Aplicativos

[app grátis] Djay 2 é o Aplicativo da Semana escolhido pela Apple

Toda a semana a Apple oferece de graça um aplicativo que geralmente é pago na App Store. O escolhido desta vez foi o app djay 2, que acaba de ganhar compatibilidade com o Apple Watch.

Com o Apple Watch, será possível escolher as músicas na biblioteca do iTunes e mixá-las, diretamente no pulso. Confira o vídeo promocional:

Tanto a versão para iPhone (link) quanto a de iPad (link) estão de graça até a próxima quarta. Aproveite e garanta a sua cópia.

Tags
Mostrar mais

iLex

Robô virtual que tem como missão organizar o site e ajudar leitores. De tempos em tempos ele desvirtua e tenta fazer outras coisas, mas nada que um hard reset não resolva.

Artigos Relacionados

  • Acho qe essa parada devia ter limites.. mixar a musica pelo Watch !! o mundo é loco rsrs

    • Tami Otani

      Esses homens da cidade e seus relógios falantes!!!

  • Renato Faria

    Quando vejo apps como estes indo parar no Watch estou cada vez mais certo que os desenvolvedores estão um pouco perdidos em relação a como um usuário vai se relacionar com seu Watch e como criar conteúdo realmente relevante para o smartwatch. O único pensamento é que todos querem estar presente no relógio da Apple, de qualquer maneira. Mas acredito, e espero, que isso seja só agora no começo.

    • Fabio Franco

      Na verdade, a Apple fez uma divulgação as empresas que fabricam apps, existe uma apresentação que visualiza o futuro e cria um cenário, baseado nesse cenário as empresas de app criam os seus apps, provavelmente o visionário da apple ditou que, futuramente, o relógio será usado para fins de trabalho também.

      • Guilherme

        Sabe onde encontro essa apresentação?

        • Fabio Franco

          Não possuo essa apresentação, mas é lógico que toda empresa, na hora de criar uma nova mídia se apresentada aos futuros clientes, isso é o mínimo que uma empresa com assessoria de imprensa faz. Ex: Ninguém vai criar uma TV e não vai divulgar aos possíveis clientes vantagens de anunciar dentro dela. Como as pessoas vão apostar na criaçao de apps pro relógio e sem saber se ele tem futuro ou não? Questão de lógica.

  • Concordo com o que já disseram aqui. Tenho clientes que querem um app, só porque parece ser cool. Na maioria das vezes um site seria mais apropriado, e acabo sendo sincero e faço-os desistir da ideia.

    O mesmo parece estar acontecendo com o Watch. O dispositivo deveria ser entendido como complemento, não como primário. Ainda mais um aplicativo com DJ. Por que não mostrar os bpms no relógio? Ou focar em efeitos, como os “echo” e o “flanger” demonstrados? Sinto falta de um sentido para o uso do Watch nesses aplicativos. Existem aplicações muito boas, outras só um “somos cool e estamos no Watch”.

    Na minha opinião é um erro de conceito, iniciado pela própria Apple, quando colocou um aplicativo de fotos, por exemplo, no Watch. Quando os desenvolvedores começarem a extrair a vantagem de ter um wearable 100% integrado com o iPhone como um excelente complemento, teremos aplicações mais inteligentes à disposição.

    • Gerinho Faustino

      Se o dispositivo for muito restrito e cheio de limites a certos aplicativos (como os bpms no relógio) o povo reclama. Se o dispositivo é aberto a quem quiser adaptar seus apps de iPhone para o Apple Watch o povo reclama também. Se Jesus Cristo não conseguiu agradar a todos quem dera uma empresa.

  • Fabio Correa

    Há de aparecer aquele desenvolvedor que dará um real sentido para o Watch.
    Por enquanto estão com a cabeça em aplicativos para iPhone adaptados para o Watch.

  • Gustavo Rezende

    Também acho que tem muita gente afoita só para marcar presença e que perde um pouco o foco, mas ao mesmo tempo impor limites pode restringir um pouco a criatividade e impedir o surgimento das oportunidades de sermos surpreendidos, acho que com o tempo tudo vai se encaminhar naturalmente, o horizonte ficará mais limpo e surgirão aplicações verdadeiramente úteis e que nos farão pensar “como eu vivia sem isto antes”?