadura com doações privadas. Moçambique foi devastado por um furação, mas suas condições já eram precárias antes. Devemos separar a responsabilidade de cada um e quem deveria fazer algo honroso e cuidar destas atrocidades é o próprio governo com a ajuda da ONU (acho por sinal a ONU um antro de hipocrisia)

  • Esdras Ghomes

    Queria é que eles arcassem com os compromissos inerente aos problemas de garantia dos apple Watch. Já estou a mais de um mês esperando um laudo do relógio com a bateria inchada e até hoje. A título de exemplo. (QUANDO DERES COM UMA MÃO, QUE A OUTRA NÃO VEJA. Mateus 6.3) FICA A DICA PARA A TODA PODEROSA APPLE.

    • Há apenas um Legislador e Juiz, aquele que pode salvar e destruir. Mas quem é você para julgar o seu próximo?
      Tiago 4:11-12

      Há, citar a Bíblia pode ser considerado como comentário religioso, o que não é permitido aqui. Então saiba que seu comentário será moderado.

      • Esdras Ghomes

        Hipócrita! Tira primeiro a trave do teu olho, e então poderás ver com clareza para tirar o cisco do olho de teu irmão. (Mateus 7.5).

        Não esqueça de moderar a sua réplica. Esqueci, as regras não valem para os poderosos. Reafirmo.

        • Esdras, a sua prepotência é impressionante.
          Vem aqui julgar os outros e ainda me chamar de hipócrita, do nada.

          Decorar trechos bíblicos (que foram escritos por homens, não por Deus) não muda o que você é: uma poeirinha insignificante no fundo da imensidão infinita do Universo real. Então baixe a tua bola, poeirinha.

          É por ignorantes como você, gado de algumas religiões no Brasil que deixam ricos pastores com passaporte diplomático, é que estamos indo cada vez mais para o buraco.

          Portanto, me faça um favor: suma daqui.
          Porque este blog não é feito para imbecis prepotentes que acham que decorar alguns trechos mixurucas o fazem ser alguém. Não faz.

          Tchau, gado.

        • E Jesus disse: “Esdras se achará o senhor do mundo, usando apenas as minhas palavras”.
          iLex, 17.04

  • Mas gente, qual a necessidade de reclamarem tanto por uma boa ação que a marca faz? Porque você não pegam o dinheiro de vocês e doam?

    Moçambique há diversas questões de doações que o que pode acontecer é o desvio do dinheiro por questões corruptas. Vamos aplaudir o que fazem aos outros, ao invés de mostrarem objeções desnecessárias.

  • Walmag

    Infelizmente a Apple, assim como várias gigantes nacionais e internacionais, não se comoveu quando o Museu Nacional também pegou fogo.

    • chengdesigner

      Você q é o maior interessado doou algo?

      • Walmag

        Não doei para Notre-Dame. Visitar museus nacionais já é uma boa maneira de contribuir para a manutenção dos mesmos. Minha crítica é quanto à “comoção geográfica”, como já falaram nos comentários.

  • Apesar das falhas na retórica e da falta de tato pra tratar a contrariedade, problemas que atingem todos nós Brasileiros (inclusive a mim), este tema está gerando uma boa discussão nestes comentários e em outros lugares.

    Que continuemos assim! Apesar de estar meio desengonçado agora, o Brasil só vai crescer intelectualmente se continuar com esta prática, a discussão de ideias.

    Mais cedo ou mais tarde a gente pega o jeito.

    Obs.: E apoio o pensamento que vê na Apple e nas grandes empresas uma grande hipocrisia nesta doação.

  • Fabrício

    Não que ela seja obrigada à isso, mas…
    Dona Apple, já que pagamos em dólar um dos iPhones mais caros do mundo, dá um pouquinho de dinheiro para reconstruir nosso museu nacional também.

  • Lucas Do Carmo

    A comoção é geográfica. Se é na Europa gera doação. Se é na África…

  • DjCarrey Carrey

    Acho até interessante, mas acho que nesse caso estão querendo aparecer, pois já foram doados e arrecadados mais de 6x o valor necessário para a reforma.Uma doação há essa altura do campeonato serve apenas pra mídia

Back to top button