Notícias

Exercito americano trocará dispositivos Androids por iPhones em seu sistema de comunicação

O iPhone deve se tornar o coração do sistema de comunicação usado pelos soldados americanos. Até então, apenas aparelhos Android eram utilizados, mas em grande parte dos casos eles vêm apresentando travamentos e reiniciando sem causa aparente. Smartphones são peças importantes do Net Warrior, um sistema de rede que permite que líderes de unidades localizem soldados.

Segundo o site de notícias militares DoD Buzz, fontes do exército dizem que a substituição acontecerá por problemas técnicos que prejudicam a confiabilidade do recurso tático. Celulares com sistema Android têm apresentado telas congeladas e reiniciam sozinhos durante o uso do sistema. Geralmente, os problemas surgem ao exibir transmissões ao vivo de um sistema de rastreamento não tripulado.

Em testes, o iPhone 6s tem se mostrado totalmente estável. Segundo relatos, o aparelho da Apple roda o software mais rápido e de forma suave. “É perfeito no iPhone. Os gráficos são inacreditavelmente claros“, afirma uma fonte.

O Net Warrior consiste em um smartphone alocado em uma bolsa no peito dos soldados que ligado a um rádio em rede. Assim, ele permite visualizar a localização de soldados em um mapa virtual do aparelho. Sendo assim, problemas de funcionamento dos aparelhos podem representar perda de minutos preciosos para salvar vidas no campo de batalha.

Vale notar que nenhum dos aparelhos top de linha que usam Android são fabricados por empresas americanas, e talvez por isso a Apple tenha sido a escolhida, por uma questão de segurança nacional.

Dispositivos da Apple têm sido utilizados pelo exército americano há anos. Modelos mais antigos do iPod touch funcionavam como computadores portáteis para snipers, por exemplo. Até o momento, a informação não foi confirmada pelas forças armadas do Tio Sam.

Tags
Mostrar mais

Marvin Costa

Jornalista carioca apaixonado por cultura pop, fotografia, instrumentos musicais e produtos da Apple. Sempre que pode toca guitarra com amigos e utiliza seu iPhone como segundo instrumento.
  • Artigo com forte potencial para atrair haters…
    Por favor, leiam o artigo com calma e leiam 3x as regras antes de comentar, para podermos ter um ambiente de debate saudável e produtivo. 🙂

    • Robson Felix Neves

      Mesmo assim vcs limitam nossos posts…

      • Marlon Fuhlendorf

        Por mim deviam bloquear por IP, leitores que entram em sites de notícias pra ficar xingando as marcas que não gostam e seus usuários.

        • Boca de Sacola

          Nada que uma VPN não resolva 😉

      • Só haters e comentários sem um bom argumento é que são limitados.
        Se algum seu foi limitado, você terá que se esforçar um pouco mais para comentar. 🙂

        Prezamos pela qualidade de conteúdo até mesmo nos comentários. E nos orgulhamos disso. 🙂

        • Conde De La Roche, o benfeitor

          Entro no BDI todo dia para ver as novidades, e vez ou outra deixo algum comentário. Na semana passada, na reportagem sobre as baterias externas, escrevi que tive uma ótima experiência com a bateria externa da Asus, pois carrega meu iPhone por várias vezes, é bem construída, e aparentemente não perde capacidade.
          Mas, inexplicavelmente, meu comentário foi removido. Desculpe a sinceridade, mas não escrevi nada que pudesse prejudicar alguém. Ao contrário, foi uma forma de difundir uma boa experiência que obtive. Mas…..

          • MalcriadoAP

            Aqui é assim mesmo. Há agora pouco um rapaz comentou sobre utilização de VPNs e foi sumariamente censurado. Pra mim já deu esse blog. Tem outro bem melhor hj em dia, e pelo que eu já vi, houve uma migração em massa daqui pra lá.

            • MalcriadoAP

              Se eu falar, aí é que serei banido

            • Estanislaw Duarte

              fala e apaga ou manda mensagem

        • sadaN

          iLex continua sendo babaca na hora de lidar com seus leitores… parece que nunca vai mudar…

    • Jefferson Soares

      O Android não é confiável a partir do momento que podemos instalar praticamente qualquer porcaria nele.

      • Boca de Sacola

        Com certeza confiável é um celular que mal vai durar 4 horas em uso direto

        • Jefferson Soares

          Meu 6s Plus tem durado 12 horas de boa.

      • Estanislaw Duarte

        O bom do sistema controlado, que alguns chamam de limitado. Muita saudade do iOS 6, que compartilhava dados entre apps sem comprometer a performance do sistema e nem a segurança.

    • Gaius Baltar

      Não há muitas razões para “haterismo”. Se o iOS tem fama é de ser um sistema fechado (no bom e no mau sentido) e estável (até os haters admitem isso), logo nada mais lógico que aparelhos com essas características serem escolhidos por uma instituição que precisa de estabilidade e proteção. Por outro lado, quando é que haters seguem a razão?

  • Saulo Rogério

    Desculpa estou fora do assunto…

    iLex, poderia me ajudar?
    Agora há pouco estava no processo de downgrade do iOS no iPhone, após uns 2 minutos depois de iniciar o processo e depois também do iPhone ficar no modo DFMU o computador deu um erro e reiniciou, agora o iPhone não liga de modo algum, fica só na tela pra eu conectar ao itunes e quando conecto não aparece nada. O que devo fazer? Ficará inutilizado? :O

  • Gildo Callegon

    Eu sou escravo da Apple desde meu primeiro iPhone 3GS, desde então perdi o interesse em outras plataformas mobile. Antes disto usava Symbian em um nokia. Uso meu atual 6 plus muito para trabalho com seus recursos de agenda/calendário, email, banco, contudo, também uso para acompanhamento de saúde e lazer… ah, e também uso para segurança doméstica (alarme e câmeras integrado com o sistema)… hmmm… ah.. também uso para controlar iluminação de casa e da empresa onde trabalho… e para ligar/desligar o “mobile” do berço do neném. Já ia esquecendo… como GPS no carro… ah e para controlar o AR Drone que até hoje não consegui pilotar direito (faz pelo menos 2 anos que tenho)…

    Rsrs, acho que exploro bastante as possibilidades do iPhone

    Já minha esposa, entende que io Phone é muito limitado, pois não faz nada que ela quer… rsrs recentemente trocou o S5 velho de guerra por um S7 Edge (que vale dizer, tem um brilho de tela e qualidade de imagem beeeem melhor que o iPhone).

    Qualifico ela como uma usuária “normal”, usa muito os recursos de foto e video do aparelho e alguns aplicativos para baixar aulas de direito na internet (também assiste no telefone), recentemente descobriu que o aparelho lê fashdrives e também mostrei para ela que pode facilmente fazer uma conexão com nossa TV (Samsung)… ai ela vem passando desenhos para nosso rebento (se bem que para isso a TV tambem acessa youtube e Netflix).

    No dia a dia dela, o aparelho/sistema responde bem pois ela reclama pouco, however, quando eu “fuço”, percebo que os mesmos apps do iOS na versão para Android entregam uma experiência pouco diferente, pois o S7 dá muito crash e fecha a aplicação.

    Assim, ainda não mudaria do atual sistema.

  • Rafael Valentim

    Adorei a notícia !

  • Fabricio Barbosa

    E qual seria o aparelho substituído? Estão falando em comparar um note II, de 2012, com um iphone 6s….sacanagem né? No mínimo uma comparação tendenciosa.

  • Panino, o Manino

    Extra! Extra!
    Exército Americano descobre que um dispositivo de meados de 2012 (DOIS MIL E DOZE) é mais lento do que um aparelho de meados de 2015!
    Que descoberta mais óbvia a deles, já estava mais do que na hora de renovar os equipamentos, eles não podem falhar em serviço em hipótese alguma. Única questão que fico pensando é sobre as baterias, imaginava que a preferência seria sempre por uma aparelho com bateria removível para trocas rápidas para evitar riscos.

  • LessTech

    Bem.. “mas em grande parte dos casos eles vêm apresentando travamentos e reiniciando sem causa aparente”. Grande novidade. Não conheço nenhum Android que não trave. A única forma que vejo de contornar isso seria se o Exército dos USA desenvolvessem sua própria versão do Android. Mas não sei se o custo-benefício valeria a pena para eles.