Blog do iPhoneRevista iThing

Um presente de Páscoa da Revista iThing

O primeiro de abril é conhecido por ser um dia de brincadeiras em diversos sites da internet, principalmente os mais geeks. Nós, como todos os anos, gostamos de inventar bobagens para entrar no espírito e divertir vocês, mas também aproveitamos para liberar algumas surpresinhas. Leia abaixo como um erro nosso acabou fazendo com que você tenha direito a um “presente de Páscoa” oferecido pela Revista iThing.

Ontem, tentamos fazer uma coisa que acabou não dando certo: deixar de graça, por apenas poucas horas, 3 edições pagas da Revista iThing para nossos leitores. Seria algo rápido e atingiria apenas os leitores mais atentos, que nos acompanham sempre seja aqui no blog como nas redes sociais. Era uma brincadeira que beneficiaria apenas a poucos sortudos.

Depois de alterar o preço na App Store, divulgamos a novidade no Twitter e no Facebook, avisando que seria algo rápido. Mas só depois percebemos que, por culpa de um bizarro bug, as edições cujo preço tinha mudado não apareciam no aplicativo da revista, tornando impossível que os leitores as baixassem. Ou seja, as edições ficaram gratuitas, mas ninguém podia baixar, o que, convenhamos, é uma sacanagem até mesmo para um Primeiro de Abril.

Depois de muito quebrar a cabeça, só conseguimos resolver o problema tarde da noite, mas aí, o dia primeiro já estava acabando, perdendo o sentido original que queríamos dar à surpresa.

Por isso mesmo, como somos fiéis a quem é fiel a nós, resolvemos compensar esta grande falha com outra proposta: estender o presente e assim beneficiar mais leitores.

Então, agora ele virou um Presente de Páscoa e durará até domingo. Todos que instalarem o aplicativo da Revista iThing (ou já estiverem com ele) poderão baixar as edições nº6, 7 e 8 de graça, sem custos. Isso vale até este domingo, dia 5, depois as edições voltam ao seu preço normal.

Estas 3 edições são muito especiais para nós e nos orgulhamos muito delas. A de nº6 marcou a passagem de fase da revista, que foi quando ela cresceu e começamos a cobrar por ela. A matéria de capa é sobre a análise do preço do iPhone no Brasil, um assunto ainda muitíssimo atual. Além disso, foi quando começamos a traçar o perfil de diversos executivos da Apple, uma coluna que fez grande sucesso entre os assinantes.

Revista iThing

A edição nº7 é uma das mais baixadas que tivemos. Nela, damos ótimas dicas de como se prevenir contra roubos de iPhones e iPads e o que fazer caso ele já tenha acontecido, servindo inclusive de inspiração para a revista Veja. Dica: na capa, puxe o layer suplementar de baixo para cima para visualizar os assuntos da edição; isto foi uma das diversas experiências interativas que tentamos constantemente incluir na revista.

iThing 7ª edição

A edição nº8 também adoramos ter feito, com a cobertura da inauguração da Apple Store do Rio, na época a primeira loja do tipo na América Latina. Explicamos quais as vantagens de se abrir uma loja assim, além de fotos e imagens do dia da inauguração. Também tem uma entrevista exclusiva com o pessoal do Waze, lá em Israel, graças ao nosso correspondente Natan Rolnik.

Revista iThing Edição 8

São três ótimas edições, que contam um pouco da história da própria iThing, pois com elas é possível acompanhar diversas mudanças que a revista passou. É muito raro deixarmos edições gratuitas, até porque temos um respeito muito grande por quem nos apoia desde o começo e pagou o preço inteiro no passado. Mas devido aos problemas que aconteceram ontem, resolvemos abrir uma rara exceção.

Por isso, uma oportunidade como esta talvez demore para acontecer de novo. Aproveite o presente, baixe suas edições e, se gostar, pense com carinho na possibilidade de assinar a revista. Estamos em um contínuo esforço de melhorá-la cada vez mais, e é com o apoio de vocês que isto será possível. Este presente é nossa forma de dizer muito obrigado a todos vocês que contribuem e prestigiam o nosso trabalho. 🙂

Tags
Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados