Opinião

Apple faz um comercial ruim para o iPhone 6s

A Apple continua a sua campanha para promover o novo iPhone 6s, destacando suas características principais em comerciais curtos, como aqueles publicados neste final de semana. Mas tem um que não ficou bom, nem parecendo um comercial da Apple.

Os comerciais da Maçã sempre se destacaram por trazer emoção e certa poesia. Ela mostrava as características dos novos produtos não de forma seca, mas de uma maneira que todos se identificavam, destacando o uso no dia a dia e como aquilo poderia mudar o cotidiano das pessoas. Quem não lembra da excelente campanha do iPhone 4, ou do comercial do iPad que usava o texto do filme Sociedade dos Poetas Mortos.

Bem, esta fase parece ter chegado ao fim, pelo menos nos atuais comerciais. Neste último, postado poucas horas após os outros três, ela só enfatiza que as fotos podem se mexer, ponto.

Nós já falamos aqui e na Revista iThing nossa opinião sobre o Live Photos. É uma função “bonitinha”, sem muita utilidade prática, mas que pode impressionar algumas pessoas. Porém, o lance das Live Photos é ser uma foto normal, estática, que se mexe quando é tocada com força. Tipo isso:

Apple Live Photos

A câmera do iPhone 6s tira a foto normal, no tempo certo, mas registra 1 segundo e meio antes e depois, para eternizar o momento em movimento.

No comercial, o foco era apenas mostrar que as fotos tem movimento, esquecendo que elas precisam também ser bonitas quando estáticas (afinal, quem gosta de fotos feias?). Eis a foto que eles tiraram:

Foto Horrível

É uma foto horrível.
A mensagem que o comercial parece passar é: “Fiquemos com um álbum com fotos feias, pois o importante é que elas se mexem quando são tocadas“.

Claro que esta é apenas nossa opinião e você pode não concordar com ela. Mas nós sentimos falta da época que a Apple vendia mais emoção do que funções em seus produtos novos.

Tags
Mostrar mais

Ale Salvatori

Applemaníaco desde 1995, quando precisou aprender a usar um Mac em uma semana para conseguir um emprego em uma agência de publicidade. Acha que a Apple não é mais a mesma depois da saída do Gil Amelio.

Artigos Relacionados

  • Brunosh

    Que exagero, é só um comercial…

  • JanjaBoy

    O cão chupando manga!

    • André

      HAHAHAHAHA! Excelente comentário, JanjaBoy. Ri muito! HAHAHAHA!

  • Leonardo Souza

    Me dá a impressão de que cada vez mais a Apple quer que as pessoas tenham vontade de comprar um iPhone só por que “é um iPhone”… assim fica difícil..

    • Fabio Correa

      Verdade! O Tim Cook se liga muito no status.
      Se não tiver inovação, se perderá com o tempo, pois status não dura para sempre.
      O Apple Watch é um fiasco como produto, coisa de fanboy. O mesmo se aplica ao iPhone 6S.

    • Everton Germano

      O diferenciado iPhone hoje em vista a concorrência é o iOS e só,quem compra hoje é pela marca mesmo.

    • Rodrigo Flausino

      já dizia o ultimo slogan da sua campanha: Se não é um iPhone, não é um iPhone…

      • Gaius Baltar

        Nunca entendi como escolheram esse slogan. É uma tautologia sem sentido.

        • Fabio Ricardo Bulgaron

          O slogan é fraco. Mas, na minha opinião, o sentido do primeiro “iPhone” é a identificação do objeto, enquanto que do segundo já engloba todo o conceito inserido no nome “iPhone”!

          • Gaius Baltar

            Pois é, mas slogan preguiçoso e que precisamos interpretar não é compatível com a grandeza da Apple. Slogans como “Think different”, “Just do it” ou mesmo “Tem mil e uma utilidades” são simples, diretos e geniais. Esse slogan apenas reafirma que o iPhone é um produto para quem quer status.

            • Fabio Ricardo Bulgaron

              Concordo contigo Gaius. Penso que aquela nova bila, Angela, que é proveniente do mercado varejista de roupas de luxo, deva entender que é melhor vender uma grife, do que entregar A melhor opção em custo-benefício! E, convenhamos, o iPhone não possui o melhor custo-benefício do mercado.

  • Rodrigo Brandão Ferreira

    Foi propaganda de fanboy, pois a Apple é da california, local do time campeão da última temporada da NBA, o Golden State Warriors. Ai fizeram um merchan com o cestinha do time (e jogador mais valioso da última temporada da NBA), Stephen Curry.

    • Guilherme

      Então vai ter merchan praticamente todos os anos. California domina essa bagaça com os Warriors, Lakers, Clippers e Kings 😛

      • Califórnia domina? Calma lá! Não se esqueça do Miami Heat, presente em 4 (quatro) finais consecutivas de 2011 a 2014 e bicampeão em 2012 e 2013. Em 2014 o campeão foi um time do Texas e apenas este ano a Califórnia deu o ar da graça (a última vez que o Golden State Warriors tinha sido campeão foi em 1975). Fonte: Wikipedia

        • Guilherme

          L.A. Lakers: 72, 80, 82, 85, 87, 88, 00, 01, 02, 09, 10
          Cansa só de contar zZzZz

  • Alisson Balbinotti

    Apenas um Estagiário estagiando rs. Adquirindo experiência em publicidade rs.

  • Ficou até parecendo uma sátira ?

  • Yuri

    Comercial horrível. Nem parece a empresa que criou aquele do iPad Air (que me esqueci o nome, mas que mostra varias utilidades pra ele).

  • Bruno d’El-Rey

    Isso tá parecendo falta do que vender no iPhone 6s

  • Murilo Herrmann

    A pergunta que me faço (desde antes desse comercial já) é:
    O que tem sido extraordinário na Apple ultimamente?

    não é nem falta da “distorção de realidade”, é que os produtos não entregam nada além do que o esperado e mais algumas firulas, tipo esse Live Photos.

    • Cassio Delmanto

      Murilo, eu andei pensando sobre isso também, e cheguei à conclusão de que isso era meio inevitável… quando chegou o primeiro iPhone, ele era tão diferente de tudo no mercado, que eles tinham um papel em branco para inovar e criar quaisquer tipos de funções que iriam chocar os usuários… era fácil encher ele de funções que ninguém tinha pensado ou feito antes… mas hoje em dia, com tanta concorrência, não tem muito o que fazer mais, ao ser ir aprimorando o que já existe… pra inovar, acho que só com novos produtos… inovar com iPhone e iPad acho muito difícil de acontecer… já passou esse momento no mercado…

      • Daniel Escaroupa Panobianco

        Eu concordo com o que vocês disseram, porém penso o seguinte. Se mesmo a Apple não inovando quase porcaria nenhuma no iphone 6s perante o 6 ainda assim ela bate recorde de vendas. Pra que criar novas tecnologias? Enquanto as vendas não despencarem eles vão continuar nessa. Eu não tenho a mínima vontade de trocar meu 6 por um 6s e só troquei meu 5 pelo 6 pq estive nos EUA e meu pai iria ficar com meu 5 anterior

        • Duane

          O fato é que a Apple está trocando usuários conscientes por usuários “de crista”. Ou seja, ela está trocando usuários que tinham seus produtos porque eles eram bons por usuários que têm seus produtos por causa de status.

          E isto é ruim pelo seguinte motivo: a partir do momento que a Apple deixar de ser “moda” ela vai perder estes usuários e, como está perdendo os usuários conscientes, terá uma grande queda.

          Temos visto OS cada vez mais ridículos! Não digo em termos de inovação! Digo em termos de prática mesmo! Cito um exemplo: ontem fui dormir às 2h e tinha que acordar às 9h. Meu celular estava com 100% de bateria e pensei: “não preciso deixar carregando”. Pra minha surpresa, meu celular acabou a bateria e perdi hora! Isso jamais aconteceu com o iOS 8. Só atualizei para o iOS 9 pois o horário de verão bugou todo o calendário e tive que atualizar para resolver.

          Eu, assim como muitos outros, não comprarão mais produtos Apple. Não posso fazer Downgrade, os sistemas parecem betas e os produtos não inovam. O problema é que o Android também não me agrada. Qual solução? Continuar com meu iPhone 4S para sempre!

          • Yuri

            Eu gosto muito do iPhone 6 Plus por causa da tela, eu sempre quis um iPhone com tela grande porque até o 5s, o tamanho da tela era muito pequeno para minhas mãos. Na questão do iOS, tem me decepcionado muito e penso que talvez nunca mais veremos um tão bom quanto o iOS 6.

            • Estanislaw Duarte

              Concordo com tudo que disse.

          • Estanislaw Duarte

            Concordo com tudo o que disse e acrescento: Com Cook no comando nunca se viu uma Apple tão lucrativa quanto estes últimos anos, mas não ligo em pagar mais quando me oferecem experiência única e melhorada, não espero esmola.
            Porém um exemplo clássico que me fez começar a me voltar contra os iPhones, foi a questão do iOS 6 decair tanto nessas novas versões, poderiam ter mudado apenas as cores, não precisava matar o coração.

            Mas o mais frustrante mesmo foi uma função que deveria ALAVANCAR todos os iPhones e a nossa experiência com os mesmos, o nome do problema ou solução: Air Drop.
            Apple perdeu a chance de incluir isso em todos os dispositivos compatíveis com iOS 7, a partir do iPhone 4 teríamos uma grande massa usando a função e a tornaria popular e útil. Ela ficou tão exclusiva que caiu em desuso, hoje ninguém nem lembra que isso existe ou sabe que existe.

            Tudo pela exclusividade fingida para o consumismo.
            O iPhone 6S tem hardware superior, câmera com fotos maiores( não sei se melhores já que os pixels são menores), tem touchiD mais rápido e internet mais rápida, enfim, hardware, acredito que isso já basta para ser um produto novo.
            Por estas experiências ruins (desde o iPhone 4S) que me vejo afastar dos iPhones, com o iPhone 4 tudo parecia mágico, com o 4S então, tudo mais rápido, bateria melhor e tal, porém você se ver obrigado a comprar todo ano um produto para acompanhar as novidades, e as vezes quando consegue (iPhone 6) você já ver sua experiência comprometida (iOS 8 e 9).

  • Carlos Muniz

    Discordo. Numa Live Photo, o importante é o movimento, não importa o que ela apresenta como thumbnail.

    • Jayme Prado

      A questão é que a foto em si é o thumbnail, o Live Photo seria só um plus, e não o ponto principal, quando vc estiver passando as fotos do seu álbum, são as estáticas que vc vai ver. Ficou zuado mesmo o comercial.

      • Cassio Delmanto

        Exatamente, Jayme! Se o objetivo é o movimento, faz um vídeo logo… hahahaha

    • Exatamente como o @jaymeprado:disqus disse. O Live Fotos é um complemento de uma foto, diferente de um vídeo. Você tira uma foto, normal, e o recurso faz a versão live. Se você está apenas querendo o movimento, um vídeo seria zilhões de vezes mais recomendado que isso que fizeram.

      Aliás, filmar esse lance em câmera lenta 240fps seria um uso muito mais inteligente dos recursos do celular do que tirar uma foto péssima que se mexe por 3 segundos quando você aperta a tela. Péssimo comercial.

  • André

    O carro chefe (e é o que salva o iPhone) se chama iOS, pois é mais consistente que o andróide. Até o design do i6 e i6s parece ultrapassado.

    • bem eu acho o design do 6/6s é o mais feio de todos por conta daquelas listras terríveis UASHUASHUAS Do 4 até o 5s foram os mais bonitos pra mim.

      • André

        Concordo com você, Rafael, apesar de ter o 6 PLUS prata. Não me animei com o 6s por duas razões: não consegui vender o meu e a casca ser a mesma. Melhor guardar dinheiro para o próximo.

  • Arley Martins

    Iphone 6S 4.7 pol. bateria sofrível sendo que o aparelho pulou de 6.9 pra 7.1mm por causa do 3D touch, então porque não deixou ele com 7.6mm (mesma espessura iphone 5S) porem com uma bateria de uns 2500mah, o modelo de entrada com 16GB(porque não colocou 32GB?!), tela retina com 326ppi (maioria dos concorrente tem de 400 pra mais), leva em media 1 hora e 50 minutos pra carregar, sendo que poderia colocar um carregamento turbo de 1 hora, carregador por fio, sendo que os top de linha hoje estão saindo com carregamento por indução. Resumindo, iphone 6S não tem nada que atraia de maneira convincente a compra, por isso essas propagandas tão chata e fria. $649 + impostos é muita grana…… Espero que o Iphone 7 venha realmente turbinado, porque ja estou considerando ir para concorrência.

    • Bom, tenho algumas respostas:
      – A bateria, embora tenha capacidade menor que o modelo anterior, possui a mesma autonomia. E eu diria que é bem razoável. Eu uso o meu celular o dia inteiro e termino o dia com mais de 40%. Tudo depende das configurações que você tem;
      – Tela retina com mais de 326ppi: sinceramente, “ppi” está virando o novo “megapixels”. À distância que você olha para o celular, uma resolução maior que 326 ppi é totalmente imperceptível para o olho humano. Além disso há um impacto no consumo de energia, adaptação de aplicativos, downloads mais pesados, fragmentação do sistema, custo de produção do aparelho, e tudo isso para nada, já que a diferença é imperceptível. Da mesma forma que “megapixels”, não confunda a resolução com qualidade de imagem. Uma coisa não tem nada a ver com a outra (a qualidade resulta de diversos fatores mais relevantes que uma resolução acima de 326ppi);
      – Carregamento: cara, o iPhone carrega incrivelmente rápido. Em 1 hora você carrega 80% da capacidade do aparelho. Não vejo sentido nesse “problema” apontado por você. Minha experiência com aparelhos Samsung são baterias que em pouquíssimo tempo estão apresentando sérios problemas de duração e carregamento. Mas são MINHAS experiências, e nunca enfrentei isso com nenhum iPhone.

      • César Krentzenstein Borman

        Concordo totalmente com a parte da bateria e da tela. Tive um Galaxy S6 Edge antes do iPhone 6S e a baterias duram a mesma coisa, apesar do 6S ter algumas funções que eu não deixava ligada no S6 (Não usava o Google Now pra durar o dia inteiro, por exemplo. No 6S estou começando a me acostumar com o “Hey Siri” ligado sempre). A tela do S6 é ligeiramente mais bonita sim, com QuadHD e tudo, mas a bateria que consumia pra deixar aquilo ligado por muito tempo era surpreendente. O iPhone não tem as melhores Specs do mercado nesses sentido, mas tem o melhor custo/benefício, na minha opinião.

  • Lui Alexandre

    Não achei tão ruim. A foto poderia ter ficado melhor sim. Mas o comercial não passou muito longe do lado emocional. Mostrou o jogador cestando e comemorando com amigos. Tá ótimo pra um comercial de 16 segundos. Acho que o BDI não curte basquete. 😛

    • Danilo

      Concordo!

  • Carlos Dasmer

    15 segundos gente! – Queriam uma superprodução, tiipo as fotos dos lanches no Mc Donald’s que não mostram a realidade, ou que fosse feito com uma mega câmera profissional pra depois surgir comentários do tipo: “duvido que essa imagem tenha sido capturada com um Iphone” como naquela seção de fotos tiradas com o Iphone no site da Apple?

  • Cassio Delmanto

    Eu acho que em primeiro lugar, a Apple vem fazendo MUITO comercial… eu sigo eles no YouTube, e vinha tanta notificação que precisei cancelar… não dava… um produto bom se vende por si só, não precisa ficar enchendo todo mundo com tantos comerciais… em segundo, eu achei esse Live Photo interessante, mas vendo várias reviews, a impressão que fica é que ou a pessoa já tira a foto pensando no movimento, ou não funciona… e se o movimento que é importante, nada impede que a pessoa faça vídeo logo… hahahahaha… afinal, vc pode filmar e bater fotos ao mesmo tempo…

  • Elcin

    O comercial esta à altura da função!

  • Leonardo Ribeiro

    iLex, Apple atualizou a pagina do iphone6s “Disponível 13 de novembro”.

  • Jefferson Soares

    Acho que a culpa aí nem é dos comerciais, a função que é besta mesmo.

    • Arley Martins

      kkkkkkkkkkkkkk, verdade.

  • Emanoel M.

    Se não tivesse que acertar uma cesta em cheio de longe, acho que eles gravariam novamente este comercial.

  • Estanislaw Duarte

    Parabéns Ale, enfatizou no texto o que pensei desde o primeiro momento que vi a tal função…

  • lucascaton

    Não é o comercial mais genial do mundo, mas definitivamente não achei o comercial ruim.

    Trecho do post: “Os comerciais da Maçã sempre se destacaram por trazer emoção e certa poesia. (…) Bem, esta fase parece ter chegado ao fim.”
    ➙ Um comercial não muito bom e essa agora a fase de comerciais bons chegou ao fim? Sério? Ninguém nunca deu uma tropeçada? :p

    Trecho do post: “[A Apple] mostrava as características dos novos produtos (…) de uma maneira que todos se identificavam, destacando o uso no dia a dia.”
    ➙ Eu me identifiquei muito, eu jogava basquete 🙂

  • Estanislaw Duarte

    Isso é uma foto ou um vídeo? Cadê o foco de fase? Cadê o focus pixel? Parece um vídeo congelado, será que é foto mesmo, ou estão usando a alta taxa de FPS e congelando imagens?

  • Molinaro

    Ficou ooooooo, uma bosta kkkkk

    • João Galdino

      kkkkkkkkk

  • Larissa Motta

    Ale Salvatori, o BDI ainda tem loja online de acessórios pra iPhone?

    • Estanislaw Duarte

      Up

  • Danilo

    Detalhe da munheca quebrada no final….. (͡° ͜ʖ ͡°)

  • Anderson Diniz

    Não achei ruim, achei normal para a situação. A função sim que é meia inútil.

  • Everton Germano

    As pessoas pensam que a Apple é uma instituição impecável….Já faz quase 2 anos que ela está errando habitualmente com iOS problemático,atualizações desastrosas….Esse vídeo é dos males o menor para se preocupar.

  • Acho que o Blog não entendeu o comercial. A foto tirada ficou péssima pois perdeu-se o tempo, mas PELO MENOS com o recurso Live Photos o usuário não perdeu a cesta, o mais importante (sem esse recurso, o usuário só teria uma péssima foto). Além disso, como ví em algum outro comentário neste post e pude confirmar, o protagonista é MVP da NBA, então é um comercial regionalizado para os EUA. Não espanta não fazer tanto sentido para os brasileiros, afinal, no Brasil ninguém liga para o basquete e tampouco conhece o protagonista do comercial.

    Se algum dia a Apple realizar um comercial com Samba ou Futebol, marca do Brasil, também não despertaria nada para os americanos. Aqui, basquete é um dos esportes mais praticados.

    Também não quero dizer que o comercial é uma obra prima de Holywood, mas dizer que o comercial é ruim no título do post é um pouco demais na minha opinião. Se incluíram “ruim” no título, ao meu ver, deveriam também incluir “na nossa opinião”.

    • Jhow NM

      Eles incluíram: “Claro que esta é apenas nossa opinião e você pode não concordar com ela. Mas nós sentimos falta da época que a Apple vendia mais emoção do que funções em seus produtos novos.”

      Precisa ler o texto todo pra ver.

      • Leonardo Azevedo

        Acho que ele se referiu a colocar na nossa opinião no título, junto com a palavra ruim, não ao longo do texto, pois não teria a mesma projeção.

      • steang

        Não sinto falta da emoção, prefiro as funções, de preferência, funcionando a contento. Só como observação, os comerciais mais emocionantes das telinhas são de bancos ou de cartões de credito e você sabe o que acontece na vida real.

  • Jhow NM

    A Apple está se saindo uma Samsung nos anos 2012 e 2013 quando não achavam inovção para lançar modelos e os novos aparelhos vinham com “firulas” para entreter o público. Como os airviews da vida, usar os olhos pra rolar a tela e por ai vai. O que salvou a Samsung foi o fato de ele poderem investir melhor na construção tirando aquele monte de plástico. Agora a Apple não tem pra onde correr. Ou inova ou vira acessório de moda. Por que esse IOS ta sofrível…

  • Leonardo VimpriO

    iOS feio, tema feio, iphone 6/S feio, funções feias. Que decadência.

  • Daniel Feitosa

    Sou um usuário Apple de mãos cheias, uso iMac, New MacBook, Apple TV, Apple Watch, iPhone 6 Plus, Time Capsule, AirPort e vários acessórios Apple e sinceramente a Apple está começando a ficar parada no tempo se tratando de iPhone, acabaram as inovações. Desde o lançamento do primeiro iPhone o Classic(Tenho guardado até hoje) eu tenho iPhone e todos os anos eu troco pelo modelo novo, infelizmente nesse ano não irei trocar pois não vi motivos reais que valem a pena trocar meu iPhone 6 Plus em um 6s Plus. Alguns aparelhos da concorrência estão começando a ficar mais atrativos e sinceramente ultimamente tenho visto muitos conhecidos que sempre foram usuários de Apple simplesmente saírem da marca. Se a Apple não começar a rever os seus conceitos e inovações que amarem mais os seus usuários cada vez mais e mais usuários vão abandonar a marca.

  • Mariana Gonçalves

    ALGUÉM VAI ME DAR DE PRESENTE UM IPHONE 6S PLUS?????

  • David Petit

    Pode estar sendo falta de atenção nesta área, dá para perceber que existia uma boa vontade no roteiro, mas foi péssimo executado.

  • Caio Ferreira

    Tambem sinto falta dessa preocupação com a emoção, sempre me lembro disso quando utilizo Time Machine no Mac(sem o efeito de universo de fundo, apenas mostrando uma tela esfumaçadinha), é o tipo do detalhe que não é mais Mágico como antes, o espanto que tive quando vi o controle remoto da Apple tv antiga no lançamento, ultra fininha e minimalista não existe mais na nova.

  • Como uma coisa tão linda como está, pode ter um comercial ruim?

  • Danilo Silva Souza

    quando vejo alguém tirando foto ou fazendo video com o iphone em pe chega me da raiva o certo e usar deitado e de preferencia com o botao home virado pro lado direito pra nao sai de ponta cabeça ao reproduzir na tv ou pc

  • Ficou uma merda, lamentável

  • Eu acho a tela do S6 Edge bem bonita também! Só acho ela demasiadamente saturada, mas a tela sem dúvida salta aos olhos. Mas não pela resolução, e sim pelo conjunto de specs, como saturação, brilho e principalmente contraste. Como você mesmo disse, a resolução acaba afetando diretamente (e por motivos óbvios) o consumo da bateria, e o ganho por se ter mais resolução não compensa (já que, como eu disse, essa diferença de pixels vista à distância normal de uso de um smartphone é completamente imperceptível). 🙂

    • César Krentzenstein Borman

      Exatamente… A tela é linda, super trabalhada, tem uma resolução melhor que a TV de casa e tal… mas quando se coloca tudo isso em 5.1”, fica meio… desnecessário. Acho que a tela do iPhone 6/6S já é mais do que suficiente em um aparelho portátil com menos de 8″…