O Smart Connector promete mudar a forma como recarregaremos nossos iDevices

Em novembro passado, o iPad Pro trouxe ao mundo iOS um novo conector lateral, que a Apple chamou de Smart Connector. Em um primeiro momento, muitos pensaram que a sua única função seria conectar o tablet em um teclado físico sem precisar parear com Bluetooth ou outras redes (até porque foi o único acessório que a Apple mostrou na época). Porém, a verdade é que o conector é também capaz de transmitir dados e eletricidade, o que abre um imenso leque de possibilidades em termos de acessórios.

O novo conector foi adotado no último iPad de 9,7 polegadas e há boatos de que ele possa também ser incorporado nos próximos modelos de iPhone. E já começam a aparecer utilidades para ele, que podem mudar a maneira como fazemos algumas coisas no futuro.

Smart Connector

A Logitech, conhecida marca de acessórios, acaba de lançar um suporte para iPad, que carrega o aparelho assim que o apoiamos, sem precisar conectar o cabo Lightning nele. O cabo, na verdade, vai conectado na base, permitindo mais liberdade ao manipular o seu iPad.

Smart ConnectorLogitech

Um dos pontos não muito legais é que, como o conector fica na lateral, o usuário é obrigado a carregar com o iPad sempre na horizontal, o que, dependendo do que você esteja fazendo, pode atrapalhar. O preço nos EUA também é um pouco salgado para uma base de iPad: US$99 (cerca de uns R$350) .

Este novo produto nos faz pensar nas possibilidades que podem surgir caso o próximo iPhone também adote o Smart Connector. Muitos sempre pediram que a Apple adotasse o carregamento sem fios do iPhone, que se limita apenas a energia elétrica. Se ela optar pela solução do conector que basta encostar, sem precisar ficar plugando e desplugando fios, acessórios poderão também sincronizar dados além de carregar a bateria, facilitando ainda mais a nossa vida.

via iMore

Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados