Notícias

Irã ameaça banir iPhones para evitar problemas de contrabando

O governo iraniano afirmou que pode proibir o uso do iPhone em todo o seu território. A medida drástica poderá entrar em prática caso a Apple não estabeleça representação oficial no país. A ação visa combater o avanço do contrabando de dispositivos móveis (principalmente o iPhone) em solo iraniano.

Se a Apple não se estabelecer oficialmente no Irã dentro dos próximos dias, todos os iPhones serão recolhidos do mercado“, afirmou o diretor do escritório de combate ao contrabando do Irã à agência de notícias Tasnim News. Segundo o jornal The Japan Times, o governo vai exigir que todos os celulares sejam registrados pela agência de telecomunicações. Dessa forma, produtos não registrados serão recolhidos.

A proposta, apoiada pelas operadoras de celular e pelo sindicato varejista, é vista como mais uma ação de repressão do governo iraniano. Em relatório anual, a Anistia Internacional diz que o Irã tem reprimido severamente os direito de liberdade de expressão ao prender com acusações vagas jornalistas, defensores dos direitos humanos e sindicalistas.

Mesmo com o anuncio do fim das sanções da ONU contra o Irã, as empresas têm encontrado dificuldade para ter seus produtos lançados no país. No ano passado, a Apple iniciou negociações com distribuidoras iranianas, mas até o momento um acordo não foi fechado.

Tags
Mostrar mais

Marvin Costa

Jornalista carioca apaixonado por cultura pop, fotografia, instrumentos musicais e produtos da Apple. Sempre que pode toca guitarra com amigos e utiliza seu iPhone como segundo instrumento.
  • Diego Cupertino

    Mais um retrocesso….

  • Yuri Ferraz

    Vai quebrar a Apple

  • Muito bonita essa foto com a Torre Milad ao fundo.